Javali-africano

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
(Redirecionado de Facóquero oriental)
Ir para: navegação, pesquisa
Como ler uma caixa taxonómicaFacocero ou javali-africano
Lightmatter warthog.jpg

Estado de conservação
Status iucn3.1 LC pt.svg
Pouco preocupante
Classificação científica
Reino: Animalia
Filo: Chordata
Classe: Mammalia
Ordem: Artiodactyla
Família: Suidae
Género: Phacochoerus
Espécies
Phacochoerus africanus
Phacochoerus aethiopicus

O javali-africano, facocero ou facochero (Phacochoerus) é um mamífero africano da família dos suínos, caracterizado pela cabeça grande, o corpo em forma de barril e a presença de verrugas na cara, o que lhe vale o nome em inglês de warthog ("porco-verruguento").[1][2][3][4][5][6]

Há duas espécies de facocero, ambas pertencentes ao gênero Phacochoerus: a espécie Phacochoerus africanus e a Phacochoerus aethiopicus.[7]

Classificação[editar | editar código-fonte]

O facocero ë classificado como um artiodáctilo da família Suidae (que inclui ainda porcos, javalis e o babirussa). O facocero compõe o género Phacochoerus. O género inclui duas espécies: Phacochoerus africanus e Phacochoerus aethiopicus, que já foram no passado consideradas uma única espécie, e que ainda são consideradas sinónimos por alguns autores.[7]

Distribuição geográfica[editar | editar código-fonte]

Os facoceros habitam a África, ao sul do Saara. Preferem as savanas áridas e húmidas, evitando desertos, florestas e montanhas. Ao contrário dos demais suídeos, o facocero tolera bem aridez e temperaturas elevadas.

Aparência[editar | editar código-fonte]

O facocero possui uma cabeça grande com verrugas características, espalhadas aos pares. Os olhos no alto da cabeça servem para vigiar possíveis predadores, como o leão ou o leopardo. O focinho é longo, acompanhado de dois pares de presas, usadas para escavar e para defesa. O corpo é grande e as pernas curtas. Apesar disso, é um bom corredor. Possui um cauda razoavelmente longa, que mantem em posição ereta enquanto trota. Um facocero adulto pesa entre 50 e 100 kg. A altura da cernelha é em torno de 75 cm. Essa espécie tornou-se bastante conhecida na mídia com a animação dos estúdios Disney "O Rei Leão", onde um dos personagens principais é o facocero Pumba, parceiro do suricate Timão e do jovem leão Simba.

Dieta[editar | editar código-fonte]

Os facoceros se alimentam de pasto ou de raízes, bulbos e tubérculos que escavam com o focinho, apoiados em seus membros anteriores.

Um facocero.

Reprodução[editar | editar código-fonte]

Os machos disputam as fêmeas em combates violentos.

A gestação da fêmea é de 175 dias, ao fim dos quais nascem 4 leitõezinhos, que são desmamados aos 2 meses. Os filhotes permanecem junto à mãe até o próximo parto.

Hábitos[editar | editar código-fonte]

Como os porcos, usa a lama para se refrescar e se proteger de parasitas e insetos. Eles vivem em pequenos núcleos familiares compostos por uma fêmea e seus filhotes. Os machos vivem sozinhos. Apesar de bons cavadores, os facoceros não constroem suas tocas. Preferem viver em tocas abandonadas de outros animais como o urso-formigueiro (aardvark). Tem hábitos noturnos.

Ícone de esboço Este artigo sobre mamíferos é um esboço relacionado ao Projeto Mamíferos. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.
  1. «Relatório da Fauna Africana» (PDF). 
  2. «Universität Freiburg - Nomes Comuns em Português» (PDF). 
  3. «Grande Dicionario Houaiss». houaiss.uol.com.br. Consultado em 2016-10-19. 
  4. (2016-11-02) "Nomes comuns de animais em português" (em pt-BR). DicionarioeGramatica.com.
  5. «Facochero». Michaelis On-Line. Consultado em 2016-11-02. 
  6. «Definição ou significado de facochero no Dicionário Infopédia da Língua Portuguesa com Acordo Ortográfico». Infopédia - Dicionários Porto Editora. Consultado em 2016-11-02. 
  7. a b «Phacochoerus aethiopicus (desert warthog)». Animal Diversity Web. Consultado em 2016-11-02.