Portal:Arkansas

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Bandeiro do Arkansas

Portal do Arkansas

Editar
 Flag of Arkansas.svg  O Portal do Arkansas
Localização do Arkansas
Arkansas (/ˈɑrkənsɔː/) (pronúncia em inglês ar-kan-só, com s final mudo) – na sua forma aportuguesada Arcansas[1] – é um dos 50 Estados dos Estados Unidos, localizado na região sudeste do país. Limita-se ao norte com o Missuri, ao sul com a Luisiana, a leste com o Tennessee, a oeste com Oklahoma, a sudeste com o Mississípi e a sudoeste com o Texas. Com quase 138 mil quilômetros quadrados, é o 29º maior estado americano em área do país.

Sumários temáticos

Editar
 Flag of Arkansas.svg  Artigos destacados
Youngstown skyline Wean Park.jpg
Youngstown é uma cidade localizada no estado norte-americano de Ohio, no Condado de Mahoning e Condado de Trumbull. A cidade foi fundada em 1796.


Editar
 Messagebox info.png  História do Arkansas

A Guerra Brooks-Baxter, foi um conflito armado ocorrido em Little Rock, Arkansas, Estados Unidos, em 1874, entre facções do Partido Republicano. O principal motivo do surgimento desses dois grupos rivais dentro do partido foi a ratificação da constituição do Arkansas em 1868, que uniu o estado novamente aos Estados Unidos após o fim da Guerra Civil Americana.

Porém para que essa reunião fosse possível o congresso americano exigia que os estados rebeldes aceitassem a 14ª emenda da constituição, que estabelecia direitos civis aos negros, em contrapartida tirando o direito ao voto de ex-soldados confederados, alguns políticos se recusaram a aceitar tais termos e abandonaram a política, enquanto os remanescentes unionistas, começaram a redigir a nova constituição do estado, porém durante esse processo, divergências internas ocorreram levando a divisão do partido em dois grupos, os “Minstrel”, liderados por Elisha Baxter e os “Brindle Tail”, liderados por Joseph Brooks.

Em 1872 as eleições governamentais terminaram com a vitória de Elisha Baxter, porém a justiça alegando que as eleições foram fraudulentas, colocaram Brooks no posto de governador, isso desencadearia desentendimentos, e Baxter tomaria o poder a força, deflagrando disputas armadas entre os dois grupos, que terminariam com a intervenção do presidente Ulysses S. Grant, que pôs fim aos conflitos e manteve o governador Baxter no poder. O incidente foi seguido pela nova constituição do estado de 1874, marcando o fim da reconstrução do Arkansas, o partido republicano se enfraqueceu após o ocorrido, sendo que os democratas governariam o estado por mais de 90 anos.

Geografia

Editar
 Messagebox info.png  Geografia do Arkansas
Mapa do Território do Arkansas.
O Território do Arkansas oficialmente Território de Arkansaw, era um território organizado incorporado dos Estados Unidos que existiu de 4 de julho de 1819 a junho 15 de 1836, quando a extensão final do Território de Arkansas foi admitida à União como o Estado de Arkansas. Robert Crittenden foi o secretário até 1829 e o governador de fato, preparando o Arkansas para a criação de um estado.

Cultura

Editar
 Flag of Arkansas.svg  Biografia selecionada
Custer Bvt MG Geo A 1865 LC-BH831-365-crop.jpg

George Armstrong Custer (5 de dezembro de 1839 — 25 de junho de 1876) foi um oficial do exército dos Estados Unidos e comandante de uma unidade de cavalaria durante a Guerra Civil Americana e as Guerras Indígenas. Criado em Michigan e Ohio, Custer foi aceito em West Point em 1857 e se formou em último da sua classe em 1861, com a patente de segundo-tenente. Com o começo da guerra civil no país, Custer foi convocado a servir no Exército da União.

Custer desenvolveu uma boa reputação militar durante a guerra civil nos Estados Unidos. O primeiro grande combate que participou foi a Batalha de Bull Run, em 21 de julho de 1861, próximo de Washington, D.C.. Sua associação com vários oficiais de alta patente durante o conflito ajudou a catapultar sua carreira, além de suas habilidades como comandante de cavalaria. Custer recebeu um mandado (brevet) de general de brigada aos 23 anos, uma semana antes da Batalha de Gettysburg, onde ele liderou um ataque de cavalaria contra uma tropa confederada que pretendia reforçar os companheiros no ataque de Pickett. Custer foi mais tarde ferido na batalha de Culpeper, na Virgínia, em 13 de setembro de 1863. Em 1864, ele recebeu uma comendação por bravura, além de mais um mandado, o promovendo, em caráter temporário, para major-general. Na conclusão da Campanha de Appomattox (março-abril de 1865), onde ele e suas tropas desempenharam um papel fundamental, Custer estava presente quando o general Robert E. Lee se rendeu para Ulysses S. Grant, em 9 de abril de 1865.

Após a guerra civil, Custer continuou no exército, mantendo a patente de capitão e depois foi apontado como tenente-coronel no 7º Regimento de Cavalaria americana, em julho de 1866. Ele foi despachado para o oeste, em 1867, para lutar contra os índios. Em 25 de junho de 1876, enquanto liderava seus homens na Batalha de Little Bighorn, no Território de Montana, contra uma coalizão de tribos indígenas, Custer e todo o seu destacamento — que incluía seus dois irmãos — foram mortos. Sua derrota fatídica acabou obscurecendo seus feitos anteriores em guerra. Muitos o saudaram como um herói trágico, que lutou até a morte junto com seus soldados. Outros o culpam pelo massacre, afirmando que ele recusou ofertas de reforços, querendo receber toda a glória de uma eventual vitória. Sua reputação militar nos Estados Unidos segue controversa.
Editar
 Flag of Arkansas.svg  Educação no Arkansas

O governo do Território do Arkansas, cedeu terras em cada um dos condados do território para a construção de escolas, embora não fornecesse verbas, deixando a responsabilidade da construção das escolas para terceiros.

A primeira escola pública do Arkansas foi fundada em 1820, em Russellville. O território passou a fornecer verbas para a construção de escolas a partir de 1829. Em 1843, já como estado, o governo aprovou a criação de um sistema estadual de escolas públicas, e tornou mandatória a atendência escolar a partir de 1909. Em 1948, o Arkansas decidiu fundir diversos distritos escolares entre si, diminuindo o número de distritos escolares de cerca de 1,6 mil para aproximadamente 300.

Atualmente, todas as instituições educacionais no Arkansas precisam seguir regras e padrões ditadas pelo Departamento de Educação do Arkansas. Este departamento controla diretamente o sistema de escolas públicas do estado, que está dividido em diferentes distritos escolares. O conselho é composto por nove membros escolhidos pelo governador, e sujeito à aprovação do Senado. Os nove membros então escolhem o diretor de educação do estado, que precisa ser ser aprovado pelo governador. Cada cidade primária (city), diversas cidades secundárias (towns) e cada condado, é servida por um distrito escolar. Nas cidades, a responsabilidade de administração do sistema escolar público é dos distritos municipais, enquanto que em regiões menos densamente habitadas, esta responsabilidade é dos distritos escolares operando em todo o condado em geral. O Arkansas não permite a operação de escolas charter - escolas públicas independentes, que não são administradas por distritos escolares, mas que dependem de verbas públicas para operarem. O atendimento escolar é compulsório para todas as crianças e adolescentes com mais de cinco anos de idade, até a conclusão do segundo grau ou até os dezesseis anos de idade.

Em 1999, as escolas públicas do Arkansas atenderam cerca de 451 mil estudantes, empregando aproximadamente 31,4 mil professores. Escolas privadas atenderam cerca de 26,4 mil estudantes, empregando aproximadamente 2,1 mil professores. O sistema de escolas públicas do estado consumiu cerca de 2,241 bilhões de dólares, e o gasto das escolas públicas foi de aproximadamente 5,2 mil dólares por estudante. Cerca de 80,9% dos habitantes com mais de 25 anos de idade possuem um diploma de segundo grau, uma das taxas mais baixas no país.

A primeira biblioteca do Arkansas, uma biblioteca privada, foi fundada em 1844, em Little Rock. A primeira biblioteca pública do Arkansas foi fundada em 1853, em Helena. Atualmente, o Arkansas possui 43 sistemas de bibliotecas públicas, que movimentam anualmente cerca de 4,1 livros por habitante.

A primeira instituição de educação superior do Arkansas foi a Universidade do Arkansas, fundada em 1871, em Fayetteville. A Universidade do Arkansas atualmente faz parte do Sistema de Universidades do Arkansas, o sistema estadual de educação superior do Arkansas, e a maior do estado. Atualmente, o Arkansas possui 46 instituições de educação superior, dos quais 33 são públicas e 13 são privadas.
Editar
 Flag of Arkansas.svg  Cultura
Editar
 Flag of Arkansas.svg  Demografia no Arkansas
Crescimento populacional
Censo Pop.
18101 062
182014 2731 244,0%
183030 388112,9%
184097 574221,1%
1850209 897115,1%
1860435 450107,5%
1870484 47111,3%
1880802 52565,6%
18901 128 21140,6%
19001 311 56416,3%
19101 574 44920,0%
19201 752 20411,3%
19301 854 4825,8%
19401 949 3875,1%
19501 909 511−2,0%
19601 786 272−6,5%
19701 923 2957,7%
19802 286 43518,9%
19902 350 7252,8%
20002 673 40013,7%
20102 915 9189,1%
20203 011 5243,3%
Fonte: US Census

O censo de 2000 estimou a população do Arkansas em 2 673 400 habitantes, um crescimento de 13,7% em relação à população do estado em 1990, de 2 350 725 habitantes. Uma estimativa realizada em 2005 estima a população do Arkansas em 2 779 154 habitantes, um crescimento de 18,2% em relação à população em 1990; de 4% em relação à população em 2000; e de 1,1% em relação à população estimada em 2004.

O crescimento populacional natural do Arkansas entre 2000 e 2005 foi de 52 214 habitantes - 198 800 nascimentos menos 146 586 óbitos - o crescimento populacional causado pela imigração foi de 21 947 habitantes, enquanto que a migração interestadual resultou no ganho de 35 664 habitantes. Entre 2000 e 2005, a população do Arkansas cresceu em 35 664 habitantes, e entre 2004 e 2005, em 20 320 habitantes. Estima-se que 48,8% da população sejam pessoas do sexo masculino, e 51,2% do sexo feminino.
Editar
 Flag of Arkansas.svg  Categorias
Editar
 Flag of Arkansas.svg  Tópicos
Editar
 Flag of Arkansas.svg  Portais relacionados




Territórios fronteiriços

Aqueles listados em negrito itálico são Portais em destaque.


Editar
 Flag of Arkansas.svg  Wikimedia


Editar
 Flag of Arkansas.svg  Fontes
  1. Correia, Paulo (Direção-Geral da Tradução – Comissão Europeia) (Verão de 2015). «Os estados dos Estados Unidos da América» (PDF). «a folha» – Boletim da língua portuguesa nas instituições europeias (n.º 48). ISSN 1830-7809. Consultado em 24 de setembro de 2015 

Purgar cache do servidor