Antoine Griezmann

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Antoine Griezmann
Antoine Griezmann
Griezmann em 2015
Informações pessoais
Nome completo Antoine Griezmann
Data de nasc. 21 de março de 1991 (26 anos)
Local de nasc. Mâcon, França
Nacionalidade francês
Altura 1,76 m
Canhoto
Apelido Le Petit Diable
Informações profissionais
Clube atual Atlético de Madrid
Número 7
Posição Atacante
Clubes de juventude
1997–1999
1999–2005
2005–2009
Mâcon
Mâconnais
Real Sociedad
Clubes profissionais2
Anos Clubes Jogos e gol(o)s
2009–2014
2014–
Real Sociedad
Atlético de Madrid
0202 00(52)
0166 00(86)
Seleção nacional3
2010
2011
2010–2012
2014–
França Sub-19
França Sub-20
França Sub-21
França
0007 000(3)
0008 000(1)
0010 000(3)
0047 00(18)


2 Partidas e gols totais pelo
clube, atualizados até 16 de setembro de 2017.
3 Partidas e gols da seleção nacional estão atualizados
até 10 de outubro de 2017.

Antoine Griezmann (Mâcon, 21 de março de 1991) é um futebolista francês que atua como atacante. Atualmente defende o Atlético de Madrid.

Biografia[editar | editar código-fonte]

Griezmann nasceu na comuna de Mâcon, no departamento de Saône-et-Loire. O seu pai, Alain, é de origem alsaciana; daí o sobrenome germânico.[1] A sua mãe, Isabelle, é de ascendência portuguesa. O seu avô materno, o português Amaro Lopes, foi jogador de futebol do F.C. Paços de Ferreira.[2] Lopes foi para França trabalhar na construção civil em 1957, onde Isabelle nasceu; morreu em 1992, quando o neto era um bebé. Em criança, Griezmann passava muitas vezes as férias em Paços de Ferreira.[2]

Clubes[editar | editar código-fonte]

Integrou a Real Sociedad desde as categorias de base. Estreou pela equipe principal em 2 de setembro de 2009 contra o Rayo Vallecano.

Atlético de Madrid[editar | editar código-fonte]

2014–15[editar | editar código-fonte]

Em 28 de julho de 2014 transferiu-se ao Atlético de Madrid por um valor estimado em 30 milhões de euros.[3] Logo em sua chegada ao clube conquistou a Supercopa da Espanha sobre o rival Real Madrid. Seu primeiro gol acontece na partida contra o L'Hostitalet da terceira divisão espanhola, em partida válida pela Copa do Rei vencida por 3–0 pelo Atlético. Pela La Liga fez seu primeiro gol na vitória de 3–1 sobre o Rayo Vallecano em outubro. Se destacou na goleada de 4–0 sobre o Real Madrid em 7 de fevereiro, sendo autor de um gol e duas assistências na partida.[4] Fez um gol na partida contra o Barcelona pelas quartas de final da Copa do Rei, na qual sua equipe perdeu por 3–2 no Vicente Caldeirón e foi eliminada da competição. Em abril fez um golaço de meia-bicicleta em partida contra o Deportivo La Coruña, vencida pelo Atlético por 2–1. [5] Nas quartas de final da Liga dos Campeões da UEFA o Atlético terminou eliminado por 1–0 para o Real Madrid no Santiago Bernabéu. Griezmann encerou sua temporada de estreia no clube já como o terceiro maior goleador da Liga 2014–15, com vinte e dois gols marcados.

2015–16[editar | editar código-fonte]

Já em sua segunda temporada foi o principal protagonista da campanha do Atlético de Madrid na Liga dos Campeões da UEFA. No clássico contra o Real Madrid em pleno Santiago Bernabéu pelo Campeonato Espanhol foi o autor do único gol da partida, garantindo a vitória dos colchoneros por 1–0 fora de seus domínios.[6] Na partida de volta das quartas de final da Liga dos Campeões, marcou os dois gols que classificaram o Atlético para a semifinal, eliminando o favorito Barcelona do badalado trio MSN.[7] Carregou o Atlético até a final da Liga dos Campeões da UEFA 2015-16 marcando o gol decisivo que eliminou o fortíssimo Bayern de Munique em plena Allianz Arena. Na final o Atlético acabou derrotado nos pênaltis pelo Real Madrid. Após o fim da temporada renovou seu contrato com o Atlético de Madrid até junho de 2021.[8]

Griezmann foi eleito o melhor jogador da Liga Espanhola superando Lionel Messi, Neymar, Cristiano Ronaldo e Gareth Bale e foi o segundo na eleição da UEFA de Melhor Jogador da temporada, somente atrás do português Cristiano Ronaldo. Nesse mesmo ano, foi anunciado pela FIFA como sendo um dos finalistas ao prêmio da Bola de Ouro, entregue ao melhor jogador do mundo no ano, disputando com ninguém menos que Lionel Messi e Cristiano Ronaldo.

2016–17[editar | editar código-fonte]

Marcou pela primeira vez na temporada 2016–17 em 10 de setembro na vitória por 4–0 sobre o Celta de Vigo na segunda rodada do Campeonato Espanhol fazendo dois gols. Fez mais dois na goleada sobre o Sporting de Gijón por 5–0 em 17 de setembro na terceira rodada da Liga. Marcou mais um na vitória apertada sobre o Deportivo La Coruña por 1–0 em 25 de setembro. Em 11 de novembro marcou os dois gols da vitória sobre o Rostov pela fase de grupos da Liga dos Campeões da UEFA. Em 19 de dezembro foi eleito pela France Football como melhor futebolista francês do ano. [9] Foi um dos três finalistas a Bola de Ouro da FIFA 2016, mas ficou em terceiro lugar atrás de Cristiano Ronaldo e Lionel Messi, respectivamente.

No jogo de ida das oitavas de final da Liga dos Campeões, Griezmann se destacou marcando um gol e anotando uma assistência na vitória fora de casa por 4–2 contra o Bayer Leverkusen.

Em 5 de março marcou dois gols na vitória contra o Valencia por 3–0 em partida válida pela La Liga. Voltou a marcar na vitória sobre o Granada por 1–0 em 11 do mesmo mês. Também foi decisivo ao converter um pênalti sofrido por ele mesmo na partida de ida das quartas de finais da Liga dos Campeões da UEFA contra o Leicester City no Vicente Calderón, na qual o Atleti venceu por 1 a 0.

No jogo de volta da semifinal, marcou de pênalti na vitoria contra o Real Madrid por 2x1 no Estádio Vicente Calderón, resultado que eliminou o time colchonero da competição por haver sido derrotado por 3x0 no jogo de ida, sendo esta já a quarta eliminação seguida do Atlético contra o Real Madrid na Liga dos Campeões.

2017-18[editar | editar código-fonte]

A temporada 2017–18 começou conturbada para o francês. O camisa 7 do time colchonero foi um dos atletas mais visados por outros clubes na janela de transferências, tanto que o Atlético teve que aumentar sua multa rescisória para o dobro (de 100 passou para 200 milhões de euros) para afastar os interessados. Com o fechamento da janela, sua multa voltou à casa dos 100 milhões. Na estreia pela La Liga foi expulso e pegou suspensão de três partidas por ter xingado o árbitro.

Seleção Francesa[editar | editar código-fonte]

Debutou pela Seleção Francesa principal, comandada por Didier Deschamps, em 6 de março de 2014 na partida amistosa contra a Holanda.[10]

Participou da Copa do Mundo FIFA de 2014.[11]

Eurocopa 2016[editar | editar código-fonte]

Devido a boa fase pelo Atlético de Madrid tornou-se a grande esperança da Seleção Francesa para conquistar a UEFA Euro 2016 realizada em seu próprio território. Na fase de grupos da competição ps franceses jogaram muito bem e conseguiram a classificação para o mata-mata com folga. Griemann, embora ter marcado um gol na vitória sobre a Albânia na segunda rodada teve com um rendimento abaixo do esperado em todos os jogos da primeira fase. A redenção veio nas oitavas de final marcando os dois gols da virada francesa sobre a Irlanda, garantindo a classificação para as quartas de final. [12] Nas quartas de final marcou uma vez na goleada de 5 a 2 sobre a brava Islândia, surpresa da competição que havia passado sobre a Inglaterra nas oitavas. O melhor de Griezmann ficou para o jogo contra a poderosa Alemanha na semifinal. Diante da atual campeã do mundo, o camisa 7 balançou as redes duas vezes e despachou os alemães, garantindo a vaga francesa para a final da competição. O sonho do título francês terminou em frustação com a derrota de 1 a 0 frente a Portugal na prorrogação em pleno Stade de France, palco da conquista do título mundial de 98. Como forma de consolo, Griezmann recebeu a Chuteira de Ouro pela artilharia na competição com seis gols marcados.

Estatísticas[editar | editar código-fonte]

Atualizado em 9 de abril de 2017.[13][14][15][16][17]

Clubes[editar | editar código-fonte]

Equipe Temporada Campeonato
nacional
Copa
nacional
Competições
continentais
Outros
torneios
Total
Jogos Gols Jogos Gols Jogos Gols Jogos Gols Jogos Gols
Real Sociedad 2009–10 39 6 39 6
2010–11 37 7 2 0 39 7
2011–12 35 7 3 1 38 8
2012–13 34 10 1 1 35 11
2013–14 35 16 7 3 8 1 50 20
Total 180 46 13 5 8 1 201 52
Atlético de Madrid 2014–15 37 22 5 1 9 2 2 0 53 25
2015–16 38 22 3 3 13 7 54 32
2016–17 30 15 5 4 8 4 0 0 43 23
Total 105 59 13 8 30 13 2 0 150 80
Total na carreira 285 105 26 13 38 14 2 0 351 132

Seleção Francesa[editar | editar código-fonte]

Expanda a caixa de informações para conferir todos os jogos deste jogador, pela sua seleção nacional.

Sub-19
Sub-20
Sub-21
Seleção Principal

Títulos[editar | editar código-fonte]

Real Sociedad
Atlético de Madrid
França

Prêmios individuais[editar | editar código-fonte]

Artilharias[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. Wallace, Sam (3 de julho de 2014). «France v Germany World Cup 2014: Antoine Griezmann's rapid rise can outpace German rival». The Independent 
  2. a b Alvarenga, Vítor Hugo (28 de setembro de 2015). «A herança portuguesa de Griezmann, Antoine 'Lopes' Griezmann». Mais Futebol. Consultado em 5 de julho de 2016 
  3. «Acuerdo con la Real Sociedad para el traspaso de Griezmann» (em espanhol). Sítio oficial Atlético de Madrid. 28 de julho de 2014 
  4. «Imprensa espanhola não perdoa goleada sofrida pelo Real para o "4atlétic0"». UOL. 8 de fevereiro de 2015. Consultado em 16 de novembro de 2016 
  5. ESPN. «Com golaço Griezmann garante vitória do Atlético e supera Neymar em briga particular». Consultado em 16 de novembro de 2016 
  6. «Gol de Real Madrid 0x1 Atletico de Madrid pela Liga BBVA». Fox Sports. 27 de fevereiro de 2016. Consultado em 23 de abril de 2016 
  7. «Gol de Atletico de Madrid 2x0 Barcelona (Griezmann) Liga dos Campeões melhores momentos». Guia do Boleiro. Consultado em 23 de abril de 2016 
  8. «Griezmann renova com Atlético: "Muito feliz de seguir com essa família"». Globoesporte.com. 23 de junho de 2016. Consultado em 26 de junho de 2016 
  9. Mais Futebol (19 de dezembro de 2016). «Griezmann eleito futebolista francês do ano». Consultado em 20 de dezembro de 2016 
  10. «Lucas Digne debut... Blaise Matuidi incredible!» (em inglês). Sítio oficial PSG. 6 de março de 2014 
  11. «Les 23+7 de Didier Deschamps pour la Coupe du monde» (em francês). L'Équipe. 13 de maio de 2014 
  12. Esporte Interativo (26 de junho de 2016). «França sai atrás, mas reage com Griezmann e se classifica». Consultado em 26 de junho de 2016 
  13. «Perfil de A. Griezmann». Soccerway. Consultado em 9 de abril de 2017 
  14. «Perfil ESPN de A. Griezmann». ESPN. Consultado em 19 de março de 2016 
  15. «Antoine Griezmann - Seleção». Transfermarkt. Consultado em 13 de abril de 2016 
  16. «Griezmann, Antoine». National Football Teams. Consultado em 13 de abril de 2016 
  17. «Football PLAYER: Antoine Griezmann». EU-football.info. Consultado em 13 de abril de 2016 
  18. «Technical Report» (PDF). UEFA. pp. 82–83 
  19. «Francês Griezmann ganha a Bota de Ouro». UEFA. 10 de julho de 2016. Consultado em 10 de julho de 2016 
  20. «Antoine Griezmann, 'Mejor Jugador de LaLiga Santander 2015/16'». LPF. 24 de outubro de 2016 
  21. «The 100 best footballers in the world 2016 – interactive» (em inglês). The Guardian 
  22. «Antoine Griezmann» (em espanhol). Marca 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Antoine Griezmann