Vica (futebolista)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Vica
Informações pessoais
Nome completo José Luis Mauro
Data de nasc. 10 de março de 1961 (56 anos)
Local de nasc. Araraquara (SP),  Brasil
Altura 1,83 m
Apelido Vica
Informações profissionais
Equipa atual Flag of None.svg
Posição Treinador
(ex-Zagueiro)
Clubes de juventude
1978–1982 Brasil Ferroviária
Clubes profissionais
Anos Clubes Jogos (golos)
1982
1983
1984–1988
1988–1990
1991
1991
1992
1992
1992
1993
1994
1994
1995
Brasil Joinville
Brasil Ferroviária
Brasil Fluminense
Brasil Ferroviária
Brasil Coritiba
Brasil Comercial
Brasil Atlético Paranaense
Brasil Paraná
Brasil Fluminense
Brasil São José
Brasil Atlético Paranaense
Brasil Itumbiara
Brasil Rio Branco-PR








237 (2)



Seleção nacional
São Paulo Seleção Paulista Júnior
Times/Equipas que treinou
1995
1996
1998
1999
1999
1999
2000
2000
2000
2001
2001
2001
2002
2002
2002
2003
2003
2004
2005
2005
2005
2005–2006
2007
2007
2007
2008
2008–2011
2012
2012–2013
2013
2013–2014
2014
2014-2016
2016
2017
2017
Brasil Rio Branco-PR
Brasil Itumbiara
Brasil Anapolina
Brasil São Caetano
Brasil Itumbiara
Brasil Anapolina
Brasil Nacional-AM
Brasil Anapolina
Brasil Atlético Goianiense
Brasil América de Rio Preto
Brasil Anapolina
Brasil Goiás
Brasil Anapolina
Brasil Santo André
Brasil Inter de Limeira
Brasil Anapolina
Brasil Inter de Limeira
Brasil Nacional-AM
Brasil CRAC
Brasil Anápolis
Brasil Rio Preto
Brasil Londrina
Brasil Catanduvense
Brasil Caldense
Brasil Grêmio Jaciara
Brasil Fast Clube
Brasil ASA
Brasil Anapolina
Brasil Fortaleza
Brasil Treze
Brasil Santa Cruz
Brasil Paysandu
Brasil ASA
BrasilRiver-PI
Brasil XV de Piracicaba
Brasil Botafogo SP




























000029
000022
000040
Última atualização: 8 de agosto de 2014

José Luis Mauro, mais conhecido como Vica (Araraquara, 10 de março de 1961), é um ex-futebolista e atual treinador brasileiro, que atuava como zagueiro.

Carreira[editar | editar código-fonte]

Como jogador

Jogou como zagueiro em clubes como Ferroviária e Joinville, e nos três principais clube do Paraná: Coritiba, Paraná e Atlético Paranaense. No entanto, foi no Fluminense onde obteria seus maiores triunfos, como o Campeonato Brasileiro de Futebol de 1984 e dois títulos do tricampeonato carioca entre 1983 e 1985, o de 1984 e o de 1985.

Pelo Fluminense Vica disputou 237 jogos, com 120 vitórias, 73 empates e 44 derrotas, marcando 2 gols, entre 1984 e 1992[1].

Como treinador

Ao encerrar a carreira, tornou-se treinador, com passagens por São Caetano, Anapolina, Atlético Goianiense, Goiás e Santo André. Pelo ASA, conquistou os títulos de campeão alagoano de 2009 e 2011, vice-campeão alagoano em 2010 e vice-campeão da Série C em 2009, levando o clube à Série B no ano seguinte, onde, após três temporadas, deixou o cargo de treinador, no clube alagoano[2].

Em janeiro de 2012, foi anunciado o seu retorno ao comando da Anapolina[3] e, em junho, foi para o Fortaleza[4]. Vica chegou e "arrasou" no Fortaleza, torcedores já tinha dado como certa a subida para a série B, mas para a frustração dos torcedores do Leão, o Fortaleza empatou o primeiro jogo e perdeu dentro de casa o segundo, sendo eliminado da disputa ao ascenso pelo Oeste, que ficou com uma das vagas. Vica disputou a Copa do Nordeste e, com o time desacreditado no início, quase não avançou para as quartas-de-final. Quando chegou na semifinal, acabou sendo eliminado, ganhando o primeiro jogo mas perdendo o segundo em Campina Grande por um pênalti (marcado indevidamente) a favor da equipe do Campinense. Após a eliminação para os paraibanos, Vica conversou com a diretoria do Fortaleza e entregou o cargo de técnico.

No dia 18 de março de 2013, ele acertou com o Treze. No dia 5 de agosto de 2013 foi demitido do Treze. No dia 21 de agosto de 2013 foi anunciado como treinador do Santa Cruz. No dia 24 de junho de 2014 foi apresentado oficialmente como treinador do Paysandu. Deixou o Paysandu, após uma série de maus resultados.

Retorno ao ASA

No dia 13 de Agosto de 2014, Vica assina contrato para comandar o ASA de Arapiraca até o final da Serie C, No fim de 2014 renovou seu contrato com a equipe alagoana por 2 temporadas.

Em 2015 chegou a marca de 100 vitorias no comandando do clube após vence o Murici por 2x0 em partida valida pelo Campeonato Alagoano, mais tarde conquistou a Copa Alagoas ao vencer a equipe do CSA nos pênaltis. Em abril de 2016, devido a sequência de derrotas sofridas, Vica deixou o comando do ASA de Arapiraca.[5]

River-PI

Em 08 de junho de 2016, Vica acertou com o River Atlético Clube, do Piauí, para dar sequência ao Campeonato Brasileiro de Futebol de 2016 - Série C, é a primeira passagem de Vica pelo clube piauiense.[6] Em 08 de novembro do mesmo ano, em meio a crise que se instalou na equipe do River-PI, após o rebaixamento na Série C, o clube confirmou o desligamento do treinador Vica e de três jogadores do time.[7]

XV de Piracicaba

Em 27 de março de 2017, o XV de Piracicaba anunciou que José Luis Mauro, o Vica seria o novo treinador da equipe para o restante da Série A2 do Paulistão, o principal objetivo do novo treinador é conseguir livrar o clube do interior paulista do rebaixamento.[8] em 24 de abril de 2017, Vica deixou o comando do XV de Piracicaba, ele conseguiu alcançar seu objetivo na equipe do interior, que era evitar o rebaixamento á Série A3.[9]

Botafogo-SP

Em agosto de 2017, Vica foi anunciado como novo treinador do Botafogo-SP, seu objetivo é resgatar o bom futebol da equipe e conseguir a classificação para a próxima fase da Série C do Brasileirão.[10] Em 11 de setembro de 2017, Vica deixou o comando do Botafogo-SP, após a eliminação na Série C do Brasileirão, ele comandou o clube de Ribeirão Preto em três partidas, sendo um empate, uma derrota e uma vitória.[11]

Títulos[editar | editar código-fonte]

Como jogador[editar | editar código-fonte]

Fluminense
Coritiba

Como treinador[editar | editar código-fonte]

Rio Branco-PR
Nacional-AM
  • Amazonas Torneio Início do Campeonato Amazonense: 2000
Goiás
Inter de Limeira
ASA
Santa Cruz

Estatísticas[editar | editar código-fonte]

Atualizado dia 9 de Maio de 2015.

Clube Jogos Vitórias Empates Derrotas Aproveitamento
Fortaleza 29 17 8 4 67,81%
Treze 22 9 5 8 48,48%
Santa Cruz 40 21 11 8 61,66%
Paysandu 6 0 4 2 16,66%
ASA 220 109 46 66 60,01%

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Site IMORTAIS DO FUTEBOL - Esquadrão Imortal - Fluminense 1983-1985, página editada em 6 de agosto de 2012 e disponível em 13 de novembro de 2016.
Site da revista PLACAR - Times históricos: o Fluminense de 1984, página editada em 13 de janeiro de 2017 e disponível em 18 de janeiro de 2017.

Referências

  1. DE FREITAS LIMA, Ricardo. «Jogadores - Letra V - Vica». Fluzão.info. Consultado em 13 de novembro de 2016 
  2. «De volta ao mercado, Vica aguarda uma nova chance». Grande Área - Futebol Interior. 9 de dezembro de 2011. Consultado em 11 de dezembro de 2011 
  3. «Goiano: Anapolina troca de treinador e anuncia vitorioso em AL». Grande Área - Futebol Interior. Consultado em 3 de fevereiro de 2012 
  4. «Vica é apresentado como novo treinador do Fortaleza». GloboEsporte.com. 10 de julho de 2012. Consultado em 12 de julho de 2012 
  5. «depois-de-sequencia-de-derrotas-vica-deixa-comando-tecnico-do-asa». Consultado em 22 de dezembro de 2016 
  6. «Vica é do Galo: River-PI anuncia novo treinador para sequência da Série C». globoesporte.com 
  7. «Em meio à crise, River-PI desliga Vica, Eduardo, Cleitinho e Gilmak». globoesporte.com 
  8. «Tudo ou nada: XV anuncia Vica para o restante da A2; Guiaro volta ao sub-20». globoesporte.com 
  9. «Vica deixa o XV de Piracicaba após cumprir missão na Série A2». www.futebolinterior.com.br. Consultado em 22 de agosto de 2017 
  10. «Série C: Vica é apresentado e dá receita para recuperar Botafogo-SP». www.futebolinterior.com.br. Consultado em 22 de agosto de 2017 
  11. «Série C: Após eliminação, Botafogo-SP anuncia saída do técnico Vica». www.futebolinterior.com.br. Consultado em 12 de setembro de 2017 
Ícone de esboço Este artigo sobre um treinador de futebol é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.