Temporada do Clube de Regatas do Flamengo Feminino de 2023

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Clube de Regatas do Flamengo
(futebol feminino)
Temporada 2023
Treinador Luís Andrade
Presidente Rodolfo Landim
Federação FERJ
Confederação CBF
Patrocínio
Material Adidas
Posição final
Jogos 0 ()
Saldo de gols 0 (0 gols marcados e 0 gols sofridos)
◄◄ Rio de Janeiro 2022 Futebol 2024 Rio de Janeiro ►►
editar

O Clube de Regatas do Flamengo (futebol feminino), em 2023, disputará, em princípio, o Campeonato Carioca, a Séria A1 do Campeonato Brasileiro e a Supercopa do Brasil.

A partida de estreia na temporada será válida pelas quartas de final da Supercopa do Brasil, em 5 de fevereiro, contra o Ceará, no estádio Luso-Brasileiro, no Rio de Janeiro.

Elenco atual[editar | editar código-fonte]

Soccerball current event.svg Última atualização: 28 de janeiro de 2023.

Nota: O clube ainda não divulgou a numeração da temporada 2023. Como referência foi utilizada a inscrição das atletas do Flamengo na CBF/Supercopa do Brasil.[1]
Elenco atual do Clube de Regatas do Flamengo (futebol feminino)[2][1]
N.º Pos. Nome N.º Pos. Nome N.º Pos. Nome
Z Argentina Agustina A Brasil Isadora 8 V Brasil Cris
G Brasil Bárbara Z Brasil Jucinara 2 LD Brasil Monalisa
Z Brasil Daiane G Brasil Karol Alves V Brasil Nath Pitbull
7 M Brasil Darlene Z Brasil Kaylaine Souza 14 Z Brasil Núbia
32 M Brasil Duda Rodrigues 5 V Brasil Kaylane Melo 94 Z Brasil Rayanne
A Argentina Sole Jaimes G Itália Kelly 17 V Brasil Thaísa
M Brasil Louvain 11 M Brasil Leidi Z Brasil Thais Regina
A Brasil Giovanna Z Brasil Lorena A Brasil Tuca
21 A Brasil Gica 9 A Brasil Maria Alves 4 Z Brasil Cida
6 LE Brasil Gisseli 10 M Brasil Duda Francelino

Técnico: Portugal Luis Andrade

Entradas[editar | editar código-fonte]

Jogador Pos. Clube anterior Ref.
Brasil Karol Alves G Brasil Bragantino [3]
Brasil Gaby Louvain M [4]
Brasil Tuca A Brasil São Bernardo [5]
Argentina Agustina Z Brasil Palmeiras [6]

Saídas[editar | editar código-fonte]

Jogador Pos. Clube de destino Ref.

Empréstimos[editar | editar código-fonte]

Jogador Pos. Clube de origem Período Ref.

Emprestados[editar | editar código-fonte]

Jogador Pos. Clube de destino Período Ref.
Legenda

Fatos marcantes[editar | editar código-fonte]

Transferências[editar | editar código-fonte]

Entradas[editar | editar código-fonte]

Karol Alves[editar | editar código-fonte]

Em 3 de janeiro, o Rubro-Negro anunciou o terceiro reforço desta temporada — o primeiro anunciado neste ano. A goleira Karol Alves. A atleta fez parte da equipe do Bragantino na temporada passada. Nascida em Baixo Guandu, no Espírito Santo, já passou pelas equipes de América Mineiro, Ipatinga e Audax e pelo ŽNK Split, da Croácia. No retorno ao Brasil, integrou a equipe do Bragantino, antes de se transferir para o Flamengo.[3]

Gaby Louvain[editar | editar código-fonte]

Também em 3 de janeiro, o clube anunciou a quarto reforço e segundo deste ano: a meia Gaby Louvain. Destaque da Seleção Brasileira Sub-17 e com passagem pela Sub-20, a atleta é meia de origem, mas também atua como volante.[4]

Tuca[editar | editar código-fonte]

Em 11 de janeiro, mais uma contratação anunciada pelo Flamengo — quinto reforço e terceira contratação deste ano: a atacante Tuca, ex-futebolista do São Bernardo. Na temporada anterior, foi o destaque do agora ex-clube, no Campeonato Paulista. A futebolista é ambidestra e nasceu em uma família de rubro-negros, teve passagem pelo Florianópolis — seu clube formador — Avaí/Kindermann, Napoli e Marcílio Dias.[5]

Agustina[editar | editar código-fonte]
Anúncio
Agustina, em 2018, com a camisa da Seleção Argentina.

Em 17 de janeiro, o Flamengo anunciou contratação da zagueira argentina Agustina Barroso — sexto reforço e quarta contratação deste ano. Nome presente nas convocações da Seleção Argentina, a atleta chegou ao Rio de Janeiro, realizou os exames médicos e se integrou imediatamente a equipe que está realizando a sua preparação no sul do Estado do Rio de Janeiro. Pela Seleção, já disputou três vezes a Copa América e os Jogos Pan-Americanos, além de duas vezes a Copa do Mundo FIFA. A defensora usará, no clube, a camisa 22.[6]

Seleção do Ano da América

Em 23 de janeiro, a Federação Internacional de História e Estatísticas do Futebol (IFFHS) divulgou a Seleção de 2022 da América do Sul. A zagueira — contratada há poucos dias pelo Rubro-Negro — está na lista das onze atletas escolhidas, pela primeira vez.[7][8]

Saídas[editar | editar código-fonte]

Renovação de contratos[editar | editar código-fonte]

Fim de contratos[editar | editar código-fonte]

Competições[editar | editar código-fonte]

Campeonato Brasileiro[editar | editar código-fonte]

Supercopa do Brasil[editar | editar código-fonte]

Campeonato Carioca[editar | editar código-fonte]

Mortes[editar | editar código-fonte]

Outros[editar | editar código-fonte]

Pré-temporada[editar | editar código-fonte]

Reapresentação[editar | editar código-fonte]

As "Meninas da Gávea" — grupo principal de futebol feminino — se reapresentou, em 4 de janeiro, no Centro de Educação Física Almirante Adalberto Nunes (CEFAN), para o início da pré-tempoarda. O primeiro dia de trabalho começou com uma rápida reunião com a comissão técnica e o staff do clube. Na sequência, as atletas foram dividas em grupos para a realização de exames, testes físicos e outras avaliações.[9]

Pinheiral, sul fluminense[editar | editar código-fonte]

Início das atividades

A segunda fase da preparação para a temporada se iniciou, em 16 de janeiro, em Pinheiral, no Vale do Paraíba Fluminense, sul do estado do Rio de Janeiro. As atividades foram realizadas no Centro de treinamento João Havelange.[10]

As jogadoras de linha, trabalharam os passes e as finalizações com o treinador Luís Andrade e a auxiliar técnica Thays Guimarães. As goleiras realizaram atividades específicas com o preparador de goleiras Felipe França.[10]

Término das atividades

A equipe feminina terminou, em 22 de janeiro, a segunda fase da preparação para a temporada, realizada, em Pinheiral. A equipe se reapresenta, em 24 de janeiro, no CEFAN, para a sequência dos trabalhos de preparação.[11]

Treinadores[editar | editar código-fonte]

Luís Andrade[editar | editar código-fonte]

Estatísticas[editar | editar código-fonte]

Temp. Competição Jogos Vitórias Empates Derrotas Aprov. Observações Ref
2023 Supercopa do Brasil 0 0 0 0 0,0%
Total da temporada 0 0 0 0 0,0%
Última atualização em 24 de janeiro.

Competições[editar | editar código-fonte]

Esse é o resumo das participações em competições na temporada 2023:

Competição Pos/Fase Pts J V E D GP GC SG % Penalizado com cartão amarelo Expulso 1.ª part. Última F. inicial Ref.
A disputar
Supercopa do Brasil 4 fev A def. quartas [12]
Campeonato Brasileiro 26 fev 17 set [13]
Campeonato Carioca 2 set 17 dez [13]
Taça Guanabara 2 set 17 dez [13]
TOTAL
Total da temporada 4 fev 17 dez
Última atualização em 24 de janeiro.

Supercopa do Brasil[editar | editar código-fonte]

Ver artigo principal: Supercopa do Brasil

Campeonato Brasileiro[editar | editar código-fonte]

Ver artigo principal: Campeonato Brasileiro

Campeonato Carioca[editar | editar código-fonte]

Ver artigo principal: Campeonato Carioca

Campanha[editar | editar código-fonte]

Essa é a campanha na temporada 2023:

Mandante Visitante Clássicos[nota 1] Total
Jogos 0 0 0 0
Vitórias 0 0 0 0
Empates 0 0 0 0
Derrotas 0 0 0 0
Gols marcados 0 0 0 0
Gols sofridos 0 0 0 0
Saldo de gols 0 0 0 0
Aproveitamento (%) 0,0% 0,0% 0,0% 0,0%
Última atualização em 24 de janeiro.

Partidas[editar | editar código-fonte]

Legenda:      Vitória —      Empate —      Derrota —      Clássico[nota 1]
Última atualização em 24 de janeiro.

Primeira partida[editar | editar código-fonte]

Mês a mês[editar | editar código-fonte]

Ver artigo principal: Lista de jogos

Gols e pênaltis[editar | editar código-fonte]

Gols marcados[editar | editar código-fonte]

A artilharia da temporada:[14]

# Futebolista Total Carioca Brasileiro Supercopa Partidas Média
Gols contra[GC] 0 0 0 0 0 0
TOTAL 0 0 0 0 0 0
GC. ^
Em itálico os futebolistas que deixaram o clube durante a temporada
     Os melhores, em cada critério, dentro desta lista (considerando um mínimo de cinco partidas disputadas)
Última atualização em 24 de janeiro.

Doblete[editar | editar código-fonte]

Estes foram os dobletes do Flamengo:

Futebolista Gols Mandante Placar Visitante Data Competição Etapa Ref.
Última atualização em 24 de janeiro.

Hat-trick[editar | editar código-fonte]

Estes foram os hat-tricks do Flamengo:

Futebolista Gols Mandante Placar Visitante Data Competição Etapa Ref.
Última atualização em 24 de janeiro.

Gols sofridos[editar | editar código-fonte]

Estes foram os gols sofridos pelo Flamengo:

# Futebolista Total Carioca Brasileiro Supercopa Partidas Média
TOTAL 0 0 0 0 0 0
Em itálico os futebolistas que deixaram o clube durante a temporada
     Os "piores", em cada critério, dentro desta lista (considerando um mínimo de cinco partidas disputadas)
Última atualização em 24 de janeiro.

Gols contra[editar | editar código-fonte]

Estes foram os gols contra feitos pelos futebolistas do Flamengo:

Futebolista Gol contra Mandante Placar Visitante Data Competição Etapa Ref.
Última atualização em 24 de janeiro.

Pênaltis cometidos[editar | editar código-fonte]

Estes foram os pênaltis cometidos por futebolistas do Flamengo:

Futebolista Pênalti Mandante Placar Visitante Data Competição Etapa Ref.
Última atualização em 24 de janeiro.

Pênaltis sofridos[editar | editar código-fonte]

Estes foram os pênaltis a favor do Flamengo:

Cobrador Pênalti Mandante Placar Visitante Data Competição Etapa Ref.
Última atualização em 24 de janeiro.

Cartões[editar | editar código-fonte]

Os cartões vermelhos e amarelos recebidos durante a temporada:

# Responsável Expulso Penalizado com cartão amarelo
TOTAL 0 0
MÉDIA (0 partidas) 0 0
Em itálico os futebolistas/membros da comissão técnica que deixaram o clube durante a temporada
Última atualização em 24 de janeiro.

Cartões vermelhos[editar | editar código-fonte]

Responsável Cartão Mandante Placar Visitante Data Competição Etapa
Última atualização em 24 de janeiro.

Cartões amarelos[editar | editar código-fonte]

Última atualização em 24 de janeiro.

Ranking[editar | editar código-fonte]

CBF[editar | editar código-fonte]

Este é o ranqueamento conforme a Confederação Brasileira de Futebol (CBF):

Ano Posição Pontos Ref.
2022 5.º 2 8 112 376 [15]
2023
Última atualização em 24 de janeiro.

Notas e referências

Notas

  1. a b São considerados clássicos as partidas contra Botafogo, Fluminense e Vasco da Gama.

Referências

  1. a b «Atletas do Flamengo - Supercopa Feminina 2023». Confederação Brasileira de Futebol (CBF). Consultado em 28 de janeiro de 2023 
  2. «Futebol feminino». Site oficial do Clube de Regatas do Flamengo. Consultado em 24 de janeiro de 2023 
  3. a b c «Karol Alves é a nova contratação do Flamengo». Flamengo. 3 de janeiro de 2023. Consultado em 24 de janeiro de 2023 
  4. a b c «Louvain é do Mengão!». Flamengo. 3 de janeiro de 2023. Consultado em 24 de janeiro de 2023 
  5. a b c «Bem-vinda, Tuca!». Flamengo. 11 de janeiro de 2023. Consultado em 24 de janeiro de 2023 
  6. a b c «Agustina chegou!». Flamengo. 17 de janeiro de 2023. Consultado em 24 de janeiro de 2023 
  7. a b Rezende, Rafael (23 de janeiro de 2023). «Agustina entra para a Seleção do Ano da América do Sul da IFFHS». Flamengo. Consultado em 25 de janeiro de 2023 
  8. «IFFHS Women's Continental Teams 2022 - CONMEBOL» [Seleções Continentais Femininas IFFHS 2022 - CONMEBOL] (em inglês). IFFHS. 23 de janeiro de 2023. Consultado em 25 de janeiro de 2023 
  9. «Futebol feminino rubro-negro se reapresenta para a temporada 2023». Flamengo. 4 de janeiro de 2023. Consultado em 25 de janeiro de 2023 
  10. a b c Rezende, Rafael (16 de janeiro de 2023). «Mengão realiza primeira atividade em Pinheiral». Flamengo. Consultado em 25 de janeiro de 2023 
  11. a b Rezende, Rafael (22 de janeiro de 2023). «Meninas da Gávea finalizam fase de preparação em Pinheiral». Flamengo. Consultado em 25 de janeiro de 2023 
  12. «Supercopa do Brasil de Futebol Feminino – 2023». CBF. Consultado em 26 de janeiro de 2023 
  13. a b c «Calendário do futebol brasileiro 2023 - Futebol feminino» (PDF). CBF. Consultado em 26 de janeiro de 2023 
  14. «Estatísticas - Gols - Flamengo». ESPN. Consultado em 19 de janeiro de 2023 
  15. Assessoria CBF (14 de janeiro de 2022). «Corinthians é líder do Ranking Nacional de Clubes de Futebol Feminino 2022 da CBF». CBF. Consultado em 24 de janeiro de 2023 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]