Passo de Ouro

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
(Redirecionado de Passo de Ouro (antiga))
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Passo de Ouro
Fundação 1974 (45 anos)
Cores
Verde
Amarelo
Azul
Branco
Símbolo Tigre
Bairro Parada Inglesa
Presidente Sebastião Batista Nunes
Desfile de 2019
Enredo Do Lixo ao Luxo, Passo de Ouro Apresenta o Brasil que Queremos

Passo de Ouro é o nome de uma escola de samba da cidade de São Paulo, atualmente no Grupo 3 da UESP, o que equivale à quinta divisão do carnaval paulistano. No Carnaval de 2007, terminou em 9º lugar deste grupo.

História[editar | editar código-fonte]

A origem da Passo de Ouro é uma antiga escola de mesmo nome, que desapareceu em 1996 ao se fundir à X-9 Paulistana. Na época, a X-9 não tinha quadra, e acabou ganhando com a fusão a quadra da Passo de Ouro antiga, quadra esta que se mantém como quadra da X-9 até hoje. Alguns ex-sócios da antiga Passo de Ouro resolveram fundar uma nova escola recentemente, embora ainda se digam como sendo a mesma agremiação absorvida pela X-9.

Passo de Ouro entrou para a história do carnaval paulistano em 1991. Fazendo sua reestreia no grupo principal, foi a primeira escola de samba a desfilar oficialmente no Anhembi. Naquele ano, feito as pressas e ainda com arquibancadas improvisadas, o Anhembi foi oficialmente inaugurado pela então prefeita Luisa Erundina, e a Passo de Ouro desfilou com o samba "Cabeças e Plumas"

Segmentos[editar | editar código-fonte]

Presidentes[editar | editar código-fonte]

Nome Mandato Ref.
Sebastião Batista Nunes ?-atualidade [1]

Diretores[editar | editar código-fonte]

Ano Diretor de Carnaval Diretor geral de harmonia Mestre de bateria Ref.
2015 Comissão Raphael Barros de Araújo Allyson Dias [2]
2016
2017
2018 Mestre Naruan

Coreógrafo[editar | editar código-fonte]

Ano Nome Ref.
2014

Casal de Mestre-sala e Porta-bandeira[editar | editar código-fonte]

Ano Nome Ref.
2015 Jô e Mariana [2]

Rainhas de bateria[editar | editar código-fonte]

Anos Rainha de bateria Ref.
2014

Carnavais[editar | editar código-fonte]

Passo de Ouro
Ano Colocação Grupo Enredo Carnavalesco Intérprete Ref
1976 13º Lugar Grupo 3
1977 13º Lugar Grupo 3
1978 10º Lugar Grupo 3 Ouro Verde nas Terras do Brasil
1979 6º Lugar Grupo 3
1980 3º Lugar 1-UESP Brasil, Terra da Gente
1981 4º Lugar 1-UESP Imortais do Samba
1982 1-UESP Festa ao Deus Pagão
1983 6º Lugar 1-UESP Despertar de Uma Nação
1984 Campeã 1-UESP Os Quatro Elementos da Natureza
1985 7º Lugar Acesso O Reino Encantado das Águas
1986 5º Lugar Acesso Se Me Deixar Eu Faço
1987 3º Lugar Acesso Tributo a Um Rei do Povo
1988 Vice-Campeã Acesso É Raiz Célio Jardim
1989 10º Lugar Especial Trêis Vêis Salve a Esperança Nelson Portella Célio Jardim e Edu do Cavaco
1990 Campeã Acesso Revolusambando Talismã Alemão Da Passos/Carlinhos SÓ
1991 9º Lugar Especial Cabeças e Plumas Simonal da Cor Morena
1992 5º Lugar Acesso E o som deu samba Simonal da Cor Morena
1993 9º Lugar Acesso Se Me Der Eu Como
1994 3º Lugar Acesso O Vento Levou Terena
1995 9º Lugar Acesso Emoção Pra Valer
A Escola entre 1996 E 1998 não desfilou pois se fundiu a X-9 Paulistana, chamando-se assim de X-9 Passo de Ouro
1999 Vice-Campeã Espera Vendo a Vida Através do Vidro
2000 Campeã Espera A Sorte está no Ar! São 500 Anos...
2001 Vice-Campeã 3-UESP Uma Luz no Horizonte Eduardo Caetano Vitinho do Cavaco
2002 3º Lugar 2-UESP Do Caeté ao Samba de Pé Bruno Rebouças Vitinho do Cavaco
2003 Campeã 2-UESP Um Grito de Preservação, o Verde da Paz Bruno Rebouças Vitinho do Cavaco
2004 3º Lugar 1-UESP A Máquina do Tempo, Ainda Há Muito Tempo de Amar e Preservar Ricardo Reis Vitinho do Cavaco
2005 7º Lugar 1-UESP Ordem, Progresso e Preservação Ricardo Reis
2006 4º Lugar 1-UESP Os mesmos olhos que enxergam a violência, São os que pedem a Paz Armando Barbosa Celson Mody
2007 9º Lugar 1-UESP O Amanhã Como Será? Quem Puder, Responda! Armando Barbosa Celson Mody
2008 10º Lugar 2-UESP Os Griôts – Contadores e Cantadores da Tradição de Uma África Antiga Comissão de Carnaval Ala dos Compositores
2009 5º Lugar 3-UESP Viajaremos nos braços de Morfeu! Sonharemos e imaginemos um país digno... que bom se fosse realidade Thiago Melodia
2010 10º Lugar 3-UESP Os guerreiros do Arco-Íris
2011 6º Lugar 3-UESP Que bagunça de Paula ! A Passo de Ouro canta Hélio, baluarte do samba de São Paulo Comissão de Carnaval
2012 6º Lugar 3-UESP Cuíca de Ouro - Homenagem ao Mestre Osvaldinho da Cuíca Comissão de Carnaval Denny Gomes
2013 12º Lugar 3-UESP A Evolução da Mulher Brasileira Comissão de Carnaval
2014 3º Lugar 4-UESP A Dança da Liberdade Danilo Deodato [1]
2015 Vice-campeã 4-UESP Se o senhor não tá lembrado, dá licença de cantá Comissão de Carnaval Vitor Franklin [2]
2016 10º lugar 3-UESP Universo Mágico colorido - o Arco-íris da felicidade Comissão de Carnaval [3][4]
2017 10º lugar 3-UESP Clara guerreira, o canto de um Sabiá
2018 11º Lugar 3-UESP A Passo de Ouro acreditou e o sonho se realizou Fábio Giampietro Leandro Augusto
2019 8º Lugar Bairros 2 Do Lixo ao Luxo, Passo de Ouro Apresenta o Brasil que Queremos Ricardo Reis [5][6]

Referências

  1. a b Sasp. «Carnaval 2014». Consultado em 31 de maio de 2014 
  2. a b c [1]
  3. [2]
  4. http://www.sidneyrezende.com/noticia/260042+uesp+define+suas+campeas+de+2016
  5. «Central do Carnaval 2019». SASP. Consultado em 25 de janeiro de 2019 
  6. «Central Carnaval». SASP. Consultado em 25 de janeiro de 2019 
Ícone de esboço Este artigo é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.