Tribunal de Contas do Estado de Mato Grosso do Sul

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Question book.svg
Esta página ou secção não cita fontes confiáveis e independentes, o que compromete sua credibilidade (desde dezembro de 2017). Por favor, adicione referências e insira-as corretamente no texto ou no rodapé. Conteúdo sem fontes poderá ser removido.
Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)

O Tribunal de Contas do Estado de Mato Grosso do Sul é um órgão público de fiscalização contábil, financeira e orçamentária, ou seja, do Controle Externo das Contas Públicas no âmbito do Estado de Mato Grosso do Sul.

História[editar | editar código-fonte]

O Tribunal de Contas de Mato Grosso do Sul (TCE-MS) começou seus trabalhos em 24 de março de 1980, quando o governador em exercício, Marcelo Miranda Soares nomeou os sete primeiros conselheiros do Estado, sob o ato publicado no Diário Oficial do Estado.

Função[editar | editar código-fonte]

Cabe ao Tribunal de Contas do Estado fiscalizar as contas do governo estadual, empresas que tenham capital estatal estadual, fundações ou autarquias do estaduais e entidades ou município que receber recursos do Estado por meio de parcerias ou convênios. Também fiscalizará e punirá as autoridades competentes por irregularidades que onerem o poder público estadual.

Ver também[editar | editar código-fonte]

Ligações externas[editar | editar código-fonte]