Williams FW38

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Williams FW38
Massa Bahrain 2016.jpg
Visão Geral
Produção 2016
Fabricante Williams
Modelo
Carroceria Monoposto de corrida
Designer Pat Symonds
Ficha técnica
Motor Mercedes PU106C 1.6 V6 Turbo híbrido
Transmissão Williams 8 marchas + 1 reverso semiautomáticos
Dimensões
Largura 1.800 mm
Altura 950 mm
Peso 702 kg
Cronologia
Williams FW37
Williams FW40

O FW38 é o modelo de carro de corrida fabricado pela equipe Williams para a disputa da temporada de Fórmula 1 de 2016, pilotado por Felipe Massa e Valtteri Bottas.

O lançamento do carro está programado no dia 22 de fevereiro nos primeiros dias de testes da pré-temporada no Circuito da Catalunha em Montmeló na Espanha.[1] Mas a equipe antecipou e divulgou as fotos oficiais do carro no dia 19 de fevereiro.[2]

Pré-Temporada[3][editar | editar código-fonte]

A evolução do modelo FW38-Mercedes na segunda série de testes foi sensível. Felipe Massa e Valtteri Bottas disseram pilotar um carro mais estável, previsível e rápido que o modelo do ano passado, principalmente no ponto onde mais expunha sua fraqueza, nas curvas de baixa velocidade. Não treinaram com pista molhada, outro calcanhar de Aquiles da Williams nos dois últimos anos, por causa da reduzida geração de pressão aerodinâmica.

Mas também nesse quesito o novo carro, concebido pela mesma dupla dos últimos anos, Ed Wood e Jason Somerville, avançou. Pat Symonds, diretor técnico, deixou claro onde ambos mais deveriam atuar no novo projeto. O que os três e os outros 400 integrantes da escuderia não esperavam é que Force India e RBR fossem melhorar tanto seus monopostos, como parece ser o caso, pelo evidenciado na pré-temporada.

No fim do quarto dia de testes, Massa e Bottas tiveram discurso semelhante. “A Mercedes está na frente, provavelmente mais que no ano passado, depois vem a Ferrari. Nós devemos lutar pelo terceiro lugar entre os construtores (quinta colocação nas corridas) com a Force India e a Red Bull”, afirmou Massa. Se for mesmo essa a realidade que no início do campeonato, o salto das duas organizações que Massa e Bottas dizem serão adversárias da Williams será gigantesco.

Mas o modelo FW38 evidenciou, como descrito, características que podem garantir a Massa e Bottas bons resultados, em especial nas corridas. A Pirelli distribuiu uma tabela com a maior autonomia de cada piloto com os cinco tipos de pneus produzidos para pista seca.

Desempenho[editar | editar código-fonte]

Assim como em 2015, a Williams mostra um carro bem projetado, mas ainda não no nível da Mercedes e da Ferrari. Um pacote aerodinâmico mais eficiente ainda é o principal ponto que separa o time britânico da briga pelas primeiras posições.

Estatística[editar | editar código-fonte]

Brasil Felipe Massa X Finlândia Valtteri Bottas
53 Pontos 85
0 Vitórias 0
0 Pole Positions 0
0 Volta Rápida 0
0 Pódios 1
3 Abandonos 2

Resultados na Temporada[editar | editar código-fonte]

Pos Piloto Nu. AUS
Austrália
BHR
Bahrein
CHN
China
RUS
Rússia
ESP
Espanha
MON
Mónaco
CAN
Canadá
EUR
União Europeia
AUT
Áustria
GBR
Reino Unido
HUN
Hungria
ALE
Alemanha
BEL
Bélgica
ITA
Itália
SIN
Singapura
MAL
Malásia
JAP
Japão
EUA
Estados Unidos
MEX
México
BRA
Brasil
UAE
=Emirados Árabes Unidos
Pts Pts da Equipe Pos da Equipe
11 Brasil Felipe Massa 19 5 8 6 5 8 10 Ret 10 20† 11 18 Ret 10 9 12 13 9 7 9 Ret 9 53 138
8 Finlândia Valtteri Bottas 77 8 9 10 4 5 12 3 6 9 14 9 9 8 6 Ret 5 10 16 8 11 Ret 85

Referências

  1. «Williams marca apresentação do FW38, carro para temporada 2016 da F1, para 22 de fevereiro». Grande Prêmio. 17 de janeiro de 2016 
  2. «Williams mantém base e apresenta novo FW38 sem mudanças aparentes para temporada 2016 da F1». Grande Prêmio. 19 de fevereiro de 2016 
  3. ORICCHIO, Livio (05 de março de 2016). «Livio Oricchio: A Fórmula 1 depois dos testes de pré-temporada. Capítulo 2». Globoesporte.com. Consultado em 05 de março de 2016  Verifique data em: |acessodata=, |data= (ajuda)
|}|}|}