Lista de municípios do Rio de Janeiro por população

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

Esta lista de municípios do Rio de Janeiro por população está baseada na estimativa de 2018 do IBGE.[1] O Rio de Janeiro é uma das 27 unidades federativas do Brasil e é dividida em 92 municípios. O território fluminense equivale a 0,51% do brasileiro e com mais de 17,15 milhões habitantes (8,23% da população brasileira),[1] o estado possui a vigésima quarta maior área territorial e o terceiro contingente populacional dentre os estados do Brasil.

A cidade mais populosa do Rio de Janeiro é Rio de Janeiro, a capital estadual, com mais de 6,68 milhões habitantes.[1] Em seguida, vem São Gonçalo com aproximadamente 1,07 milhões.

Mapa dos municípios fluminenses por população.
Rio de Janeiro, a capital do estado, é também o município mais populoso deste.
São Gonçalo, 2.º município mais populoso do estado.
Duque de Caxias, 3.º município mais populoso do estado.
Nova Iguaçu, 4.º município mais populoso do estado.
Niterói, 5.º município mais populoso do estado.
Belford Roxo, 6.º município mais populoso do estado.
Campos dos Goytacazes, 7.º município mais populoso do estado.
São João de Meriti, 8.º município mais populoso do estado.
Petrópolis, 9.º município mais populoso do estado.
Volta Redonda, 10.º município mais populoso do estado.
Macaé, 11.º município mais populoso do estado.
Magé, 12.º município mais populoso do estado.
Itaboraí, 13.º município mais populoso do estado.
Cabo Frio, 14.º município mais populoso do estado.
Angra dos Reis, 15.º município mais populoso do estado.
Nova Friburgo, 16.º município mais populoso do estado.
Barra Mansa, 17.º município mais populoso do estado.
Teresópolis, 18.º município mais populoso do estado.
Mesquita, 19.º município mais populoso do estado.

Municípios[editar | editar código-fonte]

Posição Município População
1 Rio de Janeiro 6 688 927
2 São Gonçalo 1 077 687
3 Duque de Caxias 914 383
4 Nova Iguaçu 818 875
5 Niterói 511 786
6 Belford Roxo 508 614
7 Campos dos Goytacazes 503 424
8 São João de Meriti 471 888
9 Petrópolis 305 687
10 Volta Redonda 271 998
11 Macaé 251 631
12 Magé 243 657
13 Itaboraí 238 695
14 Cabo Frio 222 528
15 Angra dos Reis 200 407
16 Nova Friburgo 190 084
17 Barra Mansa 183 976
18 Teresópolis 180 886
19 Mesquita 175 620
20 Nilópolis 162 269
21 Maricá 157 789
22 Queimados 149 265
23 Rio das Ostras 145 989
24 Araruama 130 439
25 Resende 130 334
26 Itaguaí 125 913
27 Japeri 103 960
28 São Pedro da Aldeia 102 846
29 Itaperuna 102 626
30 Barra do Piraí 99 969
31 Saquarema 87 704
32 Seropédica 86 743
33 Três Rios 81 453
34 Valença 76 163
35 Rio Bonito 59 814
36 Guapimirim 59 613
37 Cachoeiras de Macacu 58 560
38 Paracambi 51 815
39 Paraíba do Sul 44 045
40 Mangaratiba 43 689
41 Casimiro de Abreu 43 295
42 Paraty 42 630
43 Santo Antônio de Pádua 42 359
44 São Francisco de Itabapoana 42 201
45 São Fidélis 38 626
46 Bom Jesus do Itabapoana 36 985
47 Vassouras 36 702
48 São João da Barra 36 138
49 Tanguá 33 870
50 Armação dos Búzios 33 240
51 Itatiaia 31 537
52 Arraial do Cabo 30 096
53 Piraí 28 999
54 Iguaba Grande 27 762
55 Paty do Alferes 27 678
56 Bom Jardim 27 269
57 Miracema 27 195
58 Miguel Pereira 25 493
59 Pinheiral 24 941
60 Quissamã 24 246
61 Itaocara 23 247
62 Conceição de Macabu 23 064
63 Cordeiro 21 806
64 Silva Jardim 21 773
65 São José do Vale do Rio Preto 21 670
66 Cantagalo 20 177
67 Porto Real 19 381
68 Carmo 18 755
69 Porciúncula 18 730
70 Mendes 18 578
71 Rio Claro 18 451
72 Sapucaia 18 205
73 Carapebus 16 039
74 Sumidouro 15 577
75 Cambuci 15 496
76 Natividade 15 324
77 Italva 15 113
78 Quatis 14 165
79 Engenheiro Paulo de Frontin 13 929
80 Cardoso Moreira 12 826
81 Areal 12 471
82 Aperibé 11 612
83 Duas Barras 11 454
84 Varre-Sai 10 890
85 Trajano de Moraes 10 611
86 Santa Maria Madalena 10 417
87 São Sebastião do Alto 9 326
88 Rio das Flores 9 222
89 Comendador Levy Gasparian 8 544
90 Laje do Muriaé 7 386
91 São José de Ubá 7 134
92 Macuco 5 574

Referências

  1. a b c «estimativa_ibge_2018.xls» (PDF). agenciadenoticias.ibge.gov.br. Consultado em 10 de dezembro de 2018