Língua parawana

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Parawana
Falado em: Brasil (baixo rio Branco)
Total de falantes:
Família: Arawak
 Central
  Pidiana ?
   Parawana
Códigos de língua
ISO 639-1: --
ISO 639-2: ---

O parawana é uma língua extinta da família linguística arawak falada no rio Wanawaua (hoje rio Anauá), um afluente do baixo rio Branco, no Brasil.[1][2]

Vocabulário[editar | editar código-fonte]

Vocabulário parawana (flora, fauna e artefatos culturais) coletado por Johann Natterer (1832):[1][3]

Português Parawana
tatu malula
anta watʃahi
vaca paka
queixada utsabɨ
caititu pakö͂na
veado booʃu + malayu
onça ɨtʃawɨ
onça-parda boʃo-dʒi (boʃo “veado”)
cão kako-tʃi / keku-tʃi (karib)
boto amana
peixe-boi ʃaböna
pato uluma
pomba udukua
mutum hawiti + witʃo
galo kalaka
urubu kumu
urubu-rei iniana
gavião kukui
arara-vermelha anna
arara-amarela kaʃaun
papagaio walu
inambu mami
jacaré könandu
jabuti un͂ü
tartaruga miʃa
peixe
piraíba kamúü
surubim ko͂nörʃü
arraia iia
bacaba mahöʃi
açaí manaka
batata-doce kaʃɨ
melancia patöüia (< patilla)
cará tʃöʃu
mandioca dʒan / tʃan
maniva wakana
beiju wati
tapioca ewe
capim maweti
milho iwatʃi
curare huödi
paricá koʃuhata
banana balulu
feijão apukaba
tabaco tʃamé
cachimbo paipa
arco kulapana
flecha tʃaköü
bruxo bahoana + takomiki
buzina kowidi
canoa kanawa
caxiri tʃoopi
chumbo pirooto
demônio tʃötee
Deus Mawali
espingarda mokawa
faca malia
machado -toba + balu
panacu no(-)katʃedi
pólvora kulupara
pote kantamatʃa
camuti iwatu
rede no ita
remo no(-)nükɨna
terçado katʃupala
zarabatana kobina

Comparação lexical[editar | editar código-fonte]

Algumas semelhanças lexicais entre o parawana e o aroaqui (Ramirez 2019: 562; 2020: 36):[1][3]

Português Parawana Aroaqui
anta watʃahi waʃapi
porco-do-mato utsabi uʃabi
veado booʃu botʃu
cará (tubérculo) tʃöʃu ditʃu

Referências

  1. a b c Ramirez, Henri (2019). Enciclopédia das línguas arawak: acrescida de seis novas línguas e dois bancos de dados. (no prelo)
  2. Ramirez, Henri, & França, Maria Cristina Victorino de. (2019). Línguas Arawak da Bolívia. LIAMES: Línguas Indígenas Americanas, 19, e019012. https://doi.org/10.20396/liames.v19i0.8655045
  3. a b Ramirez, Henri (2020). Enciclopédia das línguas arawak: acrescida de seis novas línguas e dois bancos de dados. 4 1 ed. Curitiba: Editora CRV. 254 páginas. ISBN 978-65-251-0231-3. doi:10.24824/978652510231.3 

Ver também[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre linguística ou um linguista é um esboço relacionado ao Projeto Ciências Sociais. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.