STS-38

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
STS-38
Insígnia da missão
Estatísticas da missão
Espaçonave Atlantis
Lançamento 15 de Novembro de 1990, 6:48:13 p.m. EST
39-A
Aterrissagem 20 de Novembro de 1990,
4:42:42 p.m. EST
-
Órbitas 79
Duração 4 dias, 21 horas,
54 minutos e 31 segundos
Altitude orbital 142 milhas náuticas (263 km)
Inclinação orbital 28,5 graus
Distância percorrida 2 030 000 milhas (3 267 000 km)
Imagem da tripulação
Sts-38 crew.jpg
Último
Último
Próximo
Próximo

A STS-38 foi uma missão com um ônibus espacial pela NASA utilizando o Atlantis. Ela foi a trigésima-sétima missão a utilizar um ônibus espacial, e carregava uma carga para o Departamento de Defesa do Estados Unidos. Devido a isto, as informações sobre as atividades que foram realizadas durante a missão são classificadas como secretas. Este foi o sétimo voo do Atlantis.

Tripulação[editar | editar código-fonte]

Parâmetros da missão[editar | editar código-fonte]

Principais fatos[editar | editar código-fonte]

Missão do Departamento de Defesa. Carga classificada.

De acordo com a Aviation Week, a STS 38 lançou o satélite secreto Magnum ELINT (ELectronic INTtelligence) de obtenção de dados em uma órbita geossíncrona. Um modelo idêntico também havia sido lançado pela STS-51-C e STS-33.

Ele foi lançado para monitorar os eventos durante a Guerra do Golfo em 1990.

Também de acordo com a Aviation Week, o veículo entrou inicialmente em uma órbita de 204 km x 519 km com uma inclinação de 28,45° com relação ao equador. Então ele executou três queimas do OMS (sistema de manobra orbital), a última da órbita #4. A primeira queima foi para circularizar sua órbita em 519 km.

O satélite foi lançado na sétima órbita e então disparou seu foguete IUS no nó ascendente da oitava órbita, para colocá-lo em uma órbita geossíncrona de transferência.

A carga classificada foi lançado com sucesso e levada até sua órbita operacional através do foguete do Estágio Superior Inercial (IUS) de acordo com um anúncio da Força Aérea.

O lançamento havia sido originalmente agendado para Julho de 1990. Entretanto, uma rachadura no tanque de hidrogênio líquido encontrada no Columbia durante a contagem regressiva da STS-35 levou a três testes de precaução com o Atlantis no local em 29 de Junho, 13 de Julho e 25 de Julho. Os testes confirmaram uma falha no lado externo do tanque no desconector umbilical de 17 polegadas (432 mm). Não foi possível repará-lo na base de lançamento e então o Atlantis foi levado de volta ao VAB em 9 de Agosto, separado e transferido para o OPF. Durante a rolagem, o veículo ficou estacionado fora do VAB por cerca de um dia enquanto o conjunto do COLUMBIA/STS-35 era transferido para a base para seu lançamento. No lado externo, o Atlantis sofreu pequenos danos nas suas placas devido ao granizo de uma tempestade.

Após os reparos feitos no in OPF, o Atlantis foi transferido para o VAB para seu acoplamento em 2 de Outubro. Durante as operações de içagem, um componente da plataforma que deveria ter sido removido do compartimento posterior caiu e causou pequenos danos que foram reparados. O veículo foi levado ao Pad A em 12 de Outubro. O quarto teste de tanque foi realizado em 24 de Outubro, sem nenhuma entrada de oxigênio ou hidrogênio excessiva. Uma revisão de preparo para o voo adiou o lançamento que seria agora em 9 de Novembro para 15 de Novembro devido a problemas com a carga. O lançamento ocorreu durante um período classificado entre as 6:30 e 10:30 p.m. EST, em 15 de Novembro de 1990. O peso no lançamento foi classificado.

A aterrissagem ocorreu em 20 de Novembro de 1990, às 4:42:42 p.m. EST, na Runway 33 do Kennedy Space Center, FL. A distância de rolagem foi de 9,032 pés (2753 m). O tempo de rolagem foi de 57 segundos. A missão foi estendida em um dia devido a condições não aceitáveis de ventos cruzados no local de aterrissagem planejado o Edwards Air Force Base. As condições adversas do tempo contínuas fizeram com que o local de aterrissagem fosse mudado para o KSC. Esta foi a primeira aterrissagem do Atlantis no KSC, e a primeira aterrissagem no final da missão no KSC desde Abril de 1985. O peso na aterrissagem foi de 191 091 lb (86 667 Kg).

Ver também[editar | editar código-fonte]

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Precedido por
STS-41
Programa de Ônibus espaciais
Sucedido por
STS-35