Joshua Kimmich

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Joshua Kimmich
Joshua Kimmich
Joshua Kimmich em 2018.
Informações pessoais
Nome completo Joshua Walter Kimmich
Data de nasc. 8 de fevereiro de 1995 (25 anos)
Local de nasc. Rottweil, Alemanha
Nacionalidade alemão
Altura 1,76 m
destro
Informações profissionais
Clube atual Bayern de Munique
Número 6
Posição lateral-direito e volante
Clubes de juventude
0000–2007
2007–2013
VfB Bösingen
Stuttgart
Clubes profissionais2
Anos Clubes Jogos e gol(o)s
2013–2015
2015–
RB Leipzig
Bayern de Munique
0055 0000(3)
0228 000(26)
Seleção nacional3
2008
2013
2013–2014
2014–2016
2016–
Alemanha Sub-17
Alemanha Sub-18
Alemanha Sub-19
Alemanha Sub-21
Alemanha
0002 0000(0)
0005 0000(0)
0009 0000(1)
0014 0000(2)
0050 0000(3)


2 Partidas e gols totais pelo
clube, atualizados até 21 de outubro de 2020.
3 Partidas e gols da seleção nacional estão atualizados
até 13 de outubro de 2020.

Joshua Walter Kimmich (Rottweil, 8 de fevereiro de 1995), é um futebolista alemão que atua como volante e lateral-direito. Atualmente joga pelo Bayern de Munique e defende a seleção da Alemanha.

Clubes[editar | editar código-fonte]

Início da carreira[editar | editar código-fonte]

Kimmich jogou futebol juvenil no VfB Stuttgart antes de ingressar no RB Leipzig em julho de 2013. Stuttgart garantiu a opção de recompra. Ele estreou na 3. Liga no dia 28 de setembro daquele ano, substituindo Thiago Rockenbach no empate por 2 a 2 com o SpVgg Unterhaching. Ele marcou seu primeiro gol profissional na vitória por 3–2 sobre o 1. FC Saarbrücken em 30 de novembro de 2013. Ele terminou a temporada 2013-14 em 26 jogos e 1 gol, e a 2014-2015 com 29 jogos e 2 gols.

Bayern de Munique[editar | editar código-fonte]

2015–16[editar | editar código-fonte]

Em 2 de janeiro de 2015, Kimmich concordou a se juntar ao Bayern de Munique em um contrato de cinco anos que duraria até 30 de junho de 2020, por 7 milhões de euros. Ele estreou no clube em 9 de agosto, começando na primeira rodada da Copa da Alemanha contra o FC Nöttingen. Pep Guardiola lançou-o na Bundesliga no mês seguinte, em 12 de setembro, quando entrou no segundo tempo em um jogo em casa contra o FC Augsburg. Quatro dias depois, Kimmich fez sua primeira aparição na Champions League no jogo de estreia do Bayern contra o Olympiakos, e começou na Bundesliga como titular pela primeira vez três dias depois, jogando 90 minutos contra o SV Darmstadt 98 na vitória por 3 a 0.

Kimmich terminou sua primeira temporada no Bayern, tendo feito 23 jogos no campeonato, dos quais 15 ele foi titular. Volante de origem, jogou a maioria dos jogos em sua primeira temporada no Bayern de zagueiro devido a lesões de seus companheiros. Jogou os 120 minutos da final da Copa da Alemanha contra o Borussia Dortmund, que terminou 0x0 e foi pros pênaltis. Nas penalidades, Kimmich desperdiça sua cobrança, porém seu time sai vitorioso no jogo que viria a ser a despedida de Pep Guardiola do Bayern de Munique.

2016–17[editar | editar código-fonte]

Kimmich começou a temporada 2016-17, saindo do banco na vitória por 2-0 contra o Borussia Dortmund na DFL-Supercup de 2016. No dia 9 de setembro, ele marcou seu primeiro gol pelo FC Bayern na vitória por 2-0 na Bundesliga, fora do FC Schalke 04. Quatro dias depois, ele marcou seus dois primeiros gols na Liga dos Campeões em uma vitória em casa por 5-0 contra o FC Rostov. Kimmich marcou um gol aos 88 minutos na vitória por 1-0 fora de casa contra o Hamburger SV. Com a chegada de Mats Hummels, a zaga deixa de ser uma carência no Bayern e Kimmich passa a atuar cada vez mais no meio campo, tendo inclusive uma fase artilheira no começo da temporada.

Ele terminou a temporada 2016-17 com nove gols em quarenta jogos.

2017–18[editar | editar código-fonte]

Com a aposentadoria de Lahm, Kimmich deixa a volância e passa a jogar na lateral direita, se tornando assim um dos melhores do mundo na função.

Kimmich jogou a Supercopa da Alemanha 2017 e conquistou o torneio quando o Bayern derrotou o seu rival rival Borussia Dortmund nos pênaltis por 5 a 4, após o jogo terminar em 2 a 2 no tempo regulamentar. Em 16 de setembro, ele deu três assistências para os gols de Thomas Müller, Arjen Robben e Robert Lewandowski contra o 1. FSV Mainz 05 em uma vitória por 4-0. Em 9 de março de 2018, Kimmich renovou por mais três anos do que antes, e seu contrato passou a durar até 30 de junho de 2023. Ele fez gol nos jogos de ida e volta da semifinal da Champions League contra o Real Madrid, mas sua equipe foi derrotada por 4-3 no agregado. Kimmich terminou a temporada 2017-18 com seis gols e dezessete assistências em 47 jogos, sendo disparado o lateral com mais assistências naquela temporada.

2018–19[editar | editar código-fonte]

Em 12 de agosto, Kimmich começou a temporada jogando a Supercopa da Alemanha e  conquistou o título ao derrotar o Eintracht Frankfurt com uma vitória por 5-0. Na semana seguinte, em 18 de agosto de 2018, Kimmich jogou contra o SV Drochtersen / Assel na primeira rodada da Copa da Alemanha em vitória por 1x0 do Bayern. Kimmich jogou no jogo de estreia da temporada da Bundesliga contra o Hoffenheim 1899 em 24 de agosto de 2018. O Bayern venceu o jogo por 3-1. O primeiro gol da temporada de Kimmich foi contra o Hannover 96 em 15 de dezembro de 2018. Ele fez a sua 100ª aparição na liga pelo clube em 9 de fevereiro de 2019 durante uma vitória por 3 a 1 sobre o rival Schalke. Nas oitavas de final da Champions, o Bayern enfrentou o Liverpool em Anfield e o jogo terminou 0x0. Porém, Kimmich recebeu cartão amarelo nesse jogo e devido ao acúmulo desses ficou de fora do jogo de volta. Curiosamente, no jogo de volta na Alemanha o Bayern acaba derrotado por 3x1, levando dois gols de Sadio Mane, que seria o encarregado de Kimmich marcar caso jogasse como fez no jogo na Inglaterra.

Kimmich jogou todas as 34 partidas da Bundesliga e não foi substituído, jogando assim todos os minutos na sua equipe no campeonato nacional. Nesses 34 jogos, Kimmich marcou dois gols e terminou em segundo no campeonato com 13 assistências.

No geral, terminou a temporada com 48 jogos, 2 gols e 19 assistências. Sendo assim pelo segundo ano seguido o lateral com mais assistências na temporada europeia, superando nomes como Alexander Arnold e Robertson nesse quesito, ambos laterais do campeão europeu dessa temporada.

2019–20[editar | editar código-fonte]

Com a contratação de Benjamin Pavard, lateral campeão do mundo pela França em 2018, Kimmich voltou a atuar mais no meio campo do que na lateral direita(ainda exercendo a função quando preciso), formando assim uma das melhores duplas de volantes do mundo com Thiago Alcântara. Em partida contra o Tottenham no estádio do time londrino pela fase de grupos da Champions, Kimmich fez o gol que iniciou a virada do time alemão, que viria a ficar marcado por uma goleada do Bayern em cima do time inglês por 7x2. Ao longo da temporada, continuou fazendo grandes atuações e se tornou o meio campista com mais minutos pelo Bayern na temporada. Em meio a pandemia e portões fechados, o Bayern visitou o Borussia Dortmund em um confronto direto pela briga do título alemão, e Kimmich decidiu fazendo o único gol do jogo ao fazer um golaço de fora da área encobrindo o goleiro Burki, deixando assim seu time 7 pontos na frente do seu rival faltando poucas rodadas para o fim do campeonato. No fim, o Bayern se sagrou campeão da Bundesliga. Na final da Copa da Alemanha, Kimmich foi decisivo mais uma vez e deu uma assistência para Serge Gnabry na vitória por 4x2 sobre o Bayer Leverkusen, que culminou no segundo título do Bayern na temporada. Encerradas as competições nacionais, ainda faltava o principal objetivo do Bayern na temporada - vencer a Liga dos Campeões pela sexta vez. Devido a lesão de Pavard, Kimmich voltou a atuar como lateral direito na reta final do torneio. Após duas vitórias tranquilas sobre o Chelsea nas oitavas de final (3x0 fora de casa e 4x1 em Munique), o adversário do Bayern nas quartas era o Barcelona de Messi e Luis Suarez. Devido a pandemia do corona vírus, os jogos da Champions passaram a ser disputados somente em Portugal e em jogo único. O Bayern não tomou conhecimento e do time espanhol e aplicou incríveis 8x2, com Kimmich fazendo um e dando um assistência na goleada alemã. Na semi, o Bayern enfrentou a sensação Lyon que havia eliminado a Juventus e o Manchester City. O Bayern venceu por 3x0 e Kimmich deu uma assistência para Lewandowski marcar de cabeça nessa partida. Na final, o adversário era o PSG de Neymar e Mbappe. Em um jogo muito equilibrado, os alemães se saíram vencedores e conquistaram a Liga dos Campeões 2019-2010 após ganharem por 1x0 no tempo normal com gol de cabeça de Coman e mais uma assistência de Kimmich. Ao final da temporada, venceu os três principais títulos que disputou e ganhou a tríplice coroa (liga nacional, copa nacional e copa continental).

Estatísticas[editar | editar código-fonte]

Equipe Temporada Campeonato

nacional

Copas

nacionais

Competições

continentais

Outros

torneios

Total
Jogos Gols Assist. Jogos Gols Assist. Jogos Gols Assist. Jogos Gols Assist. Jogos Gols Assist.
Bayern de Munique 2015-2016 23 0 2 4 0 0 9 0 0 - 36 0 2
2016-2017 27 6 1 4 0 1 8 3 0 1 0 0 40 9 2
2017-2018 29 1 12 6 1 1 11 4 3 1 0 1 47 6 17
2018-2019 34 2 14 6 0 2 7 0 2 1 0 1 48 2 19
2019-2020 33 4 9 6 1 4 11 2 4 1 0 0 51 7 17
Total 146 13 38 26 2 8 46 9 9 4 0 2 224 24 57

Seleção Alemã[editar | editar código-fonte]

Estreou pela Seleção Alemã principal em 29 de maio de 2016 em partida amistosa contra a Eslováquia.[1] Foi convocado para disputar a Eurocopa de 2016.[2]

Títulos[editar | editar código-fonte]

Bayern Munique
Alemanha

Prêmios individuais[editar | editar código-fonte]

Referências

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Joshua Kimmich