Litoral da Bahia

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Ilustração artística cartográfica da Baía de Todos os Santos.

O litoral da Bahia se refere à faixa costeira do estado da Bahia. Compreende mais de 1 100 quilômetros de extensão, sendo o maior do Brasil.[1] É completamente margeado pelo Oceano Atlântico e suas reentrâncias no continente. A maior delas deu nome ao estado, é maior baía tropical desse oceano e ainda contém baías e enseadas menores em seu interior.[2][3][4][5] Além delas, há ainda a Baía de Camamu (terceira maior do país),[6][7] Baía do Pontal (área de 16 quilômetros quadrados e estuário de rios da bacia do Cachoeira),[8] dentre outras situadas no estado.

O litoral baiano é acompanhado por duas rodovias estaduais. O trecho do litoral norte (porção ao norte capital) é seguido pela BA-099 e o litoral sul (porção ao sul da capital) pela BA-001.[9][10]

Zoneamento[editar | editar código-fonte]

Mapa da bacia do Jiquiriçá mostra parcialmente o litoral baiano, recortado ao norte pela Baía de Todos os Santos e ao sul pela Baía de Camamu e o Arquipélago de Cairu.

Tendo a capital e a Baía de Todos-os-Santos como referência, foi estabelecido três grandes setores litorâneos: Litoral Norte, Salvador/Baía de Todos os Santos e Litoral Sul. Estes subdividem-se, ao todo, em seis subsetores. Em sentido norte–sul, tem-se:[11]

Arquipélago de Abrolhos, na Costa das Baleias.

Noutra perspectiva, utilizada no zoneamento do planejamento turístico, o litoral foi dividido em zonas com determinado número de municípios-sede, de acordo com o perfil histórico e geográfico; de norte para sul, a costa da Bahia se divide em:[12][13]

Praias[editar | editar código-fonte]

Ver artigo principal: Lista de praias da Bahia

Municípios por extensão do litoral[editar | editar código-fonte]

Com base no Anuário Estatístico do Brasil de 2011, elaborado pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), abaixo estão tabelados municípios litorâneos da Bahia ordenados pela extensão do litoral, apontando o posicionamento na listagem nacional e estadual.[15]

Posição
estadual
Posição
nacional
Município Litoral
(km)
1 29 Ilhéus 76,05
2 33 Porto Seguro 70,6
3 35 Salvador 66,91
4 36 Prado 66,37
5 38 Cairu 65,87
6 44 Mucuri 58,71
7 64 Canavieiras 43,99
8 70 Conde 43,32
9 75 Camaçari 42,13
10 77 Maraú 41,04
11 78 Belmonte 40,43
12 86 Jandaíra 39,05
13 88 Santa Cruz Cabrália 37,84
14 98 Vera Cruz 33,89
15 103 Una 33,21
16 106 Nova Viçosa 31,59
17 113 Alcobaça 28,18
18 118 Mata de São João 27,25
19 125 Itacaré 25,99
20 128 Entre Rios 25,52
21 130 Itaparica 24,73
22 134 Caravelas 23,38
23 149 Valença 21,47
24 184 Jaguaripe 16,75
25 189 Esplanada 16,01
26 192 Ituberá 15,22
27 216 São Francisco do Conde 12,57
28 237 Madre de Deus 9,65
29 239 Uruçuca 9,51
30 245 Saubara 7,77
31 248 Candeias 7,52
32 262 Nilo Peçanha 5,06
33 265 Igrapiúna 3,7
34 269 Lauro de Freitas 2,83
35 273 Salinas da Margarida 1,75

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. Assessoria de Comunicação do Ministério Público Federal na Bahia (26 de setembro de 2012). «MPF aciona União pela demarcação de linhas do preamar médio de 1831 no litoral da Bahia — MPF». Ministério Público Federal na Bahia. Consultado em 16 de janeiro de 2018.. Arquivado do original em 7 de agosto de 2017 
  2. aleile (1 de dezembro de 2011). «História e evolução entre o passado e o futuro». baiadetodosossantos.atarde.uol.com.br. Baia de Todos os Santos. A Tarde. Consultado em 16 de janeiro de 2018. 
  3. «BID produz análise final do plano de requalificação da Baía de Todos-Santos». Secretaria de Turismo do Estado da Bahia. 3 de outubro de 2014. Cópia arquivada em 3 de outubro de 2014 
  4. «Baía de Todos os Santos e Ilha de Itaparica, Bahia». www.brasil-turismo.com. Consultado em 28 de agosto de 2017. 
  5. «Bahia  » Baía de Todos-os-Santos». bahia.com.br. Consultado em 28 de agosto de 2017. 
  6. «Baía de Camamu concentra 63 ilhas». Jornal Hoje. 22 de fevereiro de 2017 
  7. Menezes, Bernardo de (27 de setembro de 2007). «Vida nativa entre o mar e a Baía de Camamu». Portal A TARDE. Consultado em 16 de janeiro de 2018. 
  8. Silva, Emilson Batista da (jan–abr de 2015). «Caracterização do ambiente no município de Ilhéus (BA): o caso da Baía do Pontal». Goiânia: Instituto de Estudos Sócio-Ambientais da Universidade Federal de Goiás. Boletim Goiano de Geografia. v. 35 (n. 1): 157-175. ISSN 1984-8501. doi:10.5216/bgg.v35i1.35490. Consultado em 16 de janeiro de 2018. 
  9. «Portos e Navios - Porto faz indústria do turismo entrar em alerta no sul da Bahia» 
  10. «7 praias do Litoral Norte para você escolher a que mais tem a ver com sua viagem». Na Bahia 
  11. Ministério do Meio Ambiente. «3.4 Bahia». Consultado em 12 de Setembro de 2014. 
  12. «Mapa da Bahia». www.viagemdeferias.com. Consultado em 16 de janeiro de 2018.. Cópia arquivada em 30 de julho de 2017 
  13. «Praias da Bahia — Litoral Sul e Norte». Guia Geográfico — Turismo na Bahia. Consultado em 16 de janeiro de 2018.. Cópia arquivada em 30 de julho de 2017 
  14. briggs, juliana (27 de abril de 2012). «Baleias Jubarte buscam Abrolhos como refúgio para se reproduzir». Globo Mar. G1. Consultado em 16 de janeiro de 2018.. Cópia arquivada em 30 de julho de 2017 
  15. «Anuário Estatístico do Brasil 2011» (PDF). Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística. 2011. Consultado em 19 de junho de 2012. 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]