TV Leste

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Disambig grey.svg Nota: Para a emissora instalada em Caxias, veja TV Leste (Caxias).
TV Leste
TV Leste Ltda.
Governador Valadares, Minas Gerais
Brasil
Tipo Empresa privada
Canais
03 VHF analógico
31 UHF e 3.1 Virtual digital
Outros canais 11 VHF (Guanhães)
08 VHF (Teófilo Otoni)
09 VHF (Santa Bárbara do Leste)
12 VHF (Ipatinga e Caratinga)
13 VHF (Manhuaçu, Coronel Fabriciano e Timóteo)
Slogan TV Leste: Uma TV aberta para o novo.
Rede Rede Record
Rede(s) anterior(es) Rede Manchete (1985-1987)
Rede Globo (1987-2008)
Fundador Edson Gualberto
Getúlio Miranda
Pertence a Sistema Leste de Comunicação
Proprietário Edson Gualberto
Acionista(s) Edson Gualberto (sócio presidente)
Getúlio Miranda (sócio majoritário)
Presidente Edson Gualberto
Fundação 1 de agosto de 1987 (29 anos)
CNPJ 21.712.856/0001-60
Prefixo ZYA 730
Nome(s) anteriore(s) TV Minas (1985-1987)
Cobertura 147 municípios do estado de Minas Gerais
Página oficial tvleste.com.br

TV Leste é uma emissora de televisão brasileira sediada no município de Governador Valadares, no estado de Minas Gerais. Opera nos canais 3 VHF e 31 UHF digital e é afiliada à Rede Record. A emissora faz parte do Sistema Leste de Comunicação, que tem quatro emissoras de rádio, um jornal diário, duas emissoras de televisão e uma gráfica. Tem como diretor executivo hoje por parte da Rede Record, Antônio Mário, natural de Belo Horizonte e têm mais de 10 anos na TV da capital.

A emissora de televisão conta com unidade de sucursal em Ipatinga (onde opera no canal 12 VHF, na Região Metropolitana do Vale do Aço) e duas sucursais em Teófilo Otoni (no canal 8) e em Caratinga (no canal 12). A emissora integra 203 cidades do Leste de Minas, também de grande importância para o país, como Ipatinga, Coronel Fabriciano, Timóteo, Caratinga, Mantena, Conselheiro Pena, Aimorés, Nanuque, Resplendor, Teófilo Otoni, Guanhães entre outros, num total de mais de 2 milhões de habitantes, somando 203 municípios.

Até dia 31 de julho de 2008, a TV Leste foi afiliada à Rede Globo e manteve a liderança de audiência na região. A partir de 1º de agosto passou a ser afiliada à Rede Record, retransmitindo a programação da rede.

História[editar | editar código-fonte]

TV Minas (1983-1987)[editar | editar código-fonte]

Ver artigo principal: TV Minas

Antes da existência da atual TV Leste, os atuais proprietários buscaram primeira emissora geradora de televisão para a cidade e região em 1981, para o Ministério das Comunicações.

Os proprietários ganharam a concorrência feita pelo ministério e a outorga de concessão feita pelo Governo Federal se deu em 30 de agosto de 1983.

A TV Minas entra no ar em 1985, quando as primeiras imagens foram geradas em Governador Valadares, retransmitindo a Rede Manchete.

Esta conquista para a região leste do Estado de Minas Gerais, particularmente para cidade, foi de grande importância.

TV Leste (1987-2007)[editar | editar código-fonte]

Logomarca da TV Leste, quando era afiliada da Rede Globo

No entanto, dois anos depois da afiliação, por falta de dedicação ao jornalismo local pela própria Manchete, a direção decidiu mudar de rede e do próprio nome da emissora.

Em 1º de agosto de 1987, no mesmo dia de mudança da rede, ocorre duas mudanças: o Canal 3 troca a Manchete pela Rede Globo e muda de nome de TV Minas para TV Leste.[1][2]


Em 1997, em razão dos 10 anos da TV Leste com a Globo, a emissora promete ampliar 2 milhões de pessoas espalhadas por 100 municípios até final da década, conseguida por volta de 2000.[3]

Em junho de 2007, todo sistema de captação de imagens, recepção e geração foi digitalizado, com implantação de novos equipamentos. Apenas a transmissão terrestre ainda é analógica, mas já transmite pelo satélite digital NSS 7, na posição 22° W, freqüência 4033 R 3689 33/34 Est/33.

Assinatura com a Rede Record[editar | editar código-fonte]

Em 11 de julho, as negociações entre TV Leste-Record fecham em negociação como novos parceiros.[4]

Em 15 de julho, o contrato de afiliação entre o Sistema Leste de Comunicação e a Rede Record é assinado na tarde entre os proprietários da emissora e os representantes da rede.[1][5] O contrato prevê que o canal 3 valadarense ampliará a região de abrangência,[1] passando dos atuais 123[5] aos 180 municípios (inclusive Teófilo Otoni, no Vale do Mucuri.

Sinal digital[editar | editar código-fonte]

A emissora lançou sinal digital em 25 de abril de 2014 para Governador Valadares no canal virtual 3.1, e em Teófilo Otoni já opera desde 1 de setembro de 2015 através do canal virtual 8.1 e as demais cidades de cobertura ao decorrer desse ano.

Cobertura da TV Leste[editar | editar código-fonte]

  • Acucena
  • Águas Formosas
  • Aimores
  • Almenara
  • Alpercata
  • Alvarenga
  • Alvorada de Minas
  • Angelandia
  • Araçuai
  • Aricanduva
  • Ataleia
  • Belo Oriente
  • Boachá
  • Bom Jesus do Galho
  • Braunas
  • Bugre
  • Campanario
  • Cantagalo
  • Capelinha
  • Capitao Andrade
  • Caratinga
  • Carlos Chagas
  • Central de Minas
  • Coluna
  • Conceição de Ipanema
  • Conselheiro Pena
  • Cordeiro de Minas
  • Coroaci
  • Coronel Fabriciano
  • Córrego da Água Limpa
  • Córrego do Prata
  • Córrego do Vermelho
  • Corrego Novo
  • Cuparaque
  • Dionisio
  • Divino das Laranjeiras
  • Divinolandia de Minas
  • Dom Cavati
  • Dores de Guanhaes
  • Engenheiro Caldas
  • Entre Folhas
  • Fernandes Tourinho
  • Franciscopolis
  • Frei Gaspar
  • Frei Inocencio
  • Frei Lagonegro
  • Galileia
  • Goiabeira
  • Gonzaga
  • Governador Valadares
  • Guanhaes
  • Iapu
  • Ilha do Rio Doce
  • Imbe de Minas
  • Inhapim
  • Ipaba
  • Ipabinha
  • Ipanema
  • Ipatinga
  • Itabirinha
  • Itamarandiba
  • Itambacuri
  • Itanhomi
  • Itaobim
  • Jaguaracu
  • Jampruca
  • Jequitinhonha
  • Joanesia
  • Jose Raydan
  • Machacalis
  • Malacacheta
  • Manhumirim
  • Mantena
  • Marilac
  • Marliéria
  • Mathias Lobato
  • Mendes Pimentel
  • Mesquita
  • Medina
  • Mutum
  • Nacip Raydan
  • Naque
  • Nova Belém
  • Nova Módica
  • Ouro Verde de Minas
  • Padre Paraíso
  • Paulistas
  • Pecanha
  • Pedra Azul
  • Periquito
  • Pescador
  • Piedade De Caratinga
  • Pingo-D'agua
  • Porto Seguro
  • Resplendor
  • Revés do Belém
  • Rio Vermelho
  • Sabinopolis
  • Santa Barbara do Leste
  • Santa Efigenia de Minas
  • Santa Helena de Minas
  • Santa Maria do Suacui
  • Santa Rita de Minas
  • Santana do Paraiso
  • São Cândido
  • Sao Domingos das Dores
  • Sao Felix de Minas
  • Sao Geraldo da Piedade
  • Sao Geraldo do Baixio
  • Sao Joao do Manteninha
  • Sao Joao do Oriente
  • Sao Joao Evangelista
  • Sao Jose da Safira
  • Sao Jose do Divino
  • Sao Jose do Jacuri
  • Sao Pedro do Suacui
  • Sao Sebastiao do Anta
  • Sao Sebastiao do Maranhao
  • Sardoa
  • Serra Azul de Minas
  • Setubinha
  • Sobralia
  • Tarumirim
  • Teófilo Otoni
  • Timoteo
  • Tumiritinga
  • Ubaporanga
  • Vale Verde de Minas
  • Vargem Alegre
  • Virginopolis
  • Virgolandia
  • Baixo Guandu
  • Barra de São Francisco


Referências

  1. a b c «TV Leste». 1º de agosto de 2008. Wikipédia. 
  2. «História». TV Leste. Arquivado desde o original em 21 de setembro de 1999. Consultado em 23-01-2013. 
  3. «História». TV Leste. Arquivado desde o original em 8 de outubro de 2002. Consultado em 23-01-2013. 
  4. «Afiliada da Globo pode mudar para Record». Liberdade Digital. 10 de julho de 2008. [ligação inativa]
  5. a b «TV Leste e TV dos Vales mudam programação». Portal Caparaó. 1º de agosto de 2008, 8hs; Atualizado em 2 de agosto de 2008, 11hs35min. Consultado em 24-01-2013. 

Ver também[editar | editar código-fonte]

Ligações externas[editar | editar código-fonte]