Theosis

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

Na teologia cristã, particularmente na teologia da igreja ortodoxa, teósis ou theosis (também escrito: theiosis, theopoiesis, theōsis; grego:Θέωσις, significa divinização, deificação ou criação divina) é o processo de transformação de um crente que está pondo em prática (chamada praxis) os ensinos espirituais de Jesus Cristo e seu Evangelho. Em particular, theosis refere-se à realização de semelhança a ou união com Deus, que é o estágio final do processo de transformação e, como tal, o objetivo da vida espiritual. Theosis é o terceiro de três estágios; o primeiro é a purificação (katharsis) e o segundo iluminação (theoria). Por meio da purificação uma pessoa alcança a iluminação e então a santidade. Santidade é a participação da pessoa na vida de Deus. Conforme esta doutrina, a santa vida de Deus dada em Jesus Cristo ao crente através do Espírito Santo, é expressada através de três estágios de theosis, começando nas lutas da vida, que aumenta na experiência do crente através do conhecimento de Deus, e é posteriormente consumada na ressurreição do crente, quando o poder do pecado e da morte, tenha sido completamente vencido pela expiação de Jesus, perderá o domínio sobre o crente para sempre.[1] Essa concepção de salvação é historicamente fundamental para a compreensão cristã, tanto no Oriente como no Ocidente.

Ver também[editar | editar código-fonte]

Notas e Referências[editar | editar código-fonte]

  1. "Teologia e Misticismo na Tradição da Igreja Oriental" de A Teologia Mística da Igreja Oriental, pgs 8-9, 39,126, 133, 154, 196
  • Anstall, Kharalambos. "Juridical Justification Theology and a Statement of the Orthodox Teaching," Ferido por Deus? Nonviolent Identification and the Victory of Christ". Grand Rapids, MI: Eerdmans, 2007.
  • Lossky, Vladimir. The Mystical Theology of the Eastern Church. [S.l.]: St. Vladimir's Seminary Press, 1997. ISBN 978-0-913836-31-6
  • Gross, Jules. The Divinization of the Christian According to the Greek Fathers. [S.l.]: A & C Press, 2003. ISBN 978-0-7363-1600-2
  • Catechism of the Catholic Church. [S.l.]: Pauline Books & Media, 1994. 116 p. ISBN 978-0-8198-1519-4

Ligações externas[editar | editar código-fonte]