Abel Neto

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Abel Neto
Nome completo Abel Verônico da Silva Neto
Nascimento 18 de janeiro de 1970 (49 anos)
Santos, SP
Nacionalidade brasileiro
Ocupação jornalista, apresentador e repórter

Abel Verônico da Silva Neto ou simplesmente Abel Neto (Santos, 18 de janeiro de 1970) é um jornalista, repórter e apresentador brasileiro da Fox Sports Brasil.

Biografia[editar | editar código-fonte]

Filho do ex-futebolista brasileiro Abel Verônico, quando garoto, acompanhava o pai nos jogos de futebol nos times onde atuava sendo o mascote. A influencia esportiva foi herdada do pai jogador e, o Jornalismo, da mãe, a jornalista Vera Lúcia Oscar Alves da Silva.[1] Em Santos, Abel cursou jornalismo na Universidade Católica de Santos, saindo em 1997, onde também se formou em Letras, na qual foi professor de Inglês. No jornalismo esportivo começou em 1997, no qual esteve no jornal Lance!, então recém-lançado.[2]. Ainda em Santos, começou na TV Tribuna, a convite do ex-professor cobrindo o Santos para o Globo Esporte. Abel ficou até julho de 2000, quando mudou-se para São Paulo, onde se fixou na Globo São Paulo.

Foi apresentador do programa "Espaço Aberto Esporte" na GloboNews. Abel fez várias coberturas esportivas além de cobrir o Corinthians, São Paulo, Palmeiras e Portuguesa como setorista. Entre as várias coberturas, a Copa 2006 e claro acompanhou a evolução dos jogadores Robinho e Kaká, além de acompanhar o caso de racismo envolvendo o São Paulo na Copa Libertadores de 2005.

A partir de 2012, passou a ser apresentador eventual em substituição à Tiago Leifert na edição paulista do programa diário Globo Esporte. Entre 2013 e 2018, foi o apresentador do quadro de esportes no Bom Dia São Paulo, além de ser apresentador eventual no Seleção, do canal SporTV.[3].

Em 27 de abril de 2018, Abel deixou a Globo e foi contratado pelo Fox Sports Brasil.[4][5]

Bordão[editar | editar código-fonte]

Abel criou o bordão "Um beijo do negão", com o qual se despedia quando estava na apresentação eventual do Globo Esporte. Abel inspirou-se no apresentador Jô Soares, que sempre encerrava com "um beijo do Gordo" seu programa.[3]

Vida Pessoal[editar | editar código-fonte]

Abel é casado com a também jornalista Mariliz Rodrigues Camacho Torres e dessa relação tem dois filhos.[6]

Prêmios[editar | editar código-fonte]

  • 1999- Revelação do Jornalismo Esportivo, pela Associação dos Cronistas Esportivos do Estado de São Paulo (Aceesp)
  • 2008- Marketing e Empreendedores, promovido pela revista Top of Business (SP)
  • 2015- Prêmio Comunique-se Esportes Mídia Falada [7]

Referências

  1. «Que fim levou Abel». Terceiro Tempo BOL. Consultado em 28 de abril de 2014 
  2. «Formado em Jornalismo, Abel Neto é finalista do Prêmio Comunique-se 2017». UniSantos. Consultado em 30 de abril de 2018 
  3. a b «ABEL NETO». Memória Globo Globo.com. Consultado em 27 de abril de 2018 
  4. «Abel Neto troca Globo pela FOX; Julio Cesar estará no Central da Copa». UOL Esporte vê TV. Consultado em 27 de abril de 2018 
  5. «Abel Neto». Portal dos Jornalistas. Consultado em 27 de abril de 2018 
  6. «Nasce filho do repórter esportivo Abel Neto». Terra. 18 de julho de 2011. Consultado em 30 de abril de 2018 
  7. «Grupo Globo é o grande campeão do Prêmio Comunique-se 2015; veja lista». NaTelinha. 23 de setembro de 2015. Consultado em 27 de abril de 2018