Expedição 9

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Expedição 9
Insígnia da missão
Estatísticas da missão
Número de tripulantes 2
Lançamento 19 de abril de 2004 03:19 UTC
Cosmódromo de Baikonur, Cazaquistão
Aterrissagem 24 de outubro de 2004 00:35UTC
Arkalyk, Cazaquistão
Órbitas 2940
Duração 187d 21h 16min
Imagem da tripulação
Finck e Padalka
Finck e Padalka
Navegação
Expedition 8 insignia.svg Expedição 8
Expedição 10 ISS Expedition 10 patch.svg

Expedição 9 foi a nona expedição à Estação Espacial Internacional, realizada entre abril e outubro de 2004. A expedição teve início com o lançamento da nave Soyuz TMA-4 do Cosmódromo de Baikonur, no Cazaquistão, que transportou o cosmonauta russo Gennady Padalka e o astronauta norte-americano Edward Fincke até a ISS, além do astronauta neerlandês Andre Kuipers, que passou apenas onze dias a bordo.

Tripulação[editar | editar código-fonte]

Insígnia[editar | editar código-fonte]

A insígnia da Expedição 9 inclui uma homenagem a astronautas e cosmonautas que morreram durante a exploração espacial. As asas da águia no desenho contém 16 estrelas amarelas e uma estrela de David. Elas representam os astronautas Virgil Grissom, Ed White e Roger Chaffee, mortos no incêndio da Apollo 1 ocorrido durante treinamento em Cabo Kennedy, em 1967; Francis "Dick" Scobee,Michael Smith, Ronald McNair, Ellison Onizuka, Gregory Jarvis, Judith Resnik e a professora Christa McAuliffe, mortos no acidente da Challenger, em 1986; e os astronautas Rick Husband, William McCool, David Brown, Kalpana Chawla,Michael Anderson, Laurel Clark e Ilan Ramon, o primeiro astronauta de Israel, mortos no acidente da Columbia, em janeiro de 2003. Também fazem parte do desenho cinco estrelas vermelhas, em torno do pescoço da águia, representando os cosmonautas soviéticos mortos Vladimir Komarov - morto na Soyuz 1 - Georgi Dobrovolski, Viktor Patsayev, Vladislav Volkov - mortos na Soyuz 11 - e Yuri Gagarin - a maior delas - primeiro homem no espaço, morto num acidente aéreo em 1967.[1]

Parâmetros da Missão[editar | editar código-fonte]

Missão[editar | editar código-fonte]

Padalka e Fincke chegaram na ISS em 21 de abril de 2004 junto com o astronauta da ESA Andre Kuipers, que viajou com a tripulação graças a um acordo comercial entre a ESA e a Roscosmos. Após uma semana de operações e atividades conjunta com os integrantes da Expedição 8, eles assumiram o controle e o comando da estação. A expedição foi o centro do projeto do governo dos Estados Unidos de Diagnóstico Avançado de Ultrassom em Microgravidade.

Durante a missão, os astronautas realizaram quatro caminhadas espaciais dedicadas à manutenção e instalação de equipamentos na ISS, usando os trajes espaciais russos Orlan.

Galeria[editar | editar código-fonte]

Referências

Ligações externas[editar | editar código-fonte]