Rodolfo Landim

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Rodolfo Landim
Presidente do Clube de Regatas do Flamengo
Período 1 de janeiro de 2019
até atualidade
Antecessor Eduardo Bandeira de Mello
Sucessor
Dados pessoais
Nome completo Luiz Rodolfo Landim Machado
Nascimento 24 de março de 1957 (62 anos)
Rio de Janeiro
Profissão Engenheiro e dirigente esportivo

Luiz Rodolfo Landim Machado (Rio de Janeiro, 24 de março de 1957) é um engenheiro da área de petróleo e dirigente esportivo brasileiro. Foi eleito presidente do Clube de Regatas do Flamengo para o triênio 2019–2021 e assumiu o cargo em 1 de janeiro.[1]

Biografia[editar | editar código-fonte]

Graduou-se em 1979, na Faculdade de Engenharia da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ). Em fevereiro de 1980, entrou para a Petrobras, por concurso público. Permaneceu na empresa por 26 anos, onde foi, entre outros cargos, superintendente de Produção da Região Nordeste, superintendente-geral da região Norte.[2]

Entre 2003 e 2006, foi presidente da Petrobras Distribuidora. Foi presidente executivo das empresas MMX, OGX e OSX, todas do empresário Eike Batista, que ele processa na Justiça. Também foi diretor da Cameron International Corporation. É sócio-gerente da Maré Investimentos e preside a Ouro Preto Óleo e Gás.[3]

Flamengo[editar | editar código-fonte]

Eleições em 2012[editar | editar código-fonte]

Foi vice-presidente de Planejamento do primeiro mandato de Bandeira de Melo. Seria o vice-presidente, em 2012, da chapa em que Wallim Vasconcelos encabeçaria como presidente, porém os nomes foram impugnados e Bandeira de Melo e Walter D'Agostino foram os mandatários, presidente e vice, com o apoio da chapa impugnada. Após algum tempo, o grupo se desentendeu e seus membros foram deixando, pouco a pouco, a gestão Bandeira de Melo.[4]

Eleições em 2018[editar | editar código-fonte]

Eleição

Para o pleito de 2018, foi o principal candidato da oposição e venceu com 1.889 votos o candidato da situação, Rodrigo Lomba, que obteve 1.097 votos.[5]

Novo treinador

Ainda sem tomar posse, usou o Twitter da Unifla ("chapa roxa") para anunciar Abel Braga como o treinador do Flamengo para a temporada 2019. Também foram confirmados Leomir como auxiliar técnico e Fábio Moreno como observador técnico. O contrato será de um ano, sem multa rescisória por ambas as partes e só será assinado após a efetivação do mandatário no cargo de presidente.[6]

Conselho Deliberativo

Em nova eleição, para o Conselho Deliberativo, a "chapa roxa" (do grupo de apoio à Landim), venceu com Antonio Alcides e 476 votos o candidato da "chapa azul", Alexandre Póvoa, da gestão Bandeira de Melo, com 258 votos. Segundo o grupo eleito no Conselho Diretor, seria fundamental a vitória no Deliberativo, para ter melhor diálogo e governabilidade.[7]

Vice-presidentes

Em 8 de dezembro, anunciou o nome dos novos 18 vice-presidentes: Wallim Vasconcellos ocupará Finanças; Marcos Braz, Futebol; Luiz Eduardo Baptista — o BAP — Relações Externas; Walter D' Agostino, Responsabilidade Social; entre outros.[8]

Posse

Foi empossado "de jure" no cargo, em 19 de dezembro de 2018, em cerimônia na sede do clube, na Gávea. Porém, só terá poderes administrativos ("de facto") a partir de 1 de janeiro de 2019.[1]

Referências

  1. a b c Mota, Cahê; Baltar, Marcelo (19 de dezembro de 2018). «Rodolfo Landim é empossado como 57º presidente da história do Flamengo». Globoesporte.com. Consultado em 25 de dezembro de 2018 
  2. Carvalho, Luiz Maklouf (janeiro de 2011). «A baleia branca de Rodolfo Landim». Revista Piauí. Consultado em 25 de dezembro de 2018 
  3. «Saiba quem é Rodolfo Landim, novo presidente do Flamengo». O São Gonçalo. 9 de dezembro de 2018. Consultado em 25 de dezembro de 2018 
  4. Araújo, Alexandre; Dantas, Matheus (9 de dezembro de 2018). «Rodolfo Landim: conheça quem é o novo presidente do Flamengo». Lance!. Consultado em 25 de dezembro de 2018 
  5. Burlá, Leo; Castro, Vinicius (8 de dezembro de 2018). «Landim vence, tira grupo de Bandeira do poder e comanda Fla até 2021». Universo Online. Consultado em 25 de dezembro de 2018 
  6. a b «Rodolfo Landim usa rede social e oficializa chegada de Abel Braga para comandar o Flamengo». Globoesporte.com. 11 de dezembro de 2018. Consultado em 25 de dezembro de 2018 
  7. Kestelman, Amanda; Baltar, Marcelo; Zarko, Raphael (11 de dezembro de 2018). «Chapa roxa vence de novo, e Alcides comandará Conselho Deliberativo do Flamengo». Globoesporte.com. Consultado em 25 de dezembro de 2018 
  8. «Com Wallim Vasconcelos à frente das finanças, Flamengo anuncia novos vice presidentes». Globoesporte.com. 17 de dezembro de 2018. Consultado em 25 de dezembro de 2018 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]


Precedido por
Eduardo Bandeira de Mello
Presidente do Flamengo
2019–atual
Sucedido por