Final da Copa do Mundo FIFA de 2022

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Final da Copa do Mundo FIFA de 2022
Artist's rendering of Lusail when completed.jpg
Evento Copa do Mundo FIFA de 2022
Após a prorrogação
Argentina venceu por 4 a 2 nos pênaltis
Data 18 de dezembro de 2022
Local Estádio Nacional Lusail, Lusail
Árbitro Polónia Szymon Marciniak
Público 88 966

A final da Copa do Mundo da FIFA de 2022 foi a partida final da Copa do Mundo de 2022, a 22.ª edição da competição da FIFA para as seleções masculinas de futebol. A partida ocorreu no Estádio Icônico de Lusail em Lusail, Catar, no dia 18 de dezembro de 2022, no dia nacional do Catar, sendo disputada pela Argentina e pela França, campeã da Copa de 2018, ambas buscando o tricampeonato. A Argentina foi a vencedora.

A partida foi considerada a melhor final da história da Copa do Mundo pelo portal UOl[1], o jornal espanhol Marca[2], os portais de notícias norte-americanos CNN[3] e Fox Sports[4], o jornal italiano Corriere dello Sport[5], e o portal de notícias britânico BBC[6].

Contexto[editar | editar código-fonte]

Foi a 22.ª edição da Copa do Mundo, competição quadrienal de futebol para seleções nacionais da FIFA, realizada no Catar entre 20 de novembro e 18 de dezembro de 2022. O Catar se classificou automaticamente como anfitrião do torneio, enquanto 206 times competiram pelo restante 31 vagas nas eliminatórias organizadas pelas seis confederações da FIFA e realizadas entre junho de 2019 e junho de 2022. Nas finais, as equipes foram divididas em oito grupos de quatro, com cada equipe jogando entre si uma vez no formato round-robin. As duas melhores equipes de cada grupo avançaram para a fase eliminatória. A atual campeã da Copa do Mundo de 2018 foi a França, que fez esta a primeira vez desde a final de 2002 em que uma seleção disputou duas finais consecutivas, e a primeira desde 1998, onde os campeões se classificaram para a final seguinte.

A Argentina já havia vencido a Copa do Mundo duas vezes antes, em 1978 e 1986. Eles também terminaram como finalistas perdedores três vezes, em 1930, 1990 e 2014. Após a derrota na final de 2014, eles perderam duas finais consecutivas da Copa América para o Chile, em 2015 e 2016. Após uma série de desempenhos decepcionantes na Rússia, onde perdeu para a eventual campeã França na primeira rodada da fase eliminatória, e para o Brasil, na Copa América de 2019 onde terminou em terceiro, o recém-nomeado técnico Lionel Scaloni levou a Argentina ao seu primeiro título em 28 anos, com a Argentina vencendo o Brasil por 1 a 0 na Copa América de 2021, entregando ao capitão Lionel Messi seu primeiro título com a Argentina. Depois de vencer a Finalíssima de 2022, derrotando a campeã europeia Itália por 3 a 0, a Argentina entrou no Catar como uma das favoritas à vitória.[7][8][9][10][11][12][13]

Troféu da Copa do Mundo FIFA, entregue desde 1974.

Didier Deschamps quer se tornar o segundo técnico a conquistar dois títulos da Copa do Mundo da FIFA, depois de Vittorio Pozzo com a Itália em 1934 e 1938. Tendo vencido o torneio de 1998 como jogador, Deschamps também busca se tornar a terceira pessoa a conquistar três títulos da Copa do Mundo da FIFA, depois de Pelé (todos como jogador) e Mário Zagallo (dois como jogador, um como técnico).[14][15][16]

A bola para as semifinais da Copa do Mundo FIFA 2022, jogo do terceiro lugar e final foi anunciada em 11 de dezembro de 2022. É uma variação do Adidas Al Rihla chamado Adidas Al-Hilm, que significa 'O Sonho' em árabe, uma referência ao sonho de todas as nações de erguer a Copa do Mundo da FIFA.[17] Embora os aspectos técnicos da bola sejam os mesmos, a cor é diferente das bolas do Al-Rihla usadas na fase de grupos e nas eliminatórias anteriores, com um design Gold Metallic, marrom, Collegiate Burgundy e vermelho, uma referência as cores do Catar, nação anfitriã, e as cores douradas compartilhadas pelo Lusail Stadium, palco da final, e pelo Troféu da Copa do Mundo da FIFA. É a quinta bola especial para as finais da Copa do Mundo da FIFA, depois de +Teamgeist Berlin, Jo'bulani, Brazuca Final Rio e Telstar Mechta.[17]

Local[editar | editar código-fonte]

A final foi realizada no Estádio Nacional de Lusail em Lusail, localizado a cerca 15 quilomêtros ao norte do centro da cidade de Doha.[18] O estádio foi planejado para sediar a final como parte da candidatura do Qatar à Copa do Mundo,[19] e foi confirmado como o local da final em 15 de julho de 2020.[20] O estádio também recebeu outras nove partidas, sendo seis na fase de grupos e três outras eliminatórias.[21]

O Estádio Icônico de Lusail, de propriedade da Associação de Futebol do Catar, foi construído como parte da candidatura vencedora do Qatar para a Copa do Mundo. O estádio foi projetado pelo escritório britânico Foster + Partners and Populous,[22] apoiado pela MANICA Architecture .[23] O estádio será resfriado usando energia solar e terá uma pegada de carbono zero.[24] A construção começou em abril de 2017,[25] e foi planejada para terminar em 2020. No entanto, a conclusão do estádio foi adiada, com a construção terminando em novembro de 2021.[26] O estádio teve sua primeira partida em 9 de setembro de 2022 com o jogo Lusail Super Cup,[27] depois do esperado.[28]

Dignitários presentes[editar | editar código-fonte]

Caminho até a final[editar | editar código-fonte]

Argentina Argentina Fase França França
Oponente Resultado Fase de grupos Oponente Resultado
Flag of Saudi Arabia.svg Arábia Saudita 1–2 Rodada 1 Flag of Australia.svg Austrália 4–1
Flag of Mexico.svg México 2–0 Rodada 2 Flag of Denmark.svg Dinamarca 2–1
Flag of Poland.svg Polónia 2–0 Rodada 3 Flag of Tunisia.svg Tunísia 0–1

Vencedor do Grupo C

Pos. Seleção Pts J V E D GP GC SG
1 Argentina Argentina 6 3 2 0 1 5 2 +3
2 Flag of Poland.svg Polónia 4 3 1 1 1 2 2 0
3 Flag of Mexico.svg México 4 3 1 1 1 2 3 –1
4 Flag of Saudi Arabia.svg Arábia Saudita 3 3 1 0 2 3 5 –2
Resultado final

Vencedor do Grupo D

Pos. Seleção Pts J V E D GP GC SG
1 França França 6 3 2 0 1 6 3 +3
2 Flag of Australia.svg Austrália 6 3 2 0 1 3 4 –1
3 Flag of Tunisia.svg Tunísia 4 3 1 1 1 1 1 0
4 Flag of Denmark.svg Dinamarca 1 3 0 1 2 1 3 –2
Oponente Resultado Fase final Oponente Resultado
Flag of Australia.svg Austrália 2–1 Oitavas de final Flag of Poland.svg Polónia 3–1
Países Baixos Países Baixos 2–2 (pen 4–3) Quartas de final Flag of England.svg Inglaterra 2–1
Croácia Croácia 3–0 Semifinais Flag of Morocco.svg Marrocos 2–0

Final[editar | editar código-fonte]

Ver artigo principal: Copa do Mundo FIFA de 2022

A partida foi o décimo terceiro confronto entre as duas equipes, sendo que a Argentina venceu 6 delas e perdeu 3 e outras três partidas terminaram em empate. As duas equipes se enfrentaram três vezes em partidas da Copa do Mundo e duas delas aconteceram na fase de grupos com a Argentina vencendo as duas vezes: 1–0 em 1930 (sua estreia em uma Copa do Mundo) e 2–1 em 1978. Na última Copa do Mundo, o encontro teve a França vencendo a Argentina por 4–3 nas oitavas de final da Copa do Mundo da FIFA 2018.[30]

18 de dezembro Argentina Argentina 3 - 3 (pro) França França Estádio Nacional de Lusail, Lusail
18:00 (UTC+3)
Crystal Clear app kworldclock.png Histórico
Messi Gol marcado aos 23 minutos de jogo 23' (pen.), Gol marcado aos 108 minutos de jogo 108'
Di Maria Gol marcado aos 36 minutos de jogo 36'
Relatório Mbappé Gol marcado aos 80 minutos de jogo 80' (pen.), Gol marcado aos 81 minutos de jogo 81', Gol marcado aos 118 minutos de jogo 118' (pen.) Público: 88 966
Árbitro: PolóniaPOL Szymon Marciniak
    Penalidades  
Messi Convertido
Dybala Convertido
Paredes Convertido
Montiel Convertido
4 – 2 Convertido Mbappé
Erro (Defesa) Coman
Erro (Fora) Tchouaméni
Convertido Kolo Muani
 
Cores do Time Cores do Time Cores do Time
Cores do Time
Cores do Time
0
Cores do Time Cores do Time Cores do Time
Cores do Time
Cores do Time
Argentina
Cores do Time Cores do Time Cores do Time
Cores do Time
Cores do Time
França
Cores do Time Cores do Time Cores do Time
Cores do Time
Cores do Time
0
G 23 Emiliano Martínez Penalizado com cartão amarelo após 120+5 minutos 120+5'
LD 26 Nahuel Molina Substituído após 91 minutos de jogo 91'
Z 13 Cristian Romero
Z 19 Nicolás Otamendi
LE 3 Nicolás Tagliafico Substituído após 120+1 minutos de jogo 120+1'
M 24 Enzo Fernández Penalizado com cartão amarelo após 45+7 minutos 45+7'
M 7 Rodrigo De Paul Substituído após 102 minutos de jogo 102'
PD 20 Alexis Mac Allister Substituído após 116 minutos de jogo 116'
MA 10 Lionel Messi (c)
PE 9 Julián Álvarez Substituído após 102 minutos de jogo 102'
A 11 Ángel Di María Substituído após 64 minutos de jogo 64'
Substitutions:
M 8 Marcos Acuña Penalizado com cartão amarelo após 90+8 minutos 90+8' Entrou em campo após 64 minutos 64'
Z 4 Gonzalo Montiel Penalizado com cartão amarelo após 116 minutos 116' Entrou em campo após 91 minutos 91'
M 5 Leandro Paredes Penalizado com cartão amarelo após 114 minutos 114' Entrou em campo após 102 minutos 102'
A 22 Lautaro Martínez Entrou em campo após 102 minutos 102'
Z 6 Germán Pezzella Entrou em campo após 116 minutos 116'
A 21 Paulo Dybala Entrou em campo após 120+1 minutos 120+1'
Técnico:
Argentina Lionel Scaloni
ARG-FRA 2022-12-18.svg
G 1 Hugo Lloris (c)
LD 5 Jules Koundé Substituído após 120+1 minutos de jogo 120+1'
Z 4 Raphaël Varane Substituído após 113 minutos de jogo 113'
Z 18 Dayot Upamecano
LE 22 Theo Hernández Substituído após 71 minutos de jogo 71'
M 8 Aurélien Tchouaméni
M 14 Adrien Rabiot Penalizado com cartão amarelo após 55 minutos 55' Substituído após 96 minutos de jogo 96'
PD 11 Ousmane Dembélé Substituído após 41 minutos de jogo 41'
MA 7 Antoine Griezmann Substituído após 71 minutos de jogo 71'
PE 10 Kylian Mbappé
A 9 Olivier Giroud Penalizado com cartão amarelo após 90+5 minutos 90+5' Substituído após 41 minutos de jogo 41'
Substitutions:
A 12 Randal Kolo Muani Entrou em campo após 41 minutos 41'
A 26 Marcus Thuram Penalizado com cartão amarelo após 87 minutos 87' Entrou em campo após 41 minutos 41'
A 20 Kingsley Coman Entrou em campo após 71 minutos 71'
M 25 Eduardo Camavinga Entrou em campo após 71 minutos 71'
M 13 Youssouf Fofana Entrou em campo após 96 minutos 96'
Z 24 Ibrahima Konaté Entrou em campo após 113 minutos 113'
Z 3 Axel Disasi Entrou em campo após 120+1 minutos 120+1'
Técnico:
França Didier Deschamps

Homem do Jogo:
Argentina Lionel Messi

Bandeirinhas:
Polónia Paweł Sokolnicki
Polónia Tomasz Listkiewicz
Quarto árbitro:
Estados Unidos Ismail Elfath
Quinta árbitra:
Estados Unidos Kathryn Nesbitt
Árbitro assistente de vídeo:
Polónia Tomasz Kwiatkowski
Árbitros assistentes de árbitro de vídeo:
Venezuela Juan Soto
Estados Unidos Kyle Atkins
México Fernando Guerrero

Regulamento[31]

Pós-jogo[editar | editar código-fonte]

A Argentina conquistou seu terceiro título da Copa do Mundo da FIFA, atrás apenas dos cinco títulos do Brasil e dos quatro títulos da Itália e da Alemanha. O capitão da Argentina, Lionel Messi, foi eleito o melhor em campo, e ganhou o prêmio Bola de Ouro como o melhor jogador do torneio, tornando-se o primeiro jogador a ganhar o prêmio duas vezes.

Ele também ganhou o prêmio Chuteira de Prata com o segundo maior número de gols no torneio. A aparição de Messi também significou que ele ultrapassou Lothar Matthäus como o jogador com mais participações na Copa do Mundo. A partida foi a terceira final da Copa do Mundo da FIFA a ser decidida na disputa de pênaltis, depois de 1994 e 2006, a última das quais a França também perdeu. Os seis gols na final elevaram o total de gols marcados no torneio ao recorde de 172, superando os 171 gols marcados em 1998 e 2014.

O francês Kylian Mbappé se tornou o segundo jogador a marcar um hat-trick em uma final de Copa do Mundo masculina, após Geoff Hurst pela Inglaterra em 1966. Com seus três gols, ele ultrapassou Messi para ganhar o prêmio Chuteira de Ouro como o artilheiro do torneio com oito gols, e também foi premiado com a Bola de Prata como o segundo melhor jogador da Copa do Mundo.[32][33][34]

Referências

  1. «Na melhor final da história das Copas, Argentina é tri com dois de Messi». uol 
  2. «Argentina se lleva la final de todos los tiempos». Marca (em espanhol) 
  3. «Why Argentina's win over France was the greatest World Cup final ever». CNN (em inglês) 
  4. «WAS ARGENTINA-FRANCE THE BEST WORLD CUP FINAL EVER? RANKING THE 5 BEST». Fox Sports (em inglês) 
  5. «Argentina-Francia è la finale più bella di sempre?» (em italiano) 
  6. «World Cup 2022: Was Argentina's win over France the best ever final?» (em inglês) 
  7. Lewis, Rhett (11 de janeiro de 2022). «How Many Times Has Argentina Won The World Cup?». History Of Soccer 
  8. «Brazil 2–0 Argentina: Copa América semi-final – as it happened». the Guardian. 3 de julho de 2019 
  9. «Argentina stun Brazil in Copa América final to end 28-year trophy drought». the Guardian. 11 de julho de 2021 
  10. «Argentina beat Brazil 1–0 to win Copa America, 1st major title in 28 yrs». 11 de julho de 2021 – via www.reuters.com 
  11. «Messi echoes Maradona in masterclass as Argentina sends epic World Cup statement». Fox Sports. 1 de junho de 2022 
  12. «Argentina are favourites for World Cup 2022 win in Qatar with 'happy' Lionel Messi, says Joe Cole». Eurosport. 22 de novembro de 2022 
  13. «World Cup 2022 betting odds: which team are favourites to win?». 14 de dezembro de 2022 – via www.reuters.com 
  14. «Who is Vittorio Pozzo French World Cup coach Didier Deschamps is trying to emulate». FIFA. Consultado em 14 de dezembro de 2022 
  15. «World Cup Champions Squads 1930–2018». RSSSF. 15 de setembro de 2021. Consultado em 14 de dezembro de 2022 
  16. West, Jenna (15 de julho de 2018). «Didier Deschamps Becomes Third to Win World Cup as Player and Manager». Sports Illustrated. Consultado em 16 de julho de 2018 
  17. a b «adidas reveals the FIFA World Cup™ official Finals match ball» (em inglês). FIFA. 11 de dezembro de 2022. Consultado em 11 de dezembro de 2022 
  18. «Lusail Stadium». Supreme Committee for Delivery & Legacy. Consultado em 30 de março de 2022 
  19. «Lusail Iconic Stadium for Qatar 2022 is revealed at Leaders in Football conference in London» (Nota de imprensa). Foster and Partners. 6 de outubro de 2010. Consultado em 30 de março de 2022 
  20. «FIFA World Cup match schedule confirmed: hosts Qatar to kick off 2022 tournament at Al Bayt Stadium». FIFA. 15 de julho de 2020. Consultado em 30 de março de 2022 
  21. «FIFA World Cup Qatar 2022 – Match Schedule» (PDF). FIFA.com. Fédération Internationale de Football Association. 11 de agosto de 2022. Consultado em 11 de agosto de 2022 
  22. «Lusail Iconic Stadium - FIFA World Cup Qatar». e-architect. 7 de março de 2019. Consultado em 20 de janeiro de 2022 
  23. «Lusail Iconic Stadium World Cup 2022: Qatar World Cup Stadium». fifaworldcupnews.com. 23 de setembro de 2021. Consultado em 17 de fevereiro de 2022 
  24. «Qatar's Lusail Iconic Stadium for Solar World Cup Stadium». architecture-view.com. 27 de outubro de 2010. Consultado em 24 de fevereiro de 2022. Cópia arquivada em 16 de junho de 2016 
  25. «Work starts on Qatar World Cup final stadium at Lusail». thepeninsulaqatar.com. 12 de abril de 2017. Consultado em 24 de fevereiro de 2022 
  26. Parkes, James (23 de novembro de 2021). «Foster + Partners-designed Lusail Stadium among eight completed Qatar World Cup venues». Dezeen. Consultado em 30 de março de 2022 
  27. «Photos: Lusail Super Cup tests stadium hosting World Cup final». aljazeera.com. Consultado em 16 de setembro de 2022 
  28. Sobura, Tomasz (2 de fevereiro de 2022). «New stadium: The date bowl still awaiting its first game». StadiumDB.com. Consultado em 30 de março de 2022 
  29. «Macron 'immensely proud' that France in World Cup final». The Washington Post. 14 de dezembro de 2022. Consultado em 16 de dezembro de 2022 
  30. «Argentina national football team: record v Argentina». 11v11.com. Consultado em 14 de dezembro de 2022 
  31. «Título ainda não informado (favor adicionar)» (PDF). resources.fifa.com 
  32. «World Cup » Statistics » Goals per season». WorldFootball.net. Consultado em 18 de dezembro de 2022 
  33. «World Cup Golden Ball: Full winners list & how best player award is decided». Goal.com. 18 de dezembro de 2022. Consultado em 18 de dezembro de 2022 
  34. Andrews, Connor (18 de dezembro de 2022). «Kylian Mbappe becomes first player to score World Cup final hat-trick since Geoff Hurst as he twice brings France back level with Argentina and overtakes Pele and Zinedine Zidane». Talksport. Consultado em 18 de dezembro de 2022 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

O Commons possui uma categoria com imagens e outros ficheiros sobre Final da Copa do Mundo FIFA de 2022