Temporada do Clube de Regatas do Flamengo de 2018

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Gnome globe current event.svg
Este artigo ou seção se refere ou tem relação com um evento atual.
A informação apresentada pode mudar com frequência. Não adicione especulações, nem texto sem referência a fontes confiáveis. (Editado pela última vez em 20 de janeiro de 2018.)
Sports current event.svg
Clube de Regatas do Flamengo
Temporada 2018
Treinador Brasil Paulo César Carpegiani
Presidente Brasil Eduardo Bandeira de Mello
Federação Rio de Janeiro FERJ
Confederação Brasil CBF
Patrocínio Brasil Caixa (master)
Itália Tim
Brasil Sky
Brasil MRV Engenharia
Brasil Movile
Tailândia Carabao Tawandang
Material Alemanha Adidas
◄◄ Rio de Janeiro 2017 Futebol 2019 Rio de Janeiro ►►
editar

O Clube de Regatas do Flamengo em 2018 participará do Campeonato Carioca, da Copa Libertadores da América, da Copa do Brasil e da Série A do Campeonato Brasileiro.

Pelo Campeonato Carioca, estreou em 17 de janeiro, pela Taça Guanabara contra o Volta Redonda, no estádio Raulino de Oliveira em Volta Redonda com vitória por 2–0, com um time repleto de jovens e sem o elenco principal.[1]


Índice

Elenco atual

Soccerball current event.svg Última atualização: 21 de janeiro de 2018.

Elenco atual do Clube de Regatas do Flamengo[2][3]
N.º Pos. Nome N.º Pos. Nome N.º Pos. Nome
1 G Brasil Diego Alves 17 A Colômbia Marlos Moreno 33 Z Brasil Rafael Vaz
2 LD Brasil Rodinei 20 A Brasil Vinícius Júnior 35 M Brasil Diego
4 Z Brasil Juan 21 LD Brasil Pará 38 G Brasil Alex Muralha
5 V Brasil Willian Arão 22 A Brasil Éverton 39 M Brasil Lucas Paquetá
6 LE Brasil Renê 23 A Brasil Geuvânio 43 Z Brasil Léo Duarte
7 M Brasil Éverton Ribeiro 26 V Colômbia Cuéllar 44 Z Brasil Rhodolfo
9 A Peru Paolo Guerrero 27 V Brasil Rômulo 45 G Brasil Gabriel Batista
10 M Brasil Ederson 28 A Colômbia Orlando Berrío 47 A Brasil Felipe Vizeu
13 LE Peru Miguel Trauco 29 A Brasil Lincoln 49 G Brasil César
15 Z Brasil Réver 30 G Brasil Thiago TBA LD Brasil Kleber

Técnico: Brasil Paulo César Carpegiani

Transferências[editar | editar código-fonte]

Legenda

Fatos marcantes[editar | editar código-fonte]

Transferências[editar | editar código-fonte]

Entradas[editar | editar código-fonte]

Marlos Moreno[editar | editar código-fonte]

Em 16 de janeiro, o atacante colombiano Marlos Moreno, do Manchester City e que estava no Girona, foi anunciado como primeiro reforço da temporada. O jogador ficará no clube até 31 de dezembro de 2018, por empréstimo.[6]

O atacante foi apresentado no Ninho do Urubu, em 16 de janeiro, e ele usará a camisa 17 que era usada pelo lateral Gabriel, que deixou o clube.[9]

Saídas[editar | editar código-fonte]

Márcio Araújo[editar | editar código-fonte]

O volante foi o primeiro atleta a deixar o clube na temporada 2018. Ele assinou com a Chapecoense por dois anos após não ter o seu vínculo com o clube renovado. Era um dos atletas com mais tempo no elenco atual, tendo chegado ao clube em 2014. O jogador disputou 219 partidas e marcou três gols e participou da conquista dos Estaduais de 2014 — sendo autor do gol do título — e de 2017.[4]

Gabriel[editar | editar código-fonte]

O lateral direito Gabriel deixou o clube por empréstimo para o Sport até o final da temporada 2018. O jogador foi oficiamente apresentado pelo novo clube em 15 de janeiro, mas já apareceu no gramado um dia antes, na partida do Sport contra o Atlético Tucumán, da Argentina, pela Taça Ariano Suassuna.[5]

Mancuello[editar | editar código-fonte]

Em 11 de janeiro, o Cruzeiro anunciou a contratação do meia argentino Mancuello por três temporadas (2018–2020) com opção de renovação por mais uma temporada (2021). O Cruzeiro vai pagar 1,8 milhão de dólares (aproximadamente 5,8 milhões de reais) ao rubro-negro por 60 por cento dos direitos econômicos do futebolista.[10]

Campeonato Carioca[editar | editar código-fonte]

Mortes[editar | editar código-fonte]

Outros[editar | editar código-fonte]

Jogadores[editar | editar código-fonte]

Guerrero[editar | editar código-fonte]
Reapresentação

A partir de janeiro de 2018, o atacante Guerrero está proibido de usar as dependências do Flamengo, em função da suspensão pela FIFA — que vai até 3 de maio. Até dezembro de 2017, ele cumpriu suspensão preventiva e, assim, não se apresentará junto com o grupo, em 13 de janeiro, já que não poderá usar o Ninho do Urubu, nem treinar em separado, como vinha fazendo até então. De longe, o clube supervisiona as atividades, já que o contrato é válido até agosto de 2018.[11]

Suspensão do contrato

Em 14 de janeiro, o clube anunciou a suspensão do contrato com o atacante, conforme previsto no prórpio contrato e na Lei Pelé. A decisão do departamento jurídico terá validade enquanto o peruano não poder exercer as atividades profissionais, ou seja, até o final da suspensão imposta pela FIFA. Assim, apenas o salário não será pago, mas direitos de imagem e "luvas" continuam sendo pagas até o fim do vínculo com o Flamengo.[12]

Ederson: renovação[editar | editar código-fonte]

O meia Ederson, que se recupera de tumor no testículo, renovou seu contrato até 30 de junho. Ele deve se apresentar no próximo dia 13 de janeiro e a previsão é que tenha condições de voltar a treinar já em fevereiro.[13]

Treinadores[editar | editar código-fonte]

Reinaldo Rueda[editar | editar código-fonte]

Em 14 de agosto, o colombiano Reinaldo Rueda foi anunciado como novo treinador da equipe. Rueda é o 10º técnico estrangeiro a dirigir a equipe desde a sua criação.[14]

Em 8 de janeiro, antes mesmo do início da temporada 2018, após se reunir com a diretoria rubro-negra, anunciou que deixaria o clube para assumir a Seleção do Chile.[16]

Paulo César Carpegiani[editar | editar código-fonte]

Em 8 de janeiro, foi anunciado como novo treinador da equipe. A ideia original da diretoria era anunciá-lo como coordenador técnico, mas o anúncio foi postergado até a definição da situação de Reinaldo Rueda. Com a saída de Rueda, foi convidado para assumir a posição de treinador.

Tem um longo histórico com o clube. Quando jogador, atuou no primeiro título brasileiro da geração de Zico e companhia, em 1980, onde atuou com Mozer — atual gerente de futebol do Flamengo. Com a inesperada morte de Cláudio Coutinho, em 1981, assumiu o time e conquistou a Copa Libertadores e a Copa Europeia/Sul-Americana. No ano seguinte, 1982, entre outros, conquistou o Campeonato Brasileiro.[17][18]

Estatísticas[editar | editar código-fonte]

Temp. Competição Jogos Vitórias Empates Derrotas Aprov. Observações Ref
1981–1983 116 71 27 18 69,0% [19]
2000 22 12 4 6 60,6%
  • Troféu São Sebastião (2000)
Temporadas anteriores 138 83 31 24 67,6%
2018 Copa Libertadores 0 0 0 0 0,0% A disputar
Campeonato Brasileiro 0 0 0 0 0,0% A disputar
Copa do Brasil 0 0 0 0 0,0% A disputar
Campeonato Carioca 1 1 0 0 100,0% Em disputa
Total da temporada 1 1 0 0 100,0%
TOTAL 139 84 31 24 67,9%
Última atualização em 18 de janeiro de 2018.

Competições[editar | editar código-fonte]

Copa Libertadores da América[editar | editar código-fonte]

Ver artigo principal: Copa Libertadores da América

Fase de grupos[editar | editar código-fonte]

Grupo 4
Equipe
Pts J V E D GP GC SG
Argentina River Plate 0 0 0 0 0 0 0 0
Equador Emelec 0 0 0 0 0 0 0 0
Brasil Flamengo 0 0 0 0 0 0 0 0
Flag of None.svg Vencedor chave G1 0 0 0 0 0 0 0 0
Fonte: [20]

Copa do Brasil[editar | editar código-fonte]

Ver artigo principal: Copa do Brasil

Fase final[editar | editar código-fonte]

Campeonato Brasileiro[editar | editar código-fonte]

Ver artigo principal: Campeonato Brasileiro
Pos. Equipes P J V E D GP GC SG % M Classificação ou rebaixamento
1 Minas Gerais América Mineiro 0 0 0 0 0 0 0 0 0 Estável Fase de Grupos da Copa Libertadores de 2019
2 Minas Gerais Atlético Mineiro 0 0 0 0 0 0 0 0 0 Estável
3 Paraná Atlético Paranaense 0 0 0 0 0 0 0 0 0 Estável
4 Bahia Bahia 0 0 0 0 0 0 0 0 0 Estável
5 Rio de Janeiro Botafogo 0 0 0 0 0 0 0 0 0 Estável Segunda fase da Copa Libertadores de 2019
6 Ceará Ceará 0 0 0 0 0 0 0 0 0 Estável
7 Santa Catarina Chapecoense 0 0 0 0 0 0 0 0 0 Estável Copa Sul-Americana de 2019
8 São Paulo Corinthians 0 0 0 0 0 0 0 0 0 Estável
9 Minas Gerais Cruzeiro 0 0 0 0 0 0 0 0 0 Estável
10 Rio de Janeiro Flamengo 0 0 0 0 0 0 0 0 0 Estável
11 Rio de Janeiro Fluminense 0 0 0 0 0 0 0 0 0 Estável
12 Rio Grande do Sul Grêmio 0 0 0 0 0 0 0 0 0 Estável
13 Rio Grande do Sul Internacional 0 0 0 0 0 0 0 0 0 Estável
14 São Paulo Palmeiras 0 0 0 0 0 0 0 0 0 Estável
15 Paraná Paraná 0 0 0 0 0 0 0 0 0 Estável
16 São Paulo Santos 0 0 0 0 0 0 0 0 0 Estável
17 São Paulo São Paulo 0 0 0 0 0 0 0 0 0 Estável Rebaixados à Série B de 2019
18 Pernambuco Sport 0 0 0 0 0 0 0 0 0 Estável
19 Rio de Janeiro Vasco da Gama 0 0 0 0 0 0 0 0 0 Estável
20 Bahia Vitória 0 0 0 0 0 0 0 0 0 Estável

Primeiro turno[editar | editar código-fonte]

Segundo turno[editar | editar código-fonte]

Campeonato Carioca[editar | editar código-fonte]

Ver artigo principal: Campeonato Carioca

Taça Guanabara[editar | editar código-fonte]

Ver artigo principal: Taça Guanabara
Fase de grupos[editar | editar código-fonte]
Grupo B
Pos
Equipe
PG J V E D GP GS SG Classificação
1 Bangu 4 2 1 1 0 4 2 +2 Classificados para a semifinal da Taça GB
2 Flamengo 3 1 1 0 0 2 0 +2
3 Vasco da Gama 3 2 1 0 1 4 4 0 Classificados para o Quadrangular da Taça GB
4 Cabofriense 1 1 0 1 0 1 1 0
5 Nova Iguaçu 1 2 0 1 1 3 5 –2
6 Volta Redonda 1 2 0 1 1 2 4 –2

Fonte:[21]

Taça Rio[editar | editar código-fonte]

Ver artigo principal: Taça Rio
Fase de grupos[editar | editar código-fonte]
Grupo B
Pos
Equipe
PG J V E D GP GS SG Classificação
1 Bangu 0 0 0 0 0 0 0 0 Classificados para a semifinal da Taça Rio
2 Flamengo 0 0 0 0 0 0 0 0
3 Nova Iguaçu 0 0 0 0 0 0 0 0 Classificados para o Quadrangular da Taça Rio
4 Vasco da Gama 0 0 0 0 0 0 0 0
5 Volta Redonda 0 0 0 0 0 0 0 0
6 Cabofriense 0 0 0 0 0 0 0 0

Fonte:[22]

Campanha[editar | editar código-fonte]

Essa é a campanha na temporada:

Mandante Visitante Clássicos[CLAS] Total
Jogos 0 1 0 1
Vitórias 0 1 0 1
Empates 0 0 0 0
Derrotas 0 0 0 0
Gols marcados 0 2 0 2
Gols sofridos 0 0 0 0
Saldo de gols 0 +2 0 +2
Aproveitamento (%) 0,0% 100,0% 0,0% 100,0%
Última atualização em 18 de janeiro de 2018.

Partidas[editar | editar código-fonte]

O clube disputou uma partida, como visitante e venceu o jogo. A equipe marcou dois gols e não sofreu nenhum, com saldo de dois gols.

Última atualização em 18 de janeiro de 2018.
Legenda:      Vitória —      Empate —      Derrota —      Clássico[CLAS]

Última partida[editar | editar código-fonte]

Próxima partida[editar | editar código-fonte]

Mês a mês[editar | editar código-fonte]

Ver artigo principal: Lista de jogos

Confrontos[editar | editar código-fonte]

Última atualização em 18 de janeiro de 2018.

Sudeste[editar | editar código-fonte]

Clássicos[editar | editar código-fonte]

Competição J V E D GP GC SG %
Campeonato Brasileiro 0 0 0 0 0 0 0 0,0
Copa do Brasil 0 0 0 0 0 0 0 0,0
Campeonato Carioca 0 0 0 0 0 0 0 0,0
Total 0 0 0 0 0 0 0 0,0
Botafogo[editar | editar código-fonte]
Competição J V E D GP GC SG %
Campeonato Brasileiro 0 0 0 0 0 0 0 0,0
Campeonato Carioca 0 0 0 0 0 0 0 0,0
Total 0 0 0 0 0 0 0 0,0
Fluminense[editar | editar código-fonte]
Competição J V E D GP GC SG %
Campeonato Brasileiro 0 0 0 0 0 0 0 0,0
Campeonato Carioca 0 0 0 0 0 0 0 0,0
Total 0 0 0 0 0 0 0 0,0
Vasco da Gama[editar | editar código-fonte]
Competição J V E D GP GC SG %
Campeonato Brasileiro 0 0 0 0 0 0 0 0,0
Campeonato Carioca 0 0 0 0 0 0 0 0,0
Total 0 0 0 0 0 0 0 0,0

Demais clubes do Rio de Janeiro[editar | editar código-fonte]

Competição J V E D GP GC SG %
Campeonato Carioca 1 1 0 0 2 0 +2 100,0
Total 1 1 0 0 2 0 +2 100,0

Minas Gerais[editar | editar código-fonte]

Competição J V E D GP GC SG %
Campeonato Brasileiro 0 0 0 0 0 0 0 0,0
Copa do Brasil 0 0 0 0 0 0 0 0,0
Total 0 0 0 0 0 0 0 0,0

São Paulo[editar | editar código-fonte]

Competição J V E D GP GC SG %
Campeonato Brasileiro 0 0 0 0 0 0 0 0,0
Copa do Brasil 0 0 0 0 0 0 0 0,0
Total 0 0 0 0 0 0 0 0,0

Sul[editar | editar código-fonte]

Paraná[editar | editar código-fonte]

Competição J V E D GP GC SG %
Campeonato Brasileiro 0 0 0 0 0 0 0 0,0
Copa do Brasil 0 0 0 0 0 0 0 0,0
Total 0 0 0 0 0 0 0 0,0

Rio Grande do Sul[editar | editar código-fonte]

Competição J V E D GP GC SG %
Campeonato Brasileiro 0 0 0 0 0 0 0 0,0
Copa do Brasil 0 0 0 0 0 0 0 0,0
Total 0 0 0 0 0 0 0 0,0

Santa Catarina[editar | editar código-fonte]

Competição J V E D GP GC SG %
Campeonato Brasileiro 0 0 0 0 0 0 0 0,0
Copa do Brasil 0 0 0 0 0 0 0 0,0
Total 0 0 0 0 0 0 0 0,0

Nordeste[editar | editar código-fonte]

Bahia[editar | editar código-fonte]

Competição J V E D GP GC SG %
Campeonato Brasileiro 0 0 0 0 0 0 0 0,0
Copa do Brasil 0 0 0 0 0 0 0 0,0
Total 0 0 0 0 0 0 0 0,0

Ceará[editar | editar código-fonte]

Competição J V E D GP GC SG %
Campeonato Brasileiro 0 0 0 0 0 0 0 0,0
Copa do Brasil 0 0 0 0 0 0 0 0,0
Total 0 0 0 0 0 0 0 0,0

Pernambuco[editar | editar código-fonte]

Competição J V E D GP GC SG %
Campeonato Brasileiro 0 0 0 0 0 0 0 0,0
Copa do Brasil 0 0 0 0 0 0 0 0,0
Total 0 0 0 0 0 0 0 0,0

Internacionais[editar | editar código-fonte]

Competição J V E D GP GC SG %
Copa Libertadores 0 0 0 0 0 0 0 0,0
Total 0 0 0 0 0 0 0 0,0

Estádios[editar | editar código-fonte]

Estádio Local J V E D GP GC SG % Público[M] Part. Média[M]
Ilha do Urubu Brasil Rio de Janeiro 0 0 0 0 0 0 0 0,0 0 0 0,0
Maracanã Brasil Rio de Janeiro 0 0 0 0 0 0 0 0,0 0 0 0,0
Raulino de Oliveira Brasil Volta Redonda 1 1 0 0 2 0 +2 100,0 0 0 0,0
TOTAL 0 0 0 0 0 0 0 0,0 0 0 0,0
M. ^ Para o público (e a média) só são considerados os jogos como mandante e com público divulgado, portanto jogos como visitante e clássicos[CLAS] não são considerados.
Última atualização em 18 de janeiro de 2018.

Artilharia[editar | editar código-fonte]

A artilharia da temporada:

# Futebolista Total Campeonato
Carioca
Copa do
Brasil
Campeonato
Brasileiro
Copa
Libertadores
Partidas Média
1 Lucas Silva 1 1 0 0 0 1 1,00
Pepê 1 1 0 0 0 1 1,00
Gols contra[GC] 0 0 0 0 0 0 0,00
TOTAL 2 2 0 0 0 1 2,00
GC. ^
Em itálico os futebolistas que não atuam mais pelo clube
     Os melhores, em cada critério, dentro desta lista
Última atualização em 18 de janeiro de 2018.

Pênaltis sofridos[editar | editar código-fonte]

Estes são os pênaltis a favor do Flamengo:

Futebolista Pênalti Mandante Placar Visitante Data Competição Etapa Ref.
Última atualização em 15 de dezembro de 2017.

Pênaltis cometidos[editar | editar código-fonte]

Estes são os pênaltis cometidos por futebolistas do Flamengo:

Futebolista Pênalti Mandante Placar Visitante Data Competição Etapa Ref.
Última atualização em 15 de dezembro de 2017.

Gols contra[editar | editar código-fonte]

Estes são os gols contra feitos pelos futebolistas do Flamengo:

Futebolista Gol contra Mandante Placar Visitante Data Competição Etapa Ref.
Última atualização em 15 de dezembro de 2017.

Gols sofridos[editar | editar código-fonte]

Estes são os gols sofridos pelo Flamengo:

# Futebolista Total Campeonato
Carioca
Copa do
Brasil
Campeonato
Brasileiro
Copa
Libertadores
Partidas Média
TOTAL 0 0 0 0 0 0 0,00
Em itálico os futebolistas que não atuam mais pelo clube
     Os "piores", em cada critério, dentro desta lista
Última atualização em 15 de dezembro de 2017.

Hat-tricks[editar | editar código-fonte]

Estes são os hat-tricks do Flamengo:

Futebolista Gols Mandante Placar Visitante Data Competição Etapa Ref.
Última atualização em 15 de dezembro de 2017.

Cartões[editar | editar código-fonte]

Os cartões amarelos e vermelhos recebidos durante a temporada:

# Futebolista Expulso Penalizado com cartão amarelo
0 0
TOTAL 0 0
MÉDIA (0 partidas) 0 0
Em itálico os futebolistas que não atuam mais pelo clube
Última atualização em 18 de janeiro de 2018.

Cartões vermelhos[editar | editar código-fonte]

Futebolista Cartão Mandante Placar Visitante Data Competição Etapa
Penalizado a 0 minutosPenalizado a 0 minutosExpulso a 0 minutos 0', 0'
Última atualização em 15 de dezembro de 2017.

Cartões amarelos[editar | editar código-fonte]

Última atualização em 18 de janeiro de 2018.

Público[editar | editar código-fonte]

Competição Mandante Visitante Clássicos[CLAS] Total Partidas[PUB] Média
Copa Libertadores
Campeonato Brasileiro
Copa do Brasil
Campeonato Carioca
Total
Partidas
Média
PUB. ^ Partidas com o público divulgados pelos respectivos organizadores
Última atualização em 15 de dezembro de 2017.

Maiores públicos[editar | editar código-fonte]

Considera-se o público total da partida

Geral[editar | editar código-fonte]

Público Mandante Placar Visitante Estádio Data Competição Etapa

Mandante[editar | editar código-fonte]

Público Mandante Placar Visitante Estádio Data Competição Etapa

Visitante[editar | editar código-fonte]

Público Mandante Placar Visitante Estádio Data Competição Etapa

Clássicos[editar | editar código-fonte]

Público Mandante Placar Visitante Estádio Data Competição Etapa

Menores públicos[editar | editar código-fonte]

Geral[editar | editar código-fonte]

Público Mandante Placar Visitante Estádio Data Competição Etapa

Mandante[editar | editar código-fonte]

Público Mandante Placar Visitante Estádio Data Competição Etapa

Visitante[editar | editar código-fonte]

Público Mandante Placar Visitante Estádio Data Competição Etapa

Clássicos[editar | editar código-fonte]

Público Mandante Placar Visitante Estádio Data Competição Etapa

Ranking[editar | editar código-fonte]

Posição no Club World Ranking:

Mês Posição (geral) Posição (Brasil) Pontos Ref.
Janeiro
Fevereiro
Março
Abril
Maio
Junho
Julho
Agosto
Setembro
Outubro
Novembro
Dezembro
     Melhor valor na temporada, em cada critério, dentro desta lista
Última atualização em 15 de dezembro de 2017.

Notas[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. «Volta Redonda 0–2 Flamengo». Globoesporte.com. 17 de janeiro de 2018. Consultado em 18 de janeiro de 2018 
  2. «Elenco atual de Futebol». Site oficial do Clube de Regatas do Flamengo. Consultado em 9 de janeiro de 2018 
  3. «Comissão Futebol Profissional». Site oficial do Clube de Regatas do Flamengo. Consultado em 9 de janeiro de 2018 
  4. a b c d e f g h Dantas, Diogo (5 de janeiro de 2018). «Márcio Araújo deixa o Flamengo e assina por dois anos com a Chapecoense». Extra. Consultado em 9 de janeiro de 2018 
  5. a b c Gomes, Daniel (15 de janeiro de 2018). «Sport oficializa empréstimo de Gabriel, do Flamengo, até fim da temporada». Globoesporte.com. Consultado em 17 de janeiro de 2018 
  6. a b «Marlos Moreno é o primeiro reforço rubro-negro para a temporada 2018». Flamengo. 16 de janeiro de 2018. Consultado em 16 de janeiro de 2018 
  7. Giufrida, Bruno (21 de junho de 2017). «Surpreso, Geuvânio é apresentado pelo Fla e diz: "Não sabia que estava em evidência"». globoesporte.com. Consultado em 17 de janeiro de 2018 
  8. «Cruzeiro anuncia contratação do meia argentino Mancuello». Globoesporte.com. 11 de janeiro de 2018. Consultado em 11 de janeiro de 2018 
  9. a b Zarko, Raphael (16 de janeiro de 2018). «Moreno agradece "grande oportunidade" e Fla segura entusiasmo por Love». Globoesporte.com. Consultado em 17 de janeiro de 2018 
  10. «Cruzeiro anuncia contratação do meia argentino Mancuello». Globoesporte.com. 11 de janeiro de 2018. Consultado em 11 de janeiro de 2018 
  11. Baltar, Marcelo; Zarko, Raphael (11 de janeiro de 2018). «Impedido de ir ao Ninho, Guerrero treina à parte e não vai se reapresentar no Fla». Globoesporte.com. Consultado em 12 de janeiro de 2018 
  12. «Flamengo suspende contrato de Guerrero até atacante ter condições de jogo». Globoesporte.com. 14 de janeiro de 2018. Consultado em 14 de janeiro de 2018 
  13. Baltar, Marcelo; Zarko, Raphael (9 de janeiro de 2018). «Caetano justifica atraso em contratações: "Pelo nível, natural que sejam demoradas"». Globoesporte.com. Consultado em 9 de janeiro de 2018 
  14. «Flamengo, enfim, anuncia colombiano Reinaldo Rueda como novo treinador». Globoesporte.com. 14 de agosto de 2017. Consultado em 30 de outubro de 2017 
  15. Caldas, Allan; Kestelman, Amanda (14 de agosto de 2017). «Rueda diz que vai respeitar "DNA Flamengo" e pede time "realista, mas otimista"». Globoesporte.com. Consultado em 30 de outubro de 2017 
  16. a b Zarko, Raphael (8 de janeiro de 2018). «Reinaldo Rueda diz sim ao Chile e comunica que deixa o Flamengo». Globoesporte.com. Consultado em 9 de janeiro de 2018 
  17. «Amizade com diretoria e passado rubro-negro: quem é Paulo César Carpegiani». Globoesporte.com. 9 de janeiro de 2018. Consultado em 9 de janeiro de 2018 
  18. «Paulo César Carpegiani é o novo técnico do Flamengo». Flamengo. 8 de janeiro de 2018. Consultado em 9 de janeiro de 2018 
  19. «Paulo César Carpegiani». Flapédia. 30 de março de 2010. Consultado em 7 de maio de 2010 [ligação inativa] 
  20. «Conmebol divulga tabela detalhada da pré e da fase de grupos da Libertadores». Globoesporte.com. 22 de dezembro de 2017. Consultado em 22 de dezembro de 2017 
  21. «Taça Guanabara - Tabela» (PDF). FERJ. 18 de dezembro de 2017. Consultado em 19 de dezembro de 2017 
  22. «Taça Rio - Tabela» (PDF). FERJ. 4 de outubro de 2017. Consultado em 15 de dezembro de 2017 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]