Assento ejetor

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Question book.svg
Esta página ou secção não cita nenhuma fonte ou referência, o que compromete sua credibilidade (desde novembro de 2012).
Por favor, melhore este artigo providenciando fontes fiáveis e independentes, inserindo-as no corpo do texto por meio de notas de rodapé. Encontre fontes: Googlenotícias, livros, acadêmicoScirusBing. Veja como referenciar e citar as fontes.

O Assento ejetor, é um sistema de emergência, normalmente um componente instalado em aviões militares, que tem por objectivo salvar o piloto (ou pilotos), no caso de iminente perigo de queda do avião, seja por mau funcionamento deste, ou por ataque aéreo em que aquele é danificado.

O assento é propulsionado por uma carga explosiva, ou por um motor a foguete, que impulsiona a cadeira, e o piloto, para fora do cockpit, accionando um pára-quedas, para uma descida em segurança.

Foi usado pela primeira em combate vez em 1943 pelos tripulantes de um caça noturno He 219 na II Guerra Mundial.

Equipou também o He 162, e o Do 335 apesar deste ultimo nunca ter visto combate.

Assento de ejeção Martin Baker WY6AM
Portal A Wikipédia possui o
Portal da Aviação


Ícone de esboço Este artigo sobre aviação, integrado ao Projeto Aviação, é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.