Ed Sheeran

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Ed Sheeran
Informação geral
Nome completo Edward Christopher Sheeran
Também conhecido(a) como Ed, Teddy, Weasley, Ginger Jesus
Nascimento 17 de fevereiro de 1991 (23 anos)
Origem Halifax, Inglaterra
País  Reino Unido
Gênero(s) Folk music, música acústica, pop
Ocupação(ões) Cantor e compositor
Período em atividade 2005-atualmente
Gravadora(s) Atlantic Records
Afiliação(ões) James Morrison, Yelawolf, One Direction, Taylor Swift
Página oficial Site Oficial

Edward Christopher "Ed Sheeran" (Halifax, Inglaterra, 17 de fevereiro de 1991) é um cantor e compositor britânico, que recentemente assinou contrato com a Asylum / Atlantic Records.[1] Sheeran teve sucesso comercialmente em junho de 2011, quando seu single de estreia "The a Team" estreou em número 3 na parada do Reino Unido.[2]

Biografia[editar | editar código-fonte]

Sheeran nasceu em Halifax, West Yorkshire filho de pai irlandês[3] (John Sheeran) e mãe inglesa[4] (Imogen Lock), antes de passar para Framlingham, Suffolk. Ele é um primo do jornalista e apresentador de TV Gordon Burns[5] Ele aprendeu a tocar guitarra em uma idade muito jovem , e começou a escrever músicas durante seu tempo na "Thomas Mills High School" em Framlingham.[6] suas memórias da infância, que ele referiu numa entrevista no Zane Lowe show, incluído ouvir Van Morrison em suas inúmeras viagens a Londres com seus pais e indo para um show intimista com Damien Rice na Irlanda, quando tinha 11 anos.[7] Ele também integrou a banda Nizlopi em Norwich, em abril de 2008, após ser um dos seus técnicos de guitarra.[6]

Carreira musical[editar | editar código-fonte]

Ed Sheeran começou a gravar em 2005, que o levou a produzir o seu primeiro EP, The Orange Room EP. Mais tarde, ele fez dois Eps, um em 2006 Ed Sheeran e outro em 2007, intitulado Want Some?. Se mudou para Londres em 2008 para realizar alguns concertos. Os primeiros foram realizados em lugares pequenos, onde cantou todos os dias em recintos não mais com cinco convidados. Em 2008, Sheeran fez um teste para a série de TV ITV Britannia High.

Em 2009, realizou 312 shows. Ele disse que tinha lido uma entrevista de James Morrison em que Morrison disse que realizou 200 concertos por ano, Sheeran quis ultrapassar os seus números. Em 2009, ele lançou outro EP, You Need Me, pouco antes de sair em turnê com Just Jack. Em fevereiro de 2010, Ed enviou um vídeo via SB.TV, que chamou a atenção do rapper Example, que lhe pediu para excursionar com ele. Além disso, em fevereiro de 2010 publicou seu aclamado EP Loose Change EP, que incluiu o hit "The A Team''

Em abril de 2010, depois de deixar sua gravadora, Sheeran comprou uma passagem para Los Angeles, cantando em muitas partes da cidade, antes de chamar a atenção de Jamie Foxx no Foxxhole, que o convidou para ficar em casa e gravar no dia seguinte. Ao longo de 2010, Sheeran começou a ter mais sucesso através de seu canal no YouTube e fãs clubes, obtenção de crédito a partir do jornal The Independent.[8] O cantor fez dois EPs em 2010, Ed Sheeran: Live at the Bedford e Songs I Wrote With Amy, que é uma coleção de canções de amor que ele escreveu com Amy Wadge no País de Gales. Em março de 2012, Sheeran co-escreveu e canta um dueto da música "Everything Has Changed" da Taylor Swift. Sheeran também contribuiu com duas músicas do segundo álbum de estúdio, Take Me Home, da One Direction, "Over Again" e "Little Things". Seu hit "The A Team" foi nomeado para Canção do ano no Grammy Awards 2013; Sheeran cantou em dueto com Elton John durante a cerimônia. Gravou um videoclipe junto com Taylor Swift, para o single "Everything Has Changed". Um de seus trabalhos mais recentes foi a música "I See Fire", que faz parte da trilha sonora do filme "O Hobbit: A Desolação de Smaug", adaptação cinematográfica do livro feito por J.R.R. Tolkien; dirigido por Peter Jackson. Compôs a música tema do filme A Culpa é das Estrelas (adaptação cinematográfica do livro homônimo de John Green dirigida por Josh Boone), All of the Stars.[9] Sheeran deu uma entrevista na qual diz que está trocando e-mails com a cantora Demi Lovato nos quais dizem que irão se encontar no final do mês de Maio de 2014 para falar sobre um dueto que Demi estaria planejando para seu próximo álbum, mas nada está oficialmente confirmado.

[editar | editar código-fonte]

Discografia[editar | editar código-fonte]

Álbuns de estúdio
  • + (2011)
  • X (2014)
EP's
  • Orange Room (2005)
  • Ed Sheeran (2006)
  • Want Some? (2007)
  • You Need Me (2009)
  • Loose Change (2010)
  • Songs I Wrote With Amy (2010)
  • Live at The Bedford (2011)
  • Collaboration (2011)
  • Slumdon Bridge (2012)
  • The One Take (2012)
  • Multiply (2014)

Referências

  1. Haugh, Richard. "Ed Sheeran battles Rihanna for top spot in album chart", BBC News, 10 January 2011. Página visitada em 10 August 2011.
  2. Ed Sheeran – UK Charts www.chartstats.com/. Visitado em 27 de fevereiro de 2012.
  3. Clayton-Lea, Tony. "Ed Sheeran", The Irish Times, 9 September 2011.
  4. Arthur’s Day: Ed Sheeran interview hsojack.org. Visitado em 27 de fevereiro de 2012.
  5. Gordon Burns so proud over cousin Ed Sheeran's Brit Awards success Manchester Evening News. Visitado em 23 de fevereiro de 2012.
  6. a b Introducing – Ed Sheeran BBC Suffolk. Visitado em 11 de agosto de 2011.
  7. Tony Fentons Blog > Daily Download – Ed Sheeran todayshwofm.com. Visitado em 22 de fevereiro de 2012.
  8. "Elt says Ed’s the Cat’s whiskers | The Sun |Showbiz|Music", The Sun, 15 January 2011. Página visitada em 19 January 2011.
  9. Cine POP. Ouça a música-tema All of the Stars. "http://cinepop.virgula.uol.com.br/a-culpa-e-das-estrelas-ouca-a-musica-tema-all-of-the-stars-70991"

[1] [2]

Ligações externas[editar | editar código-fonte]


  1. http://letras.mus.br/ed-sheeran/discografia/loose-change-2010/
  2. http://edsheeranbr.com/discografia/