Sami Khedira

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Sami Khedira
سامي خضيرة
Sami Khedira سامي خضيرة
Sami Khedira pela seleção alemã.
Informações pessoais
Nome completo Sami Khedira
Data de nasc. 4 de abril de 1987 (35 anos)
Local de nasc. Stuttgart, Alemanha Ocidental
Nacionalidade alemão
tunisiano
Altura 1,89 m
destro
Informações profissionais
Clube atual Aposentado
Posição ex-Volante
Clubes de juventude
1992–1995
1995–2004
TV Oeffingen
Stuttgart
Clubes profissionais
Anos Clubes Jogos e gol(o)s
2004–2006
2006–2010
2010–2015
2015–2021
2021
Stuttgart II
Stuttgart
Real Madrid
Juventus
Hertha Berlim
0022 0000(1)
0130 000(15)
0161 0000(9)
0145 000(21)
0009 0000(0)
Seleção nacional
2003–2004
2007–2009
2009–2018
Alemanha Sub-17
Alemanha Sub-21
Alemanha
0010 0000(2)
0015 0000(5)
0077 0000(7)

Sami Khedira - em árabe: سامي خضيرة - (Stuttgart, 4 de abril de 1987) é um ex-futebolista alemão de ascendência tunisiana que atuava como volante.

Famoso por ser um dos onze jogadores que ganharam a Liga dos Campeões da UEFA e a Copa do Mundo FIFA no mesmo ano, ao lado de Christian Karembeu (em 1998), Roberto Carlos (em 2002), Raphaël Varane (em 2018), além de sete jogadores do Bayern de Munique, em 1974.

Clubes[editar | editar código-fonte]

Stuttgart[editar | editar código-fonte]

Khedira comemora vitória na Bundesliga com o VfB Stuttgart em 2006–07

Khedira foi revelado pelo Stuttgart em 2006, após onze anos nas categorias inferiores. No período em que esteve no clube, conquistou o título da Bundesliga na temporada 2006–07.

Real Madri[editar | editar código-fonte]

Após o bom desempenho na Copa do Mundo de 2010 o Real Madrid o contratou por cinco temporadas.[1] Sofreu grave lesão em seu joelho direito ocorrida na partida entre Alemanha e Itália em 15 de novembro de 2013.[2] Retornaria somente mais de seis meses depois, em 12 de maio de 2014, na partida contra o Celta de Vigo pela liga espanhola.[3]

Após 5 temporadas não renovou contrato com o Real Madri assim encerrando sua passagem pelo time madridista com seis títulos diferentes Liga dos Campeões, La Liga Santander, Copa do Rei (duas vezes), Mundial de Clubes, Supercopa da Europa e Espanha disputando 161 jogos onde marcou nove gols nessas cinco temporadas, de 2010 a 2015.[4]

Juventus[editar | editar código-fonte]

No dia 9 de junho de 2015 transferiu-se a Juventus por quatro temporadas.[5]

Em 1º de fevereiro de 2021 anuncia sua saída da Juventus encerrando sua passagem com 145 partidas somando todas as competições, com 21 gols e cinco scudettos, três Copas da Itália e duas Supercopas da Itália fez sua última partida defendendo a camisa de La Vecchia Signorada foi na semifinal da Copa da Itália, contra o Milan.[6]

Hertha Berlim[editar | editar código-fonte]

Em 1 de fevereiro de 2021, ele rescindiu seu contrato com a Juventus e depois fechou contrato com o Hertha Berlin[7], fez sua estreia em 5 de fevereiro de 2021 em uma derrota apertada contra o Bayern de Munique.[8]

Aposentadoria[editar | editar código-fonte]

Em 19 de maio de 2021, aos 34 anos, Khedira anunciou sua aposentadoria como jogador profissional, após a última rodada da Bundesliga e jogo contra o Hoffenheim.[9]

Seleção Alemã[editar | editar código-fonte]

Khedira jogando contra Bernard na Copa do Mundo de 2014.

Estreou pela Seleção Alemã principal em 5 de setembro de 2009 em partida amistosa ante a África do Sul. Foi titular da equipe na Copa do Mundo de 2010 que terminou na terceira colocação, na Eurocopa 2012 e na Copa do Mundo de 2014, quando sagrou-se campeão mundial. Exercia a função de capitão nas ausências do titular Bastian Schweinsteiger.[10]

Marcou um gol contra o Brasil no 7 a 1 sofrido pela Seleção Brasileira na Copa do Mundo de 2014.[11]

Vida pessoal[editar | editar código-fonte]

Khedira é filho de mãe alemã e pai tunisiano nascido na cidade de Hammamet.[12] Seu irmão Rani também é futebolista e atua pelo Augsburg.

Estatísticas[editar | editar código-fonte]

Gols pela Seleção Alemã[editar | editar código-fonte]

Data Local Resultado Adversário Gols Competição
1. 10 de julho de 2010 Port Elizabeth, África do Sul 3–2 Flag of Uruguay.svg Uruguai 1 Copa do Mundo FIFA de 2010
2. 22 de junho de 2012 Gdańsk, Polônia 4–2 Grécia Grécia 1 Eurocopa de 2012
3. 6 de fevereiro de 2013 Paris, França 2–1 França França 1 Amistoso
4. 11 de outubro de 2013 Colônia, Alemanha 3–0 Flag of Ireland.svg Irlanda 1 Elim. da Copa do Mundo FIFA de 2014
5. 8 de julho de 2014 Belo Horizonte, Brasil 7–1 Brasil Brasil 1 Copa do Mundo FIFA de 2014
6. 11 de outubro de 2016 Hanôver, Alemanha 2–0 Bandeira da Irlanda do Norte Irlanda do Norte 1 Elim. da Copa do Mundo FIFA de 2018
7. 11 de novembro de 2016 Serravalle, San Marino 8–0 Flag of San Marino.svg San Marino 1 Elim. da Copa do Mundo FIFA de 2018

Títulos[editar | editar código-fonte]

Stuttgart
Real Madrid
Juventus
Seleção Alemã

Referências

  1. «Khedira ya es blanco». UEFA.com. 30 de julho de 2010 
  2. «Khedira será baja por seis meses» (em espanhol). ESPN. 16 de novembro de 2013 
  3. «El Celta se da un homenaje y priva al Real Madrid de la Liga» (em espanhol). La Voz de Galicia. 12 de maio de 2014 
  4. «Sami Khedira anuncia sua aposentadoria: campeão mundial com alemanha e campeão europeu com o Real Madrid» (em espanhol). eldesmarque. 20 de maio de 2021. Consultado em 14 de julho de 2022 
  5. «Khedira è bianconero» (em italiano). Sítio oficial Juventus FC. 9 de junho de 2015 
  6. «Juventus, Khedira quer jogar: "Longe de Turim"» (em italiano). quotidiano. 30 de dezembro de 2020. Consultado em 14 de julho de 2022 
  7. «OBRIGADO POR TUDO, SAMI!» (em italiano). Juventus. 1 de fevereiro de 2021. Consultado em 14 de julho de 2022 
  8. «Bundesliga, Coman estraga a estreia de Khedira: 1-0 Bayern no Hertha, +10 sobre Leipzig» (em italiano). calciomercato. 5 de fevereiro de 2021. Consultado em 14 de julho de 2022 
  9. «Campeão mundial em 2014, Sami Khedira anuncia aposentadoria como jogador aos 34 anos». UOL. 19 de maio de 2021. Consultado em 14 de julho de 2022 
  10. «Captain Sami schreibt Schweinsteiger nicht ab» (em alemão). RP Online. 29 de março de 2016 
  11. «Verificação de segurança necessária». www.facebook.com. Consultado em 11 de abril de 2017 
  12. «Sami Khedira honed his skills in the Tunisian town of Hammamet where the World Cup winner is a hero» (em inglês). Dailymail. 16 de julho de 2014 
  13. Bianchin, Luca (27 de julho de 2020). «Ronaldo firma la vittoria scudetto: storica Juve, è il nono titolo di fila» [Ronaldo assina a vitória do Scudetto: histórica Juventus, é o nono título consecutivo] (em italiano). La Gazzetta dello Sport. Consultado em 27 de julho de 2020 
  14. Della Valle, Fabiana (20 de janeiro de 2021). «Supercoppa alla Juve, Insigne sbaglia, Ronaldo e Szczesny firmano la vittoria» Supertaça da Juve, Insigne erra, Ronaldo e Szczesny assinam vitória (em italiano). Gazzetta dello Sport. Consultado em 20 de janeiro de 2021 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

O Commons possui uma categoria com imagens e outros ficheiros sobre Sami Khedira