Multiplayer online battle arena

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Representação esquemática de um mapa de um MOBA:em amarelo estão as três faixas; em verde, a selva; em azul, a base e as torres da equipe 1; em vermelho, a base e as torres da equipe 2

Multiplayer online battle arena (MOBA, "arena de batalha multijogador online"), também conhecido como action real-time strategy (ARTS, "estratégia de ação em tempo real"), é um gênero de jogos eletrônicos onde o jogador controla um personagem em uma batalha entre dois times cujo objetivo é derrotar a base principal inimiga, o gênero é derivado dos jogos de estratégia em tempo real caracterizado por sua semelhança ao jogo Defense of the Ancients (DotA), um cenário personalizado para o jogo Warcraft III.[1] Diferente de jogos de estratégia em tempo real tradicionais, elementos como: gerência de base, coleta de recursos e criação de exército foram removidos, focando a ação do jogador em um único personagem chamado herói ou campeão, deixando o jogo com jogabilidade e mêcanicas semelhantes a jogos como Diablo ou Dungeon Siege.

O gênero começou em maior parte com Aeon of Strife (AoS), um mapa customizado para StarCraft[2][3] onde quatro jogadores controlavam, cada um, uma única unidade poderosa e ajudados por unidades mais fracas controladas por computador aonde eram colocados contra um computador mais forte.[4]

História[editar | editar código-fonte]

As origens dos MOBA remotam de Herzog Zwei, um jogo de estratégia em tempo real do Mega Drive lançado em 1989.[5] Future Cop: LAPD, lançado em 1998 também é considerado um precursor do gênero.

O gênero de MOBA foi inspirado em Aeon of Strife (AoS), um mapa modificado do jogo Starcraft[6] inspirado no Future Cop: LAPD. Aeon of Strife serviu de inspiração para a criação do Defense of the Ancients, ou DotA como é conhecido, um mapa modificado do jogo Warcraft III, onde se tornou extremamente popular na comunidade de Warcraft sendo referência no quesito MOBA, recebendo várias atualizações por Guinsoo e IceFrog, e ocasionando em várias versões do mapa.

Em 2009 foi criado o Demigod, primeiro MOBA independente de outro jogo. Em outubro do mesmo ano, Riot Games lançou seu primeiro título, League of Legends (LoL), cuja equipe era composta de alguns membros que trabalharam no DotA e projetado por Freak. Riot Games também introduziu a palavra MOBA para se referir ao gênero que até o momento era conhecido como DotA. Em 2011 a Riot Games foi a primeira empresa a bancar um grande campeonato mundial do gênero, o League of Legends World Championship.[carece de fontes?]

Jogabilidade[editar | editar código-fonte]

A principal característica dos MOBAs é ter dois times opostos que lutam entre si, cujo objetivo é destruir a base inimiga[7], com cada jogador do time controlando uma unidade chamada 'herói' ou 'campeão'. Características adicionais incluem torres de defesa pelo cenário, e unidades controladas por computador que lutam para os times.

O herói controlado pelo jogador ataca os inimigos usando habilidades específicas, o herói ganha experiência e dinheiro matando unidades inimigas, alcançando determinada experiência ele consegue progredir para o próximo nível, melhorando seus atributos e habilidades, o dinheiro serve para comprar itens consumíveis ou que melhoram as habilidades. Matar jogadores do time adversário costuma ser bem recompensado com experiência e dinheiro, assim como morrer para um jogador adversário também pode ser custoso ao time, quando morre o jogador tem que esperar um determinado tempo até reviver novamente na sua base.

Os cenários geralmente possuem caminhos abertos que ligam as bases inimigas chamados lanes ou faixas, os cenários costumam ter 2 ou 3 faixas, cenários com dois faixas costumam colocar times até 3 jogadores, cenários com três faixas costumam colocar times com até 5 jogadores, as faixas costumam ser chamadas de topo (top), meio (mid) e baixo (bot), é nas faixas que ficam as torres de defesa dos times e por onde se movimentam as tropas controladas por computador.

A área do cenário que fica fora das faixas é chamada de jungle ou selva, na selva costumam ficar buffs (que aumentam os atributos do jogador por um tempo) e os chefes que podem ser derrotados para conseguir itens ou fazer com que eles lutem ao lado do time do jogador.

Existem alguns termos específicos de MOBAS para classes, geralmente são usados termos como assassinos (assassins) para heróis que conseguem matar oponentes rapidamente, carregadores (carrys) que começam fracos e vão ficando mais fortes ao longo da partida, junglers que podem matar mais facilmente monstros na selva, tanques (tanks) para heróis que aguentam receber muito dano físico, suportes (supports) que servem para auxiliar outros heróis, AD (attack damage) sobre danos de ataque, AP (ability power) sobre o poder das habilidades.

O gênero MOBA também inclui várias missões, como de ir do ponto A até o ponto B, como os jogos MMORPG, para que se possa progredir facilmente no jogo.

Lista de jogos do gênero[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. Mike Fahey (1 de abril de 2010). «Savage Take On Defense Of The Ancients Enters Open Beta» (em inglês). Kotaku. Consultado em 14 de dezembro de 2011 
  2. «Frequently Asked Questions». GetDota.com. Cópia arquivada em 11 de novembro de 2010 
  3. John Funk. «MOBA, DOTA, ARTS: A brief introduction to gaming's biggest, most impenetrable genre». Polygon. Consultado em 23 de dezembro de 2015 
  4. «History of DotA». Gosugamers.net. Consultado em 8 de setembro de 2013 
  5. «News & Analysis of Retail in the Gaming Industry». www.mcvuk.com (em inglês). Consultado em 25 de outubro de 2017 
  6. «UOL Jogos explica os MOBA, jogos que misturam estratégia e RPG». Consultado em 25 de outubro de 2017 
  7. «Heroes of Newerth - Charge!». www.dedoimedo.com. Consultado em 25 de outubro de 2017 
Ícone de esboço Este artigo sobre jogos eletrônicos é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.