Títulos do Clube de Regatas do Flamengo no futebol

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Sala de Troféus do Flamengo

Esta é uma relação de todos os títulos do Clube de Regatas do Flamengo no futebol.

Entre outros feitos, o Flamengo foi eleito o nono maior clube de futebol do Século XX, em levantamento realizado pela Federação Internacional de Futebol (FIFA).[1] Uma outra conquista honorária/honorífica que se destaca é a Taça Salutaris, de 1927, que visava premiar "o clube mais querido do Brasil". Foi assim que o clube passou a utilizar esta alcunha.

O clube é, desde 2017, o líder nacional do Ranking Folha, que dá uma pontuação para títulos e vice-campeonatos conquistados pelas equipes[2], e desde 2021, o vice-líder do ranking "Maiores campeões do futebol brasileiro" elaborado pelo site "Campeões do futebol" (que dá uma pontuação para os títulos conquistados pelas equipes), ocupando, atualmente, a segunda posição entre os clube brasileiro com mais conquistas no somatório de títulos oficiais de abrangência nacionais e internacionais[3] (ou seja, sem contar títulos regionais e não oficiais. Caso se contabilize a Copa União, o clube fica empatado com o Palmeiras na primeira posição) com 14 conquistas, a terceira posição (empatado com o Internacional e com o Cruzeiro) entre os clubes brasileiros no somatório de títulos oficiais de abrangência internacional,[4] com sete conquistas, e em termos estaduais, é o único com mais de duas conquistas no maior torneio interclubes da América do Sul e o clube do Estado do Rio de Janeiro com o maior número de títulos oficiais no futebol, considerando títulos de todas as abrangências (internacional, nacional e regional/estadual). É também, segundo um levantamento feito pela ESPN Brasil, o primeiro (e por enquanto único) clube do Brasil a ter conquistado todos os títulos possíveis nacionais e internacionais, a saber: Campeonato, Copa e Supercopa nacionais, além dos dois principais torneios continentais, a Supercopa continental e o Torneio intercontinental.[5]

O primeiro título no futebol conquistado pelo clube foi o Campeonato Carioca de Futebol de Segundos Quadros de 1912.[6] Desde então, é o único dos chamados grandes clubes brasileiros (quer seja, que tenha conquistado pelo menos um título nacional) que sempre conquistou pelo menos um título relevante em todas as décadas.[7] Assim sendo, em relação as suas maiores glórias no futebol, destacam-se as conquistas da Copa Intercontinental[nota 1] (único time carioca a ter conquistado um título de dimensão mundial reconhecido pela FIFA)[8] e das Copas Libertadores da América de 1981[nota 2] , 2019 e 2022 (único time carioca a ter conquistado por três vezes a competição), além de uma Copa Mercosul (1999), uma Copa de Ouro Nicolás Leoz (1996) e uma Recopa Sul-Americana (2020), o que lhe confere a quinta posição no ranking com o somatório de títulos internacionais de clubes brasileiros.

No Brasil, o Flamengo é, por decisão judicial, e em seguida, pela Confederação Brasileira de Futebol (CBF), oficialmente detentor de sete títulos do Campeonato Brasileiro (1980, 1982, 1983, 1992, 2009, 2019 e 2020) — o clube ainda reivindica o reconhecimento da conquista da Copa União, de 1987, como título brasileiro[nota 3] (torneio idealizado pelo Clube dos 13 para ser o Campeonato Brasileiro de 1987, mas que de acordo com os regulamentos da CBF à época tratou-se apenas do Módulo Verde do Campeonato Brasileiro de 1987. Porém, em 24 de novembro de 2019, quando o Flamengo ganhou o Campeonato Brasileiro daquele ano, a entidade pôs, em seu site oficial, o título da Copa União na lista de conquistas do clube carioca, mas diferenciando os títulos em "Brasileiro" e "Copa União".[13] No dia seguinte, a CBF informou que acata a decisão do Supremo Tribunal Federal (STF) de que o Sport é o único campeão brasileiro de 1987 e, por isso, considera oficialmente o Flamengo como hexacampeão brasileiro — e não hepta.[14][15] Mas, em uma nota enviada a imprensa, a entidade informou que, "a título de opinião, sob o ponto de vista esportivo, o Flamengo é merecedor da designação de heptacampeão brasileiro".)[16][17] —, quatro títulos da Copa do Brasil e uma Copa dos Campeões. Estas catorze conquistas nacionais dão ao clube o segundo lugar no ranking de títulos nacionais.[18] Além disso, considerando década o período entre o ano 0 e o ano 9 (como em 2000 a 2009)[19], o rubro-negro carioca é o único clube a ser campeão brasileiro em cinco décadas diferentes da competição (o Flamengo foi campeão em 1980, 1990, 2000, 2010 e 2020). Caso a década seja considerada o período entre o ano 1 e o ano 0 (como em 1971 a 1980), somente Flamengo e o Palmeiras conquistaram títulos em cinco décadas diferentes (o Flamengo foi campeão nas décadas de 1970, 1980, 1990, 2000 e 2010), mas somente o Flamengo em cinco décadas consecutivas. De qualquer forma, considerando uma ou outra contagem de década, o Flamengo é o maior vencedor do Brasileirão na década de 1980.

Ainda em relação a conquistas nacionais, há mais duas conquistas ainda não consideradas oficiais, apesar de algumas fontes a considerarem oficiais: a primeira diz respeito à Copa dos Campeões Mundiais de 1997, considerada um torneio oficial, tanto pela CBF,[20][21] quanto pela Federação de Futebol do Estado do Rio de Janeiro (FERJ);[22] e a segunda diz respeito à Taça dos Campeões Brasileiros de 1992, considerada oficial pelo Rec.Sport.Soccer Statistics Foundation (RSSSF) e pelo site Eternos Campeões[23], embora os jornais cariocas da época o considerem como um torneio amistoso.[24][25] Até janeiro de 2013, a lista de títulos do site oficial do Flamengo não constava (nem mesmo como título não-oficial) a Taça dos Campeões Brasileiros de 1992,[26] tendo passado a listá-la posteriormente como título oficial.[27]

Com relação a títulos regionais e estaduais, o clube conquistou um Torneio Rio-São Paulo, uma Taça dos Campeões Estaduais Rio–São Paulo e 36 títulos do Campeonato Carioca, sendo o maior vencedor da competição estadual, com a incrível marca de seis tricampeonatos.[28] Apesar de, o jornal Diário da Noite (órgão dos Diários Associados), de 7 de abril de 1959, e de os clubes disputantes do Torneio Rio-São Paulo de 1940 consideraram o resultado deste certame como definitivo e declararem Fluminense e Flamengo como campeões, a Confederação Brasileira de Desportos (CBD, precursora da atual CBF) considera este torneio como inacabado, e, portanto, sem vencedor.

No triênio 2019–2020–2021, o Flamengo conquistou nove títulos, igualando o feito do São Paulo, que no triênio 1991–1992–1993 também conquistou nove títulos (se considerarmos apenas um período de três anos consecutivos, estas são as maiores hegemonias do futebol brasileiro).[29]

Além disso, o Flamengo é um dos três clubes do país, ao lado de Santos e São Paulo, que nunca foram rebaixados para a segunda divisão do campeonato nacional. É, ao lado do Santos, os dois únicos clubes a terem conquistado a Copa Libertadores e o Campeonato Brasileiro numa mesma temporada (temporada de 2019).[30] Por fim, é ainda, ao lado do Atlético Mineiro, Santa Cruz, Arsenal (Inglaterra) e Dublin (Uruguai), um dos cinco únicos clubes do mundo que já venceram a Seleção Brasileira de Futebol.[31] Detém, junto ao Botafogo, a maior sequência invicta do futebol brasileiro com 52 partidas, em 1979.[32]

Honrarias e feitos relevantes[editar | editar código-fonte]

Soccer ball.svg Títulos no futebol[editar | editar código-fonte]

Honoríficos[editar | editar código-fonte]

Taça Salutaris que rendeu ao clube a alcunha de "O Mais Querido do Brasil"
HONORÍFICOS
Conquista Títulos Temporada(s)
Trophy (transp. Simón Bolívar Cup).png Taça Salutaris[52] 1 1927
Trophy (transp. Simón Bolívar Cup).png Campeão do IV Centenário[53] 1 1965
Heraldic Royal Crown (Common).svg Quádrupla coroa 1 2020
Heraldic Royal Crown (Common).svg Tríplice coroa[54] 2 1981 e 2019
FIFA Logo (2010).svg 9.º maior clube do século da FIFA 1 2000
Trophy (transp. Simón Bolívar Cup).png Troféu Fair Play[55] 1 2016

Títulos principais[editar | editar código-fonte]

Cscr-featured.png Campeão invicto

Copa Intercontinental de 1981, o maior título do Flamengo no futebol.
Troféus da Copa Libertadores de 1981 e da Copa Mercosul de 1999.
Troféu da Copa Libertadores de 2019.
Troféu do Campeonato Brasileiro de 2019.
Troféus da Copa do Brasil de 2013 e da Copa União 1987.
MUNDIAIS
Competição Títulos Temporadas
Copa Intercontinental[56][57][58] 1 1981Cscr-featured.png
CONTINENTAIS
Competição Títulos Temporadas
CopaLibertadores1960-.png Copa Libertadores da América 3 1981, 2019 e 2022Cscr-featured.png
Copa Mercosul 1 1999
RecopaSul-Americana1990-97-2003-.png Recopa Sul-Americana 1 2020Cscr-featured.png
Copa de Ouro Nicolás Leoz 1 1996Cscr-featured.png
NACIONAIS
Competição Títulos Temporadas
BrasileiraoA2014-.png Campeonato Brasileiro 7 1980, 1982, 1983, 1992, 2009, 2019 e 2020
CopadoBrasil2013-.png Copa do Brasil 4 1990Cscr-featured.png, 2006, 2013 e 2022
SupercopadoBrasil2020-.png Supercopa do Brasil 2 2020 e 2021
CopadosCampeoes2001-2002.png Copa dos Campeões 1 2001
INTERESTADUAIS
Competição Títulos Temporadas
Torneio Rio–São Paulo[Nota2] 1 1961
CampeoesRio-SaoPaulo1955.png Taça dos Campeões Estaduais Rio–São Paulo 1 1955Cscr-featured.png
ESTADUAIS
Competição Títulos Temporadas
CampeonatoCarioca2013-.png Campeonato Carioca 37 1914, 1915Cscr-featured.png, 1920Cscr-featured.png, 1921, 1925, 1927, 1939, 1942, 1943, 1944, 1953, 1954, 1955, 1963, 1965, 1972, 1974, 1978, 1979, 1979 (especial)Cscr-featured.png, 1981, 1986, 1991, 1996Cscr-featured.png, 1999, 2000, 2001, 2004, 2007, 2008, 2009, 2011Cscr-featured.png, 2014, 2017Cscr-featured.png, 2019, 2020 e 2021
TOTAL
Conquistas Total Por por categoria
Títulos oficiais 60 7 internacionais (1 mundial e 6 continentais), 14 nacionais, 2 interestaduais e 37 estaduais

Outros torneios oficiais[editar | editar código-fonte]

TURNOS DO BRASILEIRO
Competição Títulos Temporadas
Copa União[Nota1] 1 1987[37][59][60]
TURNOS DO ESTADUAL
Competição Títulos Temporadas
Rio de Janeiro Taça Guanabara 21 1972Cscr-featured.png, 1973Cscr-featured.png, 1978, 1979, 1981, 1982, 1984, 1988, 1989Cscr-featured.png, 1995, 1996Cscr-featured.png, 1999Cscr-featured.png, 2001, 2004, 2007, 2008, 2011Cscr-featured.png, 2014, 2018Cscr-featured.png[61], 2020[62] e 2021[63]
Rio de Janeiro Taça Rio 9 1983, 1985Cscr-featured.png, 1986, 1991Cscr-featured.png, 1996Cscr-featured.png, 2000, 2009, 2011Cscr-featured.png, 2019
Rio de Janeiro Torneio Super Clássicos 3 2013★, 2014 e 2015
Rio de Janeiro Taça Pedro Magalhães Corrêa 1 1974
Rio de Janeiro Taça Cidade do Rio de Janeiro 1 1978★
Rio de Janeiro Taça Innocêncio Pereira Leal 1 1979
Rio de Janeiro Taça Luiz Aranha 1 1979 (especial)
Rio de Janeiro Taça Jorge Frias de Paula 1 1979 (especial)
Rio de Janeiro Taça Sylvio Corrêa Pacheco 1 1981
Rio de Janeiro Taça Euzébio de Andrade 1 1987★
Total 40
OUTROS ESTADUAIS
Competição Títulos Temporadas
Rio de Janeiro Copa Rio 1 1991
Rio de Janeiro Taça Guanabara (torneio independente) 2 1970 e 1980★
Rio de Janeiro Torneio Início 6 1920, 1922, 1946, 1951, 1952 e 1959
Total 9
MUNICIPAIS
Competição Títulos Temporadas
Município do Rio de Janeiro Torneio Aberto do Rio de Janeiro 1 1936★
Município do Rio de Janeiro Torneio Relâmpago do Rio de Janeiro 1 1943
Município do Rio de Janeiro Torneio Extra 1 1934
Município do Rio de Janeiro Campeonato da Capital (fase da Copa Rio) 2 1991 e 1993★
Total 5
  • Nota 1 ^ - Depois de diversos anos de brigas judiciais sobre quem era de fato o campeão daquela edição do Campeonato Brasileiro, o Supremo Tribunal Federal (STF) em ação transitada em julgado, em março de 2018, definiu o Sport como legítimo campeão de 1987.[64] Porém, a CBF, pelo menos a partir de 2011, defende a divisão do título, quando em uma resolução publicada pelo então presidente, Ricardo Teixeira que disse: "foi passado a limpo o futebol brasileiro" e que "queria homenagear todos os jogadores da campanha de 87 e o técnico Carlinhos. Vocês são agora os legítimos campeões de 87, e o Flamengo tem de direito seis títulos (na época) de campeão brasileiro."[65][66] Resolução esta que foi revogada meses depois pela própria CBF, que acatou a decisão da 10ª Vara da Justiça Federal de Primeira Instância da Seção Judiciária de Pernambuco que considerou ilegal a divisão do título.[67][68][69] Em 2015, novamente dividiu o titulo em seu guia oficial, antes em 2012, alegou "erro no material enviado à gráfica".[70] Porém, cabe observar que o reconhecimento de títulos pela CBF vem através de Resoluções de Presidência da mesma,[71][72][73] não através do Guia do Campeonato Brasileiro. O referido Guia traz, inclusive, uma seção de bibliografia, em que constam fontes externas (diversos portais da web), que não são documentos oficiais da CBF.[74] Em 2019, após a conquista do Campeonato Brasileiro pelo Flamengo, a CBF em nota publicada a imprensa disse que acatava a decisão do STF e reconhecia oficialmente o Sport como único campeão brasileiro de 1987, mas "sob o ponto de vista esportivo, o Flamengo é merecedor da designação de heptacampeão brasileiro" (reconhecendo assim, de forma não oficial, o título de 1987 do Flamengo). Tal publicação foi apenas "a título de opinião", não sendo uma resolução oficial de reconhecimento, segundo a entidade, que mostrava assim que não concordava com a decisão judicial de definir o Sport como único campeão daquela edição.[14][15][16][17] Noticiando a conquista do Campeonato Brasileiro de 2019 pelo clube carioca em seu site oficial, a CBF incluiu "1987 (Copa União)" entre os títulos de 1983 e 1992.[75]
  • Nota 2 ^ - A Confederação Brasileira de Desportos (CBD, precursora da atual CBF) deu o Torneio Rio São Paulo de 1940 como inacabado (a iniciativa de abandonar o torneio foi dos clubes paulistas), sem nenhum clube ter se sagrado campeão, conforme publicado pelos jornais Jornal do Brasil (RJ), O Estado de S. Paulo[76] e Folha de S.Paulo (SP),[77] e pelos Boletins da CBD. Porém, o jornal Diário da Noite (órgão dos Diários Associados)", de 7 de abril de 1959, diz: "Em 1940 houve charivari". "Somente anos mais tarde voltou a ser disputado o certame interestadual. Em 1940, com novos organizadores, porém com dois turnos, o Rio-São Paulo não chegou ao seu término por causa dos conflitos havidos entre cariocas e paulistas, quando do início do returno. Os resultados até ali foram considerados como definitivos e o Fluminense e o Flamengo, que ocupavam o primeiro e o segundo pôsto foram apontados como campeões, sem se importarem com a realização de um "match" de caráter desempate". Além disso, conforme constam nos livros "Almanaque do Flamengo" (Editora Abril, 2001), e "Fluminense Football Club, História, Conquistas e Glórias no Futebol" (Editora MAUAD, 2003), os clubes disputantes consideraram o resultado como definitivo e declararam Fluminense e Flamengo campeões. Até janeiro de 2013, a lista de títulos do site oficial do Flamengo não listava o Torneio Rio–São Paulo de 1940 entre suas conquistas (listava apenas a edição de 1961),[26] tendo passado a listá-lo posteriormente.[27] Até outubro de 2016, a lista de títulos do site oficial do Fluminense tampouco listava o torneio de 1940 entre suas conquistas,[78] tendo passado a listá-lo posteriormente.[79] Desde 2012 há um espaço reservado na sala de troféus do Fluminense dedicada a este torneio, que diz: “Oficial ou não, o grande time do Fluminense de 1940 também recebe sua homenagem neste espaço.”[80]

Outros torneios[editar | editar código-fonte]

Torneios Internacionais

O Flamengo conquistou 30 torneios internacionais com a sua equipe principal em quatro continentes, na América, África, Ásia e Europa com destaque para o Troféu Ramón de Carranza, a Copa Mohamed V, o Torneio Octogonal Sul-Americano, o Hexagonal do Peru, entre outros.

Taças do Troféu Ramón de Carranza de 1979 e 1980
Torneios internacionais
Competição País da disputa Edições
Torneio Internacional de Lima  Peru 1952
Torneio Juan Domingo Perón  Argentina 1953
Torneio Internacional do Rio de Janeiro  Brasil 1954, 1955, 1970 e 1972
Torneio Internacional de Israel  Israel 1958
Torneio Hexagonal do Peru  Peru 1959
Torneio Octogonal Sul-Americano Uruguai 1961
Torneio Internacional da Tunísia  Tunísia 1962
Torneio Internacional da Colômbia  Colômbia 1964
Troféu Naranja Flag of Spain.svg Espanha 1964 e 1986
Copa Mohamed V  Marrocos 1968
Torneio Quadrangular Internacional de Goiás  Brasil 1975[81]
Troféu Cidade de Palma de Mallorca Flag of Spain.svg Espanha 1978
Troféu Ramón de Carranza Flag of Spain.svg Espanha 1979 e 1980
Troféu Cidade de Santander Flag of Spain.svg Espanha 1980
Copa Punta del Este Uruguai 1981
Torneio Internacional de Nápoles  Itália 1981
Torneio Air Gabon Gabão 1987
Torneio Internacional de Angola  Angola 1987
Troféu Colombino Flag of Spain.svg Espanha 1988
Copa Kirin  Japão 1988
Copa do Porto de Hamburgo  Alemanha 1989
Marlboro Cup  Estados Unidos 1990
Taça Libertad  Argentina 1993
Torneio Internacional de Kuala Lumpur  Malásia 1994
Flórida Cup  Estados Unidos 2019
Total 30
Taças internacionais

As 21 taças em disputa contra apenas um adversário, foram conquistadas na América, Ásia e Europa, em nove países diferentes, as duas primeiras em 1949.

Taças internacionais
Competição País da disputa Edições/Adversários
Troféu Embaixada da Guatemala Guatemala Guatemala 1949 (Seleção da Guatemala)
Troféu Comitê Olímpico da Guatemala Guatemala Guatemala 1949 (Seleção da Guatemala)
Copa Elfsborg Suécia Suécia 1951 (IF Elfsborg)
Troféu Francisco Roman  Brasil 1952 (Deportivo Cali)
Troféu Cidade de Arequipa  Peru 1952 (Seleção de Arequipa)
Troféu Marechal Eurico Gaspar Dutra  Brasil 1955 (Nacional)
Troféu Dr. Alves de Morais Portugal Portugal 1956 (Benfica)
Troféu Allmänna Idrotts Klubben  Brasil 1957 (AIK Fotboll)
Troféu Ponto Frio Bonzão  Brasil 1957 (Honvéd)
Troféu Sporting Club de Portugal Portugal Portugal 1958 (Sporting)
Troféu Spartak Moscou  Rússia 1959 (Spartak Moscou)
Troféu Restelo Portugal Portugal 1968 (Belenenses)
Taça José João Altafini Mazzola  Brasil 1975 (Juventus)
Troféu Perugia  Brasil 1980 (Perugia Calcio)
Troféu Brasil-Argentina  Argentina 1982 (River Plate)
Taça Confraternização Brasil-Paraguai Paraguai Paraguai 1982 (Olimpia)
Troféu Centenário do Linfield Football Club Irlanda do Norte Irlanda do Norte 1986 (Linfield)
Canada Day Cup  Canadá 1989 (Toronto Blizzard)
Copa Sharp  Japão 1990 (Real Sociedad)
Copa Pepsi  Japão 1994 (Kashima Antlers)
Taça Desafio 50 anos da Petrobrás  Brasil 2003 (Racing)
Total 21
Torneios nacionais

O Flamengo conquistou 13 torneios nacionais em todas as regiões do Brasil, em nove estados diferentes, não considerando o fato dos troféus Osmar Santos e João Saldanha terem abrangência nacional.

Torneios nacionais
Competição Estado da disputa Edições
Torneio Triangular de Curitiba  Paraná 1953
Torneio Quadrangular de Vitória  Espírito Santo 1965
Torneio Gilberto Alves  Goiás 1965
Torneio do Povo  Rio de Janeiro 1972
Torneio da Uva  São Paulo 1975
Torneio Elmo Serejo  Distrito Federal 1976
Torneio Quadrangular de Varginha  Minas Gerais 1990
Taça Brahma dos Campeões  Paraná 1992
Copa dos Campeões Mundiais  Pernambuco 1997
Copa Rede Bandeirantes  Distrito Federal 1997
Torneio Super Series  Amazonas 2015
Troféu Osmar Santos  Brasil 2019
Troféu João Saldanha  Brasil 2019 e 2020
Total 14
Taças nacionais

As 54 taças nacionais contra apenas um adversário, foram conquistadas em todas as regiões do Brasil, em pelo menos quatorze estados diferentes.

Taças nacionais
Competição Estado da disputa Edições/Adversários
Taça Desafio Flamengo × Internacional-PR Paraná 1914 (International-PR)
Taça Jornal Folha do Norte Pará Pará 1915 (Seleção de Belém)
Troféu Artísitico Pará 1916 (Paysandu)
Taça Clube do Remo Pará Pará 1916 (Remo)
Taça Bancada Paraense no Congresso Nacional Pará Pará 1916 (Seleção Paraense)
Taça Sport Club Juiz de Fora  Minas Gerais 1917 (Juiz de Fora)
Taça Elias São Paulo 1922 (A.A.Caçapavense)
Troféu Torre Sport Club  Pernambuco 1925 (Torre)
Troféu Agência Hudson  Pernambuco 1925 (Sport)
Troféu Jornal do Commercio  Pernambuco 1925 (Santa Cruz)
Troféu Sérgio de Loreto  Pernambuco 1925 (Seleção Pernambucana)
Troféu Muquiense F.C Espírito Santo 1926 (Comercial-ES)
Troféu Associação Paranaense de Desportos  Paraná 1927 (Seleção Paranaense)
Taça Doutor Affonso de Camargo  Paraná 1927 (Atlético Paranaense)
Troféu Prefeito Christiano Machado Minas Gerais 1929 (Atlético Mineiro)
Taça Companhia Aliança da Bahia Bahia Bahia 1932 (Ypiranga)
Troféu Interventor Federal da Bahia Bahia Bahia 1932 (Seleção Baiana)
Taça João Vianna Seilir  Paraná 1936 (Coritiba)
Taça Royal São Paulo 1940 (São Paulo)
Troféu Prefeitura Municipal de Salvador Bahia 1947 (Guarani)
Troféu Cezar Aboud  Maranhão 1948 (Seleção Maranhense)
Taça Cidade de Ilhéus Bahia Bahia 1950 (Bahia)
Troféu Carlos Renaux x Flamengo Santa Catarina 1952 (Carlos Renaux)
Troféu Embaixador Oswaldo Aranha  Rio Grande do Sul 1956 (Internacional)
Troféu Magalhães Pinto de 1961  Minas Gerais 1961 (Renascença)
Troféu Magalhães Pinto de 1970  São Paulo 1970 (Santos)
Troféu Pedro Pedrossian  São Paulo 1971 (Corinthians)
Taça Presidente Médici  Rio Grande do Sul 1971 (Grêmio)
Taça Dr. Manoel dos Reis e Silva  Goiás 1973 (Goiás) e 1974 (Vila Nova)
Taça Deputado José Garcia Neto  Mato Grosso 1974 (Operário FC)
Taça Jubileu de Prata da Rede Tupi de Televisão  Distrito Federal 1975 (CEUB)
Troféu Governador Roberto Santos Bahia Bahia 1976 (Itabuna)
Taça Prefeitura Municipal de Manaus  Amazonas 1976 (Seleção Amazonense)
Taça Duque de Caxias  Rio de Janeiro 1976 (Ceará)
Troféu 40 Anos da Rádio Nacional  Rio de Janeiro 1976 (Sport)
Taça Geraldo Cleofas Dias Alves  Rio de Janeiro 1976 (Seleção Brasileira)
Troféu Antônio Valmir Campelo Bezerra  Distrito Federal 1977 (Gama)
Troféu João Batista de Oliveira Figueiredo  São Paulo 1979 (Corinthians)
Taça Governador Ary Ribeiro Valadão  Goiás 1979 (Vila Nova) e 1982 (Goiás)
Troféu Anos de Ouro do Futebol Brasileiro  São Paulo 1980 (São Paulo)
Troféu João Saldanha  Rio de Janeiro 1980 (Internacional)
Troféu João Havelange  Rio de Janeiro 1987 (Internacional)
Taça Governador Jader Ribeiro Bahia Bahia 1988 (Seleção de Ilhéus)
Taça Associação dos Cronistas Esportivos de Sergipe  Sergipe 1990 (Confiança)
Troféu Eco-92  Rio de Janeiro 1992 (São Paulo)
Taça dos Campeões Brasileiros (também conhecida como Taça Brahma dos Campeões)  Paraná 1992 (Paraná)
Troféu Raul Plassmann  Rio de Janeiro 1993 (Cruzeiro)
Taça 15 Anos do SBT  Amazonas 1996 (São Paulo)
Taça 147 Anos de Juiz de Fora  Minas Gerais 1997 (Botafogo)
Taça Capitão José Hernani de Castro Moura  São Paulo 2002 (São Caetano)
Troféu da Paz  Minas Gerais 2005 (Tupi)
Troféu 125 anos de Uberlândia  Minas Gerais 2013 (São Paulo)
Total 54
Taças estaduais
Taças estaduais
Competição Edições
Taça Madame Gaby Coelho Netto 1916
Troféu América Fabril 1919, 1922 e 1923

Aspirantes/Reservas[editar | editar código-fonte]

Até a década de 1960, não existiam substituições no futebol. Assim, a fim de manter os jogadores reservas em atividade, haviam campeonatos que eram disputados justamente por esses jogadores, e as partidas eram realizadas geralmente nas preliminares das partidas principais.

Estaduais
Competição Títulos Temporadas
Rio de Janeiro Campeonato Carioca de Aspirantes/Reservas 13 1912, 1913, 1914, 1916, 1917, 1918, 1925, 1927, 1931, 1935, 1955, 1956 e 1970
Rio de Janeiro Taça Fernando Loretti 3 1945, 1946 e 1948
Rio de Janeiro Taça Lamartine Babo 1 1965
Rio de Janeiro Torneio Ibsen de Rossi 1 1966
Total 18

Amadores[editar | editar código-fonte]

Com o estabelecimento do futebol profissional pela Liga Carioca de Futebol em 1933, a disputa da antiga categoria de Aspirantes/Reservas foi substituída pela do Campeonato de Quadros Amadores, destinada então aos atletas que não desejaram aderir ao profissionalismo.

Estaduais
Competição Títulos Temporadas
Rio de Janeiro Campeonato Carioca de Futebol de Amadores 1 1935

Soccer ball.svg Categorias de base[editar | editar código-fonte]

Títulos do Flamengo em categorias de base.[82]

Juniores (Sub-18/20)[editar | editar código-fonte]
Internacionais
Competição Títulos Temporadas
Itália Troféu Angelo Dossena 1 2018
Inglaterra M.U Summer Tournament 1 2019
Nacionais
Competição Títulos Temporadas
Brasil Copa São Paulo de Juniores 4 1990, 2011, 2016 e 2018
Brasil Campeonato Brasileiro Sub-20 1 2019
Brasil Supercopa do Brasil Sub-20 1 2019
Brasil Taça Belo Horizonte de Futebol Júnior 3 1986, 2003 e 2007
Estaduais
Competição Títulos Temporadas
Rio de Janeiro Campeonato Carioca Sub-20 31 1921, 1936, 1942, 1943, 1945, 1946, 1956, 1957, 1958, 1960, 1965, 1967, 1972, 1973, 1979, 1980, 1983, 1985, 1986, 1989, 1990, 1993, 1994, 1996, 1999, 2005, 2006, 2007, 2015, 2018 e 2019
Rio de Janeiro Torneio Octávio Pinto Guimarães 11 1984, 1985, 1993, 2006, 2007, 2011, 2012, 2014, 2016, 2018, 2019
Rio de Janeiro Copa Cultura de Juniores 1 2005
Juvenil (Sub-16/17)[editar | editar código-fonte]
Títulos Honorários/Honoríficos
Conquista(s) Títulos Temporadas
Heraldic Royal Crown (Common).svg Tríplice Coroa Nacional 1 2021
Internacionais
Competição Títulos Temporadas
=Emirados Árabes Unidos Torneio Internacional de Dubai 2 2018, 2019
Estados Unidos Generation Adidas Cup 1 2018
China Evergrande Cup 1 2018
Nacionais
Competição Títulos Temporadas
Brasil Campeonato Brasileiro Sub-17 2 2019, 2021
Brasil Copa do Brasil Sub-17 2 2018, 2021
Brasil Supercopa do Brasil Sub-17 1 2021
Estaduais
Competição Títulos Temporadas
Rio de Janeiro Campeonato Carioca Sub-17 19 1980, 1981, 1984, 1986, 1987, 1988, 1991, 1992, 1993, 1994, 1995, 1997, 2004, 2006, 2007, 2010, 2012, 2016, 2017
Rio de Janeiro Copa Rio Sub-17 6 1986, 1991, 1996, 1998, 2000 e 2004
Rio de Janeiro Copa Macaé 2 1999 e 2006
Rio de Janeiro Torneio Guilherme Embry 3 2015, 2017 e 2018
Infanto-juvenil (Sub-14/15)[editar | editar código-fonte]
Internacionais
Competição Títulos Temporadas
Japão Copa da Amizade Brasil-Japão 4 1999, 2005, 2011 e 2014
Brasil Nike Premier Cup 1 2018
Nacionais
Competição Títulos Temporadas
Brasil Copa Votorantim 2 2015 e 2017
Estaduais
Competição Títulos Temporadas
Rio de Janeiro Campeonato Carioca Sub-15 11 1969, 1980, 1984, 1986, 1988, 1992, 1996, 2001, 2007, 2016, 2018

Futebol de Masters[editar | editar código-fonte]

Os torneios de futebol de masters são disputados por atletas que já se aposentaram dos gramados. A equipe de masters ddo Flamengo foi formada em 2000.[83]

Football pictogram.svg Futebol feminino[editar | editar código-fonte]

Títulos oficiais[editar | editar código-fonte]

Cscr-featured.png Campeão invicto

Nacionais
Competição Títulos Temporadas
Brasileiro Feminino A1 Troféu (2016-).png
Campeonato Brasileiro 1 2016
Estaduais
Competição Títulos Temporadas
Rio de Janeiro Campeonato Carioca 6 2015, 2016, 2017Cscr-featured.png, 2018Cscr-featured.png, 2019 e 2021

Torneios amistosos[editar | editar código-fonte]

Notas e referências

Notas

  1. A Copa Intercontinental teve o status de competição mundial reconhecido pela FIFA, em outubro de 2017.[8]
  2. A equipe campeã da Libertadores e da Intercontinental contava com nomes como Júnior, Adílio, Tita e Zico, considerado o maior ídolo da história do clube, além do técnico Paulo César Carpegiani.[9]
  3. Em 1987, a CBF passava por uma grave crise financeira e anunciou que não poderia organizar o Campeonato Brasileiro nos mesmos moldes. Como resultado, os treze grandes clubes do Brasil fundaram o Clube dos 13 para organizaram seu próprio campeonato chamado de Copa União. Vendo o sucesso que o novo torneio já demonstrava ter, a CBF decidiu que o campeão e vice-campeão da Copa União (Troféu João Havelange/Módulo Verde) enfrentaria o campeão e o vice-campeão do Troféu Roberto Gomes Pedrosa (Módulo Amarelo — que foi disputado por equipes mais "modestas") em um quadrangular. O Clube dos 13 não aceitou o regulamento e não permitiu que Flamengo e Internacional (campeão e vice-campeão da Copa União) jogassem o quadrangular. O Flamengo ganhou a Copa União, que foi disputada pelos maiores clubes do Brasil,[10] sendo reconhecida pelo Clube dos 13 e pelo Conselho Nacional de Desportos (CND), contrariando a resolução do CND e a maioria dos juízes do Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD), em 1988, que na época eram as maiores instâncias do futebol nacional e mais tarde, em 2011, pela CBF que eventualmente revogou a decisão por uma decisão judicial. Note-se que, para CBF, o Flamengo é considerado, de forma não oficial, ao lado de Sport, campeão brasileiro de 1987, como demonstrado, em 2011, não podendo homologá-lo por conta da decisão final do Supremo Tribunal Federal (STF).[11][12]

Referências

  1. «The FIFA Club of the Century» (PDF) (em inglês). FIFA (arquivado em archive.org). Consultado em 16 de novembro de 2022. Arquivado do original (PDF) em 23 de abril de 2007 
  2. «Palmeiras deixa Corinthians para trás, mas Flamengo segue líder em ranking de jornal; veja posições». ESPN. 27 de dezembro de 2018. Consultado em 16 de novembro de 2022 
  3. Machado, Thales (19 de fevereiro de 2020). «Flamengo pode se tornar um dos maiores colecionadores de títulos do país se ganhar a Recopa». O Globo. Consultado em 16 de novembro de 2022 
  4. Barbato, Bruno (24 de novembro de 2019). «Veja o ranking atualizado de clubes brasileiros com mais títulos internacionais». Torcedores.com. Consultado em 16 de novembro de 2022 
  5. a b c «Mundial de Clubes: Chelsea tenta completar coleção que 7 europeus e apenas Flamengo no Brasil têm». ESPN. 11 de fevereiro de 2022. Consultado em 16 de novembro de 2022 
  6. «Clube de Regatas do Flamengo». Rankingdeclubes.com.br. Consultado em 16 de novembro de 2022 
  7. a b Gomes, Julio (12 de abril de 2021). «Ranking do futebol brasileiro: Flamengo é "intruso" entre os paulistas». Universo Online. Consultado em 16 de novembro de 2022 
  8. a b «Fifa reconhece títulos mundiais de Santos, Flamengo, Grêmio e São Paulo». ESPN. 27 de outubro de 2017. Consultado em 16 de novembro de 2022 
  9. «Jogadores memoráveis de futebol». Flamengo. Consultado em 16 de novembro de 2022. Arquivado do original em 22 de fevereiro de 2011 
  10. Leal, Ubiratan (7 de novembro de 2007). «Crise, revolução e traição: a história da Copa União de 1987». Trivela. Consultado em 16 de novembro de 2022. Arquivado do original em 31 de outubro de 2020 
  11. «CBF volta atrás e reconhece o Flamengo como campeão em 1987». ge. 21 de fevereiro de 2011. Consultado em 16 de novembro de 2022 
  12. «CBF reconhece Sport como 'único' campeão brasileiro de 1987». O Estado de S. Paulo. 15 de junho de 2011. Consultado em 16 de novembro de 2022 
  13. Assessoria CBF (24 de novembro de 2019). «Flamengo é campeão do Brasileirão 2019». CBF. Consultado em 16 de novembro de 2022 
  14. a b Bianchini, Vladimir (25 de novembro de 2019). «CBF põe Copa União na lista de títulos, mas acata Justiça e diz que clube é hexacampeão brasileiro». ESPN. Consultado em 16 de novembro de 2022 
  15. a b Almeida, Pedro Ivo (25 de novembro de 2019). «CBF decide respeitar STF e considera Flamengo hexacampeão brasileiro». Universo Online. Consultado em 16 de novembro de 2022 
  16. a b Almeida, Pedro Ivo (25 de novembro de 2019). «Após citar Fla como hexa, CBF esclarece: "a título de opinião, é hepta"». Universo Online. Consultado em 16 de novembro de 2022 
  17. a b «CBF opina: Flamengo merece ser chamado de hepta brasileiro». O Globo. 25 de novembro de 2019. Consultado em 16 de novembro de 2022 
  18. «Flamengo deixa Corinthians e Cruzeiro para trás em ranking de títulos nacionais; veja a lista». ESPN. 25 de novembro de 2019. Consultado em 16 de novembro de 2022 
  19. Mennitti, Danieli (26 de dezembro de 2019). «A década acaba em 2019 ou temos que esperar até 2020?». Megacurioso.com.br. Consultado em 16 de novembro de 2022 
  20. «Revista Placar, 19 mar. 1971, informando que Valed Perry era em 1971 assessor jurídico da CBD». Placar. 19 de março de 1971. Consultado em 16 de novembro de 2022 
  21. Moreira, Mário (2 de julho de 1997). «Flamengo abandona a disputa do Estadual do Rio no 3º turno». Folha de S.Paulo. Consultado em 16 de novembro de 2022 
  22. «Jornal do Brasil, 01/07/1997, página 28 da Segunda Edição, catalogada como página 32 neste acervo». Jornal do Brasil. 1 de julho de 1997. Consultado em 16 de novembro de 2022 
  23. «Supercopa do Brasil». Eternos Campeões. Consultado em 16 de novembro de 2022. Arquivado do original em 8 de maio de 2022 
  24. «Tribuna da Imprensa, 12/08/1992, edição 12962, página 12». Tribuna da Imprensa. 12 de agosto de 1992. Consultado em 16 de novembro de 2022 
  25. «Jornal do Brasil, página 19 da edição de 12/08/1992 (ver página 86 neste arquivo do JB News Archive) ; Jornal do Brasil, página 19 da edição de 13/08/1992 (ver página 162 neste arquivo do JB News Archive) ; Jornal do Brasil, página 16 da edição de 14/08/1992 (ver página 220 neste arquivo do JB News Archive)». Jornal do Brasil. Consultado em 16 de novembro de 2022 
  26. a b «Lista de títulos do site oficial do Flamengo (28 de janeiro de 2013), recuperada pelo Web Archive em 10 de fevereiro de 2016». Flamengo. Consultado em 16 de novembro de 2022. Arquivado do original em 28 de janeiro de 2013 
  27. a b «Lista de títulos». Flamengo. Consultado em 16 de novembro de 2022. Arquivado do original em 15 de maio de 2015 
  28. Simeão Junior, Jerônimo (30 de julho de 2021). «6 vezes tri! A história de todos os tricampeonatos estaduais do Mengão». Redação Rubro-Negra. Consultado em 16 de novembro de 2022. Arquivado do original em 17 de setembro de 2021 
  29. a b Borges, Murilo (12 de abril de 2021). «Flamengo cria hegemonia inédita de títulos em quase 30 anos no Brasil e se aproxima do São Paulo de Telê». ESPN. Consultado em 16 de novembro de 2022 
  30. «Flamengo é campeão brasileiro e se torna primeiro time desde 1963 a ganhar Nacional e Libertadores no mesmo ano». ge. 24 de novembro de 2019. Consultado em 16 de novembro de 2022 
  31. a b Louback, Artur (4 de julho de 2018). «Que clubes já venceram a seleção brasileira?». Superinteressante. Consultado em 16 de novembro de 2022 
  32. a b «Veja os recordes de invencibilidade do futebol brasileiro e mundial». Lance!. 5 de dezembro de 2016. Consultado em 16 de novembro de 2022 
  33. «Com Copa do Brasil, Flamengo dispara como maior campeão no século; veja lista». R7.com. 22 de outubro de 2022. Consultado em 25 de outubro de 2022 
  34. ge.globo.com/ Libertadores: Flamengo é o sétimo campeão invicto da história
  35. «Brasileirão Assaí 50 anos: CBF lança marca especial da competição para 2021». Confederação Brasileira de Futebol. Consultado em 8 de agosto de 2021. O Brasileirão Assaí 50 anos marca o tempo de existência do Campeonato Brasileiro com este nome, ou seja, desde 1971. 
  36. «Flamengo no topo! Veja o ranking dos clubes que mais ganharam o Brasileirão desde 1971 - LANCE!». LANCE!. Consultado em 8 de junho de 2021 
  37. a b «Flamengo é campeão do Brasileirão 2019 - CBF, 24/11/2019» 
  38. «Fla é o time com mais jogos pelo @brasileirao». instagram. futebol_em_numeros. Consultado em 8 de agosto de 2021 
  39. ge.globo.com/ Botafogo, Flamengo e Vasco são os que mais cedem atletas titulares para o Brasil em Copas do Mundo
  40. Monteiro, Marcelo (10 de maio de 2010). «Qual o clube cedeu mais jogadores para a seleção brasileira?». GloboEsporte.com. Consultado em 21 de junho de 2014 
  41. lance.com.br/ Em partidas oficiais, quais clubes mais cederam jogadores para a Seleção Brasileira?
  42. Perez, Rafael (2 de março de 2021). «Hegemonia do flamengo». Redação Rubro-negra. Consultado em 25 de maio de 2021 
  43. Rodrigues, Randolfo. «Mais rodadas no G4 no Brasileirão na era dos pontos corridos (2003-2020)». Twitter. Consultado em 4 de junho de 2021 
  44. Farelli, Gabriel (2 de abril de 2020). «"E o Brasileiro já ganhamos SETE" – Os títulos brasileiros do Flamengo». Redação rubro-negra 
  45. Alves, Luhan (2 de abril de 2020). «Flamengo e suas duas históricas Libertadores: 1981 e 2019». Redação Rubro-negra 
  46. espn.com.br/ Flamengo vence final contra 10º grande diferente do Brasil e só não tem título sobre um rival; veja quem falta
  47. Revista Esporte Ilustrado (imagem 1)
  48. Revista Esporte Ilustrado (imagem 2)
  49. flamengoalternativo.wordpress.com/ Dez jogos, dez vitórias: Há 70 anos, o Fla fazia bonito em sua estreia na Europa
  50. flamengo.com.br/ Há 60 anos, esquadrão rubro-negro fazia história na Europa
  51. flamengoeternamente.blogspot.com/ Fita Azul - Por que o Flamengo não foi Premiado?
  52. Flamengo: o mais querido há 90 anos
  53. 1965
  54. Com 'dobradinha' no fim de semana, Flamengo garante tríplice coroa
  55. Flamengo ganhará Troféu Fair Play como equipe mais disciplinada do Brasileiro
  56. «FIFA Council approves key organisational elements of the FIFA World Cup™ - FIFA, 27/10/2017» 
  57. «FIFA aceita proposta da CONMEBOL de reconhecer títulos de copas intercontinentais como mundiais de clubes - CONMEBOL, 29/10/2017» 
  58. «Toda a América do Sul comemora com seus clubes campeões do mundo - CONMEBOL, 30/10/2017» 
  59. «Flamengo: CBF põe Copa União na lista de títulos, mas acata Justiça e diz que clube é ... - ESPN, 25/11/2019» 
  60. A CBF disse que "em seus documentos sobre o Brasileirão, aborda o ano de 1987 de acordo com a decisão do STF: Sport Campeão Brasileiro e Flamengo Campeão da Copa União".
  61. «Flamengo vence o Boavista e conquista a Taça Guanabara - Gazeta Esportiva». www.gazetaesportiva.com. Consultado em 6 de março de 2022 
  62. «Taça Guanabara 2020: veja imagens da conquista do Flamengo». ge. Consultado em 5 de março de 2022 
  63. «Veja a comemoração do Flamengo com a Taça Guanabara 2021 - Gazeta Esportiva». www.gazetaesportiva.com. Consultado em 5 de março de 2022 
  64. Martelo batido: decisão do STF faz do Sport o único campeão de 1987, 20/03/2018
  65. CBF reconhece título do Fla, 20/02/2011
  66. CBF volta atrás e reconhece o Flamengo como campeão em 1987, 20/02/2011
  67. O Estado de S. Paulo (1 de março de 2011). «Justiça Federal declarará Sport como o único campeão brasileiro de 1987». Consultado em 11 de junho de 2016 
  68. Globoesporte.com (15 de junho de 2011). «CBF volta a reconhecer Sport como único campeão brasileiro de 1987». Consultado em 11 de junho de 2016 
  69. Revista Veja (15 de junho de 2011). «"CBF reconhece Sport como único campeão de 1987"». Consultado em 11 de junho de 2016 
  70. Em manual, CBF reconhece Copa União como título brasileiro do Fla, 28/06/2012
  71. Resolução de Presidência da CBF 03/2010, sobre a unificação da Taça Brasil e do Torneio Roberto Gomes Pedrosa ao Campeonato Brasileiro. Acesso em 08/03/2016.
  72. CBF reconhece título do Fla. Site da CBF. 21/02/2011 às 12:52. Cita a Resolução de Presidência 02/2011.
  73. Resolução da Presidência 06/2011. Acesso em 08/03/2016.
  74. Guia do Brasileirão. Acesso em 08/03/2016.
  75. «Flamengo é campeão do Brasileirão 2019». Consultado em 26 de fevereiro de 2019 
  76. Lista de campeões do Torneio Rio São Paulo, indicando que não houve campeão na edição de 1940. Jornal O Estado de S. Paulo, 01 de março de 2000, página 26
  77. História do Torneio Rio São Paulo, indicando que a edição de 1940 só teve um turno e não teve campeão. Jornal Folha de S.Paulo, 19/01/2002
  78. Lista de títulos do site oficial do Fluminense, conforme era em 13 de outubro de 2016, recuperada pelo Web Archive em 07/03/2017.
  79. Lista de títulos. Site do Fluminense. Acesso em 07/03/2017.
  80. globoesporte.globo.com/ Torneio Rio-São Paulo de 1940: taça dividida de Fla e Flu é esquecida
  81. Torneio Quadrangular Internacional de Goiás - 1975
  82. CATEGORIAS DO FUTEBOL
  83. flamengomaster.com.br/
  84. http://www.falandodeflamengo.com.br Flamengo acerta com a Marinha e retorna ao Futebol Feminino para disputar o BR
  85. Flamengo vence Internacional e conquista a Brasil Ladies Cup

Ligações externas[editar | editar código-fonte]