STS-48

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Question book.svg
Este artigo ou secção não cita fontes confiáveis e independentes (desde julho de 2019). Ajude a inserir referências.
O conteúdo não verificável pode ser removido.—Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
STS-48
Sts-48-patch.png
Informações da missão
Operadora NASA
Ônibus espacial Discovery
Astronautas John Creighton
Kenneth Reightler
Charles Gemar
James Buchli
Mark Brown
Base de lançamento Plataforma 39A, Centro
Espacial John F. Kennedy
Lançamento 12 de setembro de 1991
23h11min04s UTC
Cabo Canaveral, Flórida,
Estados Unidos
Aterrissagem 18 de setembro de 1991
7h38min42s UTC
Base Aérea de Edwards,
Califórnia, Estados Unidos
Órbitas 81
Duração 5 dias, 8 horas,
27 minutos, 38 segundos
Altitude orbital 580 por 575 quilômetros
Inclinação orbital 57 graus
Distância percorrida 3 530 369 quilômetros
Imagem da tripulação
Brown, Gemar, Creighton, Buchli e Reightler
Brown, Gemar, Creighton, Buchli e Reightler
Navegação
STS-43
STS-44

STS-48 foi uma missão do ônibus espacial Discovery, lançada em 12 de setembro de 1991, que, como principal objetivo, colocou em órbita um satélite de pesquisa da alta atmosfera terrestre.

Tripulação[editar | editar código-fonte]

Missão[editar | editar código-fonte]

O lançamento da missão ocorreu em 12 de Setembro de 1991, às 7:11:04 p.m. EDT. O lançamento foi atrasado em 14 minutos devido a um link de comunicação problemático entre o KSC e o controle da missão, em Houston. O peso no lançamento foi de 240 062 lb (108 890 kg).

A carga primária, o Satélite de Pesquisas da Atmosfera Superior (UARS), foi lançado no terceiro dia da missão. Durante sua missão planejada de 18 meses, o observatório de 14 500 libras realizou um dos estudos mais extensoas já conduzidos na troposfera da Terra, o nível superior do nosso conjunto de gases que sustentam a vida, que também inclui a camada de ozônio protetoraosphere; o UARS possuía dez dispositivos de sensores e medidas: o Cryogenic Limb Array Etalon Spectrometer (CLAES), o Improved Stratospheric and Mesospheric Sounder (ISAMS), o Microwave Limb Sounder (MLS), o Halogen Occultation Experiment (HALOE), o High Resolution Doppler Imager (HRDI), o Wind Imaging Interferometer (WlNDII), o Solar Ultraviolet Spectral Irradiance Monitor (SUSIM); Solar/Stellar Irradiance Comparison Experiment (SOLSTICE) e o Particle Environment Monitor (PEM) and Active Cavity Radiometer Irradiance Monitor (ACRIM II). A missão inicial da UARS de 18 meses foi estendida uma série de vezes, sendo finalmente retirada após 14 anos da serviço.

As cargas secundárias eram: o Ascent Particle Monitor (APM), o Middeck 0-Gravity Dynamics Experiment (MODE), o Monitor de Ativação do Ônibus espacial (SAM), o Monitor de Ativação e Efeitos do Raios Cósmicos (CREAM), o Experimento Fisiológico e Anatômico com Roedores (PARE), o Crescimento de Cristais de Proteína II-2 (PCG II-2), as Investigações sobre o Processamento de Membranas de Polímeros (IPMP) e o experimento Air Force Maui Optical Site (AMOS).

A aterrissagem ocorreu em 18 de Setembro de 1991, às 12:38:42 a.m. PDT, na pista 22 da Base Aérea de Edwards na Califórnia. A distância de rolagem foi de 9 513 pés. O tempo de rolagem foi de 50 segundos. O lançamento foi planejado no Centro Espacial John F. Kennedy, porém divergiu para Edwards devido ao mal tempo. O ônibus espacial retornou ao Centro Espacial Kennedy em 26 de Setembro de 1991. O peso na aterrissagem foi de 192 780 lb (87 444 kg).

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Precedido por
STS-43
Programa Ônibus Espacial
Sucedido por
STS-44