Lista de treinadores do Clube de Regatas do Flamengo

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.

Esta é a lista de treinadores do Clube de Regatas do Flamengo. Em alguns jogos não foi possível identificar o treinador devido a particularidades das competições ou jogos; como por exemplo: Torneio Início (1916 a 1977), Torneio Início do RJ-SP (1951), Torneio Extra (1938 e 1958), Torneio Municipal (1951), Copa Rio de Janeiro (1992 a 1995 e 1998), jogos de W.O., alguns torneios e jogos amistosos até 2001 não constam nas estatísticas abaixo, já que na maioria das vezes o Flamengo não jogou com seu time principal e, consequentemente, não foi comandado pelo seu treinador principal, mas sim por seu auxiliar ou membro da comissão técnica.

Do total de jogos das campanhas dos treinadores para o total geral de jogos, há uma diferença de 164 partidas, 65 vitórias, 57 empates e 42 derrotas referentes aos jogos e competições citados abaixo.

De 1912 a 1920, o time não possuía um treinador, mas sim comissões técnicas, geralmente improvisadas, compostas pelos capitães da equipe e dirigentes, chamadas de Ground Committeé. Assim, em 1921, o uruguaio Ramón Platero tornou-se o primeiro técnico único da história do clube. Ao todo, foram 202 jogos em que o Flamengo foi comandado pelo Ground Committeé, com 117 vitórias, 46 empates e 39 derrotas.[1]

Flávio Costa foi o treinador que mais dirigiu o clube, foram ao todo 746 jogos.

Em 29 de dezembro, a diretoria do clube anunciou a contratação do treinador português Paulo Sousa até o final da temporada 2023.[2]

Treinadores[editar | editar código-fonte]

Não foi calculado o percentual de aproveitamento dos treinadores com menos de 10 partidas.

     Os três treinadores com o maior número em partidas (em única participação), vitórias e aproveitamento dentro desta lista, exceto treinadores interinos e o treinador atual.
Período Treinador Títulos Jogos Vitórias Empates Derrotas % aprov.
1912–1920 Ground Committeé[1]
  • Campeonatos Cariocas de 1914 e 1915
  • Taça Jornal Folha do Norte (1915)
  • Taça Tricentenário de Belém (1916)
  • Taça Madame Gaby Coelho Neto (1916)
  • Troféu Artístico (1916)
  • Troféu Asilo do Bom Pastor (1916)
  • Taça Sport Club Juiz de Fora (1917)
  • Torneio Triangular do Rio de Janeiro (Torneio América Fabril) (1919)
  • Torneio Início do Rio de Janeiro (1920)
  • Taça Sport Club Mackenzie (1920)
173 101 38 34 65,7
1921 Ramón Platero
  • Taça Ypiranga (1921)
8 3 2 3 Irrel.
1921–1922 José de Almeida Netto (Telefone) 25 14 7 4 65,3
1923 Ground Committeé[1]
  • Troféu América Fabril (1923)
  • Troféu Carioca F.C. (1923)
  • Troféu Petropolitano (1923)
  • Taça Modesto Leal (1923)
  • Taça Palestra Itália (1923)
29 16 8 5 64,4
1924 Joaquim Guimarães 16 12 2 2 79,2
1924–1925 José Seabra
  • Troféu Torre Sport Club (1925)
  • Troféu Agência Hudson (1925)
  • Troféu Jornal do Commércio de Pernambuco (1925)
  • Troféu Sérgio de Loreto (1925)
10 7 2 1 76,7
1925 Juan Carlos Bertone 22 16 3 3 77,3
1926–1928 Juan Carlos Bertone e Joaquim Guimarães 74 41 12 21 60,8
1929 Joaquim Guimarães e Raphael Candiota 34 11 5 18 37,3
1930–1931 Charles Williams 38 14 2 22 38,6
1931–1932 Joaquim Guimarães 13 9 0 4 69,2
1932 Milton Caldas
  • Taça Companhia Aliança da Bahia (1932)
  • Taça Interventor Federal da Bahia (1932)
34 20 6 8 64,7
1933 Augusto Gonçalves 17 9 4 4 60,8
1933 Alessandro Baldassini e Eugênio Matarazzo 8 1 2 5 Irrel.
1933–1934 Luís Gama e Milton Caldas 28 7 5 16 31,0
1934–1937 Flávio Costa
  • Torneio Extra do Rio de Janeiro (1934)
  • Torneio Aberto do Rio de Janeiro (1936)
  • Taça João Viana Seilir (1936)
102 63 21 18 68,6
1937–1938 Dori Kürschner
  • Taça da Paz (1937)
69 39 11 19 61,8
1938 Hilton Santos 11 8 2 1 78,8
1938–1945 Flávio Costa 293 164 62 67 63,0
1946 Jaime de Almeida 2 1 0 1 Irrel.
1946 Flávio Costa
  • Torneio Início do Rio de Janeiro (1946)
49 27 6 16 59,2
1947 Ernesto Santos 47 27 10 10 64,5
1947 Jaime de Almeida 5 2 1 2 Irrel.
1948 Juca da Praia
  • Troféu Cezar Aboud (1948)
40 24 5 11 64,2
1948 Jarbas Batista 1 1 0 0 Irrel.
1948–1949 Kanela 42 28 6 8 71,4
1949–1950 Gentil Cardoso
  • Troféu Embaixada Brasileira (1949)
  • Troféu El Comite Nacional Olímpico da Guatemala (1949)
56 35 13 8 70,2
1950 Jaime de Almeida 5 1 1 3 Irrel.
1950 Cândido de Oliveira 13 4 2 7 35,9
1950–1951 Jaime de Almeida 7 3 2 2 Irrel.
1951–1952 Flávio Costa
  • Torneio Início do Rio de Janeiro (1951)
  • Elfsborg Cup (Suécia) (1951)
  • Torneio Início do Rio de Janeiro
  • Torneio Quadrangular do Peru (1952)
  • Troféu Cidade de Arequipa (Peru) (1952)
  • Taça Disciplina (1952)
101 63 15 23 67,3
1953 Jaime de Almeida
  • Torneio Quadrangular da Argentina (1953)
19 9 7 3 59,6
1953–1957 Fleitas Solich
  • Campeonatos Cariocas de 1953, 1954 e 1955
  • Torneio Quadrangular de Curitiba (1953)
  • Torneio Internacional do Rio de Janeiro (1954 e 1955)
  • Taça Gilberto Cardoso (1955)
  • Troféu Embaixador Oswaldo Aranha (1956)
  • Taça dos Campeões Estaduais RJ-SP (1956)
  • Troféu Ponto Frio (1957)
  • Taça Brasília (RJ)
  • Troféu Almana Idrotts Klubben (1957)
276 175 47 54 69,1
1958 Jaime de Almeida 8 3 4 1 Irrel.
1958–1959 Fleitas Solich
  • Torneio Quadrangular de Israel (1958)
  • Troféu Sporting Club de Portugal (1958)
  • Torneio Hexagonal do Peru (1959)
90 53 18 19 65,6
1959 Jaime de Almeida 23 13 5 5 63,8
1959–1960 Modesto Bría 46 27 7 12 63,8
1960–1962 Fleitas Solich 99 59 18 22 65,7
1962 Eithel Seixas 1 0 0 1 Irrel.
1962–1965 Flávio Costa
  • Torneio Internacional da Tunísia (1962)
  • Campeonato Carioca de 1963
  • Troféu Naranja de Valência (1964)
  • Troféu Gilberto Alves (1965)
  • Troféu Quadrangular de Vitória (1965)
220 122 43 55 62,0
1965 Newton Canegal 5 2 2 1 Irrel.
1965–1967 Armando Renganeschi 127 55 33 39 52,0
1967 Modesto Bría 17 7 3 7 47,1
1967–1968 Aymoré Moreira 20 7 3 10 40,0
1968 Walter Miraglia
  • Torneio Quadrangular do Marrocos (1968)
  • Troféu Restelo (Portugal) (1968)
58 27 15 16 55,2
1969 Tim 61 28 18 15 55,7
1969 Joubert Meira 5 1 2 2 Irrel.
1970–1971 Dorival Knipel (Yustrich)
  • Torneio Internacional de Verão do RJ (1970)
  • Taça Guanabara de 1970
  • Troféu General Mendes de Morais (1970)
  • Troféu Ary Barroso (1970)
  • Troféu Pedro Pedrossian (1971)
93 45 28 20 58,4
1971 Modesto Bría e Newton Canegal 3 3 0 0 Irrel.
1971 Fleitas Solich
  • Taça Presidente Médici (1971)
39 13 17 9 47,9
1972 Zagallo
  • Torneio Internacional de Verão do RJ (1972)
  • Torneio do Povo (1972)
28 17 9 2 71,4
1972 Joubert Meira 6 2 4 0 Irrel.
1972–1973 Zagallo 65 31 19 15 57,4
1973 Joubert Meira
  • Taça Araribóia (1973)
  • Taça Doutor Manoel dos Reis e Silva (1973)
8 5 2 1 Irrel.
1973 Zagallo 39 15 7 17 44,4
1974–1975 Joubert Meira
  • 3º Turno do Campeonato Carioca
  • Campeonato Carioca de Futebol de 1974
  • Taça Deputado José Garcia Neto (1974)
  • Taça Dr. Manoel dos Reis e Silva (1974)
  • Taça Associação dos Servidores Civis do Brasil (1974)
  • Taça João Havelange (1975)
  • Torneio Quadrangular de Goiás (1975)
  • Taça José João Altafini "Mazolla" (1975)
132 71 37 24 63,1
1975–1976 Carlos Froner
  • Taça Jubileu de Prata da Rede Tupi de TV (1975)
  • Torneio Quadrangular de Jundiaí (1975)
  • Troféu Governador Roberto Santos (1976)
  • Taça Prefeito do Distrito Federal (1976)
  • Taça Nelson Rodrigues (1976)
  • Torneio Quadrangular de Mato Grosso (1976)
  • Taça Prefeitura Municipal de Manaus (1976)
86 53 21 12 69,8
1976–1977 Cláudio Coutinho
  • Taça Geraldo Cleofas Dias Alves (1976)
  • Taça Duque de Caxias (1976)
  • Taça 40 Anos da Rádio Nacional (1976)
77 50 18 9 72,7
1977–1978 Jaime Valente
  • Troféu Antônio Valmir Campelo Bezerra (1977)
31 18 9 4 67,7
1978 Joubert Meira 32 18 8 6 64,6
1978–1980 Cláudio Coutinho
  • Torneio Palma de Maiorca (Espanha) (1978)
  • Taças Guanabara de 1978, 1979 e 1980
  • Taça Rio de 1978
  • Campeonatos Cariocas de 1978 e 1979
  • 1º Turno do Campeonato Estadual Especial (1979)
  • 2º Turno do Campeonato Estadual Especial (1979)
  • Campeonato Carioca Especial de 1979
  • 2º Turno do Campeonato Estadual (1979)
  • 3º Turno do Campeonato Estadual (1979)
  • Troféu Ramón de Carranza (Espanha) (1979 e 1980)
  • Troféu João Batista Figueiredo (1979)
  • Troféu Alencar Pires Barroso (1979)
  • Taça Governador Ary Ribeiro Valadão (1979)
  • Troféu Imprensa (1979)
  • Campeonato Brasileiro de 1980
  • Troféu Cidade de Santander (Espanha) (1980)
  • Taça Anos de Ouro do Futebol Brasileiro (1980)
  • Troféu João Saldanha (1980)
  • Troféu Perugia (Itália) (1980)
189 130 41 18 76,0
1981 Modesto Bría 17 10 5 2 68,6
1981 Dino Sani
  • Torneio Internacional de Punta del Leste (Uruguai) (1981)
  • Torneio Internacional de Nápoles (Itália) (1981)
  • Taça Guanabara de 1981
24 13 8 3 65,3
1981–1983 Paulo César Carpegiani 116 71 27 18 69,0
1983 Carlinhos 5 1 3 1 Irrel.
1983 Cléber Camerino 1 0 1 0 Irrel.
1983 Carlos Alberto Torres 26 13 4 9 55,1
1983 José Roberto Francalacci (interino) 4 1 1 2 Irrel.
1983–1984 Cláudio Garcia
  • Taça Rio de 1983
46 28 9 9 67,4
1984–1985 Zagallo 73 37 19 17 59,4
1985 Sebastião Lazaroni (interino) 4 4 0 0 Irrel.
1985 Joubert Meira 11 5 4 2 57,6
1985–1987 Sebastião Lazaroni 100 55 24 21 63,0
1987 Carlinhos 6 2 4 0 Irrel.
1987 Antônio Lopes
  • Torneio Internacional do Gabão (1987)
  • Taça Euzébio de Andrade (3º Turno do Estadual) (1987)
  • Torneio Internacional de Angola (1987)
40 24 9 7 67,5
1987–1988 Carlinhos 55 29 15 11 61,8
1988 João Carlos Costa (interino)*[3]
  • Copa Kirin (1988)
  • Taça Governador Jader Ribeiro (1988)
8 5 2 1 Irrel.
1988 Candinho
  • Torneio Colombino (1988)
16 9 3 4 62,5
1988 João Carlos Costa (interino) 3 2 1 0 Irrel.
1988–1989 Telê Santana
  • Taça Guanabara de 1989
  • Torneio Internacional de Hamburgo (Alemanha) (1989)
  • Troféu Clássico das Multidões (1989)
  • Troféu Seis Anos da TV Manchete (1989)
62 37 15 10 67,7
1989 João Carlos Costa (interino) 4 2 1 1 Irrel.
1989–1990 Valdir Espinosa
  • Torneio de Verão de Nova Friburgo (1990)
37 16 11 10 53,2
1990 Jair Pereira
  • Copa Sharp (Japão) (1990)
  • Marlboro Cup (USA)
  • Copa do Brasil de 1990
  • Taça Associação dos Cronistas Esportivos de Sergipe (1990)
  • Torneio Quadrangular de Varginha (1990)
60 36 12 12 66,7
1991 Vanderlei Luxemburgo 52 24 14 14 55,1
1991–1993 Carlinhos 107 60 29 18 65,1
1993 Jair Pereira 30 17 7 6 64,4
1993 Evaristo de Macedo 24 7 9 8 41,7
1993–1994 Júnior
  • Taça Cidade do RJ (Copa da Capital) (1993)
44 20 12 12 54,5
1994 Carlinhos
  • Torneio Internacional de Kuala Lumpur (Malásia) (1994)
  • Pepsi Cup '94 (Japão) (1994)
37 13 14 10 47,7
1994 Edinho 8 2 3 3 Irrel.
1995 Vanderlei Luxemburgo 46 27 10 9 65,9
1995 Marcos Paquetá 1 0 0 1 Irrel.
1995 Edinho 14 6 2 6 47,6
1995 Washington Rodrigues 26 11 8 7 52,6
1996 Joel Santana 79 43 21 15 63,3
1996 José Claudinei Georgini (Valinhos) 2 1 0 1 Irrel.
1997 Júnior 23 13 6 4 65,2
1997 Sebastião Rocha
  • Torneio Quadrangular de Brasília (1997)
  • Copa dos Campeões Mundiais (1997)
  • Taça Cidade de Juiz de Fora (1997)
34 17 9 8 58,8
1997–1998 Paulo Autuori 45 19 14 12 52,6
1998 Joel Santana 27 13 9 4 59,3
1998 Toninho Barroso (interino) 6 0 3 3 Irrel.
1998–1999 Evaristo de Macedo
  • Troféu São Sebastião (1999)
26 13 5 8 56,4
1999 Carlinhos 65 36 11 18 61,0
2000 Paulo César Carpegiani
  • Troféu São Sebastião (2000)
22 12 4 6 60,6
2000 Carlos César (interino) 8 6 1 1 Irrel.
2000 Carlinhos 38 17 8 13 51,8
2000–2001 Zagallo 79 37 12 30 51,9
2001–2002 Carlos Alberto Torres 8 1 2 5 Irrel.
2002 João Carlos Costa 22 5 7 10 33,3
2002 Carlos César (interino) 5 1 0 4 Irrel.
2002 Marcos Leme (interino) 1 0 1 0 Irrel.
2002 Lula Pereira
  • Troféu Capitão Castro (2002)
24 10 5 9 48,6
2002–2003 Evaristo de Macedo 33 16 5 12 53,5
2003 Nelsinho Baptista 29 12 8 9 50,6
2003 Marcos Paquetá (interino) 1 0 0 1 Irrel.
2003 Oswaldo de Oliveira 18 7 3 8 44,4
2003 Waldemar Lemos
  • Taça Desafio 50 anos da Petrobras (2003)
11 6 3 2 63,6
2004 Abel Braga 44 19 12 13 52,3
2004 Andrade (interino) 3 1 2 0 Irrel.
2004 Paulo César Gusmão 5 2 0 3 Irrel.
2004 Andrade (interino) 2 1 0 1 Irrel.
2004 Ricardo Gomes 15 4 6 5 40,0
2004 Andrade 7 3 3 1 Irrel.
2005 Júlio César Leal 6 2 0 4 Irrel.
2005 Andrade (interino) 1 0 1 0 Irrel.
2005 Cuca 12 5 4 3 52,8
2005 Andrade (interino) 2 30 2 0 Irrel.
2005 Celso Roth
  • Taça da Paz (2005)
20 6 4 10 36,7
2005 Andrade 13 3 5 5 35,9
2005 Liminha[nota 1]
  • Copa Record (2005)
7 4 2 1 Irrel.
2005 Joel Santana 9 6 3 0 Irrel.
2006 Adílio 2 0 0 2 Irrel.
2006 Valdir Espinosa 11 2 4 5 30,3
2006 Waldemar Lemos 18 8 5 5 53,7
2006–2007 Ney Franco 74 33 17 24 52,3
2006 Moacir Pereira (interino) 1 0 1 0 Irrel.
2007–2008 Joel Santana 54 35 7 12 69,1
2008 Caio Júnior 38 18 10 10 56,1
2009 Cuca 39 19 13 7 59,8
2009–2010 Andrade 51 32 10 9 69,3
2010 Rogério Lourenço 20 7 6 7 45,0
2010 Toninho Barroso (interino) 1 0 0 1 Irrel.
2010 Silas 10 1 6 3 30,0
2010–2012 Vanderlei Luxemburgo[4] 84 38 32 14 57,9
2012 Jayme de Almeida (interino) 2 0 2 0 Irrel.
2012 Joel Santana 31 17 5 9 60,2
2012–2013 Dorival Júnior 37 15 12 10 51,4
2013 Jorginho[5][6] 14 7 4 3 59,5
2013 Jayme de Almeida (interino)[6] 1 1 0 0 Irrel.
2013 Mano Menezes[7][8] 22 9 6 7 50,0
2013–2014 Jayme de Almeida[9][10][11] 50 27 12 11 62,0
2014 Ney Franco[11][12] 7 0 3 4 Irrel.
2014–2015 Vanderlei Luxemburgo[12][13] 59 32 11 14 60,5
2015 Deivid (interino) 2 1 1 0 Irrel.
2015 Jayme de Almeida (interino)[13] 1 0 1 0 Irrel.
2015 Cristóvão Borges[14] 18 8 1 9 46,3
2015 Oswaldo de Oliveira[15] 18 8 3 7 50,0
2015 Jayme de Almeida (interino) 2 0 0 2 Irrel.
2016 Muricy Ramalho[16] 26 13 6 7 57,7
2016–2017 Zé Ricardo[16][17][18] 90 48 25 17 62,6
2017 Jayme de Almeida (interino) 2 1 0 1 Irrel.
2017 Reinaldo Rueda[19][20] 31 13 10 8 52,7
2018 Paulo César Carpegiani[21][22][23][24]
  • Taça Guanabara de 2018
17 11 3 3 70,6
2018 Maurício Barbieri[25][26] 25 13 9 3 64,0
2018 Dorival Júnior[27] 12 7 3 2 66,7
2019 Abel Braga[28][29] 30 19 7 4 71,1
2019 Leomir de Souza (interino)[29] 2 0 1 1 Irrel.
2019 Marcelo Salles (interino) 4 3 1 0 Irrel.
2019–2020 Jorge Jesus[30][31] 57 43 10 4 81,3
2020 Maurício Souza (interino) 4 2 1 1 Irrel.
2020 Domènec Torrent[32] 23 13 4 6 62,3
2020 Jordi Guerrero (interino) 2 1 1 0 Irrel.
2020 Jordi Gris (interino) 1 1 0 0 Irrel.
2020–2021 Rogério Ceni[33][34] 45 23 11 11 59,3
2021 Renato Gaúcho[35][36] 37 24 8 5 72,1
2021– Maurício Souza (interino)[36] 12 10 1 1 86,1
2022– Paulo Sousa[2] 24 14 6 4 66,7
Soccerball current event.svg Última atualização: 11 de Maio de 2022 (última partida considerada: Flamengo 0–1 Botafogo, Campeonato Brasileiro, 5.ª rodada)

Maior número de partidas[editar | editar código-fonte]

Considerando-se todos os períodos com treinador e com, no mínimo, 100 partidas.

Treinador Período(s) Jogos Vitórias Empates Derrotas % aprov.
Flávio Costa 1934–1937 102 63 21 18 68,6
1938–1945 293 164 62 67 63,0
1946 49 27 6 16 59,2
1951–1952 101 63 15 23 67,3
1962–1965 220 122 43 55 62,0
Total 765 439 147 179 63,8
Fleitas Solich 1953–1957 276 175 47 54 69,1
1958–1959 90 53 18 19 65,6
1960–1962 99 59 18 22 65,7
1971 39 13 17 9 47,9
Total 504 300 100 104 66,1
Carlinhos 1983 5 1 3 1 Irrel.
1987 6 2 4 0 Irrel.
1991–1993 107 60 29 18 65,1
1994 37 13 14 10 47,7
1999 65 36 11 18 61,0
2000 38 17 8 13 51,8
Total 313 158 84 71 59,4
Zagallo 1972 28 17 9 2 71,4
1972–1973 65 31 19 15 57,4
1973 39 15 7 17 44,4
1984–1985 73 37 19 17 59,4
2000–2001 79 37 12 30 51,9
Total 284 137 66 81 56,0
Cláudio Coutinho 1976–1977 77 50 18 9 72,7
1978–1980 189 130 41 18 76,0
Total 266 180 59 27 75,1
Vanderlei Luxemburgo 1991 52 24 14 14 55,1
1995 46 27 10 9 65,9
2010–2012 84 38 32 14 57,9
2014–2015 59 32 11 14 60,5
Total 241 123 67 51 60,3
Joel Santana 1996 79 43 21 15 63,3
1998 27 13 9 4 59,3
2005 9 6 3 0 Irrel.
2007–2008 54 35 7 12 69,1
2012 31 17 5 9 60,2
Total 200 114 45 40 64,5
Joubert Meira 1969 5 1 2 2 Irrel.
1972 6 2 4 0 Irrel.
1973 8 5 2 1 Irrel.
1974–1975 132 71 37 24 63,1
1978 32 18 8 6 64,6
1985 11 5 4 2 57,6
Total 194 102 57 35 62,4
Paulo César Carpegiani 1981–1983 116 71 27 18 69,0
2000 22 12 4 6 60,6
2018 17 11 3 3 70,6
Total 155 94 34 27 68,0
Armando Renganeschi 1965–1967 127 55 33 39 52,0
Total 127 55 33 39 52,0
Sebastião Lazaroni 1985 4 4 0 0 Irrel.
1985–1987 100 55 24 21 63,0
Total 104 59 24 21 64,4

Estrangeiros[editar | editar código-fonte]

Esta é a lista de treinadores não brasileiros do clube:[37]

Período Treinador Títulos Jogos Vitórias Empates Derrotas % aprov.
1 1921 Uruguai Ramón Platero
  • Taça Ypiranga (1921)
8 3 2 3 Irrel.
2 1925 Uruguai Juan Carlos Bertone 22 16 3 3 77,3
1926–1928 Uruguai Juan Carlos Bertone 74 41 12 21 60,8
3 1930–1931 Reino Unido Charles Williams 38 14 2 22 38,6
4 1937–1938 Hungria Dori Kürschner
  • Taça da Paz (1937)
69 39 11 19 61,8
5 1947 Portugal Ernesto Santos 47 27 10 10 64,5
6 1950 Portugal Cândido de Oliveira 13 4 2 7 35,9
7 1953–1957 Paraguai Fleitas Solich
  • Campeonatos Cariocas de 1953, 1954 e 1955
  • Torneio Quadrangular de Curitiba (1953)
  • Torneio Internacional do Rio de Janeiro (1954 e 1955)
  • Taça Gilberto Cardoso (1955)
  • Troféu Embaixador Oswaldo Aranha (1956)
  • Taça dos Campeões Estaduais RJ-SP (1956)
  • Troféu Ponto Frio (1957)
  • Taça Brasília (RJ)
  • Troféu Almana Idrotts Klubben (1957)
276 175 47 54 69,1
8 1959–1960 Paraguai Modesto Bría 46 27 7 12 63,8
9 1965–1967 Argentina Armando Renganeschi 127 55 33 39 52,0
10 2017 Colômbia Reinaldo Rueda 31 13 10 8 52,7
11 2019–2020 Portugal Jorge Jesus 57 43 10 4 81,3
12 2020 Espanha Domènec Torrent 23 13 4 6 62,3
13 2022– Portugal Paulo Sousa 24 14 6 4 66,7

Ver também[editar | editar código-fonte]

Notas e referências

Notas

  1. Dirigiu o "time B" na Copa Record

Referências

  1. a b c «Segundo título estadual do Flamengo completa 95 anos». Flamengo. 31 de outubro de 2010. Consultado em 10 de novembro de 2020 
  2. a b «Flamengo anuncia Paulo Sousa como treinador até o fim de 2023: "Grandeza incomparável"». ge. 29 de dezembro de 2021. Consultado em 29 de dezembro de 2021 
  3. *Foi técnico em jogos isolados no mesmo período de Carlinhos, assumindo o cargo de técnico em 3 de julho de 1988.
  4. Júnior, Janir (2 de fevereiro de 2012). «Patricia oficializa demissão de Luxa: 'O ambiente estava pesado'». GloboEsporte.com. Consultado em 2 de fevereiro de 2012 
  5. «Jorginho é o novo treinador do Fla». GloboEsporte. Consultado em 17 de março de 2012 
  6. a b Mota, Cahê (6 de junho de 2013). «Jorginho é demitido do Flamengo após derrota para o Náutico». GloboEsporte.com. Consultado em 6 de junho de 2013 
  7. Mota, Cahê; Peixoto, Eduardo (13 de junho de 2013). «Mano Menezes é o novo treinador do Flamengo e assina até o fim de 2014». GloboEsporte.com. Consultado em 13 de junho de 2013 
  8. «Flamengo contrata Mano Menezes». Flamengo. 13 de junho de 2013. Consultado em 13 de junho de 2013 
  9. «Antes de clássico, Flamengo efetiva Jayme de Almeida até fim do ano». Terra Networks. 25 de setembro de 2013. Consultado em 26 de setembro de 2013. Arquivado do original em 2 de outubro de 2013 
  10. Júnior, Janir (21 de setembro de 2013). «Após saída de Mano, Jayme avisa: 'Não sou maluco, não vou inventar'». GloboEsporte.com. Consultado em 22 de setembro de 2013 
  11. a b Braga, Marcelo (13 de maio de 2014). «Bandeira de Mello elogia Ney Franco: "Passagem bem-sucedida pelo Fla"». GloboEsporte.com. Consultado em 13 de maio de 2014 
  12. a b «Ney Franco deixa o Flamengo, e Luxemburgo vai assumir a equipe». GloboEsporte.com. 23 de julho de 2014. Consultado em 23 de julho de 2014 
  13. a b «Flamengo demite o técnico Vanderlei Luxemburgo um dia após derrota para o Avaí». O Globo. 25 de maio de 2015. Consultado em 26 de maio de 2015 
  14. «Após derrota para o Vasco, técnico Cristóvão pede demissão e deixa o Flamengo». Extra. 20 de agosto de 2015. Consultado em 20 de agosto de 2015 
  15. «Oswaldo de Oliveira substitui Cristóvão Borges no comando do Fla». Globoesporte.com. 20 de agosto de 2015. Consultado em 20 de agosto de 2015 
  16. a b «Muricy Ramalho não é mais treinador do Flamengo». Flamengo. 26 de maio de 2016. Consultado em 14 de outubro de 2016 
  17. «Zé Ricardo é efetivado como técnico do Flamengo». Flamengo. 14 de julho de 2016. Consultado em 14 de outubro de 2016 
  18. «Zé Ricardo agradece a diretoria, jogadores e torcida após saída do Flamengo». Globoesporte.com. 7 de agosto de 2017. Consultado em 7 de agosto de 2017 
  19. «Flamengo, enfim, anuncia colombiano Reinaldo Rueda como novo treinador». Globoesporte.com. 14 de agosto de 2017. Consultado em 27 de setembro de 2017 
  20. «Reinaldo Rueda diz sim ao Chile e comunica que deixa o Flamengo». Globoesporte.com. 8 de janeiro de 2018. Consultado em 9 de janeiro de 2018 
  21. «Amizade com diretoria e passado rubro-negro: quem é Paulo César Carpegiani». Globoesporte.com. 9 de janeiro de 2018. Consultado em 9 de janeiro de 2018 
  22. «Paulo César Carpegiani é o novo técnico do Flamengo». Flamengo. 8 de janeiro de 2018. Consultado em 9 de janeiro de 2018 
  23. Kestelman, Amanda (29 de março de 2018). «Rodrigo Caetano e Paulo César Carpegiani são demitidos do Flamengo». GloboEsporte.com. Consultado em 29 de março de 2018 
  24. «Carpegiani não é mais técnico do Flamengo». Flamengo. 29 de março de 2018. Consultado em 29 de março de 2018 
  25. «Flamengo confirma permanência de Barbieri até o fim de 2018». GloboEsporte.com. 28 de junho de 2018. Consultado em 29 de junho de 2018 
  26. «Mauricio Barbieri é efetivado como técnico do Flamengo». Flamengo. 28 de junho de 2018. Consultado em 29 de junho de 2018 
  27. Kestelman, Amanda; Mota, Cahê; Faria, Eric (28 de setembro de 2018). «Dorival assume o Fla e já comanda contra o Bahia; desejo de papo com Barbieri segura anúncio». Globoesporte.com. Consultado em 4 de janeiro de 2019 
  28. «Abel Braga é apresentado ao Flamengo: 'Venho com fome'». Lance!. 2 de janeiro de 2019. Consultado em 4 de janeiro de 2019 
  29. a b «Presidente Rodolfo Landim fala sobre a saída de Abel Braga do Flamengo». Flamengo. 29 de maio de 2019. Consultado em 29 de maio de 2019 
  30. Mota, Cahê; Baltar, Marcelo (20 de junho de 2019). «Muito prazer, Jorge Jesus! Técnico tem primeiro contato com elenco e inicia os trabalhos no Flamengo». Globoesporte.com. Consultado em 21 de junho de 2019 
  31. Schmidt, Felipe; Carvalho, Paula; Souza, Richard (17 de julho de 2020). «Flamengo confirma saída de Jorge Jesus para o Benfica». Globoesporte.com. Consultado em 20 de julho de 2020 
  32. «Flamengo anuncia contratação do técnico Domènec Torrent». Globoesporte.com. 31 de julho de 2020. Consultado em 12 de agosto de 2020 
  33. «Flamengo oficializa contratação do técnico Rogério Ceni, ex-Fortaleza». Globoesporte.com. Consultado em 10 de novembro de 2020 
  34. Mota, Cahê; Schmidt, Felipe; Huber, Fred (10 de julho de 2021). «Flamengo anuncia na madrugada a demissão de Rogério Ceni». ge. Consultado em 10 de julho de 2021 
  35. Mota, Cahê; Huber, Fred; Jr, Janir; Lobo, Sergio (10 de julho de 2021). «Renato Gaúcho chega a acordo e é o novo técnico do Flamengo». ge. Consultado em 10 de julho de 2021 
  36. a b «Flamengo anuncia saída de Renato Gaúcho». ge. 29 de novembro de 2021. Consultado em 30 de novembro de 2021 
  37. «Rueda pode ser 'el décimo'; veja lista de estrangeiros que já treinaram o Fla». O Globo. 8 de agosto de 2017. Consultado em 8 de agosto de 2017