Wikipédia:Imagem em destaque/Outubro de 2021

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Crystal 128 krita.png

Apresentação

Esta página contém uma relação de imagens que a comunidade da Wikipédia lusófona decidiu incluir em sua página principal. Uma imagem diferente é destacada a cada dia, seguindo a escolha do Wikimedia Commons.

Arquivos

2006:  JaneiroFevereiroMarçoAbrilMaioJunhoJulho Agosto Setembro Outubro Novembro Dezembro
2007:  Janeiro Fevereiro Março Abril Maio Junho Julho Agosto Setembro Outubro Novembro Dezembro
2008:  Janeiro Fevereiro Março Abril Maio Junho Julho Agosto Setembro Outubro Novembro Dezembro
2009:  Janeiro Fevereiro Março Abril Maio Junho Julho Agosto Setembro Outubro Novembro Dezembro
2010:  Janeiro Fevereiro Março Abril Maio Junho Julho Agosto Setembro Outubro Novembro Dezembro
2011:  Janeiro Fevereiro Março Abril Maio Junho Julho Agosto Setembro Outubro Novembro Dezembro
2012:  Janeiro Fevereiro Março Abril Maio Junho Julho Agosto Setembro Outubro Novembro Dezembro
2013:  Janeiro Fevereiro Março Abril Maio Junho Julho Agosto Setembro Outubro Novembro Dezembro
2014:  Janeiro Fevereiro Março Abril Maio Junho Julho Agosto Setembro Outubro Novembro Dezembro
2015:  Janeiro Fevereiro Março Abril Maio Junho Julho Agosto Setembro Outubro Novembro Dezembro
2016:  Janeiro Fevereiro Março Abril Maio Junho Julho Agosto Setembro Outubro Novembro Dezembro
2017:  Janeiro Fevereiro Março Abril Maio Junho Julho Agosto Setembro Outubro Novembro Dezembro
2018:  Janeiro Fevereiro Março Abril Maio Junho Julho Agosto Setembro Outubro Novembro Dezembro
2019:  Janeiro Fevereiro Março Abril Maio Junho Julho Agosto Setembro Outubro Novembro Dezembro
2020:  Janeiro Fevereiro Março Abril Maio Junho Julho Agosto Setembro Outubro Novembro Dezembro
2021:  Janeiro Fevereiro Março Abril Maio Junho Julho Agosto Setembro Outubro Novembro Dezembro

1 de outubro de 2021 editar

Enorme duna a 39 km do principal ponto de acesso ao parque nacional Namib-Naukluft na estrada para Sossusvlei (às vezes escrito) Sossus Vlei, na Namíbia. Sossusvlei (nome de origem mista, que significa aproximadamente "pântano sem saída") é uma bacia endorreica salina, para o efêmero rio Tsauchab, cercada por altas dunas de cor rosa a laranja vívida, uma indicação de uma alta concentração de ferro na areia e consequentes processos de oxidação. As dunas mais antigas são as de cor avermelhada mais intensa. Essas dunas estão entre as mais altas do mundo; muitas delas estão acima de 200 metros, sendo a mais alta aquela apelidada de Big Daddy, com cerca de 325 metros de altura. O nome "Sossusvlei" é frequentemente usado com um significado extenso para se referir à área circundante (incluindo outros vleis vizinhos, como o Dead Vlei e outras dunas altas), que é uma das principais atrações turísticas do país. (definição 8 112 × 4 529)

Enorme duna a 39 km do principal ponto de acesso ao parque nacional Namib-Naukluft na estrada para Sossusvlei (às vezes escrito) Sossus Vlei, na Namíbia. Sossusvlei (nome de origem mista, que significa aproximadamente "pântano sem saída") é uma bacia endorreica salina, para o efêmero rio Tsauchab, cercada por altas dunas de cor rosa a laranja vívida, uma indicação de uma alta concentração de ferro na areia e consequentes processos de oxidação. As dunas mais antigas são as de cor avermelhada mais intensa. Essas dunas estão entre as mais altas do mundo; muitas delas estão acima de 200 metros, sendo a mais alta aquela apelidada de Big Daddy, com cerca de 325 metros de altura. O nome "Sossusvlei" é frequentemente usado com um significado extenso para se referir à área circundante (incluindo outros vleis vizinhos, como o Dead Vlei e outras dunas altas), que é uma das principais atrações turísticas do país.
(resolução original: 8 112 × 4 529)

2 de outubro de 2021 editar

Worm Bay no Parque Nacional de Port Campbell, Distrito Ocidental de Vitória, Austrália. O parque nacional foi inaugurado em 5 de maio de 1964, inicialmente com 700 hectares, a fim de proteger as formações calcárias da costa adjacente à Great Ocean Road. Em 1981, foi aumentado para 1 750 hectares; estendendo-se do lado leste de Curdies Inlet em Peterborough até Point Ronald em Princetown. O parque apresenta uma série de falésias íngremes com vista para ilhotas, rocas, desfiladeiros e arcos naturais. Ele está sujeito ao ar carregado de sal e os topos das falésias estão particularmente expostos às duras condições meteorológicas do Oceano Antártico. (definição 6 718 × 4 479)

Worm Bay no Parque Nacional de Port Campbell, Distrito Ocidental de Vitória, Austrália. O parque nacional foi inaugurado em 5 de maio de 1964, inicialmente com 700 hectares, a fim de proteger as formações calcárias da costa adjacente à Great Ocean Road. Em 1981, foi aumentado para 1 750 hectares; estendendo-se do lado leste de Curdies Inlet em Peterborough até Point Ronald em Princetown. O parque apresenta uma série de falésias íngremes com vista para ilhotas, rocas, desfiladeiros e arcos naturais. Ele está sujeito ao ar carregado de sal e os topos das falésias estão particularmente expostos às duras condições meteorológicas do Oceano Antártico.
(resolução original: 6 718 × 4 479)

3 de outubro de 2021 editar

Mantella baroni, comumente conhecida como mantella-de-Baron, rã-dourada-variegada ou rã-venenosa-de-Madagascar, é uma espécie de rã da família Mantellidae. É nativa de Madagascar e aqui é vista no Parque Nacional Ranomafana, no sudeste do país. A espécie foi descrita em 1888 por George Albert Boulenger, que a batizou com o nome de seu coletor, Richard Baron. Foi classificada como uma espécie pouco preocupante pela União Internacional para a Conservação da Natureza devido à sua distribuição relativamente ampla, mas está ameaçada pela perda de habitat. A dieta da rã inclui ácaros, que fazem com que ela acumule alta concentração de alcaloides na pele, tornando-a tóxica. As cores brilhantes podem servir como um sinal de alerta para predadores potenciais da toxicidade da rã. (definição 4 302 × 2 869)

Mantella baroni, comumente conhecida como mantella-de-Baron, rã-dourada-variegada ou rã-venenosa-de-Madagascar, é uma espécie de rã da família Mantellidae. É nativa de Madagascar e aqui é vista no Parque Nacional Ranomafana, no sudeste do país. A espécie foi descrita em 1888 por George Albert Boulenger, que a batizou com o nome de seu coletor, Richard Baron. Foi classificada como uma espécie pouco preocupante pela União Internacional para a Conservação da Natureza devido à sua distribuição relativamente ampla, mas está ameaçada pela perda de habitat. A dieta da rã inclui ácaros, que fazem com que ela acumule alta concentração de alcaloides na pele, tornando-a tóxica. As cores brilhantes podem servir como um sinal de alerta para predadores potenciais da toxicidade da rã.
(resolução original: 4 302 × 2 869)

4 de outubro de 2021 editar

Morsas na ilha Northbrook, arquipélago de Francisco José, oceano Ártico. A morsa (Odobenus rosmarus) é um grande mamífero marinho de nadadeiras com uma distribuição descontínua em torno do Polo Norte, do oceano Ártico e dos mares subárticos do hemisfério norte. Esta espécie é subdividida em duas subespécies: a morsa do Atlântico (O. r. rosmarus), que vive no oceano Atlântico, e a morsa do Pacífico (O. r. divergens), que vive no oceano Pacífico. As morsas adultas são caracterizadas por presas e bigodes proeminentes e seu volume considerável: os machos adultos no Pacífico podem pesar mais de 2 mil quilogramas e, entre os pinípedes, são excedidos em tamanho apenas pelas duas espécies de elefantes-marinhos. As morsas vivem principalmente em águas rasas acima das plataformas continentais, passando uma parte significativa de suas vidas no gelo marinho à procura de moluscos bivalves bentônicos para comer. As morsas são animais sociais de vida relativamente longa e são consideradas uma "espécie-chave" nas regiões marinhas do Ártico. (definição 3 500 × 1 967)

Morsas na ilha Northbrook, arquipélago de Francisco José, oceano Ártico. A morsa (Odobenus rosmarus) é um grande mamífero marinho de nadadeiras com uma distribuição descontínua em torno do Polo Norte, do oceano Ártico e dos mares subárticos do hemisfério norte. Esta espécie é subdividida em duas subespécies: a morsa do Atlântico (O. r. rosmarus), que vive no oceano Atlântico, e a morsa do Pacífico (O. r. divergens), que vive no oceano Pacífico. As morsas adultas são caracterizadas por presas e bigodes proeminentes e seu volume considerável: os machos adultos no Pacífico podem pesar mais de 2 mil quilogramas e, entre os pinípedes, são excedidos em tamanho apenas pelas duas espécies de elefantes-marinhos. As morsas vivem principalmente em águas rasas acima das plataformas continentais, passando uma parte significativa de suas vidas no gelo marinho à procura de moluscos bivalves bentônicos para comer. As morsas são animais sociais de vida relativamente longa e são consideradas uma "espécie-chave" nas regiões marinhas do Ártico.
(resolução original: 3 500 × 1 967)

5 de outubro de 2021 editar

Mons Sex Millia (1835 m) visto do Garnet Peak. Cordilheira Poplars, região de Canterbury, Nova Zelândia (definição 14 455 × 4 428)

Mons Sex Millia (1835 m) visto do Garnet Peak. Cordilheira Poplars, região de Canterbury, Nova Zelândia
(resolução original: 14 455 × 4 428)

6 de outubro de 2021 editar

O Chefe do Estado-Maior israelense em reunião no Comando do Norte, durante a Guerra do Yom Kippur, que começou neste dia em 1973, quando a coalizão de Estados árabes liderados pelo Egito e pela Síria lançou em conjunto um ataque surpresa contra Israel no dia sagrado judaico do Yom Kippur, que ocorreu simultaneamente com o mês sagrado islâmico do Ramadã naquele ano. Após a eclosão das hostilidades, tanto os Estados Unidos quanto a União Soviética iniciaram esforços maciços de reabastecimento para seus respectivos aliados durante a guerra, o que levou a um quase confronto entre as duas superpotências com armas nucleares. (definição 1 800 × 1 350)

O Chefe do Estado-Maior israelense em reunião no Comando do Norte, durante a Guerra do Yom Kippur, que começou neste dia em 1973, quando a coalizão de Estados árabes liderados pelo Egito e pela Síria lançou em conjunto um ataque surpresa contra Israel no dia sagrado judaico do Yom Kippur, que ocorreu simultaneamente com o mês sagrado islâmico do Ramadã naquele ano. Após a eclosão das hostilidades, tanto os Estados Unidos quanto a União Soviética iniciaram esforços maciços de reabastecimento para seus respectivos aliados durante a guerra, o que levou a um quase confronto entre as duas superpotências com armas nucleares.
(resolução original: 1 800 × 1 350)

7 de outubro de 2021 editar

Vista do Castelo de Wartburg (proclamado Patrimônio da Humanidade em 1999) em Eisenach, Alemanha. É um castelo originalmente construído na Idade Média. Ele está situado em um precipício de 410 metros de altura a sudoeste da cidade de Eisenach. Foi a casa de Santa Isabel da Hungria, o lugar onde Martinho Lutero traduziu o Novo Testamento da Bíblia para o alemão, o local do Festival do Wartburg de 1817 e o suposto cenário para o possivelmente lendário Sängerkrieg. Foi uma inspiração importante para Luís II da Baviera quando ele decidiu construir o Castelo de Neuschwanstein. Wartburg é a atração turística mais visitada da Turíngia depois de Weimar. Embora o castelo hoje ainda contenha estruturas originais substanciais dos séculos XII a XV, grande parte do interior data apenas do século XIX. (definição 7 616 × 4 284)

Vista do Castelo de Wartburg (proclamado Patrimônio da Humanidade em 1999) em Eisenach, Alemanha. É um castelo originalmente construído na Idade Média. Ele está situado em um precipício de 410 metros de altura a sudoeste da cidade de Eisenach. Foi a casa de Santa Isabel da Hungria, o lugar onde Martinho Lutero traduziu o Novo Testamento da Bíblia para o alemão, o local do Festival do Wartburg de 1817 e o suposto cenário para o possivelmente lendário Sängerkrieg. Foi uma inspiração importante para Luís II da Baviera quando ele decidiu construir o Castelo de Neuschwanstein. Wartburg é a atração turística mais visitada da Turíngia depois de Weimar. Embora o castelo hoje ainda contenha estruturas originais substanciais dos séculos XII a XV, grande parte do interior data apenas do século XIX.
(resolução original: 7 616 × 4 284)

8 de outubro de 2021 editar

Vista de Prvić, uma ilha desabitada na parte croata do mar Adriático, localizada no Golfo de Carnaro (Kvarner). É a maior das chamadas ilhas Senj, um grupo de pequenas ilhas e ilhéus localizados ao largo da costa da cidade continental de Senj, situada entre as ilhas maiores de Krk e Rab. Prvić tem uma área de 12,76 quilômetros quadrados, o que a torna a maior ilha desabitada da Croácia. Os abutres-fouveiros (Gyps fulvus), uma espécie de ave protegida, são conhecidos por se reproduzirem em Prvić. Além disso, existem 17 espécies de plantas endêmicas que crescem nela. Por causa disso, a ilha é legalmente protegida como reserva botânica e de aves. (definição 4 575 × 2 068)

Vista de Prvić, uma ilha desabitada na parte croata do mar Adriático, localizada no Golfo de Carnaro (Kvarner). É a maior das chamadas ilhas Senj, um grupo de pequenas ilhas e ilhéus localizados ao largo da costa da cidade continental de Senj, situada entre as ilhas maiores de Krk e Rab. Prvić tem uma área de 12,76 quilômetros quadrados, o que a torna a maior ilha desabitada da Croácia. Os abutres-fouveiros (Gyps fulvus), uma espécie de ave protegida, são conhecidos por se reproduzirem em Prvić. Além disso, existem 17 espécies de plantas endêmicas que crescem nela. Por causa disso, a ilha é legalmente protegida como reserva botânica e de aves.
(resolução original: 4 575 × 2 068)

9 de outubro de 2021 editar

Olho-branco-do-japão (Zosterops japonicus) em Sakai, Osaka, Japão. Esta pequena ave passeriforme tem sua distribuição nativa em grande parte do Leste Asiático, incluindo o Extremo Oriente da Rússia, Japão, Indonésia, Coreia e Filipinas. Como uma das espécies nativas das ilhas japonesas, foi retratado na arte japonesa em várias ocasiões e, historicamente, foi mantido como um pássaro de gaiola. Foi descrito pelos ornitólogos Coenraad Jacob Temminck e Hermann Schlegel em 1845 a partir de um espécime coletado no Japão. Como seu nome comum indica, sua característica principal é um anel notável de minúsculas penas brancas ao redor dos olhos. Esta espécie de ave raramente é encontrada no solo. É muito sociável podendo formar bandos com outras espécies; voam apenas com pássaros de outras espécies fora da época de reprodução. Embora sociável, no entanto, o olho-branco-do-japão normalmente forma relacionamentos monogâmicos com parceiros. (definição 4 350 × 2 900)

Olho-branco-do-japão (Zosterops japonicus) em Sakai, Osaka, Japão. Esta pequena ave passeriforme tem sua distribuição nativa em grande parte do Leste Asiático, incluindo o Extremo Oriente da Rússia, Japão, Indonésia, Coreia e Filipinas. Como uma das espécies nativas das ilhas japonesas, foi retratado na arte japonesa em várias ocasiões e, historicamente, foi mantido como um pássaro de gaiola. Foi descrito pelos ornitólogos Coenraad Jacob Temminck e Hermann Schlegel em 1845 a partir de um espécime coletado no Japão. Como seu nome comum indica, sua característica principal é um anel notável de minúsculas penas brancas ao redor dos olhos. Esta espécie de ave raramente é encontrada no solo. É muito sociável podendo formar bandos com outras espécies; voam apenas com pássaros de outras espécies fora da época de reprodução. Embora sociável, no entanto, o olho-branco-do-japão normalmente forma relacionamentos monogâmicos com parceiros.
(resolução original: 4 350 × 2 900)

10 de outubro de 2021 editar

Vista das fachadas do Handelskade em Willemstad (Cidade de Guilherme), capital de Curaçau, uma ilha no sul do mar do Caribe que forma um país constituinte do Reino dos Países Baixos. Foi a capital das Antilhas Neerlandesas antes de sua dissolução em 2010. O centro histórico da cidade, com sua arquitetura única e entrada para o porto, foi classificado pela UNESCO Patrimônio da Humanidade em 1997 e consiste em quatro bairros: Punda e Otrobanda, separados pela baía de Santa Ana, uma enseada que leva ao grande porto natural chamado Schottegat, bem como os bairros de Scharloo e Pietermaai, que são um de frente para o outro no porto Waaigat menor. Willemstad é o lar da sinagoga de Curaçau, a mais antiga sinagoga sobrevivente nas Américas, construída por judeus sefarditas portugueses de Amsterdã e Recife, Brasil, que se estabeleceram na cidade como comerciantes. Fundada em 1634, quando os holandeses capturaram a ilha da Espanha, a cidade foi construída como uma cidade murada, que logo se transformou em um dos principais centros do comércio de escravos no Atlântico. Atualmente o turismo é sua grande indústria com vários cassinos e praias. Devido à sua localização próxima aos campos petrolíferos venezuelanos, sua estabilidade política e seu porto natural de águas profundas, Willemstad tornou-se o local de um importante porto marítimo e uma refinaria. Inúmeras instituições financeiras foram constituídas em Willemstad devido às políticas fiscais favoráveis do país. (definição 5 605 × 2 584)

Vista das fachadas do Handelskade em Willemstad (Cidade de Guilherme), capital de Curaçau, uma ilha no sul do mar do Caribe que forma um país constituinte do Reino dos Países Baixos. Foi a capital das Antilhas Neerlandesas antes de sua dissolução em 2010. O centro histórico da cidade, com sua arquitetura única e entrada para o porto, foi classificado pela UNESCO Patrimônio da Humanidade em 1997 e consiste em quatro bairros: Punda e Otrobanda, separados pela baía de Santa Ana, uma enseada que leva ao grande porto natural chamado Schottegat, bem como os bairros de Scharloo e Pietermaai, que são um de frente para o outro no porto Waaigat menor. Willemstad é o lar da sinagoga de Curaçau, a mais antiga sinagoga sobrevivente nas Américas, construída por judeus sefarditas portugueses de Amsterdã e Recife, Brasil, que se estabeleceram na cidade como comerciantes. Fundada em 1634, quando os holandeses capturaram a ilha da Espanha, a cidade foi construída como uma cidade murada, que logo se transformou em um dos principais centros do comércio de escravos no Atlântico. Atualmente o turismo é sua grande indústria com vários cassinos e praias. Devido à sua localização próxima aos campos petrolíferos venezuelanos, sua estabilidade política e seu porto natural de águas profundas, Willemstad tornou-se o local de um importante porto marítimo e uma refinaria. Inúmeras instituições financeiras foram constituídas em Willemstad devido às políticas fiscais favoráveis do país.
(resolução original: 5 605 × 2 584)

11 de outubro de 2021 editar

Ovos de galinha e de codorna em uma cesta de vime, Ucrânia (definição 3 700 × 3 700)

Ovos de galinha e de codorna em uma cesta de vime, Ucrânia
(resolução original: 3 700 × 3 700)

12 de outubro de 2021 editar

Molas helicoidais de um antigo vagão (NS D 6066) em Harlingen, Países Baixos (definição 4 736 × 3 383)

Molas helicoidais de um antigo vagão (NS D 6066) em Harlingen, Países Baixos
(resolução original: 4 736 × 3 383)

13 de outubro de 2021 editar

Vista panorâmica das colinas que dominam o rio Dniestre perto da aldeia de Nahoriany, região de Tchernivtsi, Ucrânia. O Dniester é um rio do Leste Europeu. Ele nasce na Ucrânia, perto da cidade de Drohobych, na fronteira com a Polônia, e flui em direção ao mar Negro. Seu curso marca parte da fronteira da Ucrânia e da Moldávia, após o qual flui através da Moldávia por 398 quilômetros, separando o principal território da Moldávia de sua região separatista, a Transnístria. Mais tarde, forma uma parte adicional da fronteira Moldávia-Ucrânia, então flui através da Ucrânia para o mar Negro, onde seu estuário forma o Liman do Dniester. Ao longo da metade inferior do rio, a margem oeste é alta e montanhosa, enquanto a leste é baixa e plana. Durante o Neolítico, o rio foi o centro de uma das civilizações mais avançadas da Terra na época. A cultura Cucuteni-Tripiliana floresceu nesta área de cerca de 5300 a 2600 a.C., deixando para trás milhares de sítios arqueológicos. Seus assentamentos tinham até 15 mil habitantes, tornando-os uma das primeiras grandes comunidades agrícolas do mundo. (definição 7 087 × 3 376)

Vista panorâmica das colinas que dominam o rio Dniestre perto da aldeia de Nahoriany, região de Tchernivtsi, Ucrânia. O Dniester é um rio do Leste Europeu. Ele nasce na Ucrânia, perto da cidade de Drohobych, na fronteira com a Polônia, e flui em direção ao mar Negro. Seu curso marca parte da fronteira da Ucrânia e da Moldávia, após o qual flui através da Moldávia por 398 quilômetros, separando o principal território da Moldávia de sua região separatista, a Transnístria. Mais tarde, forma uma parte adicional da fronteira Moldávia-Ucrânia, então flui através da Ucrânia para o mar Negro, onde seu estuário forma o Liman do Dniester. Ao longo da metade inferior do rio, a margem oeste é alta e montanhosa, enquanto a leste é baixa e plana. Durante o Neolítico, o rio foi o centro de uma das civilizações mais avançadas da Terra na época. A cultura Cucuteni-Tripiliana floresceu nesta área de cerca de 5300 a 2600 a.C., deixando para trás milhares de sítios arqueológicos. Seus assentamentos tinham até 15 mil habitantes, tornando-os uma das primeiras grandes comunidades agrícolas do mundo.
(resolução original: 7 087 × 3 376)

14 de outubro de 2021 editar

Traços de luz baseados nas figuras de Lissajous (definição 5 357 × 4 018)

Traços de luz baseados nas figuras de Lissajous
(resolução original: 5 357 × 4 018)

15 de outubro de 2021 editar

Agrius convolvuli, mariposa-colibri, é uma mariposa comum encontrada na Europa, Ásia, África e Australásia, da família Sphingidae. As larvas se alimentam das folhas dos convólvulos e de uma série de outras plantas e podem ser uma praga da batata-doce cultivada. Mais ativa ao anoitecer, a mariposa adulta pode usar seu probóscide, que é mais longo que seu corpo, para sorver o néctar das flores enquanto paira nas proximidades, transferindo pólen entre as flores. Esta mariposa A. convolvuli, vista aqui se alimentando com seu probóscide estendido, foi fotografada no Parque Natural do Mosteiro de Rila, na Bulgária. (definição 4 596 × 3 064)

Agrius convolvuli, mariposa-colibri, é uma mariposa comum encontrada na Europa, Ásia, África e Australásia, da família Sphingidae. As larvas se alimentam das folhas dos convólvulos e de uma série de outras plantas e podem ser uma praga da batata-doce cultivada. Mais ativa ao anoitecer, a mariposa adulta pode usar seu probóscide, que é mais longo que seu corpo, para sorver o néctar das flores enquanto paira nas proximidades, transferindo pólen entre as flores. Esta mariposa A. convolvuli, vista aqui se alimentando com seu probóscide estendido, foi fotografada no Parque Natural do Mosteiro de Rila, na Bulgária.
(resolução original: 4 596 × 3 064)

16 de outubro de 2021 editar

Lago Pippin visto da rodovia Richardson, perto de Copper Center, Alasca, Estados Unidos (definição 14 824 × 4 534)

Lago Pippin visto da rodovia Richardson, perto de Copper Center, Alasca, Estados Unidos
(resolução original: 14 824 × 4 534)

17 de outubro de 2021 editar

Carvalho (Quercus) parcialmente caído no domínio real Het Loo, Guéldria, Países Baixos. Nesta parte do domínio real, não existe intervenção no ciclo natural da floresta com o objetivo de promover a biodiversidade (definição 4 054 × 3 243)

Carvalho (Quercus) parcialmente caído no domínio real Het Loo, Guéldria, Países Baixos. Nesta parte do domínio real, não existe intervenção no ciclo natural da floresta com o objetivo de promover a biodiversidade
(resolução original: 4 054 × 3 243)

18 de outubro de 2021 editar

Marcador de lugar na mesa para o banquete de inauguração do Monumento ao Imperador Guilherme, em 18 de outubro de 1896 no Hotel Kaiserhof, Porta Westfalica, Alemanha (definição 4 596 × 3 229)

Marcador de lugar na mesa para o banquete de inauguração do Monumento ao Imperador Guilherme, em 18 de outubro de 1896 no Hotel Kaiserhof, Porta Westfalica, Alemanha
(resolução original: 4 596 × 3 229)

19 de outubro de 2021 editar

Pato-mandarim (Aix galericulata) no zoológico de Hanôver, Alemanha. O pato-mandarim é uma espécie de tamanho médio (41 a 49 cm de comprimento), nativa do Paleártico Oriental. Comparados a outros patos, eles são aves tímidas, preferindo procurar abrigo sob árvores, como salgueiros pendentes, e formar bandos menores, mas podem se tornar mais ousados como resultado de se tornarem domesticados devido à interação frequente com humanos. Nas culturas tradicionais chinesa, coreana e japonesa acredita-se que os patos-mandarim sejam casais para toda a vida, ao contrário de outras espécies de patos. Por isso, são considerados um símbolo de afeição e fidelidade conjugal e são frequentemente apresentados na arte chinesa. Na Coreia pares deles entalhados em madeira, chamados "patos de casamento", costumam ser dados como presentes de casamento e desempenham um papel significativo no casamento coreano. (definição 3 226 × 1 626)

Pato-mandarim (Aix galericulata) no zoológico de Hanôver, Alemanha. O pato-mandarim é uma espécie de tamanho médio (41 a 49 cm de comprimento), nativa do Paleártico Oriental. Comparados a outros patos, eles são aves tímidas, preferindo procurar abrigo sob árvores, como salgueiros pendentes, e formar bandos menores, mas podem se tornar mais ousados como resultado de se tornarem domesticados devido à interação frequente com humanos. Nas culturas tradicionais chinesa, coreana e japonesa acredita-se que os patos-mandarim sejam casais para toda a vida, ao contrário de outras espécies de patos. Por isso, são considerados um símbolo de afeição e fidelidade conjugal e são frequentemente apresentados na arte chinesa. Na Coreia pares deles entalhados em madeira, chamados "patos de casamento", costumam ser dados como presentes de casamento e desempenham um papel significativo no casamento coreano.
(resolução original: 3 226 × 1 626)

20 de outubro de 2021 editar

A A591 é uma estrada principal do condado inglês de Cúmbria, que fica quase totalmente dentro do parque nacional de Lake District. A estrada começa numa rotatória com a A590 perto do Castelo de Sizergh e segue geralmente para noroeste, contornando as cidades de Kendal e Keswick, terminando na A595 perto de Bothel. Uma pesquisa de 2009 da empresa de navegação por satélite Garmin apontou o trecho da estrada entre Windermere e Keswick como a estrada mais popular da Grã-Bretanha. A A591 foi seriamente danificada durante a tempestade Desmond em 2015, com parte da estrada destruída em Dunmail Raise, e teve que ser fechada por cinco meses. Enquanto esteve fechada, uma nova trilha para caminhantes, ciclistas e cavaleiros foi construída a oeste da estrada. (definição 5 000 × 2 573)

A A591 é uma estrada principal do condado inglês de Cúmbria, que fica quase totalmente dentro do parque nacional de Lake District. A estrada começa numa rotatória com a A590 perto do Castelo de Sizergh e segue geralmente para noroeste, contornando as cidades de Kendal e Keswick, terminando na A595 perto de Bothel. Uma pesquisa de 2009 da empresa de navegação por satélite Garmin apontou o trecho da estrada entre Windermere e Keswick como a estrada mais popular da Grã-Bretanha. A A591 foi seriamente danificada durante a tempestade Desmond em 2015, com parte da estrada destruída em Dunmail Raise, e teve que ser fechada por cinco meses. Enquanto esteve fechada, uma nova trilha para caminhantes, ciclistas e cavaleiros foi construída a oeste da estrada.
(resolução original: 5 000 × 2 573)

21 de outubro de 2021 editar

Crianças afegãs esperam para receber cuidados médicos básicos e roupas em Camp Clark, província de Khost, Afeganistão, 2009 (definição 3 600 × 2 597)

Crianças afegãs esperam para receber cuidados médicos básicos e roupas em Camp Clark, província de Khost, Afeganistão, 2009
(resolução original: 3 600 × 2 597)

22 de outubro de 2021 editar

Vista aérea da igreja da Exaltação da Santa Cruz (Catedral da Santa Cruz), uma igreja ortodoxa localizada no assentamento de tipo urbano de Palekh, região de Ivanovo, Rússia. Foi construída entre 1762 e 1774 no estilo barroco Naryshkin às custas dos residentes de Palekh e das aldeias vizinhas. Logo após a Revolução Russa de 1917, o templo foi fechado e depois transformado em museu. Seu último abade foi preso e fuzilado. Em 1993, o templo foi transferido para a Igreja Ortodoxa Russa. Em 2012, ficou sob a jurisdição da diocese de Kineshma e recebeu o estatuto de catedral. (definição 4 022 × 3 017)

Vista aérea da igreja da Exaltação da Santa Cruz (Catedral da Santa Cruz), uma igreja ortodoxa localizada no assentamento de tipo urbano de Palekh, região de Ivanovo, Rússia. Foi construída entre 1762 e 1774 no estilo barroco Naryshkin às custas dos residentes de Palekh e das aldeias vizinhas. Logo após a Revolução Russa de 1917, o templo foi fechado e depois transformado em museu. Seu último abade foi preso e fuzilado. Em 1993, o templo foi transferido para a Igreja Ortodoxa Russa. Em 2012, ficou sob a jurisdição da diocese de Kineshma e recebeu o estatuto de catedral.
(resolução original: 4 022 × 3 017)

23 de outubro de 2021 editar

Vista do Centro Stata (Stata Center), um complexo acadêmico projetado pelo arquiteto ganhador do Prêmio Pritzker de 1989, Frank Gehry, para o Instituto de Tecnologia de Massachusetts (MIT), Cambridge, Massachusetts, Estados Unidos. O prédio foi inaugurado para ocupação inicial em 16 de março de 2004. Ele fica no local do antigo Edifício 20 do MIT, que abrigava o histórico Laboratório de Radiação. Acima do quarto andar, o edifício se divide em duas estruturas distintas: a Torre Gates e a Torre Dreyfoos. O edifício possui uma série de pequenos auditórios e salas de aula utilizadas pelo departamento de Engenharia Elétrica e Ciência da Computação, bem como outros departamentos e grupos no campus. Os laboratórios e gabinetes de investigação do Laboratório de Informática e Inteligência Artificial, do Laboratório de Sistemas de Informação e Decisão, bem como do Departamento de Linguística e Filosofia ocupam os pisos superiores. Celebridades acadêmicas como Noam Chomsky, Ron Rivest e o fundador do World Wide Web Consortium, Tim Berners-Lee, também têm escritórios no prédio. (definição 5 214 × 7 777)

Vista do Centro Stata (Stata Center), um complexo acadêmico projetado pelo arquiteto ganhador do Prêmio Pritzker de 1989, Frank Gehry, para o Instituto de Tecnologia de Massachusetts (MIT), Cambridge, Massachusetts, Estados Unidos. O prédio foi inaugurado para ocupação inicial em 16 de março de 2004. Ele fica no local do antigo Edifício 20 do MIT, que abrigava o histórico Laboratório de Radiação. Acima do quarto andar, o edifício se divide em duas estruturas distintas: a Torre Gates e a Torre Dreyfoos. O edifício possui uma série de pequenos auditórios e salas de aula utilizadas pelo departamento de Engenharia Elétrica e Ciência da Computação, bem como outros departamentos e grupos no campus. Os laboratórios e gabinetes de investigação do Laboratório de Informática e Inteligência Artificial, do Laboratório de Sistemas de Informação e Decisão, bem como do Departamento de Linguística e Filosofia ocupam os pisos superiores. Celebridades acadêmicas como Noam Chomsky, Ron Rivest e o fundador do World Wide Web Consortium, Tim Berners-Lee, também têm escritórios no prédio.
(resolução original: 5 214 × 7 777)

24 de outubro de 2021 editar

Borda de mata e vinhedos em cores outonais em Wolfertsberg, uma colina com 431 metros de altura localizada perto de Löwenstein, no distrito de Heilbronn, Baden-Württemberg, Alemanha. (definição 7 952 × 4 974)

Borda de mata e vinhedos em cores outonais em Wolfertsberg, uma colina com 431 metros de altura localizada perto de Löwenstein, no distrito de Heilbronn, Baden-Württemberg, Alemanha.
(resolução original: 7 952 × 4 974)

25 de outubro de 2021 editar

Fruta do mangostim ou mangostão (Garcinia mangostana) mostrada em corte transversal. O mangostim é uma árvore tropical perene com frutas comestíveis nativas de terras tropicais ao redor do Oceano Índico. A árvore cresce de 6 a 25 metros de altura. Seu fruto é doce e picante, suculento, um tanto fibroso, com vesículas cheias de líquido (como a polpa dos cítricos), com casca não comestível de cor púrpura-avermelhada (epicarpo) quando maduro. Em cada fruta, a carne comestível perfumada que envolve cada semente é botanicamente endocarpo, ou seja, a camada interna do ovário. As sementes têm formato e tamanho de amêndoa. O mangostim ainda é raro nos mercados ocidentais, embora sua popularidade esteja aumentando, e muitas vezes é vendido a um preço alto. (definição 6 720 × 4 480)

Fruta do mangostim ou mangostão (Garcinia mangostana) mostrada em corte transversal. O mangostim é uma árvore tropical perene com frutas comestíveis nativas de terras tropicais ao redor do Oceano Índico. A árvore cresce de 6 a 25 metros de altura. Seu fruto é doce e picante, suculento, um tanto fibroso, com vesículas cheias de líquido (como a polpa dos cítricos), com casca não comestível de cor púrpura-avermelhada (epicarpo) quando maduro. Em cada fruta, a carne comestível perfumada que envolve cada semente é botanicamente endocarpo, ou seja, a camada interna do ovário. As sementes têm formato e tamanho de amêndoa. O mangostim ainda é raro nos mercados ocidentais, embora sua popularidade esteja aumentando, e muitas vezes é vendido a um preço alto.
(resolução original: 6 720 × 4 480)

26 de outubro de 2021 editar

Sacro monte em Frauenkirchen (1685), um município austríaco localizado no distrito de Neusiedl am See, no estado de Burguenlândia. O sacro monte ou calvário está localizado em uma área verde em frente à Basílica de Frauenkirchen. Foi criado por volta de 1685, dois anos após a destruição da cidade e igreja pelos turcos. O fundador, príncipe Paul Esterhazy, mandou-o construir junto com a basílica. Termina em forma de caracol para um platô de onde um grupo de crucificação de pedra colossal de 1759 sobe ao céu. As capelas mostram as estações dos sofrimentos do Salvador em relevos de pedra. O sacro monte em Frauenkirchen é um dos monumentos barrocos mais importantes da Áustria e um destino e atração para muitos peregrinos e turistas. (definição 5 964 × 3 096)

Sacro monte em Frauenkirchen (1685), um município austríaco localizado no distrito de Neusiedl am See, no estado de Burguenlândia. O sacro monte ou calvário está localizado em uma área verde em frente à Basílica de Frauenkirchen. Foi criado por volta de 1685, dois anos após a destruição da cidade e igreja pelos turcos. O fundador, príncipe Paul Esterhazy, mandou-o construir junto com a basílica. Termina em forma de caracol para um platô de onde um grupo de crucificação de pedra colossal de 1759 sobe ao céu. As capelas mostram as estações dos sofrimentos do Salvador em relevos de pedra. O sacro monte em Frauenkirchen é um dos monumentos barrocos mais importantes da Áustria e um destino e atração para muitos peregrinos e turistas.
(resolução original: 5 964 × 3 096)

27 de outubro de 2021 editar

Claraboia na extinta estação City Hall da cidade de Nova Iorque. Era uma estação terminal da linha IRT Lexington Avenue do metrô de Nova Iorque. Ficava sob o City Hall Park, próximo à Prefeitura de Nova Iorque, no Civic Center, em Manhattan. A estação foi inaugurada em 27 de outubro de 1904, como uma das 28 estações originais do metrô de Nova Iorque e fechada em 31 de dezembro de 1945 porque foi construída em uma curva que não podia mais acomodar trens novos e mais longos. A plataforma única e o mezanino apresentam claraboias, azulejos de vidro colorido e lustres de latão. É única no sistema de aproveitamento da arquitetura neorromânica e está listada no Registro Nacional de Lugares Históricos. (definição 4 378 × 3 156)

Claraboia na extinta estação City Hall da cidade de Nova Iorque. Era uma estação terminal da linha IRT Lexington Avenue do metrô de Nova Iorque. Ficava sob o City Hall Park, próximo à Prefeitura de Nova Iorque, no Civic Center, em Manhattan. A estação foi inaugurada em 27 de outubro de 1904, como uma das 28 estações originais do metrô de Nova Iorque e fechada em 31 de dezembro de 1945 porque foi construída em uma curva que não podia mais acomodar trens novos e mais longos. A plataforma única e o mezanino apresentam claraboias, azulejos de vidro colorido e lustres de latão. É única no sistema de aproveitamento da arquitetura neorromânica e está listada no Registro Nacional de Lugares Históricos.
(resolução original: 4 378 × 3 156)

28 de outubro de 2021 editar

Estátua dos santos Cirilo e Metódio no cume da montanha Radhošť (1129 m), Trojanovice, República Tcheca. Cirilo e Metódio são dois irmãos originários da Grécia. Eles eram teólogos cristãos bizantinos e missionários cristãos. Através de seu trabalho, eles influenciaram o desenvolvimento cultural de todos os eslavos, razão pela qual foram chamados de "apóstolos eslavos". Eles são considerados as primeiras pessoas a alfabetizar os eslavos do sul, bem como o território da Bósnia e Herzegovina. São creditados com o projeto do alfabeto glagolítico, o primeiro alfabeto usado para traduzir a antiga língua eslava. Após suas mortes, seus discípulos continuaram seu trabalho missionário entre outros eslavos. Ambos os irmãos são respeitados na Igreja Ortodoxa como santos com o título de "iguais aos apóstolos". Em 1880, o Papa Leão XIII os introduziu em seu calendário de feriados da Igreja Católica. Em 1980, o Papa João Paulo II os proclamou santos protetores da Europa junto com Bento de Núrsia. (definição 2 193 × 2 980)

Estátua dos santos Cirilo e Metódio no cume da montanha Radhošť (1129 m), Trojanovice, República Tcheca. Cirilo e Metódio são dois irmãos originários da Grécia. Eles eram teólogos cristãos bizantinos e missionários cristãos. Através de seu trabalho, eles influenciaram o desenvolvimento cultural de todos os eslavos, razão pela qual foram chamados de "apóstolos eslavos". Eles são considerados as primeiras pessoas a alfabetizar os eslavos do sul, bem como o território da Bósnia e Herzegovina. São creditados com o projeto do alfabeto glagolítico, o primeiro alfabeto usado para traduzir a antiga língua eslava. Após suas mortes, seus discípulos continuaram seu trabalho missionário entre outros eslavos. Ambos os irmãos são respeitados na Igreja Ortodoxa como santos com o título de "iguais aos apóstolos". Em 1880, o Papa Leão XIII os introduziu em seu calendário de feriados da Igreja Católica. Em 1980, o Papa João Paulo II os proclamou santos protetores da Europa junto com Bento de Núrsia.
(resolução original: 2 193 × 2 980)

29 de outubro de 2021 editar

Castelo de Svirzh, região de Leópolis (Lviv), Ucrânia. O castelo é uma residência aristocrática fortificada. Foi originalmente construído pela família nobre Świrski no século XV. No interior do castelo encontra-se uma pequena igreja datada de 1546. A fortaleza foi totalmente reconstruída no século XVII a pedido de seu novo proprietário. Embora cercado por todos os lados por fossos, lagos e pântanos, o forte foi tomado pelos cossacos rebeldes em várias ocasiões. Em 1648, os turcos incendiaram-no. O castelo ficou em ruínas por muitos anos. Foi restaurado em 1907, apenas para ser devastado por um incêndio em 1914. A reconstrução e restauração ocorreram em várias ocasiões desde então. (definição 4 288 × 2 848)

Castelo de Svirzh, região de Leópolis (Lviv), Ucrânia. O castelo é uma residência aristocrática fortificada. Foi originalmente construído pela família nobre Świrski no século XV. No interior do castelo encontra-se uma pequena igreja datada de 1546. A fortaleza foi totalmente reconstruída no século XVII a pedido de seu novo proprietário. Embora cercado por todos os lados por fossos, lagos e pântanos, o forte foi tomado pelos cossacos rebeldes em várias ocasiões. Em 1648, os turcos incendiaram-no. O castelo ficou em ruínas por muitos anos. Foi restaurado em 1907, apenas para ser devastado por um incêndio em 1914. A reconstrução e restauração ocorreram em várias ocasiões desde então.
(resolução original: 4 288 × 2 848)

30 de outubro de 2021 editar

Interior da Basílica de Seckau (Basílica da Assunção de Maria). É a igreja da abadia beneditina de Seckau e igreja paroquial da cidade de Seckau na forania de Knittelfeld na Estíria. Foi a catedral da Estíria desde a fundação da diocese católica sufragânea de Seckau da Arquidiocese de Salzburgo em 1218 até que a sede do bispo foi transferida para Graz em 1782. Em 1930 recebeu o título de basílica menor papal como a quarta igreja na Áustria e a segunda igreja na Estíria. A planta da igreja românica, construída em arenito de Seckau, apresenta um interior alongado de três naves com três absides no leste. Um grupo de crucificação de madeira românico paira sobre o altar-mor em uma suspensão feita de vigas de carvalho e correntes de ferro. O mausoléu dos Habsburgos no corredor esquerdo frontal é uma das principais obras do período barroco da corte de Graz. A Capela da Misericórdia contém a imagem milagrosa mais antiga da Áustria, que data de cerca de 1200. (definição 7 229 × 10 844)

Interior da Basílica de Seckau (Basílica da Assunção de Maria). É a igreja da abadia beneditina de Seckau e igreja paroquial da cidade de Seckau na forania de Knittelfeld na Estíria. Foi a catedral da Estíria desde a fundação da diocese católica sufragânea de Seckau da Arquidiocese de Salzburgo em 1218 até que a sede do bispo foi transferida para Graz em 1782. Em 1930 recebeu o título de basílica menor papal como a quarta igreja na Áustria e a segunda igreja na Estíria. A planta da igreja românica, construída em arenito de Seckau, apresenta um interior alongado de três naves com três absides no leste. Um grupo de crucificação de madeira românico paira sobre o altar-mor em uma suspensão feita de vigas de carvalho e correntes de ferro. O mausoléu dos Habsburgos no corredor esquerdo frontal é uma das principais obras do período barroco da corte de Graz. A Capela da Misericórdia contém a imagem milagrosa mais antiga da Áustria, que data de cerca de 1200.
(resolução original: 7 229 × 10 844)

31 de outubro de 2021 editar

Wahkeena Falls, uma cascata de 73 metros de altura na garganta do rio Columbia, cerca de 21 km a leste de Troutdale, Óregon, Estados Unidos. Ela é diferente das cataratas Multnomah nas proximidades, pois a água não cai diretamente no solo. Em vez disso, Wahkeena Falls tem um fluxo em cascata mais sutil. (definição 4 016 × 6 016)

Wahkeena Falls, uma cascata de 73 metros de altura na garganta do rio Columbia, cerca de 21 km a leste de Troutdale, Óregon, Estados Unidos. Ela é diferente das cataratas Multnomah nas proximidades, pois a água não cai diretamente no solo. Em vez disso, Wahkeena Falls tem um fluxo em cascata mais sutil.
(resolução original: 4 016 × 6 016)