Tatá Werneck

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Tatá Werneck
Tatá durante o Carnaval de 2014, em Salvador, Bahia.
Nome completo Talita Werneck Arguelhes
Nascimento 11 de agosto de 1983 (32 anos)
Barra da Tijuca, Rio de Janeiro
Nacionalidade Brasil Brasileira
Ocupação Atriz, apresentadora, humorista, musicista
Atividade 1992—Presente (atriz)
2012—Presente (musicista)
IMDb: (inglês)

Talita Werneck Arguelhes (Rio de Janeiro, 11 de agosto de 1983), mais conhecida como Tatá Werneck, é uma atriz, humorista, apresentadora, repórter, musicista e ex-VJ brasileira. Iniciou os seus estudos de atuação com apenas nove anos e, aos onze, apresentou-se em seu primeiro espetáculo teatral. A sua estreia num programa televisionado ocorreu em 2008, quando ingressou na elenco de Dilemas de Irene. Dois anos depois, ingressou na equipe de Quinta Categoria, da extinta MTV Brasil, na qual participou de diversos outros programas da emissora entre 2010 e 2012.

Tatá apenas foi alçada à fama em 2013, após obter o papel de uma cômica piriguete que almejava se casar com um homem rico na telenovela Amor à Vida, transmitida Rede Globo, principal emissora televisiva do país. A sua atuação registrou enorme êxito e consagrou-a como a revelação do ano quase que unanimemente na imprensa. Desde então, a humorista estrelou programas do canal Multishow, incluindo o êxito Vai Que Cola e o cômico Tudo pela Audiência, no qual é apresentadora com o humorista Fábio Porchat, bem como a telenovela I Love Paraisópolis, contracenando como protagonista com Bruna Marquezine. Atualmente, Tatá realiza as gravações de Haja Coração e, entre os seus projetos futuros, estão alguns filmes e um musical com a atriz Ingrid Guimarães previsto para estrear em 2017.

Em termos de atuação, Tatá destaca-se por sua hábil improvisação e é considerada um dos principais representantes do humorismo no Brasil. Em 2010, a atriz foi eleita a "humorista mais engraçada do Brasil" pelos leitores do site Universo Online. Em 2013, recebeu a alcunha "Rainha do Improviso" do portal iG e, em 2014, conquistou o título de "Atriz Revelação" em uma enquete realizada pelo Folha de S. Paulo com os telespectadores da Rede Globo. Além disso, foi nomeada "Mulher do Ano" pela edição brasileira da revista masculina GQ e converteu-se na primeira comediante a estrelar uma propaganda da empresa de cosméticos L'Oréal. Em maio de 2016, a revista Capricho nomeou-a "Rainha da Comédia".

Além de atriz, Tatá é vocalista de um grupo musical chamado Renatinho, desde 2012, e atua ativamente em defesa da proteção aos animais e da inclusão social das pessoas com deficiência, tendo sido um dos fundadores do primeiro grupo teatral a produzir peças acessíveis àqueles, chamado Os Inclusos e os Sisos - Teatro de Mobilização pela Diversidade.

Biografia e carreira[editar | editar código-fonte]

Início da vida e da carreira artística[editar | editar código-fonte]

Visão panorâmica da Barra da Tijuca, no Rio de Janeiro, cidade natal de Tatá Werneck.

Talita Werneck Arguelhes nasceu em 11 de agosto de 1983, na Barra da Tijuca, no município do Rio de Janeiro.[1] Filha da escritora Claudia Werneck e do editor Alberto de Jesus Arguelhes, ela tem um irmão mais velho, Diego Werneck, doutorado em direito e professor.[2] [3] [4] Educou-se em colégios tradicionais, como o Santo Agostinho e o Colégio PH, tendo sido expulsa de ambas as instituições por mau comportamento.[5] Numa delas, organizou um abaixo-assinado para retirar o diretor.[1] Aos nove anos, começou a estudar teatro com a atriz Sura Berditchevsky,[6] e, aos onze anos, participou de sua primeira peça profissional no musical Annie.[3] Em 1994, participou do programa Xuxa Park, de Xuxa Meneghel, a quem a atriz creditou, em 2014, a inspiração para a adoção do nome artístico "Tatá".[7] Formou-se em Publicidade e Propaganda, na PUC do Rio, e em Artes Cênicas, na Universidade Federal do Rio,[1] e, em 2003, contribuiu para a fundação do grupo de teatro Os Inclusos e os Sisos - Teatro de Mobilização pela Diversidade, o primeiro brasileiro a realizar espetáculos acessíveis às pessoas com quaisquer tipos de deficiência, contendo intérpretes de libras e rampas para deficientes físicos.[8] [3]

O seu primeiro trabalho num programa televisionado foi na série Dilemas de Irene, em 2008.[9] Em 2009, a atriz interpretou "Carla" em Os Buchas e participou do espetáculo Improvável, da Cia. Barbixas de Humor.[10] [1] No ano seguinte, Tatá estrelou a produção DezImprovisa, juntamente com o humorista Rodrigo Capella, que foi assistida por 300 000 espectadores em apenas um ano de exibição por todo o Brasil. O espetáculo era desenvolvido pela improvisação dos atores e registrou bastante êxito tanto com o público quanto com a imprensa.[11] Também em 2010, Tatá fez a sua primeira aparição na extinta MTV Brasil, no programa humorístico Quinta Categoria, juntamente com Paulinho Serra e Rodrigo Capella, e, devido às gravações, foi viver em São Paulo.[12] Ainda no mesmo ano, ela integrou o elenco doe Comédia MTV, com Marcelo Adnet, Dani Calabresa, Bento Ribeiro, Fabio Rabin, Paulinho Serra, Rodrigo Capella, Rafael Queiroga e Guilherme Santana, e, em agosto, foi eleita pelos leitores do site Universo Online (UOL) a humorista mais engraçada do Brasil.[13] [14] Na MTV, também estrelou os programas Comédia MTV ao Vivo e Trolalá, ambos em 2012, e Tá Quente, no início de 2013.[1]

Em 2010, participou do filme Podia Ser Pior, com Fábio Porchat, Fernando Caruso, Gregorio Duvivier, entre outros, e, no ano seguinte, contracenou novamente com Porchat como protagonista em Teste de Elenco, ambos dirigidos por Ian SBF.[15] [16] Em outubro de 2012, obteve um breve papel em De Pernas Pro Ar 2, com Ingrid Guimarães, Maria Paula e Luís Miranda. Nesse, Tatá interpretou uma atriz decadente vítima de cleptomania, que passava uma temporada num spa, para o qual a personagem de Ingrid vai à procura de descanso e vivencia situações cômicas.[17]

O estrelato nacional[editar | editar código-fonte]

Sempre quis ir [para a Rede Globo], mas nunca achei que pudesse me enquadrar num perfil Globo. Rola o tal padrão de qualidade. Eu olho para a Paolla Oliveira, que é a mulher mais linda, que anda em câmera lenta, e eu assim... Achava que tudo o que eu fazia era muito anárquico para esse padrão que atende a todo o Brasil.

—Tatá Werneck em entrevista ao periódico O Dia sobre ingressar na equipe da Rede Globo.[5]

Quando De Pernas Pro Ar 2 estreou nos cinemas, em dezembro de 2012, registrou êxito de bilheteria, ultrapassando a marca de 4,8 milhões de espectadores.[18] Por essa altura, Tatá recebera propostas contratuais com a Rede Bandeirantes e cogitava renovar o contrato com a MTV, mas foi contatada por Bruna Bueno, produtora de elenco da Rede Globo, que a informou sobre exames avaliativos que a emissora estaria promovendo para a sua próxima telenovela a ser exibida às 21 horas. Embora acreditasse não se enquadrar no "padrão-novela", a atriz realizou desempenho excelente, no início de 2013, e foi admitida na produção,[19] firmando contrato com a emissora em 1.º de fevereiro.[5] [20]

Em 20 de maio de 2016, ocorreu a estreia de Amor à Vida.[21] Na trama de Walcyr Carrasco, Tatá viveu "Valdirene", uma piriguete que não sabia ser sensual, como a própria atriz descreveu,[22] filha da ex-chacrete "Márcia" (interpretada por Elizabeth Savalla), que a instruía a ascender na vida por meio de um casamento com um homem rico.[23] Embora apaixonada por "Carlito" (Anderson Di Rizzi), com quem tem uma filha,[24] a piriguete não perdia o foco e assediava várias personalidades famosas, entre elas o futebolista Neymar, o cantor Gusttavo Lima e o atleta Gustavo Borges.[21] [25] Em sua incessante busca por fama, a moça conseguiu entrar no reality show Big Brother Brasil 14 e, autorizada pelos produtores da novela a improvisar situações com os verdadeiros participantes, Tatá proporcionou momentos cômicos como "Valdirene", que, quando eliminada, precisou de ser retirada à força.[26] [27]

A personagem repercutiu positivamente em todo o país.[28] Numa pesquisa realizada com os telespectadores da emissora em São Paulo, por exemplo, "Valdirene", "Félix" (Mateus Solano) e "Márcia" (Elizabeth Savala) foram eleitos os mais populares entre o público, tendo todos aceitação "absurda", de acordo com os realizadores da enquete.[29] Além disso, alçou a atriz ao estrelato nacional e fê-la receber o troféu "Melhor Atriz Revelação" tanto no Prêmio Extra de Televisão quanto no Prêmio Contigo! e no Melhores do Ano,[30] [31] [32] bem como ser eleita "Atriz Revelação" pelos espectadores da emissora, em março de 2014, ultrapassando Juliana Paiva e Maria Casadevall.[33] Em razão do êxito de sua atuação, a intérprete foi requisitada para diversos comerciais e campanhas e, no início de 2014, foi chamada "a figura do momento" pela colunista Mônica Bergamo, do Folha de S. Paulo.[30] [34]

Ainda em 2013, Tatá estreou Sem Análise, programa exibido pelo canal de televisão por assinatura Multishow, no qual interpretava diversos personagens nas esquetes.[35] Em 2014, a atriz declinou a oportunidade de participar de uma outra trama e estrelou como apresentadora, juntamente com Fábio Porchat, o programa humorístico Tudo pela Audiência, também do Multishow, que consiste numa sátira aos programas de auditório e conta com a participação de diversos convidados, entre eles Alexandre Frota, Eliana e Preta Gil.[36] No entanto, em maio daquele, foi anunciada como protagonista de uma telenovela de Alcides Nogueira e Mário Teixeira, à época sem título, que seria exibida no horário das 19 horas, em 2015, substituindo Alto Astral.[37] Na trama, intitulada I Love Paraisópolis, Tatá interpretaria "Mari", uma moça batalhadora e romântica crescida em Paraisópolis, a maior favela de São Paulo, porém, foi substituída por Bruna Marquezine pelos diretores da Globo, que avaliaram ser mais adequado para a atriz um personagem cômico.[38] Também protagonista, a humorista viveu a personagem "Pandora" ("Danda"), irmã de criação de "Marizete".[39]

Ainda em 2014, Tatá estrelou a segunda temporada de Vai Que Cola, uma vez mais no Multishow. Na sitcom, viveu a personagem "Eloisa", taxista caracterizada por um penteado "Pigmalião", monocelha e pelos acima dos lábios, que, por vezes, auxilia Dona Jô (Catarina Abdala) na entrega de quentinhas, sendo descrita pela própria atriz como alguém que "não sabe se é homem, se é mulher, se é lésbica, se não é... e entra para a turma da pensão para fazer coisas pontuais".[40] [41] Sobre o seu ingresso no elenco, comentou: "Sou muito fã do elenco e às vezes me pego assistindo e admirando. O programa demanda muita energia, mas quando você faz com o público e vê o retorno da plateia, tudo vale".[42]

Os novos projetos[editar | editar código-fonte]

Em 2015, Tatá foi nomeada "um dos destaques da comédia nacional" por Vanessa Scalei, do periódico Zero Hora.[43] No início desse ano, estreou nos cinemas o filme Loucas Pra Casar, no qual a atriz interpreta a religiosa "Maria" e disputa com "Malu" (Ingrid Guimarães) e "Lúcia" (Suzana Pires) o noivo Samuel (Marcio Garcia).[44] Em maio desse mesmo ano, foi exibida a segunda temporada do Tudo pela Audiência e, no mesmo mês, a atriz foi requisitada pelo Multishow para integrar o elenco da terceira temporada de Vai Que Cola.[45] Como Tatá não pôde, em razão das gravações da telenovela I Love Paraisópoles, o canal fez questão de esperá-la para finalizar as gravações da sitcom.[46] Nesse mesmo ano, teve de recusar o convite para atuar na refilmagem do programa Escolinha do Professor Raimundo, da Rede Globo, por as gravações novamente coincidirem com as de I Love Paraisópoles, exibida entre maio e novembro de 2015. Tatá interpretaria Tati, personagem originalmente vivida por Heloísa Périssé, e foi substituída por Fernanda Souza. Sobre a sua desistência, declarou: "Fiquei muito triste por não ter feito. Eu soube da Escolinha três meses antes e eu não sabia que ia cair nas duas últimas semanas de gravação da novela. Eram os últimos capítulos e todas as cenas eram tipo monólogos (...) Preferi não fazer porque não ia dar conta, mas fiquei muito feliz com a Fernandinha, porque eu a adoro e sei que vai ser um sucesso".[47]

Com o fim de I Love Paraisópoles, a atriz pôde enfim retornar ao elenco de Vai Que Cola, participando de oito episódios.[48] Na terceira temporada da sitcom, a sua personagem, a taxista Eloísa, vive "uma relação meio Romeu e Julieta do transporte público", como descreveu um noticiarista do Folha de S. Paulo, com o cobrador de ônibus Zélio, interpretado por Paulinho Serra.[47] Em setembro, Tatá foi confirmada como a intérprete de "Fedora Abdalla", em Haja Coração, próxima telenovela a ser exibida às 19 horas pela Rede Globo em substituição a Totalmente Demais, prevista para estrear em 31 de maio de 2016. Trata-se de uma refilmagem de Sassaricando, de 1987, e cujo personagem foi originalmente vivido por Cristina Pereira.[49] Nesse mesmo mês, anunciou a sua atuação na produção cinematográfica TOC, na qual interpretará uma mulher vítima de transtorno obsessivo-compulsivo e cujas gravações foram iniciadas em 2016.[50] [51] Em fevereiro de 2016, foi anunciado que a humorista comandará um programa de entrevistas com games e improvisos no Multishow, cuja estreia foi anunciada para o segundo semestre do ano.[52] Em março, Tatá inciou as gravações da terceira temporada de Tudo pelo Audiência,[53] que estreou no dia 9 de maio.[54] Em abril, ela revelou ao periódico O Globo que estrelará um musical com Ingrid Guimarães, em 2017, descrevendo-o como "uma sátira sobre duas comediantes que estrelam um musical em busca de reconhecimento".[55]

Outros trabalhos[editar | editar código-fonte]

Ativismo social[editar | editar código-fonte]

Desde a faculdade de teatro, sempre tive vontade de fazer algo, porque não haviam espaços acessíveis para pessoas com deficiência. Começamos [ela e os seus amigos] a fazer esquetes de comédia sobre discriminação com audiodescrição para pessoas cegas, intérprete de libras, legenda eletrônica para pessoas surdas e por aí vai.

—Tatá Werneck sobre o seu grupo teatral destinado às pessoas com deficiência.[8]

Tatá Werneck é um dos artistas que promovem a inclusão social.[56] Em 2003, a atriz fundou com amigos de sua universidade e com o auxílio de sua mãe, Claudia, relevante figura da luta pelos direitos da pessoa com deficiência,[57] o primeiro grupo teatral acessível àquelas pessoas, chamado Os Inclusos e os Sisos – Teatro de Mobilização pela Diversidade, contendo intérprete de libras, legendas eletrônicas para deficientes auditivos, audiodescrição, rampas para deficientes físicos e visita guiada ao cenário.[58] [3] Sobre o motivo de fundar a companhia, declarou: "Sempre achei muito estranho dizer que todos estavam convidados para uma peça, se não estavam. Os surdos não podiam ouvir os diálogos e os cegos não viam as cenas".[59] Até setembro de 2011, o grupo havia realizado 180 apresentações para mais de 40 000 espectadores por todo o Brasil.[60]

Em 2008, uma das peças apresentadas pela equipe recebeu uma menção honrosa de "Melhor Comédia" no Festival Claro Curtas.[61] Além disso, Os Inclusos e os Sisos foi indicado ao Prêmio Faz Diferença, do jornal O Globo, em 2010, na categoria "Megazine" e, em 2014, foi condecorado com um prêmio em Viena, na Áustria, pela Essl Foundation, instituição que participa da implementação da Convenção Internacional sobre os Direitos das Pessoas com Deficiência da ONU, e nomeado um dos projetos mais inovadores do planeta.[61] [8]

Autodeclarada uma amante dos animais, a atriz também se dedica à proteção de animais abandonados,[34] tendo, em 2013, adquirido uma propriedade em Cachoeiras de Macacu, no Rio de Janeiro, na qual afirmou tencionar transformá-la num abrigo para animais.[62] "A primeira coisa que fiz quando entrei para a TV, antes de pensar em casa e essas coisas, foi procurar um lugar onde pudesse instalar um abrigo para animais abandonados. Por enquanto, estou com alguns cães, mas preciso de seis meses para esterilizar tudo", declarou a atriz em 2014.[63] Em outubro de 2013, Tatá expressou nas redes sociais o seu apoio aos ativistas do Caso Beagles de São Roque, que invadiram o Instituto Royal, na cidade de São Roque, no estado de São Paulo, e resgataram cães da raça Beagle, coelhos e camundongos, acusando o laboratório de crueldade para com os animais.[64]

Publicidade[editar | editar código-fonte]

Com o sucesso da personagem Valdirene, de Amor à Vida, Tatá Werneck tornou-se objeto de desejo para as marcas,[65] estampando as capas de dezessete revistas em um apenas oito meses e recebendo um total de 103 propostas para contratos publicitários, dos quais apenas aceitou 32,[34] tornando-se a " nova queridinha da propaganda", como afirmou a revista Exame.[66] Já no segundo semestre de 2013, protagonizou uma websérie da loja on-line Mobly.[67] Em agosto, tornou-se garota-propaganda da farmacêutica sul-africana Aspen Pharma, estrelando a campanha do fitoterápico Alcachofra.[68] Meses depois, em novembro, Tatá ficou em terceiro lugar numa enquete realizada pelo portal iG com um grupo de publicitários, que elegeu os cinco artistas mais populares do ano.[69] No início de 2014, a atriz recebia, pelo menos, 400 000 reais por participação em uma propaganda comercial.[34] Nesse ano, Tatá estrelou um comercial da marca de cerveja Pilsen, juntamente com Carolina Dieckmann, Débora Nascimento, entre outras.[70]

A atriz também estampou o ônibus turístico Salvador Bus, na Bahia, promovendo a empresa telefônica Oi, e substituiu Sabrina Sato como garota-propaganda da marca de moda Mercatto.[71] [72] Também em 2014, protagonizou duas campanhas para o Banco do Brasil,[73] uma das quais se tornou a publicação mais popular do início do ano nas redes sociais brasileiras, com 187 000 aprovações e 27 000 compartilhamentos.[74] Juntamente com Fernanda Torres, foi transformada na "voz da consciência" de uma mulher num comercial do sabão líquido Ariel. "Enquanto Tatá sugere lavar a roupa com sabão em pó, Fernanda defende os benefícios do uso de Ariel Líquido, como remover as manchas na primeira lavagem e sem esfregar. O resultado disso é uma disputa bem-humorada pela conquista da preferência do consumidor", explicou um representante da agência.[75] Em fevereiro de 2015, a atriz tornou-se garota-propaganda da marca de produtos de beleza Garnier, da empresa L'Oréal, posto anteriormente ocupado pela cantora Ivete Sangalo, batizando uma das nuances da marca, a de número 53, o "Castanho Tatá".[76] Com isto, tornou-se a primeira humorista a estrelar uma campanha de produtos capilares da L'Oréal.[77] Em novembro, estrelou, com Vampeta, Eri Johnson e Gaby Amarantos, o comercial da cerveja Antarctica Subzero.[78]

Banda Renatinho[editar | editar código-fonte]

O grupo Renatinho foi fundado em 2012 por Tatá Werneck e os comediantes Maurício Meirelles (do programa Custe o Que Custar, ou CQC), Murilo Couto (do programa The Noite), Marco Gonçalves e Nil Agra. Tatá é vocalista, tecladista e baterista; Maurício, guitarrista; Murilo, baixista, tecladista e vocalista; Marco, também guitarrista; e Nil, baterista e vocalista.[79] Todos participam do processo de composição das letras, que têm "a identidade e o DNA" dos integrantes, como explicou Marco Gonçalves.[80] Em maio de 2014, Tatá revelou que os músicos trabalhavam num disco intitulado Flavio.[81] A primeira apresentação de Renatinho ocorreu em 2015, no festival Risadaria, realizado no Parque do Ibirapuera, em São Paulo.[82]

Nesse mesmo ano, o grupo lançou um vídeo musical para a canção "Travesti de Fogo" e provocou furor na imprensa, recebendo acusações de transfobia em razão da letra da obra, que contém os trechos: "Às vezes tenho medo de travesti/Tem o rosto feminino e masculino ao mesmo tempo (...) Às vezes, [os travestis] na bolsa carregam navalhas/E assassinam pessoas mil".[83] [82] Os integrantes desculparam-se imediatamente após serem criticados, afirmando terem sido mal interpretados, não serem transfóbicos e terem a intenção apenas de divertir e tecer uma crítica àqueles que justificam o preconceito com um medo infundado, como os próprios escreveram nas redes sociais.[82]

Filmografia[editar | editar código-fonte]

Teatro[editar | editar código-fonte]

Ano Espetáculo Papel
1994 Annie[3]
1998 Diário de um Adolescente Hipocondríaco[84]
Antígona[85]
Medeia[36]
Navalha na Carne[85]
2003—09 Esquetes da Escola de Gente[86] Vários
2005 O Anti Cabaré da Cia[87]
2005—07 Histórias do Final da Fila[88] Vários
2007—10 Ninguém Mais Vai Ser Bonzinho[89] Laurinha
2008 Meu Primeiro Anão[90] Branca de Neve
Mestre[9]
2009 Espetáculos com o grupo Os Avacalhados[91] Vários
Improvável[1]
2010—11 DezImprovisa[11] Jogos de improviso com a plateia
2011 Um Amigo Diferente?[92]
2012 Grande Elenco[93] Vários

Televisão[editar | editar código-fonte]

Ano Novela, série ou programa Papel
1994 Xuxa Park Convidada[7]
2008 Dilemas de Irene Amiga traída[9]
2009 Os Buchas Carla[10]
2010—11 Quinta Categoria Apresentadora[13] [13] [94]
2010—12 Comédia MTV
2011 MTV Video Music Brasil
2012 Vai pra Praia Que o Pariu Vários[95]
Furo MTV Repórter[96]
Comédia MTV ao Vivo Vários[97]
Trolalá Apresentadora[12] [98]
MTV Video Music Brasil
Família Imperial Carlota Joaquina de Bourbon[99]
Astros Jurada[100]
2013 Tá Quente Apresentadora[101]
Fantástico Repórter (Quadro Repórter por um Dia)[102]
Amor à Vida Valdirene do Espírito Santo[103]
Caldeirão do Huck Repórter (Copa das Confederações)[104]
Participante campeã do quadro Ruim de Roda[105]
Sem Análise Vários[35]
Roberto Carlos Especial [106]
2014 Big Brother Brasil 14 Valdirene do Espírito Santo[103]
Vem Aí Apresentadora[107]
Caldeirão do Huck Repórter (Copa do Mundo FIFA de 2014)[108]
Prêmio Multishow de Música Brasileira Apresentadora[109]
2014—16 Vai que Cola Eloísa[40]
Tudo pela Audiência Apresentadora[36]
2015 Globo 50 Anos Sem personagem[110]
Domingão do Faustão Sem personagem (Quadro Se Liga no Passado)[111]
I Love Paraisópolis Pandora Balbino Uchoa (Danda)[39]
Criança Esperança Sem personagem[112]
Caldeirão do Huck Sem personagem (Pegadinha em Bruna Marquezine)[113]
2016 Totalmente Demais Fedora Abdalla (Capítulo: 30 de maio de 2016)[114]
Haja Coração Fedora Abdalla[49]

Cinema[editar | editar código-fonte]

Ano Filme Papel
2010 Podia Ser Pior Talita[115]
2011 Teste de Elenco Atriz 1[16]
2012 De Pernas pro Ar 2 Juliana[116]
2014 Aviões 2: Heróis do Fogo ao Resgate Dublagem de Dipper[117]
2015 Loucas Pra Casar Maria[16]
2016 TOC Não revelado[118]

Internet[editar | editar código-fonte]

Ano Série Empresa Papel Canal
2011 Movimento Agora Vai MRV Engenharia[119] Sem personagem YouTube
2012 Todos os Estilos Tilibra Tilibra[120] Vários
Internet-se Net Vírtua[121] Guru Edit View
2013 Imagina o Carnaval, Imagina a Festa Brahma[122] Sem personagem
24 horas no New Fiesta Hatch Ford Motor Company[123] Facebook
Testo do Sofá Mobly[124] Gerente da Loja/Cliente YouTube
2014 Vestibular Banco do Brasil[74] Estudante
Vício Noiva viciada em rede social
Bate-Bola Abusado C&A[125] Sem personagem

Vídeos musicais[editar | editar código-fonte]

Ano Artista Música
2012 Lipstick "Eu Vou Pro Roquenroll"[126]
2014 Ana Carolina "Pole Dance"[127]
2015 Banda Renatinho "Travesti de Fogo"[83]

Reconhecimento[editar | editar código-fonte]

Tatá Werneck é considerada um dos principais representantes do humorismo no Brasil.[128] Em 2010, a atriz foi eleita a "humorista mais engraçada do Brasil" pelos leitores do site Universo Online, com 25,4% dos votos.[14] Juntamente com Dani Calabresa, ficou em segundo lugar na lista "O legal em 2011", de Jonathan Pereira, do portal iG, que declarou: "O humor é das mulheres!".[129] Por sua hábil improvisação, o colunista Endrigo Annyston, também do iG, alcunhou-a "Rainha do Improviso", em 2013, e proferiu: "[Tatá] não é apenas humorista, é atriz. Completa. Tem futuro. Em meio a tanto mais do mesmo no humor, Tatá Werneck tem feito diferença".[130] Em dezembro do mesmo ano, ficou em quinto lugar no catálogo "20 mulheres que brilharam em 2013", novamente elaborado pelo site iG, e ocupou uma posição na lista "Os 100 mais influentes do Brasil", da Época.[131] [132] Em 2014, a moça conquistou o título de "Atriz Revelação" numa enquete realizada com os telespectadores da Rede Globo pelo Folha de S. Paulo e foi nomeada "Mulher do Ano" pela edição brasileira da revista masculina GQ.[33] [133] Em 2015, Tatá foi indicada pela Forbes como a vigésima celebridade brasileira com o maior número de seguidores nas redes sociais — no total, 14,4 milhões.[134] Esse número aumentou para 21,03 milhões até maio de 2016.[135] Nesse mesmo ano, a humorista foi apontada como a personalidade mais influente entre os jovens brasileiros com idade entre catorze e dezessete anos numa enquete realizada pelo Provokers, com 51,7% dos votos, e, em maio, condecorada com o título "Rainha da Comédia", pela revista Capricho.[136] [137]

Desde o início de sua carreira, a atriz vem acumulando prêmios, tendo vencido os troféus de "Melhor Atriz" do Circuito Carioca de Esquetes do I Festival Internacional de Humor; do Primeiro Campeonato Carioca de Improvisação; e do Primeiro Campeonato de Outono de Improvisação, todos por suas atuações em peças teatrais.[91] Em 2012, conquistou no Prêmio Jovem Brasileiro o galardão de "Melhor Humorista" por seu trabalho em Comédia MTV ao Vivo e Trolalá.[138] Com o sucesso de sua atuação em Amor à Vida, a atriz conseguiu triunfar como "Revelação do Ano" em três das principais premiações brasileiras, o Extra de Televisão, o Prêmio Contigo! e o Melhores do Ano, em um período inferior a doze meses e conquistou vários outros troféus entre 2013 e 2014.[76] Abaixo, encontra-se uma lista com os prêmios e indicações recebidos por Tatá Werneck:

Ano Prêmio Categoria Nomeação Resultado
Circuito Carioca de Esquetes[91] "Melhor Atriz" Peças teatrais Venceu
Primeiro Campeonato Carioca de Improvisação[91] Venceu
Primeiro Campeonato de Outono de Improvisação[91] Venceu
2011 Meus Prêmios Nick[139] [140] "Humorista Favorito" Comédia MTV Nomeado
2012 Comédia MTV ao Vivo Nomeado
Prêmio Jovem Brasileiro[138] "Melhor Humorista" Comédia MTV ao Vivo e Trolalá Venceu
2013 Meus Prêmios Nick[141] [142] "Humorista Favorito" Comédia MTV ao Vivo Venceu
"Personagem de TV Favorito" Amor à Vida Nomeado
"Atriz Favorita" Nomeado
Prêmio Extra de Televisão[30] "Melhor Atriz Revelação" Venceu
Prêmio Contigo![31] "Revelação do Ano" Venceu
Melhores do Ano[32] "Atriz Revelação" Venceu
Troféu APCA[143] "Melhor Atriz" Nomeado
Capricho Awards[144] "Melhor Atriz Nacional" Venceu
Retrospectiva UOL[145] "Atriz Revelação" Venceu
"Melhor Par Romântico" (com Anderson Di Rizzi) Nomeado
Prêmio Faz Diferença[146] "Revista da TV" Nomeado
Prêmio Quem de Televisão[147] "Revelação do Ano" Venceu
2014 Troféu Imprensa[148] "Troféu Revelação" Venceu
Troféu Internet[149] "Revelação" Venceu
Prêmio Contigo! de TV[150] "Revelação da TV" Venceu
Meus Prêmios Nick[151] "Humorista Favorito" Tudo pela Audiência Venceu
"Atriz Favorita" Venceu
Prêmio Geração Z[152] "Humorista do Ano" Venceu
2015 Prêmio Geração Glamour[153] "Melhor Humorista Feminina" Venceu
Grande Prêmio Smiles do Humor Brasileiro[154] "Grand Prix" Venceu
"Destaque do Ano" Nomeado
Meus Prêmios Nick[155] "Humorista Favorito" Venceu
2016 Grande Prêmio Smiles do Humor Brasileiro[156] "Melhor Atriz de Comédia" Pendente

Referências

  1. a b c d e f "Cria da MTV, Tatá Werneck ganha reconhecimento ao estrear na Globo". Terra Diversão/Terra Networks. 2013. Consultado em 13 de maio de 2016.
  2. "Tatá Werneck: 'Eu empresto a minha cara de pau para a Valdirene'". M de Mulher. Editora Abril. 29/10/2014. Consultado em 13 de maio de 2016.
  3. a b c d e André Rodrigues (05/2012). "Mais Estranha do que a Ficção". Rolling Stone Brasil. Consultado em 13 de maio de 2016.
  4. "Sucesso em 'Amor à Vida', Tatá Werneck prestigia lançamento do livro do irmão". Época. Editora Globo. 14/06/2013. Consultado em 13 de maio de 2016.
  5. a b c Fábio Oliveira (25/05/2013). "Tatá Werneck: 'Já invadi hotel atrás do Chaves'". O Dia. Internet Group. Consultado em 13 de maio de 2016.
  6. "Ela não perde a piada". Gazeta do Povo. Editora Gazeta do Povo S.A. 6/05/2012. Consultado em 13 de maio de 2016.
  7. a b "Tatá Werneck diz que foi Xuxa quem inventou o seu apelido". Caras. Editora Abril. 25/01/2014. Consultado em 13 de maio de 2016.
  8. a b c Bruno Astuto e Acyr Méria Júnior Dani Barbi (14/03/2014). "Cia de teatro que Tatá Werneck fundou ganha prêmio na Áustria". Época. Editora Globo. Consultado em 13 de maio de 2016.
  9. a b c "Relembre a carreira de Tatá Werneck na TV". Yahoo! Finanças. 6/08/2014. Consultado em 13 de maio de 2016.
  10. a b "Tatá Werneck é convidada para fazer novela na Globo, diz colunista". iBahia. Rede Bahia. 8/01/2013. Consultado em 13 de maio de 2016.
  11. a b Luiz Fernando Vieira (13/02/2011). "Quer relaxar? Dezimprovisa!". Gazeta Digital. Grupo Gazeta. Consultado em 13 de maio de 2016.
  12. a b Zean Bravo (6/05/2012). "Tatá Werneck ganha mais espaço na MTV à frente do 'Trolalá'". O Globo. InfoGlobo. Consultado em 13 de maio de 2016.
  13. a b c MTV Brasil estreia nova programação nesta terça". Uol Entretenimento. Universo Online. 14/03/2011. Consultado em 13 de maio de 2016.
  14. a b Ana Jardim (13/08/2010). "'É alegria demais', diz Tatá Werneck sobre título de humorista mais engraçada da TV brasileira". Uol Entretenimento. Universo Online. Consultado em 13 de maio de 2016.
  15. Érico Borgo (16/11/2009). "Exclusivo: Danilo Gentili, Fábio Porchat e Gregório Duvivier nas primeiras imagens de Podia Ser Pior". Omelete. Universo Online. Consultado em 13 de maio de 2016.
  16. a b c "Filme mostra Tatá Werneck e Fábio Porchat juntos e antes da fama". Portal Vírgula. Universo Online. 28/01/2014. Consultado em 13 de maio de 2016.
  17. Felipe Carvalho (1.º/10/2012). "Tatá Werneck ganha papel em filme de Ingrid Guimarães". O Fuxico. Consultado em 13 de maio de 2016.
  18. "Elenco do filme 'Até que a Sorte Nos Separe 2' grava em Las Vegas". Diário do Litoral. 20/08/2013. Consultado em 13 de maio de 2016.
  19. Patrícia Kogut (25/01/2013). "Tatá Werneck fez teste para ser periguete em novela". O Globo. Consultado em 13 de maio de 2016.
  20. "Tatá Werneck sai da MTV e fecha contrato com Globo". E! Online Brasil. 4/02/2013. Consultado em 13 de maio de 2016.
  21. a b "Tatá Werneck vive Valdirene em 'Amor à Vida'. Relembre outras periguetes". iG Gente. 21/05/2013. Consultado em 13 de maio de 2016.
  22. "Prestes a estrear em 'Amor à vida' Tatá Werneck revela segredos de sua Valdirene: 'Periguete que não sabe ser sensual'". Extra. Empresa Abril. 18/05/2013. Consultado em 13 de maio de 2016.
  23. "Prestes a estrear em 'Amor à vida' Amor à Vida: na novela, Tatá Werneck vive periguete que se torna evangélica". Globo.com. 30/04/2013. Consultado em 13 de maio de 2016.
  24. "Amor à Vida: Valdirene (Tatá Werneck)". Globo.com. 2013. Consultado em 21 de maio de 2016.
  25. "Em 'Amor à Vida', Valdirene tenta seduzir Gustavo Borges com pé de pato". Brasil Online/Universo Online. 1.º/07/2013. Consultado em 13 de maio de 2016.
  26. Ana Cora Lima (07/01/2014). "Entrada de Valdirene no 'BBB' vai dar trabalho à equipe de 'Amor à Vida'". Brasil Online/Universo Online.. Consultado em 21 de maio de 2016.
  27. Patrícia Villalba (16/01/2014). "Tatá Werneck dá show de improviso no 'BBB14'". Veja. Editora Abril. Consultado em 21 de maio de 2016.
  28. Marcelle Carvalho (20/08/2013). "'Amor à Vida': Sucesso de Valdirene faz Tatá Werneck esquecer o próprio aniversário". Extra. Empresa Abril. Consultado em 21 de maio de 2016.
  29. Patrícia Kogut (03/07/2013). "Os favoritos". O Globo. Consultado em 17 de maio de 2016.
  30. a b c "Tatá Werneck leva o troféu de Melhor Atriz Revelação no Prêmio Extra de TV". Extra. Empresa Abril. Consultado em 13 de maio de 2016.
  31. a b Marcela Ribeiro (29/07/2014). "Tatá Werneck ganha prêmio e dedica troféu ao ex-namorado". Brasil Online/Universo Online. Consultado em 13 de maio de 2016.
  32. a b "M. Solano, Tatá Werneck: veja vencedores do Melhores do Ano". Terra Networks. 16/03/2014. Consultado em 13 de maio de 2016.
  33. a b "Tatá Werneck é eleita atriz revelação em prêmio 'Melhores do Ano', da Globo". Folha de S. Paulo. Empresa Folha da Manhã S/A. 16/03/2014. Consultado em 13 de maio de 2016.
  34. a b c d Mônica Bergamo (26/01/2014). "Tatá Werneck aproveita a fama que faz sua imagem valer R$ 400 mil". Folha de S. Paulo. Empresa Folha da Manhã S/A. Consultado em 13 de maio de 2016.
  35. a b "Tatá Werneck estreia 'Sem Análise', programa de humor na TV paga". Folha de S. Paulo. Empresa Folha da Manhã S/A. 5/11/2013. Consultado em 13 de maio de 2016.
  36. a b c Paulo Sampaio (16/06/2015). "Comediante, atriz, baterista… Sim, Tatá Werneck faz tudo pela audiência". Glamurama. Universo Online. Consultado em 13 de maio de 2016.
  37. Flávio Ricco (13/05/2014). "Tatá Werneck será protagonista de novela na Globo". Uol Televisão. Universo Online. Consultado em 13 de maio de 2016.
  38. Daniel Castro (10/09/2014). "Bruna Marquezine toma mocinha de novela das sete de Tatá Werneck". Notícias da TV. Universo Online. Consultado em 13 de maio de 2016.
  39. a b Amanda Serra (1.º/04/2015). "Tatá Werneck vive It Girl da periferia e tenta desfazer imagem de Valdirene". Notícias da TV. Universo Online. Consultado em 13 de maio de 2016.
  40. a b "Tatá Werneck será uma taxista médium na nova temporada do Vai Que Cola". Caras. Editora Abril. 14/03/2014. Consultado em 13 de maio de 2016.
  41. Nina Ramos (15/07/2014). "Tatá Werneck: "Sempre fui saradinha. No palco sou capaz de ser a mais feia"". iG Gente. Consultado em 13 de maio de 2016.
  42. Amanda Serra (1.º/04/2014). "Mais sobre a doida taxista de Tatá Werneck no 'Vai Que Cola'". Glamurama. Universo Online. 26/08/2014. Consultado em 13 de maio de 2016.
  43. Vanessa Scalei (8/01/2015). "Ingrid Guimarães e Tatá Werneck estrelam a comédia 'Loucas pra Casar'". Zero Hora. Consultado em 13 de maio de 2016.
  44. Danilo Perelló (6/01/2015). "Em 'Loucas pra casar', Ingrid Guimarães disputa noivo com Tatá Werneck e Suzana Pires e diz que mulher 'é fogo' quando compete". Extra. Empresa Abril. Consultado em 13 de maio de 2016.
  45. "Fábio Porchat e Tatá Werneck voltam com nova temporada do 'Tudo pela Audiência': 'O programa não se esgota'". iG Gente. 9/05/2016. Consultado em 13 de maio de 2016.
  46. Endrigo Annyston (20/05/2015). "Para aguardar Tatá Werneck, Multishow não finaliza nova temporada do 'Vai que Cola'". iG Gente. Consultado em 13 de maio de 2016.
  47. a b Louise Soares (2/12/2015). "Tatá Werneck lamenta não ter conseguido participar da nova 'Escolinha'". Folha de S. Paulo. Empresa Folha da Manhã S/A. Consultado em 17 de maio de 2016.
  48. Flávia Muniz (2/05/2015). "Tatá Werneck fará participação na nova temporada do 'Vai que Cola'". O Dia. Internet Group. Consultado em 13 de maio de 2016.
  49. a b Flávio Ricco (19/09/2015). "Globo volta atrás e Tatá Werneck fará Fedora Abdalla na nova 'Sassaricando'". Uol Televisão. Universo Online. Consultado em 13 de maio de 2016.
  50. Bruno Astuto, Acyr Méria Júnior e Guilherme Scarpa (25/09/2015). "Tatá Werneck fará filme sobre TOC: 'Tenho mania de ficar arrumando a sobrancelha'". Época. Consultado em 13 de maio de 2016.
  51. Victória Xavier (11/01/2016). "Tatá Werneck e Daniel Furlan rodam filme na Grande São Paulo". O Fuxico. Consultado em 13 de maio de 2016.
  52. Florença Mazza (15/02/2016). "Maurício Meirelles e Murilo Couto: programa no Multishow". O Globo. Consultado em 22 de maio de 2016.
  53. "Terceira temporada do 'Tudo pela Audiência' será gravada em março de 2016". iG. 03/05/2015. Consultado em 22 de maio de 2016.
  54. "Escracho do 'Tudo Pela Audiência' chega à terceira rodada nesta segunda-feira". Zero Hora. 9/05/2016. Consultado em 22 de maio de 2016.
  55. Zean Bravo (24/04/2016). "Tatá Werneck diz ter autoestima elevada: 'Sei muito bem o meu valor'". O Globo. Consultado em 13 de maio de 2016.
  56. Liane Rosa (16/09/2015). "Tatá Werneck se derrete sobre a mãe: 'Cresci com ela falando sobre inclusão social'". Quem. Editora Globo. Consultado em 14 de maio de 2016.
  57. Maria Elisa Alves (1.º/12/2013). "Claudia Werneck: a escritora que se tornou a voz dos direitos dos jovens deficientes". O Globo. Consultado em 14 de maio de 2016.
  58. Thaís Meinicke (17/01/2015). "Claudia Werneck atua na inclusão de pessoas com deficiência". Veja Rio. Editora Abril. Consultado em 14 de maio de 2016.
  59. Heloisa Tolipan (15/09/2011). "Veja porque Tatá Werneck é muito mais do que a baixinha do 'Comédia MTV'". Jornal do Brasil. Consultado em 16 de maio de 2016.
  60. Carlos Britto (23/09/2011). "Projeto de inclusão social através do teatro chega a cidades do Vale do São Francisco". Universo Online. Consultado em 14 de maio de 2016.
  61. a b Verônica Cobas (13/06/2012). "Acessibilidade e sustentabilidade na Rio+20". Jornal do Commercio. Consultado em 14 de maio de 2016.
  62. "Tatá Werneck compra sítio para construir abrigo para animais". Época. Editora Globo. 14/09/2013. Consultado em 14 de maio de 2016.
  63. Paula Santos (08/11/2014). "'Pretendo cuidar dos animais do mundo, sou muito apaixonada', diz Tatá Werneck". Globo.com. Consultado em 14 de maio de 2016.
  64. "Famosos se engajam contra o Instituto Royal, acusado de maus-tratos aos animais". Caras. Editora Abril. 18/10/2013. Consultado em 13 de maio de 2016.
  65. "Tatá Werneck vira objeto de desejo para as marcas". Exame. Editora Abril. 27/01/2014. Consultado em 16 de maio de 2016.
  66. "Tatá Werneck vira a nova queridinha da propaganda". Exame. Editora Abril. 03/10/2013. Consultado em 15 de maio de 2016.
  67. Heloísa Tolipan (19/07/2013). "Bombando em 'Amor à Vida', Tatá Werneck passa por 'Teste do Sofá', na web". Jornal do Brasil. Consultado em 15 de maio de 2016.
  68. Teresa Perosa (28/08/2013). "Tatá Werneck será garota propaganda de farmacêutica sul-africana". Época. Editora Globo. Consultado em 15 de maio de 2016.
  69. Patrícia Moraes (11/11/2013). "Gianecchini, Tony Ramos e os famosos favoritos da publicidade". iG Gente. Consultado em 15 de maio de 2016.
  70. "Em alta: Petrópolis investe R$ 500 milhões com propaganda e patrocínio". Secretaria de Desenvolvimento Econômico do Estado da Bahia. 24/01/2014. Consultado em 15 de maio de 2016.
  71. "Campanha da Oi no Salvador Bus tem Tatá Werneck como garota propaganda". Salvador Bus Bahia. Consultado em 15 de maio de 2016.
  72. "Com o sucesso de Valdirene, Tatá Werneck desbanca Sabrina Sato como garota-propaganda". Potal Vírgula. Universo Online. 16/01/2014. Consultado em 15 de maio de 2016.
  73. "Gisele Bündchen, Ivete Sangalo e Tatá Werneck estrelam comerciais". Folha de S. Paulo. Empresa Folha da Manhã S/A. 30/10/2014. Consultado em 15 de maio de 2016.
  74. a b "Astro do Porta dos Fundos pede 8 centímetros em filme do BB". Extra. Empresa Abril. 23/04/2014. Consultado em 15 de maio de 2016.
  75. "Tatá Werneck e Fernanda Torres viram animação em comercial". G1. Globo.com. 17/11/2014. Consultado em 15 de maio de 2016.
  76. a b Tatiana Izquierdo (04/02/2015). "Tatá Werneck é garota propaganda de marca de coloração para os cabelos". Veja São Paulo. Editora Abril. Consultado em 14 de maio de 2016.
  77. Patrícia Kogut (6/08/2014). "Em alta: Tatá Werneck vai estrelar campanha de beleza". O Globo. Consultado em 15 de maio de 2016.
  78. "Novo Comercial da Cerveja Antarctica Subzero". Publicidade News. 18/11/2015. Consultado em 15 de maio de 2016.
  79. Bruna Gonçalves Serur e Marcos Lauro (3/07/2015). "Banda Renatinho, de Tatá Werneck, faz sua estreia mundial". Billboard Brasil. Nielsen SoundScan. Consultado em 14 de maio de 2016.
  80. Ana Cora Lima (2/07/2015). "Do pop ao metal pesado, Tatá Werneck solta a voz na 'séria' banda Renatinho". Uol Entretenimento. Universo Online. Consultado em 15 de maio de 2016.
  81. Bruno Astuto e Acyr Méria Júnior Dani Barbi (17/05/2014). "Tatá Werneck lança CD e fala de situação amorosa: 'Enrolada'". Época. Editora Globo. Consultado em 15 de maio de 2016.
  82. a b c Bárbara Vieira (20/09/2015). "Tatá Werneck pede desculpas por música apontada como transfóbica". Ego. Globo.com. Consultado em 15 de maio de 2016.
  83. a b "Banda de Tatá Werneck lança música transfóbica e gera revolta nas redes sociais". iG. Globo.com. 17/09/2015. Consultado em 15 de maio de 2016.
  84. "Diario de um Adolescente Hipocondríaco". Centro Brasileiro Teatro para a Infância e Juventude. 1998. Consultado em 15 de maio de 2016.
  85. a b João Ker e Heloisa Tolipan (12/01/2015). "Exclusivo! Tatá Werneck fala sobre 'Loucas Pra Casar', projetos futuros e a censura ao humor no Brasil: 'Deixo de fazer piadas diariamente'". iG Gente. Consultado em 15 de maio de 2016.
  86. "Os Inclusos e os Sisos". Ministério da Cultura. 2010. Consultado em 15 de maio de 2016.
  87. "XII Festival de Teatro do Rio". Universidade Federal do Rio de Janeiro. 16/11/2005. Consultado em 15 de maio de 2016.
  88. "Os Inclusos e os Sisos". Escola de Gente. 2010. Consultado em 21 de maio de 2016.
  89. "Os Inclusos e os Sisos - Teatro de Mobilização pela Diversidade em espetáculo novo e acessível a todas as condições humanas". Escola de Gente. 27/04/2010. Consultado em 15 de maio de 2016.
  90. "Tatá Werneck publica foto vestida de Branca de Neve". Quem. Editora Globo. 9/09/2013. Consultado em 15 de maio de 2016.
  91. a b c d e "Começa a Temporada Gazeta de Teatro". Gazeta Digital. Grupo Gazeta de Comunicação. 12/02/2011. Consultado em 15 de maio de 2016.
  92. "Arte para todos e todas". Escola Nacional de Saúde Pública Sergio Arouca. Fundação Oswaldo Cruz. 1.º/03/2014. Consultado em 15 de maio de 2016.
  93. "Tata Werneck e Paulinho Serra se apresentam em Campinas". Rádio Cidade de São Paulo. Fundação Oswaldo Cruz. 29/11/2012. Consultado em 15 de maio de 2016.
  94. Regis Tadeu (21/10/2011). "Poucas coisas boas não salvaram o VMB 2011 do ridículo". Yahoo!. Consultado em 15 de maio de 2016.
  95. Thaís Britto (08/01/2012). "No clima do verão, MTV cria novas atrações". O Globo. InfoGlobo. Consultado em 15 de maio de 2016.
  96. Vítor Moreno (06/02/2012). "Dani Calabresa diz que deixou barba crescer para a volta do 'Furo MTV'". Folha de S. Paulo. Empresa Folha da Manhã S/A. Consultado em 15 de maio de 2016.
  97. "'Comédia MTV ao Vivo' vai homenagear Hebe Camargo; programa vai ao ar em 4 de outubro". Uol Televisão. Universo Online. 2/10/2012. Consultado em 15 de maio de 2016.
  98. "Em noite de rap, Gaby Amarantos ganha artista do ano no VMB". Terra Networks. 20/09/2012. Consultado em 15 de maio de 2016.
  99. Bruno Molinero (20/10/2012). "Garotos viajam no tempo em nova série brasileira; leia entrevista com diretor". Folha de S. Paulo. Empresa Folha da Manhã S/A. Consultado em 15 de maio de 2016.
  100. "Tatá Werneck é a jurada dos Astros desta segunda". Sistema Brasileiro de Televisão. 30/11/2012. Consultado em 15 de maio de 2016.
  101. Zean Bravo (22/12/2013). "Com o sucesso da periguete Valdirene, Tatá Werneck faz planos para 2014". Correio 24 Horas. Consultado em 15 de maio de 2016.
  102. Ana Cora Lima (15/05/2013). "Tatá Werneck grava cenas em treino do Fluminense e dá selinho em Fred". Uol Televisão. Universo Online. Consultado em 15 de maio de 2016.
  103. a b Felipe Branco Cruz (15/01/2014). "Valdirene, a nova participante do 'BBB14', sempre quis ser famosa". Brasil Online/Universo Online. Consultado em 15 de maio de 2016.
  104. "Tatá Werneck vai ser repórter do 'Caldeirão do Huck' durante Copa das Confederações". Folha de S. Paulo. Empresa Folha da Manhã S/A. 9/06/2013. Consultado em 15 de maio de 2016.
  105. "Tatá Wernek é a vencedora do Ruim de Roda e brinca: 'Zaga não estava legal'". Globo.com. 26/10/2013. Consultado em 15 de maio de 2016.
  106. "'Nunca imaginei', diz Tatá Werneck sobre participação no especial de Roberto Carlos". Portal Vírgula. Universo Online. 21/12/2013. Consultado em 15 de maio de 2016.
  107. Ricky Hiraoka (3/04/2014). "Especial Vem Aí, da Globo, foi um grande Falha Nossa". Veja São Paulo. Editora Abril. Consultado em 15 de maio de 2016.
  108. "Tatá Werneck: 'Meu jeito engraçado nunca afastou os homens'". Veja. Editora Abril. 2/07/2014. Consultado em 15 de maio de 2016.
  109. "Os melhores e piores looks do prêmio Multishow 2014". E! Online Brasil. 29/10/2014. Consultado em 15 de maio de 2016.
  110. "#Globo50! Veja cliques do que vai rolar no especial de 50 anos da TV Globo". Globo.com. 23/04/2015. Consultado em 15 de maio de 2016.
  111. "Bruna Marquezine e Tatá Werneck participam de estreia de quadro". Globo.com. 10/05/2015. Consultado em 20 de maio de 2016.
  112. Henrique Brinco (16/08/2015). "Em tempos de crise, 'Criança Esperança' vira 'Teleton Ensaiado' na Globo". iG. Consultado em 18 de maio de 2016.
  113. "Bruna Marquezine cai em pegadinha armada por Luciano Huck e Tatá Werneck". Uol Televisão. Universo Online. Consultado em 21 de maio de 2016.
  114. Carla Bittencourt (11/05/2016). "'Totalmente demais' termina no dia 30 com participação de Tatá Werneck como Fedora". Extra. Empresa Abril. 31/10/2011. Consultado em 15 de maio de 2016.
  115. "Podia Ser Pior: Créditos". AdoroCinema. Consultado em 15 de maio de 2016.
  116. "De Pernas pro Ar 2: Créditos". AdoroCinema. Consultado em 15 de maio de 2016.
  117. Diego Bargas (16/07/2014). "Tatá Werneck dubla 'Aviões 2' e revela ter perdido o medo de voar depois de viajar em 'teco-teco' na África". Quem. Editora Globo. Consultado em 15 de maio de 2016.
  118. Zean Bravo (24/04/2016). "Tatá Werneck diz ter autoestima elevada: 'Sei muito bem o meu valor'". O Globo. InfoGlobo. Consultado em 13 de maio de 2016.
  119. "MRV Engenharia lança '#MovimentoAgoraVai!'" . Extra. Empresa Abril. 31/10/2011. Consultado em 15 de maio de 2016.
  120. "Tatá Werneck contracena com Rodrigo Lopez na websérie Internet-se". Agência Brasileira de Notícias. 17/01/2012. Consultado em 15 de maio de 2016.
  121. "Tilibra lança sua campanha de Volta às Aulas". Agência Brasileira de Notícias. 1.º/02/2012. Consultado em 15 de maio de 2016.
  122. "Brahma grava websérie de comédia com Tatá Werneck". Extra. Empresa Abril. 29/01/2013. Consultado em 15 de maio de 2016.
  123. "Tatá Werneck passa 24 horas no novo Fiesta". Extra. Empresa Abril. 30/04/2013. Consultado em 15 de maio de 2016.
  124. Thiago Cid (17/07/2013). "MRV Engenharia lança '#MovimentoAgoraVai!'". Pequenas Empresas & Grandes Negócios. Editora Globo. Consultado em 15 de maio de 2016.
  125. Ana Cláudia Guimarães (07/04/2014). "Copa da C&A". O Globo. Consultado em 18 de maio de 2016.
  126. Tony Alex (3/02/2012). "Música 'Eu Vou Pro Roquenroll' ganha clipe". TMDQA!. Consultado em 20 de maio de 2016.
  127. Ana Carolina faz Adriana Esteves e Tatá Werneck 'sensualizar' em clipe". Ego. 8/12/2014. Consultado em 20 de maio de 2016.
  128. Nathália Carapeços (6/05/2016). "Tatá Werneck e Fábio Porchat estreiam terceira temporada do 'Tudo pela Audiência' no Multishow". Zero Hora. Consultado em 13 de maio de 2016.
  129. Jonathan Pereira (31/12/2011). "O legal e o mico de 2011". iG. Consultado em 18 de maio de 2016.
  130. Endrigo Annyston (04/07/2013). "Tatá Werneck: A rainha do improviso". iG. Consultado em 17 de maio de 2016.
  131. "20 mulheres que brilharam em 2013". iG São Paulo. 24/12/2013. Consultado em 20 de maio de 2016.
  132. "Os 100 mais influentes do Brasil em 2013". Época. Editora Globo. 15/12/2013. Consultado em 20 de maio de 2016.
  133. Álvaro Leme (28/11/2014). "Eleita 'Mulher do Ano' por revista masculina, humorista Tatá Werneck aparece sensual como nunca". R7 Entretenimento. Consultado em 13 de maio de 2016.
  134. Lucas Borges Teixeira (9/07/2015). "25 celebridades do Brasil mais seguidas nas redes". Forbes. Consultado em 20 de maio de 2016.
  135. Lucas Borges Teixeira (20/05/2016). "30 celebridades brasileiras mais seguidas nas redes sociais". Forbes. Consultado em 20 de maio de 2016.
  136. "Tatá Werneck e Danilo Gentili são os mais influentes entre os jovens brasileiros". Diario de Pernambuco. Diários Associados. 12/01/2016. Consultado em 13 de maio de 2016.
  137. Márcio Gomes (13/05/2016). "'Não tenho medo de ser rotulada como atriz de comédia', diz Tatá Werneck na festa de Haja Coração". Capricho. Editora Abril. Consultado em 13 de maio de 2016.
  138. a b Bruno Dias (2/10/2012). "Rebeldes, NX Zero e Manu Gavassi brilham no 11º Prêmio Jovem Brasileiro. Veja lista de vencedores!". Capricho. Editora Abril. Consultado em 15 de maio de 2016.
  139. Vinícius Lisboa (15/09/2011). "Dulce Maria vai se apresentar no 'Meus Prêmios Nick 2011'". Extra. Empresa Abril. Consultado em 15 de maio de 2016.
  140. "Veja os indicados ao 'Meus Prêmios Nick 2012'". iG'. 13/08/2012. Consultado em 15 de maio de 2016.
  141. "Meus Prêmios Nick 2013 e a lista de vencedores". E! Online Brasil. 18/10/2013. Consultado em 15 de maio de 2016.
  142. Bruno Dias (22/07/2013). "Confira a lista de indicados ao Meus Prêmios Nick 2013!". Capricho. Editora Abril. Consultado em 15 de maio de 2016.
  143. Cristina Padiglione (10/12/2013). "APCA 2013 tem de tudo um pouco, da TV aberta à paga + Web". O Estado de S. Paulo. Consultado em 15 de maio de 2016.
  144. "Vencedores do Capricho Awards de 2013: Cinema e TV". Capricho. Editora Abril. Consultado em 15 de maio de 2016.
  145. "Retrospectiva: Vote nos melhores de 2013". Uol Televisão. Universo Online. 2/12/2013. Consultado em 15 de maio de 2016.
  146. "Faz Diferença: festa homenageia os que se destacaram em 2013". O Globo. 26/03/2014. Consultado em 22 de maio de 2016.
  147. "Prêmio QUEM 2013: Conheça os vencedores na categoria TV". Quem. Editora Globo. 11/02/2014. Consultado em 15 de maio de 2016.
  148. "Looks dos famosos e os vencedores do Troféu Imprensa". Caras. Editora Abril. 27/04/2014. Consultado em 15 de maio de 2016.
  149. "Troféu Internet de 2014". Sistema Brasileiro de Televisão. Consultado em 15 de maio de 2016.
  150. Marcela Ribeiro (29/07/2014)."Tatá Werneck ganha prêmio e dedica troféu ao ex-namorado". Uol Celebridades. Universo Online. Consultado em 15 de maio de 2016.
  151. Bruno Dias (31/10/2014). "Luan Santana é o grande nome do Meus Prêmios Nick 2014". Capricho. Editora Abril. Consultado em 15 de maio de 2016.
  152. "Tatá Werneck venceu em 'Humorista do Ano' no Geração Z Awards 2014!". Geração Z Brasil. 20/12/2014. Consultado em 15 de maio de 2016.
  153. Vanderlan Nader (1.º/04/2015). "Prêmio Geração Glamour 2015 SP: Bruna Marquezine, Eliana, Sabrina Sato e Luciana Gimenez foram destaque". Correio do Brasil. Consultado em 15 de maio de 2016.
  154. Fabiana Seragusa (8/07/2015). "Risadaria premia os melhores do humor no Brasil. Veja os vencedores". Folha de S. Paulo. Empresa Folha da Manhã S/A. Consultado em 15 de maio de 2016.
  155. "Nickelodeon anuncia vencedores do Meus Prêmios Nick 2015. Veja a lista". G1. Globo.com. 16/10/2015. Consultado em 15 de maio de 2016.
  156. "Marcelo Adnet e 'Tá no Ar' são destaque no Grande Prêmio Risadaria de 2016". iG Gente. 11/05/2016. Consultado em 13 de maio de 2016.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Tatá Werneck