Hino da Bahia

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Hino ao Dois de Julho

Hino estadual da Bahia Bahia
Letra Ladislau dos Santos Titara
Composição José dos Santos Barreto
Adotado 2010 (12 anos)
Letra do hino (Wikisource)
Wikisource-logo.svg Hino do estado da Bahia

O Hino da Bahia, como também é chamado o Hino ao Dois de Julho, faz clara alusão ao 2 de julho de 1823 - data maior do estado, quando após as lutas que perduraram desde o ano de 1821, libertou-se do jugo português. Tem sua letra por Ladislau dos Santos Titara e música de José dos Santos Barreto.[1] Uma elogia à Independência da Bahia, o hino baiano por muito tempo não foi oficialmente o hino do estado, tendo esse papel sido comumente desempenhado pelo Hino ao Senhor do Bonfim. Apenas em 20 de abril de 2010 o governador Jaques Wagner sancionou a lei estadual n.º 11.901, publicada no Diário Oficial do Estado de 21 de abril de 2010, que o tornou o hino oficial do estado.[1][2][3][4]

Refere-se a batalhas como as de Cabrito e Pirajá nas quais, com o sangue baiano, foi conquistada a independência do estado e consolidada a independência do país.[4]

Referências

Ver também[editar | editar código-fonte]

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre a Bahia (genérico) é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.
Ícone de esboço Este artigo sobre um hino é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.