Tudo pela Audiência

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Tudo pela Audiência
Informação geral
Formato Game show
Gênero Comédia
Duração 1 hora
Estado Cancelado
Criador(es) Rosana Hermann
País de origem  Brasil
Idioma original (português brasileiro)
Produção
Diretor(es) Elisabetta Zenatti [1]
Apresentador(es) Fábio Porchat
Tatá Werneck
Exibição
Emissora de televisão original Multishow
Formato de exibição 1080i (HDTV)
Transmissão original 15 de julho de 201417 de Junho de 2016
N.º de temporadas 3[2]
N.º de episódios 22 (1ª temporada)
32 (2ª temporada) [3]
30 (3ª temporada)
Cronologia
Programas relacionados Lady Night

Tudo pela Audiência foi uma sátira a programas de auditórios da televisão brasileira produzido e exibido pelo canal fechado Multishow, o programa era apresentado pelo ator, apresentador e humorista Fábio Porchat e pela apresentadora, atriz e humorista Tatá Werneck.

O programa foi exibido diariamente, no período de um mês, como aconteceu com a série Vai que Cola, protagonizada por Paulo Gustavo.[4]

Teve reprise durante os meses de agosto e setembro às 20h00, e em seguida foi reprisada a segunda temporada as 22h30 até o dia 18 de outubro, entregando assim, para a terceira temporada de Vai Que Cola.

A 3ª temporada do programa de auditório começou a ser exibida em 9 de maio de 2016.[5]

A 4ª temporada foi confirmada para 2017 porém, com a agenda dos apresentadores o MultiShow decidiu cancelar a temporada para 2017 e não há previsões para 2018, sendo assim, cancelado.

Elenco[editar | editar código-fonte]

O elenco era formado pelos próprios apresentadores Tatá Werneck, Fábio Porchat e os assistentes de palco, Os BoyTatás formados por Jack, Paulo Sarado, Gordo, Carrasco, Cosme e Damião e as Porchetes formadas por Imigrante, Tutti-Fruti, Diabinha, Anjinha, Coelhinha, Eva e Gabrielly Rodin.

Antecedentes[editar | editar código-fonte]

Desde 2013, falava-se muito sobre um programa apresentado pelos humoristas Tatá Werneck e Fábio Porchat no canal pago Multishow. Especulações diziam que seria um programa de auditório que iria tirar sarro de produções que fazem tudo por audiência na televisão. Tal fato, veio a tona, e a intenção do programa é exatamente esta: Satirizar programas de televisão que fazem de tudo para ganhar ibope, com o próprio nome da atração diz, fazem de tudo pela audiência.[4]

Quadros[editar | editar código-fonte]

Na maioria dos episódios, os apresentadores contam com a participação especial de alguma celebridade. Já participaram Tom Cavalcante, Wellingtom Muniz (Ceará), Márvio Lúcio (Carioca), Sheila Mello e Sheila Carvalho, João Kléber, Danilo Gentili dentre outros.

Na platéia do programa, sempre estão presentes um grupo específico de pessoas da "classe C", denominados "Audiência Qualificada", responsáveis pela análise da audiência do programa (mesmo que esse não seja ao vivo). Já estiveram presentes os Surfistas, Mulheres Fisiculturistas, Idosos, Garis, dentre outros.

Me Amarro em um Famoso[editar | editar código-fonte]

Quadro onde uma pessoa da platéia é amarrada vendada a uma celebridade convidada, e por meio de perguntas objetivas deve adivinhar quem é essa celebridade.

Quem Quer Bufunfa?[editar | editar código-fonte]

Espécie de "show de talentos inúteis" da platéia, onde os apresentadores oferecem dinheiro para pessoas da platéia mostrarem seus talentos mais estranhos.

Quiz da Platéia[editar | editar código-fonte]

Diversos jogos variados que envolvem a participação de duas pessoas da platéia, como "Qual é o Hino?", - onde 12 notas de um hino (de país, estado, time, etc.) são tocadas e aquele que adivinhar primeiro qual é o hino ganha, - "Tá Vivo ou Tá Morto?", - onde as pessoas devem adivinhar se o famoso apresentado está vivo ou já faleceu, dentre outros jogos.

Barraco do Dia[editar | editar código-fonte]

Sátira a programas de relacionamento familiar que apresenta confusões entre familiares e amigos, como no programa Casos de Família e Programa do Ratinho.

Fritando o Pastel[editar | editar código-fonte]

Sátira a "Pra Quem Você Tira o Chapéu?", do programa de Raul Gil, o quadro apresenta uma modelo semi-nua com pastéis de plástico colados ao seu corpo. O famoso participante deve escolher um pastel (que possui um nome escrito) e decide se frita ou não o pastel para aquela pessoa.

Apelação de Emergência[editar | editar código-fonte]

Quadro que ocorre quando a audiência do programa cai, e os apresentadores precisam fazer algum tipo de "apelação" para recuperar e estabilizar a audiência do programa.

Auto-Ajuda[editar | editar código-fonte]

Como o nome já diz, os apresentadores passam mensagens positivas de auto-ajuda aos telespectadores. Na maioria das vezes, não dá audiência e os apresentadores precisam recorrer ao quadro "Apelação de Emergência".

Talento ou Tá Louco?[editar | editar código-fonte]

Espécie de "show de calouros" que é feita com participantes que foram eliminados de outros programas do tipo. Os participantes fazem um apresentação e são avaliados por um júri do programa (composto pelo próprio elenco).

Kama Surta[editar | editar código-fonte]

Espécie de quadro de programas adultos, os apresentadores, com a participação de uma celebridade convidada, respondem a perguntas sexuais de telespectadores (na maioria das vezes, são inventadas).

Nunca te vi, sempre te amei[editar | editar código-fonte]

Sátira de programas de relacionamentos, onde um participante tem a missão de escolher entre três pretendentes para ter um relacionamento, através de perguntas e provas com os candidatos, mas sem vê-lo, podendo apenas saber quem é quando o descarta ou já seu escolhido na final.

Super Shake[editar | editar código-fonte]

Brincadeira com a plateia de perguntas e respostas, caso faça um acerto escolhe um bom ingrediente para uma vitamina, errando escolhe um ingrediente ruim. No final tem que tomar tudo sem reclamar.

Convidados[editar | editar código-fonte]

Na maioria dos episódios, os apresentadores contam com a participação especial de alguma celebridade. Já participaram Tom Cavalcante, Wellingtom Muniz (Ceará), Márvio Lúcio (Carioca), Sheila Mello e Sheila Carvalho, João Kléber, Danilo Gentili dentre outros.

1º Temporada 2º Temporada 3º Temporada
Naldo Luciana Gimenez Marcos Mion
Junior Cigano Péricles e Thiaguinho Amaury Jr.
Danilo Gentili Fernanda Paes Leme Supla
Vinny Luiz Bacci Buchecha
João Kléber Jesus Luz e Tiago Abravanel Ludmilla
Ceará Rafinha Bastos Marcelo Marrom
Anitta Rafinha Bastos Karina Bacchi e

Mirella Santos

Eliana Nany People David Brazil
Sheila Mello e

Scheila Carvalho

É o Tchan! Thaeme & Thiago
MC Koringa Roberto Justus MC Gui e MC Bin Laden
Gilberto Barros Leão Lobo Maisa Silva
Tom Cavalcante Theo Becker e Falcão Liminha e Carlinhos Aguiar
Wanessa e Valesca Sidney Magal e Ana Carolina Paulinho Serra

Didi Wagner

Bento Ribeiro

Gominho Gaby Amarantos e Marcio Atalla Luiza Possi e Tiago Iorc
Mr. Catra Zezé Di Camargo & Luciano Dudu Nobre
Marco Luque Alexandre Frota Daniella Cicarelli
Preta Gil Miá Mello Dadá Coelho
Carlos Alberto de Nóbrega Maurício Meirelles
MC Guimê Nego do Borel
Tati Quebra-Barraco e

Mulher Melão

André Vasco
Caio Castro Nicole Bahls e Luiza Ambiel
Dedé Santana Luisa Mell
Otávio Mesquita Daniela Albuquerque
Marcelo Tas Val Marchiori

Renata Banhara

Fabio Arruda

Minotauro e Minotouro
Rita Cadillac e Geisy Arruda
Adriane Galisteu

Tema de abertura[editar | editar código-fonte]

A versão do cantor Jonas Sá para "Tédio", o clássico da banda Biquini Cavadão nos anos 80 , é o tema de abertura do programa.[6]

Recepção[editar | editar código-fonte]

O programa teve bons índices de audiência, e antes mesmo do final do segundo bloco de seu programa de estreia, a hashtag #TudoPelaAudiência estava em primeiro lugar nos assuntos de redes sociais mais comentados do Brasil.

Graças a essa boa recepção, ganhou novas temporadas. Atualmente o Multishow já exibiu a terceira temporada da atração.

Porém, com a agenda lotada dos apresentadores, o programa foi cancelado em 2017.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. «Dupla de diretores fala sobre seu trabalho no Tudo pela Audiência». Tudo Pela Audiência - MULTISHOW. 11 de julho de 2014. Consultado em 15 de julho de 2014 
  2. Flávio Ricco (07 de julho de 2014). «Multishow garante segunda temporada do "Tudo pela audiência"». UOL Televisão. Consultado em 15 de julho de 2014  Verifique data em: |data= (ajuda)
  3. Thaís Britto (12 de julho de 2014). «Tatá Werneck e Fábio Porchat estreiam 'Tudo pela audiência', sátira aos programas de auditório apelativos». O Globo. Consultado em 15 de julho de 2014 
  4. a b RD1. " «Tudo pela audiência", com Tatá Werneck e Fábio Porchat ganha data de estréia». Consultado em 25 de julho de 2014 
  5. Cristina Padglione (9 de maio de 2016). «Escracho de Tudo pela Audiência chega a 3ª Rodada». Estadão. Consultado em 9 de maio de 2016 
  6. Jonas Sá. «Tédio». Sound Cloud 
Ícone de esboço Este artigo sobre televisão é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.