Estúdio Coca-Cola

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Question book.svg
Esta página ou secção não cita fontes confiáveis e independentes, o que compromete sua credibilidade (desde Agosto de 2013). Por favor, adicione referências e insira-as corretamente no texto ou no rodapé. Conteúdo sem fontes poderá ser removido.
Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
Estúdio Coca-Cola
Informação geral
Formato
Duração 75 Minutos
País de origem  Brasil
Exibição
Emissora de televisão original Brasil MTV Brasil
Transmissão original 25 de março de 2007 - 8 de agosto de 2008

Estúdio Coca-Cola foi um programa veiculado na MTV, exibido todo último domingo do mês pelo canal e que promovia encontros musicais inusitados. Artistas de universos sonoros diferentes encontravam-se no palco pela primeira vez e gravavam uma apresentação especial. Além do show dos músicos, o MTV Especial: Estúdio Coca-Cola mostrava toda a concepção do espetáculo e a criação de algo ainda mais forte do que o talento individual de cada artista. Como forma de propor ao público jovem uma visão otimista sobre o mundo, na qual a música celebra a união das diferenças, a Coca-Cola firmou essa parceria com a MTV Brasil.

A iniciativa faz parte da plataforma de comunicação integrada "Viva o Lado Coca-Cola da Música", lançada em 2006 pela marca de refrigerantes e com foco no público jovem. A ideia era proporcionar a fusão de ritmos, a partir de estilos musicais distintos, estimulando a convivência entre as pessoas, a união e o respeito pelas diferenças.

Programas[editar | editar código-fonte]

Cada programa era composto por quatro blocos. A atração exibia o universo de cada músico, a expectativa dos artistas com o encontro, a interação entre eles na escolha do repertório, os bastidores dos ensaios e do dia da apresentação, além de depoimentos revelando as impressões de cada um sobre a experiência. Os artistas cantavam juntos composições próprias e também apresentam versões inéditas para obras de outros compositores.

O programa de estreia, exibido em 25 de março de 2007, colocou lado a lado Lenine e Marcelo D2. Em abril, foi a vez da musa do rock Pitty encontrar-se com a musa do hip hop Negra Li. Em maio, o encontro foi entre a banda de hard core CPM 22 e a de axé music Babado Novo, o encontro mais inusitado dentre os que ocorreram. Em junho, o encontro foi entre a banda NX Zero e o cantor de reggae Armandinho. Em julho o encontro foi entre Nando Reis e a banda gaúcha Cachorro Grande. Em agosto o último encontro de 2007: O Pop Rock do Skank com o Manguebeat da Nação Zumbi.

Em maio de 2008, o projeto ganhou um novo elemento. Começou a se chamar Estúdio Coca-Cola Zero e o rock de Charlie Brown Jr uniu-se à suavidade de Vanessa da Mata, o que resultou num grande show e numa grande mistura. Em junho, o encontro entre o funk de DJ Marlboro e o reggae de Natiruts. No mês seguinte, a parceria mais controvertida e polêmica - além de uma das mais elogiadas - de todas: a dupla sertaneja Chitãozinho e Xororó e a banda de rock Fresno. E, para fechar o Estúdio Coca-Cola Zero, outro encontro bastante inusitado: a união entre calipso, forró e brega da Banda Calypso e o rock pop dos Paralamas do Sucesso.

Curiosidade[editar | editar código-fonte]