Nando Reis

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Nando Reis
Nando Reis em show em 2014.
Informação geral
Nome completo José Fernando Gomes dos Reis
Também conhecido(a) como Nando, Ruivo
Nascimento 12 de janeiro de 1963 (53 anos)
Local de nascimento
 Brasil
Gênero(s) Rock, pop rock, música popular brasileira
Instrumento(s) Vocal, baixo, violão
Período em atividade 1981 - atualmente
Gravadora(s) Universal Music, Warner Music, Independente (atualmente)
Afiliação(ões) Titãs, Sossega Leão, Os Camarões, Cássia Eller, Os Infernais, Jota Quest, Skank, Marisa Monte, Pitty
Página oficial www.nandoreis.com.br

José Fernando Gomes dos Reis, conhecido artisticamente como Nando Reis (São Paulo, 12 de janeiro de 1963) é um baixista, cantor, violonista e compositor brasileiro. Ex-baixista da banda de rock Titãs, atualmente segue em carreira solo, acompanhado pela banda Os Infernais.

Carreira[editar | editar código-fonte]

Saiu dos Titãs após a gravação do álbum A Melhor Banda de Todos os Tempos da Última Semana, em 2001. Na época, alegou "incompatibilidade de pensamento", e informou que ainda estava abalado pela morte dos amigos Cássia Eller e Marcelo Fromer.[1] Em entrevista posterior, afirmou que sua saída se deveu também à sua vontade de se dedicar mais à sua carreira solo - chegou a propor à banda que pausassem suas atividades por um ano após o lançamento do álbum.[2] Afirmou ainda que seu isolamento como compositor na banda vinha crescendo, o que era evidenciado pela quantidade de músicas escritas apenas por ele nos últimos álbuns.[2] Hoje, o músico e a banda já voltaram a se falar normalmente,[2] e Nando participou do show de 30 anos de carreira dos Titãs que ocorreu no Espaço das Américas, em São Paulo, na noite de 6 de outubro de 2012.[3]

Nando Reis ficou conhecido como um dos maiores compositores da sua geração, compondo sucessos como "Diariamente" (com sua ex-namorada Marisa Monte), "All Star", "O Segundo Sol" e "Relicário", gravados por Cássia Eller; "Resposta" e "É Uma Partida de Futebol", gravados pelo grupo mineiro Skank; "Do Seu Lado", gravado pelo também mineiro Jota Quest e "Onde Você Mora?", e "Querem o meu sangue" gravadas pelo grupo Cidade Negra.

Teve uma participação breve em um trabalho envolvendo a dupla sertaneja Zezé Di Camargo & Luciano. Na fonografia da trilha sonora oficial do filme biográfico Dois Filhos de Francisco, álbum lançado em 2005, interpretou a faixa "O Lavrador", ao lado da filha de Zezé Di Camargo, Wanessa Camargo.

Canções suas fazem parte de lançamentos de Skank (os sucessos "Sutilmente" e "Ainda Gosto Dela") e Jota Quest. Em 10 e 11 de agosto de 2010, gravou o DVD Bailão do Ruivão, um projeto com músicas nacionais e internacionais com várias participações especiais, como Zezé di Camargo e Luciano, Joelma e Chimbinha (Banda Calypso) e o grupo Zafennate. O DVD foi gravado em São Paulo, no Carioca Club.

Em 2012, Nando figurou na lista dos dez artistas que mais lucraram com direitos autorais no primeiro semestre daquele ano, segundo o Ecad.[4][5]

Em 2013, participou, juntamente a Adriana Calcanhotto, de um show de apoio ao partido político Rede sustentabilidade.[6]

Em 2014, seu álbum Sei Como Foi em BH foi indicado ao Grammy Latino de Melhor Álbum de Rock Brasileiro.[7] Ainda em 2014, afirmou que entraria em estúdio em 2015 para gravar um novo álbum.[8]

Em fevereiro de 2016, foi revelado que o álbum terá participações de seus ex-colegas de Titãs Branco Mello, Sérgio Britto, Paulo Miklos e Arnaldo Antunes (estes dois últimos também ex-membros da banda, embora Paulo ainda a integrasse na época da gravação), além das cantoras Pitty, Luiza Possi e Tulipa Ruiz.[9] Posteriormente, as participações dos músicos Peter Buck (ex-R.E.M.) e Mike McCready (Pearl Jam, Mad Season), bem como de quatro filhos de Nando (Zoé, Sophia, Theo e Sebastião; estes últimos formam a dupla 2Reis), foi anunciada também.[10]

No mesmo mês, foi anunciado que o cantor, juntamente à banda Os Paralamas do Sucesso e às cantoras Paula Toller e Pitty, participarão de uma turnê promovida pelo projeto Nivea Viva Rock Brasil, que ocorre anualmente desde 2012 e leva artistas para turnês pelo Brasil. A série de sete shows homenageará o rock brasileiro.[11]

Em 2016, foi revelado que Nando participaria de algumas faixas do supergrupo Levee Walkers, formado por Mike McCready, Duff McKagan (Guns N' Roses/Velvet Revolver) e Barrett Martin (Mad Season/Screaming Trees) - este último participou de alguns álbuns de Nando.[12]

Prepara para novembro de 2016 o lançamento de seu novo CD "Jardim-pomar". A capa do álbum será assinada pela artista plástica Vânia Mignone.[13]

Vida pessoal[editar | editar código-fonte]

Torcedor do São Paulo Futebol Clube, manteve uma coluna semanal sobre este tema no jornal O Estado de S. Paulo até 2010. Em 2009 lançou o livro infantil Meu Pequeno São-Paulino, pela editora Belas Letras, que fala sobre a paixão de um torcedor pelo São Paulo e as conquistas obtidas pelo time.

Em entrevistas em 2010 e 2011, declarou-se ateu[14] e atraído por homens e mulheres.[15]

Nando tem cinco filhos: Theodoro, Sophia, Sebastião, Zoé e Ismael. Também tem um sobrinho, chamado Christian. É primo da cantora e compositora Vange Leonel, falecida no dia 14 de julho de 2014.

Discografia[editar | editar código-fonte]

Com Titãs[editar | editar código-fonte]

Ver artigo principal: Discografia dos Titãs

Álbuns solo (Com Os Infernais)[editar | editar código-fonte]

Nando Reis durante show em Brasília, 2014

Álbuns produzidos por ele[editar | editar código-fonte]

Cinema[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. Barbosa, Marco Antonio (9 de setembro de 2002). «Nando Reis abandona os Titãs». Cliquemusic. UOL. Consultado em 28 de fevereiro de 2015. 
  2. a b c «Entrevista - Nando Reis». IstoÉ Gente. Editora Três. Consultado em 11 de março de 2015. 
  3. Antunes, Pedro (19 de outubro de 2012). «“Seria uma estupidez completar 30 anos e não comemorar”, diz Branco Mello, do Titãs». Rolling Stone Brasil. Consultado em 21 de outubro de 2012. 
  4. Racy, Sonia (10 de dezembro de 2012). «'Um dia, descobri que dava prejuízo', diz Nando Reis». O Estado de S. Paulo [S.l.: s.n.] Consultado em 17 de dezembro de 2012. 
  5. Jardim, Lauro (21 de novembro de 2012). «Os dez mais». Veja. Consultado em 17 de dezembro de 2012. 
  6. «Adriana Calcanhotto e Nando Reis fazem show para apoiar partido de Marina Silva». Folha de S.Paulo. Grupo Folha. 10 de maio de 2013. Consultado em 2 de dezembro de 2015. 
  7. «Nominados - 15a Entrega Anual del Latin Grammy» (em espanhol). Latin Grammy Awards official website. Consultado em 11 de outubro de 2014. 
  8. Lins, Larissa (18 de setembro de 2014). «Nando Reis confessa: sente saudade de Cássia Eller». Diário de Pernambuco. Diários Associados. Consultado em 28 de fevereiro de 2015. 
  9. «Nando Reis está gravando novo álbum com ex-parceiros de Titãs». 89 FM a Rádio Rock. Grupo Camargo de Comunicação. 18 de fevereiro de 2016. Consultado em 25 de fevereiro de 2016. 
  10. Brêda, Lucas (30 de maio de 2016). «Guitarristas de Pearl Jam e R.E.M. participam do próximo disco de Nando Reis». Rolling Stone Brasil. Grupo Spring de Comunicação. Consultado em 31 de maio de 2016. 
  11. «Nando Reis, Paula Toller, Paralamas do Sucesso e Pitty anunciam turnê». G1. Grupo Globo. 23 de fevereiro de 2016. Consultado em 25 de fevereiro de 2016. 
  12. «Nando Reis cantará em supergrupo com integrantes de Pearl Jam e Guns N’ Roses». Rolling Stone Brasil. Grupo Spring de Comunicação. 29 de abril de 2016. Consultado em 9 de maio de 2016. 
  13. http://blogs.oglobo.globo.com/ancelmo/post/artista-plastica-assina-capa-de-novo-cd-de-nando-reis.html
  14. Ana Carolina Soares (10 de agosto de 2011). «Nando Reis: "Meus filhos me procuram para falar sobre drogas"». Contigo!. 
  15. Debora Luvizotto (17 de dezembro de 2010). «"Desejo homens e mulheres", contou Nando Reis a revista». virgula. 
  16. a b c «Certificados» (em Portuguese). ABPD. Consultado em 2009-10-08. 
  17. http://blogs.oglobo.globo.com/ancelmo/post/artista-plastica-assina-capa-de-novo-cd-de-nando-reis.html
  18. «Areias Escaldantes». Meu Cinema Brasileiro. Consultado em 14 de agosto de de 2012.  |nome1= sem |sobrenome1= em Authors list (Ajuda)

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Wikiquote
O Wikiquote possui citações de ou sobre: Nando Reis