Lista de municípios do Rio de Janeiro por população

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

Esta lista de municípios do Rio de Janeiro por população está baseada na estimativa de 2019 do IBGE.[1] O Rio de Janeiro é uma das 27 unidades federativas do Brasil e é dividida em 92 municípios. O território fluminense equivale a 0,51% do brasileiro e com mais de 18,7 milhões habitantes (8,23% da população brasileira),[1] o estado possui a vigésima quarta maior área territorial e o terceiro contingente populacional dentre os estados do Brasil.

A cidade mais populosa do Rio de Janeiro é Rio de Janeiro, a capital estadual, com mais de 6,73 milhões habitantes.[1] Em seguida, vem São Gonçalo com aproximadamente 1,09 milhões.

Mapa dos municípios fluminenses por população.
Rio de Janeiro, a capital do estado, é também o município mais populoso deste.


São Gonçalo, 2.º município mais populoso do estado.
Duque de Caxias, 3.º município mais populoso do estado.
Nova Iguaçu, 4.º município mais populoso do estado.
Niterói, 5.º município mais populoso do estado.
Belford Roxo, 6.º município mais populoso do estado.
Campos dos Goytacazes, 7.º município mais populoso do estado.
São João de Meriti, 8.º município mais populoso do estado.
Petrópolis, 9.º município mais populoso do estado.
Volta Redonda, 10.º município mais populoso do estado.
Macaé, 11.º município mais populoso do estado.
Magé, 12.º município mais populoso do estado.
Itaboraí, 13.º município mais populoso do estado.
Cabo Frio, 14.º município mais populoso do estado.
Angra dos Reis, 15.º município mais populoso do estado.
Nova Friburgo, 16.º município mais populoso do estado.
Barra Mansa, 17.º município mais populoso do estado.
Teresópolis, 18.º município mais populoso do estado.
Mesquita, 19.º município mais populoso do estado.

Municípios[editar | editar código-fonte]

Posição Município População
1 Rio de Janeiro 6 718 903
2 São Gonçalo 1 084 839
3 Duque de Caxias 919 596
4 Nova Iguaçu 821 128
5 Niterói 513 584
6 Belford Roxo 510 906
7 Campos dos Goytacazes 507 548
8 São João de Meriti 472 406
9 Petrópolis 306 191
10 Volta Redonda 273 012
11 Macaé 256 672
12 Magé 245 071
13 Itaboraí 240 592
14 Cabo Frio 219 863
15 Angra dos Reis 203 785
16 Nova Friburgo 190 631
17 Barra Mansa 184 412
18 Teresópolis 182 594
19 Mesquita 176 103
20 Nilópolis 162 485
21 Maricá 161 207
22 Rio das Ostras 150 674
23 Queimados 150 319
24 Itaperuna 133 669
25 Itaguaí 133 019
26 Araruama 132 400
27 Resende 131 341
28 Japeri 104 768
29 São Pedro da Aldeia 104 476
30 Barra do Piraí 100 374
31 Saquarema 89 170
32 Seropédica 82 312
33 Três Rios 81 804
34 Valença 76 523
35 Rio Bonito 60 201
36 Guapimirim 60 517
37 Cachoeiras de Macacu 58 937
38 Paracambi 52 257
39 Mangaratiba 44 468
40 Paraíba do Sul 44 285
41 Casimiro de Abreu 44 184
42 Paraty 43 165
43 Santo Antônio de Pádua 42 479
44 São Francisco de Itabapoana 42 205
45 Armação dos Búzios 40 532
46 São Fidélis 38 669
47 Bom Jesus do Itabapoana 37 096
48 Vassouras 36 896
49 São João da Barra 36 102
50 Tanguá 34 309
51 Itatiaia 31 805
52 Arraial do Cabo 30 349
53 Piraí 29 277
54 Iguaba Grande 28 310
55 Paty do Alferes 27 769
56 Bom Jardim 27 446
57 Miracema 27 174
58 Miguel Pereira 25 538
59 Pinheiral 25 156
60 Quissamã 24 700
61 Itaocara 23 234
62 Conceição de Macabu 23 228
63 Cordeiro 21 926
64 São José do Vale do Rio Preto 21 795
65 Silva Jardim 21 774
66 Cantagalo 20 172
67 Porto Real 19 683
68 Carmo 18 895
69 Porciúncula 18 847
70 Mendes 18 614
71 Rio Claro 18 529
72 Sapucaia 18 228
73 Carapebus 16 301
74 Sumidouro 15 623
75 Cambuci 15 505
76 Natividade 15 317
77 Italva 15 207
78 Quatis 14 302
79 Engenheiro Paulo de Frontin 14 002
80 Cardoso Moreira 12 823
81 Areal 12 572
82 Aperibé 11 759
83 Duas Barras 11 492
84 Varre-Sai 11 010
85 Trajano de Moraes 10 626
86 Santa Maria Madalena 10 404
87 São Sebastião do Alto 9 357
88 Rio das Flores 9 284
89 Comendador Levy Gasparian 8 561
90 Laje do Muriaé 7 355
91 São José de Ubá 7 171
92 Macuco 5 599

Referências

  1. a b c «estimativa_ibge_2018.xls» (PDF). agenciadenoticias.ibge.gov.br. Consultado em 10 de dezembro de 2018