STS-8

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
STS-8
Insígnia da missão
Estatísticas da missão
Espaçonave Challenger
Lançamento 30 de Agosto de 1983
2:32:00 a.m. EDT
39-A
Aterrissagem 5 de Setembro de 1983
12:40:43 a.m. PDT
-
Órbitas 98
Duração 6 dias, 1 hora, 8 minutos, 43 segundos
Altitude orbital 191 milhas náuticas (354 km)
Inclinação orbital 28.5 graus
Distância percorrida 2 514 478 milhas (4 046 660 km)
Imagem da tripulação
esquerda para a direita, sentados: estão Brandenstein, Truly e Bluford, Jr.; atrás, esquerda para a direita: Gardner e Thornton.
esquerda para a direita, sentados: estão Brandenstein, Truly e Bluford, Jr.; atrás, esquerda para a direita: Gardner e Thornton.
Navegação
Último
STS-7 STS-7
Sts-9-patch.png STS-9
Próximo

STS-8 foi a 8° missão da frota de ônibus espaciais da Nasa e a terceira missão a usar o ônibus espacial Challenger. Ela foi lançada no dia 30 de agosto de 1983 e retornou no dia 5 de setembro, sendo o primeiro ônibus espacial a realizar um lançamento e pouso noturno. Nela voou o primeiro astronauta afro-americano, Guion Bluford. A missão alcançou com êxito todos os seus objetivos de investigação programada, mas foi marcada pela descoberta posterior de que um de seus dois Space Shuttle Solid Rocket Booster quase derrapou catastroficamente durante o lançamento. [1]

Tripulação[editar | editar código-fonte]

Parâmetros da missão[editar | editar código-fonte]

Principais fatos[editar | editar código-fonte]

Bluford se tornou o primeiro afro-americano a voar no espaço. Os astronautas lançaram o INSAT-1B, um satélite multipropósito para a Índia. Nesta missão, a guiagem manteve a ponta do veículo distante do Sol por 14 horas para testa-la em condições de muito frio. Com o Development Flight Instrumentation Pallet (DFI PLT), o grupo filmou a performance de um aquecedor experimental montado no compartimento de carga.

Durante o vôo, o veículo desceu a uma altitude de 257 Km para realizar testes com o oxigênio atômico fino com o objetivo de identificar a causa do brilho do ônibus espacial à noite. Os astronautas testaram o braço robótico para avaliar as reações das junções e cargas maiores do que previamente examinado.

O vôo incluía experimentos de bioretorno com seis ratos dentro do Módulo de Enclausuramento de Animais para observar as reações dos animais no espaço. Além de outras cargas: Sistema de Fluxo Eletroforese Contínua (CFES); experimentos do Programa de Envolvimento de Estudantes (SSIP); Teste do Incubator-Cell Attachment (I CAT); Investigação da liminosidade atmosférica do ônibus espacial (ISAL); Equipamento de Monitoração de Radiação (RME); e cinco pacotes de experimentos Get Away especiais, foram levados nesta missão 261.900 envelopes postais com carimbos com o emblema da missão e em comemoração aos 25 anos da NASA. Os astronautas e a torre de comando testaram a comunicação entre o Tracking and Data Relay Satellite-I (TDRS-1) e o veículo usando a antena Ku-band, e foram prosseguidas as pesquisas sobre a Síndrome de Adaptação Espacial.

A aterrissagem da Challenger ocorreu no dia 5 de Setembro de 1983, às 12:40:43 a.m. PDT, na Pista 22 da Base de Edwards, na Califórnia, sendo a primeiro pouso noturno de um ônibus espacial.

Hora de acordar[editar | editar código-fonte]

Galeria[editar | editar código-fonte]


Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. NASA. «STS-8». Consultado em 13 de maio de 2013. 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Commons
O Commons possui imagens e outras mídias sobre STS-8
Precedido por
STS-7
Programa de Ônibus espaciais
Sucedido por
STS-9