Camberra

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
(Redirecionado de Canberra)
Ir para: navegação, pesquisa
NoFonti.svg
Este artigo ou se(c)ção cita uma ou mais fontes fiáveis e independentes, mas ela(s) não cobre(m) todo o texto.
Por favor, melhore este artigo providenciando mais fontes fiáveis e independentes e inserindo-as em notas de rodapé ou no corpo do texto, conforme o livro de estilo.
Encontre fontes: Googlenotícias, livros, acadêmicoYahoo!Bing. Veja como referenciar e citar as fontes.
Austrália Camberra  
—  Cidade  —
Vista de Camberra e do eixo parlamentar.
Vista de Camberra e do eixo parlamentar.
Brasão de armas de Camberra
Brasão de armas
Camberra está localizado em: Austrália
Camberra
Localização de Camberra na Austrália
35° 18' 27" S 149° 07' 27.9" E
Região Território da Capital da Austrália
Área
 - Total 805,6 km²
População (2007)
 - Total 340 800
    • Densidade 423,04/km2 

Camberra (em inglês escrito Canberra, que em dialeto aborígene significa "ponto de encontro" ou "lugar conhecido"[1] ) é a capital da Austrália. Com uma população de 345 mil habitantes é a maior cidade do interior australiano e a oitava maior do país.

O local para a construção de Camberra foi escolhido em 1908 como um compromisso para acabar com a rivalidade de Sydney e Melbourne, as duas maiores cidades do país. Foi criado um concurso internacional de design da cidade e o projeto dos arquitetos Walter Burley Griffin e Marion Mahony Griffin foi o escolhido e a construção começou em 1913[2] e finalizaram-se em 1927. O planejamento da cidade foi bastante influenciado pelo movimento cidade-jardim e incorporou áreas significativos de vegetação natural, o que lhe rendeu o título de bush capital, algo como cidade-arbusto.

Apesar de ter apresentado um crescimento modesto no período entre guerras, Camberra prosperou a partir do fim da Segunda Guerra Mundial. Como capital, a cidade apresenta o Parlamento, a Alta Corte Australiana, além da Biblioteca Nacional da Austrália. O governo federal contribui com uma grande porcentagem da receita bruta da cidade, sendo, assim, o maior empregador. Camberra atrai tanto turistas domésticos quanto internacionais. Importante centro cultural (Biblioteca Nacional e Galeria Nacional de Arte) e comercial da Austrália.

História[editar | editar código-fonte]

Blundells' Cottage, construido por volta de 1860.[3]

Antes da colonização européia, a região era habitada pelas tribos Ngunnawal e Walgalu. O povo Ngarigo vivia no sudoeste da cidade, os Gundungurra, ao norte, os Yuin, na costa, e os Wiradjuri, a oeste. Evidências arqueológicas recolhidas no local atestam que a povoação humana em Camberra foi iniciada 21 mil anos atrás. A palavra "Camberra", segundo uma teoria, nasceu de uma outra da tribo local Ngabri (dos Ngunnawal), a palavra Kambera, que significa "lugar de encontros", no idioma Ngunnawal. O nome Ngunnawal aparentemente foi utilizado em referência ao corroborees, que servia de proteção durante as migrações estacionais da população da espécie Agrotis infusa, que se realizavam na região durante a primavera.

Abertura do Parliament House em Maio 1927.

A exploração e a conquista europeia começaram em Camberra no início da década de 1820. Chegaram quatro expedições entre 1820 e 1824. Os primeiros povoados de população branca datam de 1824, quando uma propriedade rural ou estação foi construída onde hoje se encontra a Península Acton por pecuaristas empregados por Joshua John Moore. Moore comprou formalmente as terras em 1826 e deu-lhes o nome de Canberry. A população européia na região aumentou lentamente no século XIX. Entre eles, encontrava-se a família Campbell de "Duntroon"; sua imponente casa de pedras pertence hoje ao Royal Millitary College. Os Campbell financiaram o estabelecimento de pecuaristas escoceses para trabalhar em suas terras, como os Southwells de "Weetangera". À medida que a população européia aumentava, a de aborígines passou a decrescer.

Parliament House e Old Parliament House.

A mudança de Camberra de uma área rural de Nova Gales do Sul para se transformar na capital nacional começou durante os debates sobre a Federação Australiana no final do século XIX. Após uma longa disputa sobre a escolha de Sydney ou Melbourne para a capital, um acordo foi alcançado: a nova capital seria construída em Nova Gales do Sul, a uma distância máxima de 100 km de Sydney, e Melbourne seria a capital provisória enquanto a nova era construída. Camberra foi escolhida em 1908, como resultado de uma pesquisa coordenada por Charles Scriberner. O governo de Nova Gales do Sul cedeu o Território da Capital Federal para o governo federal. Em uma competição internacional de planejamento urbano, coordenada pelo Department of Home Affairs, em 24 de maio de 1911, o modelo de Walter Burley Griffin e Marion Mahony Griffin foi escolhido para a cidade e, em 1913, Walter Griffin foi apontado como o diretor de construção e design da capital federal, e a construção começou em seguida.

Geografia[editar | editar código-fonte]

Pôr-do-sol, visto da "Telstra Tower".
Centro de Camberra.

Camberra ocupa uma extensão de 805,6 km² e fica próxima da cordilheira conhecida como Brindabella Ranges, a 150 km da costa leste da Austrália. O ponto mais alto da zona de Camberra é o monte Majura, de 888 m de altitude, seguido de outras montanhas como o monte Taylor, o Ainslie, Mugga Mugga e Black Mountain, nesse último se localiza a Torre Telstra.

O rio Molonglo flui através de Camberra e foi represado para formar o lago artificial Burley Griffin, situado no centro da cidade. O Molonglo é um afluente do rio Murrumbidgee, que cruza o noroeste de Camberra até a localidade de Yass, em Nova Gales do Sul. O rio Queanbeyan se une ao Molonglo somente dentro do Território da Capital Australiana. Existem vários riachos, como o Jerrabomberra e o Yarralumla, que fluem no Molonglo e no Murrumbidgee. Dois dos riachos, concretamente o Ginninderra e o Tuggeranong, também foram represados para formar seus respectivos lagos artificiais homônimos.

Distritos[editar | editar código-fonte]

Camberra possui oito distritos. São eles (por ordem de criação):

Para além destes, existe a intenção de criar mais quatro distritos, o que daria um total de 12.

Clima[editar | editar código-fonte]

Camberra possui clima temperado, com dias ensolarados na maior parte do ano e com as quatro estações bem definidas.

Tabela climática de Camberra
Temperatura
Mês Jan Fev Mar Abr Mai Jun Jul Ago Set Out Nov Dez Média
Média Máxima °C 27.8º 27.1º 24.4º 19.9º 15.4º 12.2º 11.3º 12.9º 16.0º 19.2º 22.5º 26.1º 19.6º
Média °C 20.0º 20.0º 17.0º 12.0º 8.0º 5.6º 4.0º 5.6º 7.0º 12.0º 11.0º 15.0º 13.0º
Média mínima °C 13.0º 13.0º 10.7º 6.7º 3.1º 0.9º -0.2º 0.9º 3.2º 6.9º 8.6º 11.3º 6.4º
Precipitação
Mês Jan Fev Mar Abr Mai Jun Jul Ago Set Out Nov Dez Total
Total mm 60.0 55.6 51.8 47.8 46.4 39.3 41.5 47.3 52.7 64.4 63.5 52.5 622.8
Dias de Chuva 7.5 6.6 7.1 7.3 8.2 9.1 9.8 11.1 10.2 10.4 9.7 7.8 104.9
Dados referentes ao século XX e XXI.

Demografia[editar | editar código-fonte]

População[editar | editar código-fonte]

População de Desenvolvimento
em todo o ACT [4]
Ano População
1911 1 714
1921 2 572
1933 8 947
1947 16 905
1961 58 828
1966 96 013
1971 151 169
1976 207 740
1981 227 581
1986 258 910
1991 289 320
1996 308 251
2001 319 317
2006 332 798

Governo[editar | editar código-fonte]

O Território da Capital da Austrália só inclui a cidade de Camberra. A Assembléia Legislativa do TCA faz o papel do conselho municipal e do governo territorial. A Assembleia é constituída por 17 membros, eleitos a partir de três distritos: Molonglo, Ginninderra e Brindabella, que escolheram sete, cinco e cinco membros, respectivamente. O ministro-chefe é eleito pelos deputados da Assembléia Legislativa (AML) e selecciona os outros quatro membros dessa assembleia para formar um gabinete executivo. Nas eleições de 2004, o Partido Trabalhista Australiano, liderado por Jon Stanhope, venceu nove dos 17 lugares para formar o primeiro governo do Território da Capital da Austrália.

Geminações[editar | editar código-fonte]

Economia[editar | editar código-fonte]

Em Julho de 2006, o desemprego, em Camberra era de 2,8%, um nível que aumenta a taxa nacional de 4,8%,[5] e com a escassez de mão-de-obra em alguns setores. Como resultado de uma baixa taxa de desemprego e um bom nível de sector público, Camberra tem a maior renda média de todas as capitais australianas.[6]

A Tesouraria da Austrália, em Camberra

A média do salário bruto de um canberrano é 1 208,50 dólares australianos, superior à média nacional de 1 043,10$.[7] O preço médio de uma casa em Camberra em Junho em 2005, era de US 352 500$, um valor inferior ao de Sydney, Melbourne e Perth, porém mais elevada do que no resto das capitais estaduais do país.[8] No entanto, os preços começaram a subir na cidade, elevando o preço médio da habitação em Setembro de 2006 para 375 000$,[9] e 411 305$ em Novembro de 2006.[10] A renda que se paga semanalmente em Camberra é mais elevada do que as rendas que são pagas noutros estados e territórios da Austrália.[11] Em Setembro de 2006, o preço médio do arrendamento de uma casa de 3 quartos era de US $ 320 por semana, tornando Camberra, no estado australiano onde as rendas são mais caras.[9]

Lojas na Cres Campbell BLAMEY

A principal atividade da cidade é a administração governamental e a defesa, que correspondiam a 26,1% do Produto Interno Bruto no período 2003/04 e davam emprego a 40% dos habitantes de Camberra.[7] [12] Os principais trabalhadores do sector público, incluem o parlamento e departamentos governamentais como o Departamento da Defesa e Finanças, Negócios Estrangeiros e a Tesouraria. Um número significativo de bases da Australien Defense Force estão localizadas em ou próximo de Camberra, o mais proeminente, um escritório das Froças Australianas e as Harma HMAS, e um centro de comunicações navais. A antiga Fairbairn Raaf, base aérea adjacente ao Aeroporto Internacional de Camberra, foi vendido aos proprietários do aeroporto, mas continua a ser utilizada para voos VIP das forças armadas.

Um recente número de distribuidores de software está se movendo para Camberra. Alguns deles são QSP, Tower Software, RuleBurst e a The Distillery. Empresas de serviços, construção, saúde e serviços comunitários e de educação, foram os outros notáveis contributos para a economia em Camberra.

O turismo também desempenha um importante papel na economia da cidade. O mais famoso centro comercial da cidade é o Westfield Belconnen Shopping Center, que tem uma gama de lojas e restaurantes. Os distritos de Kingston e Manuka albergam também alguns dos mais importantes centros comerciais de Camberra. As mais proeminente áreas comerciais estão localizadas na Cidade de Walk, Garema Place e no centro de Camberra.

Infra-estrutura[editar | editar código-fonte]

Educação[editar | editar código-fonte]

As duas universidades mais importantes são a Universidade Nacional Australiana (ANU), no bairro de Acton, e a Universidade de Camberra (UC), no bairro de Bruce. A ANU foi fundada em 1946 como uma universidade de investigação e, permanece, atualmente, realizando os mesmos trabalhos, sendo incluída entre as melhores universidades do mundo pela revista londrina Times Higher Education e pelos rankings Shanghai Jiao Tong World University.[13] Tanto a ANU como a UC possuem campo dentro do estado e em outros pontos do país, como Kioloa, Nova Gales do Sul e Darwin. Existem também dois campos de universidades religiosas em Camberra: Signadou no bairro de Watson, no norte da ciudade, é o campo da Australian Catholic University; e a St Mark's Theological College, junto á Casa do parlamento, que é um dos campos da Charles Sturt University.

As academias militares de Camberra são o Australian Defense Force Academy (ADFA) e a Royal Military College, e estão situadas a nordeste da cidade, no bairro de Campbell. É também um dos destaques do Instituto de Tecnologia de Camberra.

Saúde[editar | editar código-fonte]

Em Camberra há dois grandes hospitais públicos. O Hospital de CaMberra, conhecido antigamente como Woden Valley Hospital, localizado em Garran e com capacidade para 500 camas; e o Calvary Public Hospital, situado no bairro de Bruce e com 174 camas. Ambos os hospitais são também centros de saúde, já que colaboraram estritamente com a Escola de Enfermaria da Universidade de Camberra e com a John Curtin School of Medical Research, um dos centros de investigação biomédica mais importantes da Austrália. O maior hospital privado de Camberra é o John James Memorial Hospital, em Deakin. O Royal Canberra Hospital fundado num antigo hospital situado na península de Acton, junto ao Lago Burley Griffin, porém, foi demolido em 1997, após uma grande polêmica, para a criação do Museu Nacional da Austrália.[14]

Transporte[editar | editar código-fonte]

O Aeroporto Internacional de Camberra é o aeroporto da cidade e está situado 8 km a noroeste. Os vôos domésticos são normalmente de Sydney, Melbourne, Brisbane, Adelaide e Perth.[15] Os vôos internacionais são escassos e não são diretos, portanto devem fazer escala.[16]

O serviço de autocarros (ônibus) é fornecido pela companhia ACTIOR (Australian Capital Territory Interno Omnibus Rede), que liga os pontos mais importantes da cidade. A rede de autocarros públicos possui quatro modernas correspondências em diferentes bairros de Camberra, transmitindo as sete linhas de "Intertown" (autocarros interurbanos) e os treze dos "Xpress", o ônibus que liga a cidade com o Triângulo do Parlamento. Outras companhias de autocarros, privadas, são a Transborder Express e a Deane's Buslines, que operam dentro de Camberra e nas áreas vizinhas de Nova Gales do Sul. Aerial Consolidated Transport é uma companhia de táxis e aluguel de carros de Camberra. Os CanberraCabs, filial da Aerial , a empresa de táxis que serve a cidade desde 1959. Uma pesquisa sobre o transporte em Camberra revelou que apenas 4,6 por cento da população utiliza o autocarro, enquanto 5,5 por cento vai a pé ou de bicicleta para o trabalho,[17] uma proporção maior que das outras capitais australianas.

Countrylink é o sistema ferroviário que liga Camberra a Sydney. O trajecto para Melbourne começa na cidade de Yass, Nova Gales do Sul, mas um serviço de autocarro Countrylink cobre o percurso de cerca de uma hora. Estuda-se a possibilidade de introduzir um sistema de comboios de alta velocidade entre Melbourne, Canberra e Sydney,[18] porém, finalmente não foi implementada, por não se considerar economicamente viável pelo então ministro dos Transportes John Anderson, em 2000.[19] [20]

O transporte mais usado em Camberra é o automóvel, com a rede de estradas e rodovias de alta qualidade devido ao desenho do urbanismo moderno. Os distritos de Camberra são unidos por «parkways« espaçoso- amplas estradas de duas pistas por sentido e com limite de 80–100 km/h, conforme o Tuggeranong Parkway, que liga a CBD de Camberra com o Tuggeranong e os bypass (estradas da circunvalação) de Weston Creek. No que diz respeito à rede viária que liga Camberra ao resto das cidades australianas, a National Highway (Auto-estrada Federal) conecta-a a Sydney, com uma viagem de três horas. Melbourne fica a sete horas pela Auto-estrada Barton, que se conecta com a estrada em Yass Hume, Nova Gales do Sul. O Kosciuszko National Park e as Montanhas Nevadas estão situadas a duas horas pela estrada Monar, enquanto que a Batemans Bay, um destino turístico, também está a uma distância de duas horas, pela estrada Kings.

Cultura[editar | editar código-fonte]

Esportes[editar | editar código-fonte]

O Canberra Stadium é o maior estádio da cidade.

O esporte mais popular da cidade é o rugby league, a cidade é a casa do Canberra Raiders da NRL, também é a sede do time de rugby Brumbies da liga Super Rugby.

Monumentos e lugares[editar | editar código-fonte]

Camberra vista da Torre Telstra

Habitantes ilustres[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. Canberra (01/06/2007). Página visitada em 14/10/2009.
  2. Wendy Lewis, Simon Balderstone and John Bowan (2006). Events That Shaped Australia. New Holland. p. 106.. 'Events That Shaped Australia.. [S.l.: s.n.]. ISBN 9781741104929.
  3. "Historic Blundells' Cottage". National Capital Authority.
  4. Australian Bureau of Statistics - Volkszählungsergebnisse im ACT
  5. Australian Bureau of Statistics. 10 de agosto de 2006. Series 6202.2, Labour Force, p. 16(PDF)
  6. Australian Bureau of Statistics. 2005. Household Income and Income Distribution in the ACT - Sep 2005
  7. a b ACT Department of Treasury. 2006. Economics Branch Publication, Full-Time Adult Average Weekly Ordinary Time Earnings
  8. Real Estate Institute of Australia. Press Release - It’s official: the property market has cooled, 9 de septiembre de 2005
  9. a b ACT Department of Treasury. 2006. Economics Branch Publication, September Quarter 2006. REIA Market Facts
  10. ACT Department of Treasury. 2006. Economics Branch Publication, September Quarter 2006. ACT residential Property Market report
  11. Australian Bureau of Statistics. 2004. Census of Population and Housing Australia in Profile A Regional Analysis. (PDF, 20MB)
  12. ACT Department of Treasury. 2004. Economics Branch Publication, Gross State Product 2003–04
  13. Institute of Higher Education, Shanghai Jiao Tong University 2005. Academic Ranking of World Universities - 2004
  14. "General Chronology And Overview", 19 de mayo de 2008.
  15. "Aeropuerto de Canberra", Aeroportos do Mundo, 15 de maio de 2008.
  16. "Transporte em Camberra", 15 de maio de 2008.
  17. Erro de citação: Tag <ref> inválida; não foi fornecido texto para as refs chamadas 2001census
  18. Richardson, Michael (19 de julho de 2000). Sydney to Canberra in 80 Minutes–by High-Speed Train. International Herald Tribune.
  19. Oz HSR Received?. The Australian (29 de outubro de 2002).
  20. Govt considers rail link between eastern cities. PM transcript. Australian Broadcasting Corporation (14 de junho de 2001).

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Commons
O Commons possui imagens e outras mídias sobre Camberra