Títulos do Clube de Regatas do Flamengo no futebol

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Sala de Troféus do Flamengo.

Esta é uma relação de todos os títulos do Clube de Regatas do Flamengo no futebol.

Entre outros feitos, o Flamengo foi eleito o nono maior clube de futebol do Século XX, em levantamento realizado pela FIFA.[1] Uma outra conquista Honorária/Honorífica que se destaca é a Taça Salutaris, de 1927, que visava premiar "o clube mais querido do Brasil". Foi assim que o clube passou a utilizar esta alcunha.

O clube é, desde 2017, o líder nacional do Ranking Folha, que dá uma pontuação para títulos e vice-campeonatos conquistados pelas equipes,[2] sendo atualmente o segundo clube brasileiro no que diz respeito ao somatório de títulos reconhecidos de abrangência nacionais e internacionais[3] (sem contar títulos regionais), o quinto clube brasileiro (empatado com o Grêmio) no que diz respeito ao somatório de títulos reconhecidos de abrangência internacional[4], o segundo em abrangência nacional, e em termos estaduais, é o clube do Estado do Rio de Janeiro com o maior número de títulos oficiais no futebol, considerando títulos de todas as abrangências (internacional, nacional e regional/estadual).

Em relação as suas maiores glórias no futebol, destacam-se as conquistas da Copa Intercontinental[nota 1] (único time carioca a ter conquistado um título de dimensão mundial reconhecido pela FIFA[5]) e das Copas Libertadores da América de 1981[nota 2] e de 2019 (único time carioca a ter conquistado por duas vezes a competição), além de uma Copa Mercosul e uma Copa de Ouro Nicolás Leoz, o que lhe confere a sexta posição no ranking de títulos internacionais de clubes brasileiros.

A nível nacional o Flamengo é, por decisão judicial, e em seguida, pela CBF, oficialmente detentor de seis títulos do Campeonato Brasileiro (1980, 1982, 1983, 1992, 2009 e 2019) — o clube ainda reivindica o reconhecimento da conquista da Copa União de 1987 como título brasileiro[nota 3] (torneio idealizado pelo Clube dos 13 para ser o Campeonato Brasileiro de 1987, mas que de acordo com os regulamentos da CBF à época tratou-se apenas do Módulo Verde do Campeonato Brasileiro de 1987. Porém, em 24 de novembro de 2019, quando o Flamengo ganhou o Campeonato Brasileiro daquele ano, a entidade pôs, em seu site oficial, o título da Copa União na lista de conquistas do clube carioca, mas diferenciando os títulos em "Brasileiro" e "Copa União".[10] No dia seguinte, a CBF informou que acata a decisão do Supremo Tribunal Federal de que o Sport é o único campeão brasileiro de 1987 e, por isso, considera oficialmente o Flamengo como hexacampeão brasileiro — e não hepta.[11][12] Mas, em uma nota enviada a imprensa, a entidade informou que, "a título de opinião, sob o ponto de vista esportivo, o Flamengo é merecedor da designação de heptacampeão brasileiro".[13][14]) —, três títulos da Copa do Brasil e uma Copa dos Campeões. Estas onze conquistas dão ao clube o segundo lugar no ranking de títulos nacionais.[15] Além disso, considerando década o período entre o ano 0 e o ano 9 (como em 2000 a 2009[16]), o rubro-negro carioca, juntamente com o Palmeiras e o São Paulo, são os únicos clubes a serem campeões em quatro décadas diferentes da competição (o Flamengo foi campeão nos anos 1980, 1990, 2000 e 2010). Caso a década seja considerada o período entre o ano 1 e o ano 0 (como em 1971 a 1980), somente Flamengo e o Palmeiras conquistaram títulos em cinco décadas diferentes (o Flamengo foi campeão nas décadas de 1970, 1980, 1990, 2000 e 2010), mas somente o Flamengo em cinco décadas consecutivas. De qualquer forma, considerando uma ou outra contagem de década, o Flamengo é o maior vencedor do Brasileirão na década de 1980.

Com relação a nível regional e estadual, o clube conquistou 1 Torneio Rio-São Paulo, uma Taça dos Campeões Estaduais Rio–São Paulo e trinta e cinco títulos do Campeonato Carioca, sendo o maior vencedor da competição estadual.

Além disso, o Flamengo é um dos três clubes do país, ao lado de Santos e São Paulo, que jamais foram rebaixados para a segunda divisão do campeonato nacional. É, ao lado do Santos, os dois únicos clubes a terem conquistado a Copa Libertadores e o Campeonato Brasileiro numa mesma temporada (feito este alcançado em 2019).[17] É também, ao lado do Atlético Mineiro, Santa Cruz, Arsenal (Inglaterra), e Dublin (Uruguai), um dos cinco únicos clubes do mundo que já venceram a Seleção Brasileira de Futebol.[18] Detém, junto ao Botafogo, a maior sequência invicta do futebol brasileiro com 52 partidas em 1979[19]

Honrarias

Soccer ball.svg Títulos no Futebol

Cscr-featured.png Campeão invicto

Honorários/Honoríficos

TÍTULOS HONORÁRIOS/HONORÍFICOS
Conquista(s) Títulos Temporadas
FIFA Logo (2010).svg 9º Maior Clube do Século da FIFA 1 2000
FIFA Logo (2010).svg Clube Clássico FIFA 1 2008[20]
Brasão do estado do Rio de Janeiro.svg Taça Salutaris 1 1927[21]
Brasão do estado do Rio de Janeiro.svg Campeão do IV Centenário 1 1965[22]
Heraldic Royal Crown (Common).svg Tríplice Coroa 2 1981, 2019[23][24]
Brasil Troféu Fair Play 1 2016

Títulos oficiais

Copa Intercontinental de 1981, o maior título do Flamengo no futebol.
MUNDIAIS
Competição Títulos Temporadas
Copa Toyota Intercontinental.png Intercontinental Cup.svg Copa Intercontinental[25][26] 1 1981Cscr-featured.png
CONTINENTAIS
Competição Títulos Temporadas
Copa Libertadores da América 2 1981 e 2019
CONMEBOL Taça Mercosul (1998-2001).png
Copa Mercosul 1 1999
CONMEBOL Recopa (1991-).png
Recopa Sul-Americana 1 2020Cscr-featured.png
Copa de Ouro Nicolás Leoz (1993-1996).png
Copa de Ouro Nicolás Leoz 1 1996Cscr-featured.png
TOTAL DE CONQUISTAS INTERNACIONAIS 6
NACIONAIS
Competição Títulos Temporadas
Liga Brasileira (2014-).png
Campeonato Brasileiro 6 1980, 1982, 1983, 1992, 2009 e 2019
Copa União.png Copa União[Nota1] 1 1987
Taça do Brasil (2014-).png
Copa do Brasil 3 1990Cscr-featured.png, 2006 e 2013
Supertaça do Brasil (2020-).png Supercopa do Brasil 1 2020
TrofeuCopaDosCampeoesCBF.svg Copa dos Campeões 1 2001
TOTAL 12
INTERESTADUAIS
Competição Títulos Temporadas
Rio-SãoPaulo.png Torneio Rio–São Paulo[Nota3] 1 1961
Trophy (transp. Simón Bolívar Cup).png Taça dos Campeões Estaduais Rio–São Paulo[27] 1 1955 Cscr-featured.png
TOTAL 2
ESTADUAIS
Competição Títulos Temporadas
Rio de Janeiro Campeonato Carioca 35 1914, 1915Cscr-featured.png, 1920Cscr-featured.png, 1921, 1925, 1927, 1939, 1942, 1943, 1944, 1953, 1954, 1955, 1963, 1965, 1972, 1974, 1978, 1979, 1979 (especial)Cscr-featured.png, 1981, 1986, 1991, 1996Cscr-featured.png, 1999, 2000, 2001, 2004, 2007, 2008, 2009, 2011Cscr-featured.png, 2014, 2017Cscr-featured.png e 2019
Rio de Janeiro Copa Rio 1 1991Cscr-featured.png
Rio de Janeiro Torneio Início 6 1920, 1922, 1946, 1951, 1952 e 1959
Rio de Janeiro Torneio Aberto do Rio de Janeiro 1 1936
Município do Rio de Janeiro Torneio Extra 1 1934
Município do Rio de Janeiro Torneio Relâmpago do Rio de Janeiro 1 1943
Município do Rio de Janeiro Campeonato da Capital 2 1991 e 1993
TOTAL 47
TOTAL
Conquistas Total Por Categoria
Títulos oficiais 67 6 Internacionais (1 Mundial e 5 Continentais), 13 Nacionais, 2 Interestaduais e 47 Estaduais
TURNOS DO CAMPEONATO ESTADUAL
Competição Títulos Temporadas
Rio de Janeiro Taça Guanabara (primeiro turno) 21 1970, 1972Cscr-featured.png, 1973Cscr-featured.png, 1978, 1979, 1980Cscr-featured.png, 1981, 1982, 1984, 1988, 1989Cscr-featured.png, 1995, 1996Cscr-featured.png, 1999Cscr-featured.png, 2001, 2004, 2007, 2008, 2011Cscr-featured.png, 2014, 2018Cscr-featured.png
Rio de Janeiro Taça Rio (segundo turno) 9 1983, 1985Cscr-featured.png, 1986, 1991Cscr-featured.png, 1996Cscr-featured.png, 2000, 2009, 2011Cscr-featured.png, 2019
Rio de Janeiro Torneios com outros nomes 6 1974, 1979, 1979 (especial), 1979 (especial), 1981
Rio de Janeiro Taça Cidade do Rio de Janeiro 4 1973, 1978, 1991 e 1993
Rio de Janeiro Torneio Super Clássicos 3 2013, 2014 e 2015
  • Nota 1 ^ - Depois de diversos anos de brigas judiciais sobre quem era de fato o campeão daquela edição do Campeonato Brasileiro, o Supremo Tribunal Federal (STF) em ação transitada em julgado, em março de 2018, definiu o Sport como legítimo campeão de 1987.[28] Porém, a CBF, pelo menos a partir de 2011, defende a divisão do título, quando em uma resolução publicada pelo então presidente, Ricardo Teixeira que disse: "foi passado a limpo o futebol brasileiro" e que "queria homenagear todos os jogadores da campanha de 87 e o técnico Carlinhos. Vocês são agora os legítimos campeões de 87, e o Flamengo tem de direito seis títulos (na época) de campeão brasileiro."[29][30] Resolução esta que foi revogada meses depois pela própria CBF, que acatou a decisão da 10ª Vara da Justiça Federal de Primeira Instância da Seção Judiciária de Pernambuco que considerou ilegal a divisão do título.[31][32][33] Em 2015, novamente dividiu o titulo em seu guia oficial, antes em 2012, alegou "erro no material enviado à gráfica".[34] Porém, cabe observar que o reconhecimento de títulos pela CBF vem através de Resoluções de Presidência da mesma,[35][36][37] não através do Guia do Campeonato Brasileiro. O referido Guia traz, inclusive, uma seção de bibliografia, em que constam fontes externas (diversos portais da web), que não são documentos oficiais da CBF.[38] Em 2019, após a conquista do Campeonato Brasileiro pelo Flamengo, a CBF em nota publicada a imprensa disse que acatava a decisão do STF e reconhecia oficialmente o Sport como único campeão brasileiro de 1987, mas "sob o ponto de vista esportivo, o Flamengo é merecedor da designação de heptacampeão brasileiro" (reconhecendo assim, de forma não oficial, o título de 1987 do Flamengo). Tal publicação foi apenas "a título de opinião", não sendo uma resolução oficial de reconhecimento, segundo a entidade, que mostrava assim que não concordava com a decisão judicial de definir o Sport como único campeão daquela edição.[11][12][13][14]
  • Nota 2 ^ - Algumas fontes tratam a competição como amistosa[39] ou "disputada mais como um amistoso".[40] Porém, conforme relatado pelo jornal O Estado de São Paulo, a competição de 1997 fazia parte do calendário da CBF para aquele ano, que citava outras competições, como as datas do Campeonato Brasileiro, prevendo também a Copa dos Campeões Mundiais e a Copa Centenário de Belo Horizonte, esta um torneio comemorativo do centenário da capital mineira.[41] A afirmação de que o torneio era reconhecido oficialmente pela CBF foi feita também pelo ex-assessor jurídico da CBD, Valed Perry,[42] à Folha de S.Paulo do dia seguinte.[43] O caráter de "torneio oficial" também pode ser comprovado em uma reportagem do Jornal do Brasil de 1 de julho de 1997, que conta que a Federação de Futebol do Estado do Rio de Janeiro (FFERJ), entendendo tratar-se de um "torneio amistoso", tentou "impedir a disputa da Final" da edição de 1997, já que o Flamengo tinha um jogo do Estadual agendado para a mesma data. Porém, a FFERJ foi obrigada pela CBF a agendar uma nova data para esta partida do Estadual, já que a entidade máxima do futebol brasileiro reconhecia este como um "torneio oficial"[44], mas ela (CBF) acatou o pedido da FFERJ de cancelar jogos do clube rubro-negro na Taça Maria Quitéria, agendado para o dia 03/07, por entender que este sim era um "torneio amistoso".[44]
  • Nota 3 ^ - A Confederação Brasileira de Desportos (CBD, precursora da atual CBF) deu o torneio como inacabado (a iniciativa de abandonar o torneio foi dos clubes paulistas), sem nenhum clube ter se sagrado campeão, conforme publicado pelos jornais Jornal do Brasil (RJ), O Estado de S. Paulo[45] e Folha de S.Paulo (SP)[46], e pelos Boletins da CBD. Porém, o jornal Diário da Noite (órgão dos Diários Associados)", de 7 de abril de 1959, diz: "Em 1940 houve charivari". "Somente anos mais tarde voltou a ser disputado o certame interestadual. Em 1940, com novos organizadores, porém com dois turnos, o Rio-São Paulo não chegou ao seu término por causa dos conflitos havidos entre cariocas e paulistas, quando do início do returno. Os resultados até ali foram considerados como definitivos e o Fluminense e o Flamengo, que ocupavam o primeiro e o segundo pôsto foram apontados como campeões, sem se importarem com a realização de um "match" de caráter desempate". Além disso, conforme constam nos livros "Almanaque do Flamengo" (Editora Abril, 2001), e "Fluminense Football Club, História, Conquistas e Glórias no Futebol" (Editora MAUAD, 2003), os clubes disputantes consideraram o resultado como definitivo e declararam Fluminense e Flamengo campeões. Até janeiro de 2013, a lista de títulos do site oficial do Flamengo não listava o Torneio Rio–São Paulo de 1940 entre suas conquistas (listava apenas a edição de 1961)[47], tendo passado a listá-lo posteriormente.[48] Até outubro de 2016, a lista de títulos do site oficial do Fluminense tampouco listava o torneio de 1940 entre suas conquistas[49], tendo passado a listá-lo posteriormente.[50] Desde 2012 há um espaço reservado na sala de troféus do Fluminense dedicada a este torneio, que diz: “Oficial ou não, o grande time do Fluminense de 1940 também recebe sua homenagem neste espaço.”[51]

Torneios Amistosos

Internacionais
Competição País da disputa Edições
Torneio Internacional de Lima  Peru 1952
Torneio Quadrangular da Argentina (Troféu Juan Domingo Perón)  Argentina 1953
Torneio Triangular Internacional do Rio de Janeiro  Brasil 1954
Torneio Internacional do Rio de Janeiro (Torneio Gilberto Cardoso)  Brasil 1955
Torneio Internacional do Morumbi  Brasil 1957
Torneio Internacional de Israel  Israel 1958
Torneio Hexagonal de Lima  Peru 1959
Torneio Internacional de Verão do Uruguai Uruguai 1961
Torneio Internacional da Tunísia  Tunísia 1962
Troféu Naranja Flag of Spain.svg Espanha 1964 e 1986
Troféu Mohammed IV  Marrocos 1968
Torneio Internacional de Verão do Rio de Janeiro  Brasil 1970 e 1972
Troféu Cidade de Palma de Mallorca Flag of Spain.svg Espanha 1978
Troféu Ramón de Carranza Flag of Spain.svg Espanha 1979 e 1980
Troféu Cidade de Santander Flag of Spain.svg Espanha 1980
Torneio das Astúrias Flag of Spain.svg Espanha 1980
Torneio de Algarve Flag of Spain.svg Espanha 1980
Copa Punta del Este Uruguai 1981
Torneio Quadrangular de Nápoles  Itália 1981
Torneio Air Gabon Gabão 1987
Torneio Internacional de Angola  Angola 1987
Troféu Colombino Flag of Spain.svg Espanha 1988
Copa Kirin  Japão 1988
Copa Porto de Hamburgo  Alemanha 1989
Marlboro Cup  Estados Unidos 1990
Pepsi-Cup  Japão 1990
Taça Libertad  Argentina 1993
Torneio See  Malásia 1994
Flórida Cup  Estados Unidos 2019
Nacionais
Competição Estado da disputa Edições
Torneio triangular de Curitiba  Paraná 1953
Torneio Quadrangular de Vitória  Espírito Santo 1965
Torneio Gilberto Alves  Goiás 1965
Torneio do Povo  Brasil 1972
Torneio Governador Leonino Caiado  Goiás 1975
Torneio Quadrangular de Jundiai (Torneio da Uva)  São Paulo 1975
Taça Geraldo Cleofas Dias Alves  Brasil 1976
Taça Prefeito do Distrito Federal  Distrito Federal 1976
Torneio Cidade de Cuiabá  Mato Grosso 1976
Torneio Quadrangular de Varginha  Minas Gerais 1990
Torneio de Verão de Nova Friburgo  Rio de Janeiro 1990
Taça dos Campeões Brasileiros  Brasil 1992
Copa Rede Bandeirantes  Distrito Federal 1997
Copa Dos Campeões Mundiais Brasil 1997
Torneio Super Series  Amazonas 2015
Troféu Osmar Santos (I Turno Campeonato Brasileiro)  Brasil 2019[52]
Troféu João Saldanha (II Turno Campeonato Brasileiro)  Brasil 2019[53]
Estaduais
Competição Edições
Taça Madame Gaby Coelho Netto 1916
Torneio América Fabril 1919, 1922 e 1923
Troféu São Sebastião do Rio de Janeiro 1999, 2000
Copa Record Rio de Futebol 2005
Taça Radio Globo 70 Anos 2014
Troféu Carlos Alberto Torres 2017[54]

Categorias de Base

Aspirantes/Reservas

ESTADUAIS
Competição Títulos Temporadas
Rio de Janeiro Campeonato Carioca de Aspirantes/Reservas[55][56] 13 1912, 1913, 1914, 1916, 1917, 1918, 1925, 1927, 1931, 1935, 1955, 1956 e 1970
Rio de Janeiro Taça Fernando Loretti 3 1945, 1946 e 1948
Rio de Janeiro Taça Lamartine Babo 1 1965
Rio de Janeiro Torneio Ibsen de Rossi 1 1966


Juniores/Sub-20

  • Títulos
INTERNACIONAIS
Competição Títulos Temporadas
Itália Troféu Angelo Dossena 1 2018
NACIONAIS
Competição Títulos Temporadas
Brasil Copa São Paulo de Juniores 4 1990, 2011, 2016 e 2018
Brasil Campeonato Brasileiro Sub-20 1 2019
Brasil Supercopa do Brasil Sub-20 1 2019
Brasil Taça Belo Horizonte de Futebol Júnior Sub-20 3 1986, 2003 e 2007
ESTADUAIS
Competição Títulos Temporadas
Rio de Janeiro Campeonato Carioca Sub-20 31 1921, 1936, 1942, 1943, 1945, 1946, 1956, 1957, 1958, 1960, 1965, 1967, 1972, 1973, 1979, 1980, 1983, 1985, 1986, 1989, 1990, 1993, 1994, 1996, 1999, 2005, 2006, 2007, 2015, 2018 e 2019
Rio de Janeiro Torneio Octávio Pinto Guimarães 11 1984, 1985, 1993, 2006, 2007, 2011, 2012, 2014, 2016, 2018, 2019
Rio de Janeiro Copa Cultura de Juniores 1 2005

Juvenil/Sub-17

INTERNACIONAIS
Competição Títulos Temporadas
Estados Unidos Generation Adidas Cup 1 2018
NACIONAIS
Competição Títulos Temporadas
Brasil Campeonato Brasileiro Sub-17 1 2019
Brasil Copa do Brasil Sub-17 1 2018
ESTADUAIS
Competição Títulos Temporadas
Rio de Janeiro Campeonato Carioca Sub-17 19 1980, 1981, 1984, 1986, 1987, 1988, 1991, 1992, 1993, 1994, 1995, 1997, 2004, 2006, 2007, 2010, 2012, 2016, 2017
Rio de Janeiro Copa Rio Sub-17 6 1986, 1991, 1996, 1998, 2000 e 2004
Rio de Janeiro Copa Macaé 2 1999 e 2006
Rio de Janeiro Torneio Guilherme Embry 3 2015, 2017 e 2018

Infantil/Sub-15

INTERNACIONAIS
Competição Títulos Temporadas
Japão Copa da Amizade Brasil-Japão 4 1999, 2005, 2011 e 2014
NACIONAIS
Competição Títulos Temporadas
Brasil Copa Votorantim 2 2015 e 2017
ESTADUAIS
Competição Títulos Temporadas
Rio de Janeiro Campeonato Carioca Sub-15 11 1969, 1980, 1984, 1986, 1988, 1992, 1996, 2001, 2007, 2016, 2018

Football pictogram.svg Futebol Feminino

Cscr-featured.png Campeão invicto

NACIONAIS
Competição Títulos Temporadas
Brasil Campeonato Brasileiro 1 2016
ESTADUAIS
Competição Títulos Temporadas
Rio de Janeiro Campeonato Carioca 5 2015, 2016, 2017Cscr-featured.png, 2018Cscr-featured.png e 2019

Torneios Amistosos

  • Brasil Torneio da Cidadania: 1995[57]
  • Rio de Janeiro Torneio Rio das Ostras: 1999[58]

Notas

  1. A Copa Intercontinental teve o status de competição mundial reconhecido pela FIFA em outubro de 2017.[5]
  2. A equipe campeã da Libertadores e da Intercontinental contava com nomes como Júnior, Adílio, Tita e Zico, considerado o maior ídolo da história do clube, além do técnico Paulo César Carpegiani.[6]
  3. Em 1987, a CBF passava por uma grave crise financeira e anunciou que não poderia organizar o Campeonato Brasileiro nos mesmos moldes. Como resultado, os treze grandes clubes do Brasil fundaram o Clube dos 13 para organizaram seu próprio campeonato chamado de Copa União. Vendo o sucesso que o novo torneio já demonstrava ter, a CBF decidiu que o campeão e vice-campeão da Copa União (Troféu João Havelange/Módulo Verde) enfrentaria o campeão e o vice-campeão do Troféu Roberto Gomes Pedrosa (Módulo Amarelo — que foi disputado por equipes mais modestas) em um quadrangular. O Clube dos 13 não aceitou o regulamento e não permitiu que Flamengo e Internacional (campeão e vice-campeão da Copa União) jogassem o quadrangular. O Flamengo ganhou a Copa União, que foi disputada pelos maiores clubes do Brasil,[7] sendo reconhecida pelo Clube dos 13 e pelo Conselho Nacional de Desportos (CND), contrariando a resolução do CND e a maioria dos juízes do Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD) em 1988, que na época eram as maiores instâncias do futebol nacional e mais tarde, em 2011, pela CBF que eventualmente revogou a decisão por uma decisão judicial. Note-se que, para CBF, o Flamengo é considerado, de forma não oficial, ao lado de Sport, campeão brasileiro de 1987, como demonstrado em 2011, não podendo homologá-lo por conta da decisão final do Supremo Tribunal Federal (STF).[8][9]

Referências

  1. FIFA (arquivado em archive.org). «The FIFA Club of the Century» (PDF) (em inglês). Consultado em 3 de janeiro de 2010. Cópia arquivada (PDF) em 23 de abril de 2007 
  2. «Palmeiras deixa Corinthians para trás, mas Flamengo segue líder em ranking de jornal; veja posições». ESPN. Consultado em 27 de dezembro de 2018 
  3. oglobo.globo.com/ Flamengo pode se tornar um dos maiores colecionadores de títulos do país se ganhar a Recopa
  4. torcedores.com/ Veja o ranking atualizado de clubes brasileiros com mais títulos internacionais
  5. a b «Fifa reconhece títulos mundiais de Santos, Flamengo, Grêmio e São Paulo». ESPN. Consultado em 1 de novembro de 2017 
  6. «Jogadores memoráveis de futebol». Consultado em 22 de fevereiro de 2011. Arquivado do original em 22 de fevereiro de 2011 
  7. Ubiratan Leal (7 de novembro de 2007). «Crise, revolução e traição: a história da Copa União de 1987». Trivela. Consultado em 19 de março de 2014 
  8. «CBF volta atrás e reconhece o Flamengo como campeão em 1987». iG. Consultado em 10 de agosto de 2017 
  9. «CBF reconhece Sport como 'único' campeão brasileiro de 1987». iG. Consultado em 10 de agosto de 2017 
  10. «Flamengo é campeão do Brasileirão 2019». CBF. Consultado em 26 de novembro de 2019 
  11. a b «CBF põe Copa União na lista de títulos, mas acata Justiça e diz que clube é hexacampeão brasileiro». ESPN. Consultado em 26 de novembro de 2019 
  12. a b «CBF decide respeitar STF e considera Flamengo hexacampeão brasileiro». UOL. Consultado em 26 de novembro de 2019 
  13. a b «CBF opina: Flamengo merece ser chamado de hepta brasileiro». O Globo. Consultado em 26 de novembro de 2019 
  14. a b «Após citar Fla como hexa, CBF esclarece: "a título de opinião, é hepta"». UOL. Consultado em 26 de novembro de 2019 
  15. «Flamengo deixa Corinthians e Cruzeiro para trás em ranking de títulos nacionais; veja a lista». ESPN. Consultado em 25 de novembro de 2019 
  16. megacurioso.com.br/ A década acaba em 2019 ou temos que esperar até 2020?
  17. «Flamengo é campeão brasileiro e se torna primeiro time desde 1963 a ganhar Nacional e Libertadores no mesmo ano». GloboEsporte.com. 24 de novembro de 2019. Consultado em 5 de dezembro de 2019 
  18. Louback, Artur (19 de agosto de 2016). «Que clubes já venceram a seleção brasileira?». Mundo Estranho. Consultado em 30 de outubro de 2016 
  19. «Recorde brasileiro de invencibilidade». Consultado em 22 de fevereiro de 2011 
  20. Clubes Clássicos da FIFA
  21. Flamengo: o mais querido há 90 anos
  22. 1965
  23. CLUBES QUE CONQUISTARAM A TRÍPLICE COROA NO BRASIL
  24. Com 'dobradinha' no fim de semana, Flamengo garante tríplice coroa
  25. Fifa reconhece títulos mundiais de Flamengo, Grêmio, Santos e São Paulo https://globoesporte.globo.com
  26. FIFA acepta propuesta de CONMEBOL de reconocer títulos de copa intercontinental como mundiales de clubes http://www.conmebol.com
  27. «Torneio Rio-São Paulo -- List of Champions». www.rsssfbrasil.com. Consultado em 30 de setembro de 2018 
  28. Martelo batido: decisão do STF faz do Sport o único campeão de 1987, 20/03/2018
  29. CBF reconhece título do Fla, 20/02/2011
  30. CBF volta atrás e reconhece o Flamengo como campeão em 1987, 20/02/2011
  31. O Estado de S. Paulo (1 de março de 2011). «Justiça Federal declarará Sport como o único campeão brasileiro de 1987». Consultado em 11 de junho de 2016 
  32. Globoesporte.com (15 de junho de 2011). «CBF volta a reconhecer Sport como único campeão brasileiro de 1987». Consultado em 11 de junho de 2016 
  33. Revista Veja (15 de junho de 2011). «"CBF reconhece Sport como único campeão de 1987"». Consultado em 11 de junho de 2016 
  34. Em manual, CBF reconhece Copa União como título brasileiro do Fla, 28/06/2012
  35. Resolução de Presidência da CBF 03/2010, sobre a unificação da Taça Brasil e do Torneio Roberto Gomes Pedrosa ao Campeonato Brasileiro. Acesso em 08/03/2016.
  36. CBF reconhece título do Fla. Site da CBF. 21/02/2011 às 12:52. Cita a Resolução de Presidência 02/2011.
  37. Resolução da Presidência 06/2011. Acesso em 08/03/2016.
  38. Guia do Brasileirão. Acesso em 08/03/2016.
  39. RSSSF, sobre a Copa dos Campeões Mundiais.
  40. Revista Placar (Agosto de 1997, nº 1130, página 62).
  41. Jornal O Estado de São Paulo, 01/11/1996, página 34.
  42. Revista Placar, 19 mar. 1971, informando que Valed Perry era em 1971 assessor jurídico da CBD.
  43. Folha de S.Paulo, 02/07/1997. Flamengo abandona a disputa do Estadual do Rio no 3º turno
  44. a b Jornal do Brasil, 01/07/1997, página 28 da Segunda Edição, catalogada como página 32 neste acervo.
  45. Lista de campeões do Torneio Rio São Paulo, indicando que não houve campeão na edição de 1940. Jornal O Estado de S. Paulo, 01 de março de 2000, página 26
  46. História do Torneio Rio São Paulo, indicando que a edição de 1940 só teve um turno e não teve campeão. Jornal Folha de S.Paulo, 19/01/2002
  47. «Lista de títulos do site oficial do Flamengo, conforme era em 28 de janeiro de 2013, recuperada pelo Web Archive em 10/02/2016.». Consultado em 28 de janeiro de 2013. Cópia arquivada em 28 de janeiro de 2013 
  48. Lista de títulos. Site do Flamengo. Página arquivada de 15/05/2015.
  49. Lista de títulos do site oficial do Fluminense, conforme era em 13 de outubro de 2016, recuperada pelo Web Archive em 07/03/2017.
  50. Lista de títulos. Site do Fluminense. Acesso em 07/03/2017.
  51. globoesporte.globo.com/ Torneio Rio-São Paulo de 1940: taça dividida de Fla e Flu é esquecida
  52. Crescendo na hora certa, Flamengo recebe o Troféu Osmar Santos das mãos do LANCE! pela primeira vez
  53. Volta para o trio! 'Campeão' do returno, Flamengo leva o Troféu João Saldanha
  54. Campeão do Rio vai receber troféu Carlos Alberto Torres
  55. «RSSSF: Sobre o Campeonato Carioca de Aspirantes/Reservas». Consultado em 3 de novembro de 2013. Arquivado do original em 27 de abril de 2013 
  56. «RSSSF: Sobre o Campeonato Carioca de Amadores». Consultado em 3 de novembro de 2013. Arquivado do original em 19 de janeiro de 2010 
  57. http://www.falandodeflamengo.com.br Flamengo acerta com a Marinha e retorna ao Futebol Feminino para disputar o BR
  58. http://www.rsssfbrasil.com Brazil 1999 - Rio de Janeiro - Women's Leagues

Ligações externas