Lista de gols contra em Copas do Mundo FIFA

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Carles Puyol, um dos jogadores a marcar gol contra em uma Copa do Mundo FIFA.

Esta é uma lista de gols contra (português brasileiro) ou autogolos (português europeu) em Copas do Mundo FIFA. Um gol contra acontece quando, acidentalmente, um jogador de seu próprio time acaba fazendo a bola entrar contra sua própria goleira, contabilizando assim um gol para seu adversário.[1] Na história das vinte edições da Copa do Mundo, foram registrados até o momento 53 gols contra, uma média de 2,52 por edição e 0,058 por partida, o que equivale a 1 a cada 16,98 jogos. O gol contra mais famoso da história das Copas do Mundo foi feito pelo zagueiro colombiano Andrés Escobar, em um jogo contra os Estados Unidos em um jogo da Copa do Mundo FIFA de 1994.[2] Ao tentar interceptar um cruzamento do adversário John Harkes, Escobar acabou colocando a bola contra a própria meta, e, por este motivo, acabou sendo assassinado duas semanas depois em uma discoteca na cidade de Medellín, seu país-natal.[3]

Esta lista contempla apenas os gols marcados em Copas do Mundo FIFA, não incluindo, portanto, os que ocorreram em eliminatórias.

Estatísticas e Curiosidades[editar | editar código-fonte]

  • A seleção mais favorecida com gols contra é a França, com 6. Já a que mais fez gols contra é a do México, com 4. Entre as seleções que tanto marcaram como sofreram, Alemanha, Portugal e Espanha possuem a maior soma de gols contra feitos e em benefício, com no caso da primeira sendo 1 contra feito e 4 que fizeram a favorecendo, no da segunda 2 feitos e 3 em seu favor e no da última 3 feitos e 2 a favor.
  • Uma única partida teve dois gols contra, em 2006, quando o português Jorge Costa marcou a favor dos Estados Unidos, e o norte-americano Jeff Agoos em favor de Portugal.[5] Além destas duas seleções, Espanha (1998), Paraguai (2006), Rússia (2018) e Croácia (2018) também tanto sofreram como foram beneficiadas com gol contra em uma mesma Copa, mas em partidas diferentes.
  • O holandês Ernie Brandts e o croata Mario Mandžukić são os únicos futebolistas a marcarem gols para ambos os lados numa mesma partida. O primeiro no jogo Holanda 2 x 1 Itália, em 1978, em que marcou um gol contra a favor da Itália, mas se recuperou, e fez um gol a favor de sua equipe. O segundo no jogo França 4 x 2 Croácia, em 2018. Além deles, os outros jogadores que marcaram gol contra, mas também marcaram a favor de seu time, só que em outras partidas, foram: o mexicano Manuel Rosas, que marcou um contra e dois a favor em 1930; o holandês Ruud Krol, que marcou um contra em 1978 e um gol a favor na mesma Copa; o iugoslavo Siniša Mihajlović, que marcou um contra e um a favor em 1998; o sul-coreano Park Chu-Young, que marcou um contra e um a favor em 2010; o espanhol Carles Puyol, que marcou um contra em 2002 e um a favor em 2010; e o russo Denis Cheryshev, que marcou um contra e quatro a favor em 2018. Brandts, antes do jogo com a Itália, já havia marcado um gol para a Holanda. Mandžukić, antes da final do Mundial russo, já havia feito um gol (a favor) na mesma edição e dois na anterior.[6]
  • Trinidad e Tobago é a única seleção que marcou mais gols contra que a favor em Copas, já que o de Brent Sancho foi o único na história da seleção no torneio.[7]
  • O bósnio Sead Kolašinac marcou o gol contra mais rápido da história das Copas, ao marcar o gol logo aos 2 min de partida.[9]
  • O inglês Jimmy Dickinson marcou o gol contra mais tardio, tendo o feito aos 4 minutos do primeiro tempo da prorrogação (94 minutos). No tempo normal, o mais tardio foi o do marroquino Aziz Bouhaddouz, feito no 5º minuto do acréscimo da segunda etapa.
  • O gol do sul-africano Pierre Issa em prol da França, em 1998, foi o gol número 1600 das Copas.
  • No ano de 2018 foi registrado o maior número de gols contra, doze, possuindo também a maior média de gols contra: 0,18 por jogo (12 em 64 partidas). As edições de 1934, 1958, 1962 e 1990 não tiveram nenhum. Em 2018 aconteceram os primeiros gol(o)s contra a favor de seleções da América Central e da Ásia.
  • O mexicano Edson Álvarez fez, possivelmente, o primeiro gol contra de mão do torneio, em confronto com a Suécia (2018).
  • No ano de 2014 o primeiro gol da Copa foi um gol contra, marcado pelo lateral-esquerdo Marcelo da Seleção Brasileira, favorecendo a equipe da Croácia. Este foi, também, o primeiro gol contra da Seleção Canarinho em suas participações no torneio.
  • A Seleção Panamenha marcou 2 gols em Copas, sendo um deles feito pelo adversário, o que a torna a seleção com mais gols contra a favor em relação ao total de gols feitos: 50%. É também a seleção com maior média de gols contra a favor por jogo: 0,33 (1 gol em 3 partidas). Como participou de uma Copa, possui a maior média de gols contra a favor por participações, junto com a Alemanha Oriental (que também participou de apenas uma edição e tem um gol contra a favor).
  • Bósnia e Trinidad e Tobago possuem a maior média de gols contra por partida: 0,3 por jogo (ambas seleções jogaram três partidas e marcaram um gol contra). Como cada uma sofreu 4 gols em suas respectivas participações, o gol contra de cada uma representa também 25% dos seus gols sofridos, a maior taxa de gols contra em relação ao total de sofridos. Elas também participaram apenas de uma Copa, possuindo então a maior média de gols-contra por participações.
  • México (1970), Brasil (2014) e Rússia (2018) marcaram contra em uma Copa em que eram anfitriãs. Já Brasil (1950), Estados Unidos (1994), França (1998), Alemanha (2006) e Rússia (2018) foram beneficiadas com gol contra quando anfitriãs.
  • Apenas a Bulgária e a anfitriã Rússia marcaram duas vezes contra em uma mesma Copa, a primeira em 1966 e a outra em 2018, com ambas realizando este ato em partidas seguidas. Além das duas, outra que marcou em jogos consecutivos, mas de edições diferentes, foi a Nigéria, que fez contra no seu último jogo em 2014 e na sua estreia em 2018.
  • A França foi beneficiada com gol contra duas vezes nos Mundiais de 2014 e 2018, tornando-se a seleção mais beneficiada com gols contra em uma única edição.
  • Somente a Iugoslávia marcou duas vezes em prol de uma mesma seleção, a Alemanha, primeiramente em 1954 (para a então Alemanha Ocidental) e depois em 1998.
  • Holanda (1974/78), Espanha (1998/2002), Portugal (2002/06), Nigéria (2014/18) e Brasil (2014/18) são as únicas seleções a marcarem gols contra em edições seguidas.
  • Itália (1970/74/78), Paraguai (2002/06), Estados Unidos (2002/06), Argentina (2010/14) e França (2014/18) são as únicas seleções beneficiadas com gols contra em edições seguidas.
  • 37 seleções marcaram um ou mais gols contra (46,83% do total de países que já disputaram o torneio) e 29 foram beneficiadas com um ou mais gols contra (36,70% do total de países que já disputaram o torneio). 18 tanto marcaram como foram beneficiadas, 19 apenas marcaram, 11 apenas foram beneficiadas e 31 nenhum nem outro.
  • Das 52 partidas com gols contra, 8 terminaram empatadas e, desconsiderando a única partida em que ambos os times marcaram contra, 6 terminaram com vitória do time que fez o gol contra e 37 com vitória do time beneficiado.
  • Os 53 gols contra representam 2,08% de todos os gols em Copas (2548 gols), uma média de 1 a cada 48. As 52 partidas com gols contra representam 5,77% de todas as partidas do torneio (900 partidas), uma média de uma a cada 17.
  • Entre as campeãs, somente a Seleção Italiana, no título de 2006, marcou um gol contra em sua campanha. As seleções do Brasil (1950), da Alemanha (1954) e da França (1998 e 2018), foram favorecidas com gols contra em algum jogo da campanha do título.
  • 27 gols foram marcados no primeiro tempo e 25 no segundo tempo, além de um gol no primeiro tempo da prorrogação.
  • Austrália (1974), África do Sul (1998) e Bósnia (2014) marcaram no primeiro jogo em Copas. Além deles, México (1930), Irá (1978) e Trinidad e Tobago (2006) também marcaram em sua primeira participação, mas no segundo jogo no caso das duas primeiras e no terceiro no da outra.
  • Uruguai (1954) e Alemanha Ocidental (1978) marcaram contra em uma Copa em que defendiam o título. Já Itália (1986) e Brasil (1998) foram beneficiadas quando atual campeãs.

Lista dos gols contra em Copas do Mundo FIFA[editar | editar código-fonte]

# Jogador Tempo
(min)
País
(do jogador que fez o gol contra)
Gol Resultado
final
Adversário
(que foi beneficiado pelo gol contra)
Edição Fase Data Ref
1. Manuel Rosas 51 Flag of Mexico.svg México 0–2 0–3 Flag of Chile.svg Chile 1930 Primeira fase 16 de julho de 1930 [4]
2. Ernst Lörtscher 22 Flag of Switzerland.svg Suíça 0–2 4–2 Bandeira da Alemanha Alemanha 1938 Primeira fase 9 de setembro de 1938 [10]
3. Sven Jacobsson[nota 1] 19 Flag of Sweden.svg Suécia 1–1 1–5 Flag of Hungary.svg Hungria 1938 Semi-finais 16 de junho de 1938 [11]
4. José Parra Martínez 15 Flag of Spain.svg Espanha 0–1 1–6 Brasil Brasil 1950 Quadrangular final 13 de julho de 1950 [12]
5. Jimmy Dickinson 94 Flag of England.svg Inglaterra 4–4 4–4 (pr.) Flag of Belgium.svg Bélgica 1954 Primeira fase 17 de junho de 1954 [13]
6. Raúl Cárdenas 46 Flag of Mexico.svg México 0–2 2–3 França França 1954 Primeira fase 19 de junho de 1954 [14]
7. Ivan Horvat 9 Flag of Yugoslavia (1946-1992).svg Iugoslávia 0–1 0–2 Bandeira da Alemanha Ocidental Alemanha Ocidental 1954 Quartas-de-final 27 de junho de 1954 [15]
8. Luis Cruz 59 Flag of Uruguay.svg Uruguai 1–2 1–3 Flag of Austria.svg Áustria 1954 Disputa do 3° lugar 3 de julho de 1954 [16]
9. Ivan Vutsov 17 Flag of Bulgaria.svg Bulgária 0–1 0–3 Flag of Portugal.svg Portugal 1966 Primeira fase 16 de julho de 1966 [17]
10. Ivan Davidov 43 Flag of Bulgaria.svg Bulgária 1–1 1–3 Flag of Hungary.svg Hungria 1966 Primeira fase 20 de julho de 1966 [18]
11. Javier Guzmán 25 Flag of Mexico.svg México 1–1 1–4 Flag of Italy.svg Itália 1970 Quartas-de-final 14 de junho de 1970 [19]
12. Colin Curran 58 Flag of Australia.svg Austrália 0–1 0–2 Bandeira da Alemanha Oriental Alemanha Oriental 1974 Primeira fase 14 de junho de 1974 [20]
13. Roberto Perfumo 35 Flag of Argentina.svg Argentina 1–1 1–1 Flag of Italy.svg Itália 1974 Primeira fase 19 de junho de 1974 [21]
14. Ruud Krol 78 Países Baixos Países Baixos 3–1 4–1 Flag of Bulgaria.svg Bulgária 1974 Primeira fase 23 de junho de 1974 [22]
15. Andranik Eskandarian 43 Flag of Iran.svg Irã 0–1 1–1 Flag of Scotland.svg Escócia 1978 Primeira fase 7 de junho de 1978 [23]
16. Ernie Brandts 18 Países Baixos Países Baixos 0–1 2–1 Flag of Italy.svg Itália 1978 Segunda fase 21 de junho de 1978 [24]
17. Berti Vogts 59 Bandeira da Alemanha Ocidental Alemanha Ocidental 1–1 2–3 Flag of Austria.svg Áustria 1978 Segunda fase 21 de junho de 1978 [25]
18. Jozef Barmoš 66 Flag of the Czech Republic.svg Tchecoslováquia 0–2 0–2 Flag of England.svg Inglaterra 1982 Primeira fase 20 de junho de 1982 [26]
19. László Dajka 73 Flag of Hungary.svg Hungria 0–5 0–6 Flag of the Soviet Union.svg União Soviética 1986 Primeira fase 22 de junho de 1986 [27]
20. Cho Kwang-Rae 82 Flag of South Korea.svg Coreia do Sul 1–3 2–3 Flag of Italy.svg Itália 1986 Primeira fase 10 de junho de 1986 [28]
21. Andrés Escobar 35 Flag of Colombia.svg Colômbia 0–1 1–2 Flag of the United States.svg Estados Unidos 1994 Primeira fase 22 de junho de 1994 [2]
22. Tom Boyd 74 Flag of Scotland.svg Escócia 1–2 1–2 Brasil Brasil 1998 Primeira fase 10 de junho de 1998 [29]
23. Youssef Chippo 46 Flag of Morocco.svg Marrocos 1–1 2–2 Flag of Norway.svg Noruega 1998 Primeira fase 10 de junho de 1998 [30]
24. Pierre Issa 77 Bandeira da África do Sul África do Sul 0–2 0–3 França França 1998 Primeira fase 12 de junho de 1998 [31]
25. Andoni Zubizarreta 73 Flag of Spain.svg Espanha 2–2 2–3 Flag of Nigeria.svg Nigéria 1998 Primeira fase 13 de junho de 1998 [32]
26. Siniša Mihajlović 72 Flag of Yugoslavia (1946-1992).svg Iugoslávia 2–1 2–2 Bandeira da Alemanha Alemanha 1998 Primeira fase 21 de junho de 1998 [33]
27. Georgi Bachev 88 Flag of Bulgaria.svg Bulgária 1–5 1–6 Flag of Spain.svg Espanha 1998 Primeira fase 24 de junho de 1998 [34]
28. Jorge Costa 29 Flag of Portugal.svg Portugal 0–2 2–3 Flag of the United States.svg Estados Unidos 2002 Primeira fase 5 de junho de 2002 [5]
29. Jeff Agoos 71 Flag of the United States.svg Estados Unidos 3–2 3–2 Flag of Portugal.svg Portugal 2002 Primeira fase 5 de junho de 2002 [5]
30. Carles Puyol 10 Flag of Spain.svg Espanha 0–1 3–1 Flag of Paraguay.svg Paraguai 2002 Primeira fase 7 de junho de 2002 [35]
31. Carlos Gamarra 3 Flag of Paraguay.svg Paraguai 0–1 0–1 Flag of England.svg Inglaterra 2006 Primeira fase 10 de junho de 2006 [36]
32. Cristian Zaccardo 27 Flag of Italy.svg Itália 1–1 1–1 Flag of the United States.svg Estados Unidos 2006 Primeira fase 17 de junho de 2006 [37]
33. Brent Sancho 25 Trinidad e Tobago Trinidad e Tobago 0–1 0–2 Flag of Paraguay.svg Paraguai 2006 Primeira fase 20 de junho de 2006 [38]
34. Petit 60 Flag of Portugal.svg Portugal 0–2 1–3 Bandeira da Alemanha Alemanha 2006 Disputa do 3° lugar 8 de julho de 2006 [39]
35. Daniel Agger 46 Flag of Denmark.svg Dinamarca 0–1 0–2 Países Baixos Países Baixos 2010 Primeira fase 14 de junho de 2010 [40]
36. Park Chu-Young 17 Flag of South Korea.svg Coreia do Sul 0–1 1–4 Flag of Argentina.svg Argentina 2010 Primeira fase 17 de junho de 2010 [41]
37. Marcelo 11 Brasil Brasil 0–1 3–1  Bandeira da Croácia Croácia 2014 Primeira fase 12 de junho de 2014
38. Noel Valladares 48' Flag of Honduras.svg Honduras 0–2 0–3  França França 2014 Primeira fase 15 de junho de 2014 [8]
39. Kolasinac 2' Flag of Bosnia and Herzegovina.svg Bósnia e Herzegovina 0–1 1–2  Flag of Argentina.svg Argentina 2014 Primeira fase 15 de junho de 2014 [9]
40. John Boye 31' Flag of Ghana.svg Gana 0–1 1–2 Flag of Portugal.svg Portugal 2014 Primeira fase 02014-06-26 26 de junho de 2014 [42]
41. Joseph Yobo 90+2' Flag of Nigeria.svg Nigéria 0–2 0–2 França França 2014 Oitavas-de-final 02014-06-30 30 de junho de 2014 [43]
42. Aziz Bouhaddouz 90+5' Flag of Morocco.svg Marrocos 0–1 0–1  Flag of Iran.svg Irã 2018 Primeira fase 15 de junho de 2018
43. Aziz Behich 81' Flag of Australia.svg Austrália 1–2 1–2  França França 2018 Primeira fase 16 de junho de 2018
44. Peter Etebo 32' Flag of Nigeria.svg Nigéria 0–1 0–2  Bandeira da Croácia Croácia 2018 Primeira fase 16 de junho de 2018
45. Thiago Cionek 37' Flag of Poland.svg Polónia 0–1 1–2  Flag of Senegal.svg Senegal 2018 Primeira fase 19 de junho de 2018
46. Ahmed Fathy 47' Flag of Egypt.svg Egito 0–1 1–3 Flag of Russia.svg Rússia 2018 Primeira fase 19 de junho de 2018
47. Denis Cheryshev 23' Flag of Russia.svg Rússia 0–2 0–3 Flag of Uruguay.svg Uruguai 2018 Primeira fase 25 de junho de 2018
48. Edson Álvarez 74' Flag of Mexico.svg México 0–3 0–3 Flag of Sweden.svg Suécia 2018 Primeira fase 27 de junho de 2018
49. Yann Sommer 90+3' Flag of Switzerland.svg Suíça 2–2 2–2 Flag of Costa Rica (state).svg Costa Rica 2018 Primeira fase 27 de junho de 2018
50. Yassine Meriah 33' Flag of Tunisia.svg Tunísia 0–1 2–1 Flag of Panama.svg Panamá 2018 Primeira fase 28 de junho de 2018
51. Sergey Ignashevich 12' Flag of Russia.svg Rússia 0–1 1–1 Flag of Spain.svg Espanha 2018 Oitavas-de-final 1 de julho de 2018
52. Fernandinho 13' Brasil Brasil 0–1 1–2 Flag of Belgium.svg Bélgica 2018 Quartas-de-final 6 de julho de 2018
53. Mario Mandžukić 17' Bandeira da Croácia Croácia 0–1 2–4 França França 2018 Final 15 de julho de 2018

Notas e referências

Notas

  1. Há uma certa controvérsia a respeito deste gol. Segundo consta na ficha do jogo disponibilizada pelo site da FIFA, o sueco Sven Jacobsson realmente marcou o gol contra. Porém, muitas outras fontes creditam este gol ao húngaro Gyula Zsengellér.

Referências

  1. «Significado de own goal (original de gol contra)» (em inglês). The Free Dictionary. Consultado em 2 de janeiro de 2013. 
  2. a b «Súmula do jogo Colômbia x EUA» (em inglês). FIFA. Consultado em 2 de janeiro de 2013. 
  3. «A Guerra do Futebol (The Soccer Wars)» (em inglês). Washington Post. Consultado em 2 de janeiro de 2013. 
  4. a b «Súmula do jogo México x Chile» (em inglês). FIFA. Consultado em 2 de janeiro de 2013. 
  5. a b c «Súmula do jogo Portugal x EUA» (em inglês). FIFA. Consultado em 2 de janeiro de 2013. 
  6. «Russo quebra tabu de 8 anos ao fazer gols contra e a favor em Copa do Mundo; veja lista». Torcedores.com. 25 de junho de 2018 
  7. «Trinidad e Tobago dá adeus com gol contra de Sancho». The Guardian. Consultado em 2 de janeiro de 2013. 
  8. a b esportes.terra.com.br/ Benzema marca dois, tecnologia da linha de gol é usada e França vence na estreia
  9. a b esportes.terra.com.br/ Kolasinac faz história ao marcar o gol contra mais rápido de uma Copa
  10. «Súmula do jogo Suíça x Alemanha» (em inglês). FIFA. Consultado em 2 de janeiro de 2013. 
  11. «Súmula do jogo Suécia x Hungria» (em inglês). FIFA. Consultado em 2 de janeiro de 2013. 
  12. «Súmula do jogo Espanha x Brasil» (em inglês). FIFA. Consultado em 2 de janeiro de 2013. 
  13. «Súmula do jogo Inglaterra x Bélgica» (em inglês). FIFA. Consultado em 2 de janeiro de 2013. 
  14. «Súmula do jogo México x França» (em inglês). FIFA. Consultado em 2 de janeiro de 2013. 
  15. «Súmula do jogo Iugoslávia x Alemanha Ocidental» (em inglês). FIFA. Consultado em 2 de janeiro de 2013. 
  16. «Súmula do jogo Uruguai x Áustria» (em inglês). FIFA. Consultado em 2 de janeiro de 2013. 
  17. «Súmula do jogo Bulgária x Portugal» (em inglês). FIFA. Consultado em 2 de janeiro de 2013. 
  18. «Súmula do jogo Bulgária x Hungria» (em inglês). FIFA. Consultado em 2 de janeiro de 2013. 
  19. «Súmula do jogo México x Itália» (em inglês). FIFA. Consultado em 2 de janeiro de 2013. 
  20. «Súmula do jogo Austrália x Alemanha Oriental» (em inglês). FIFA. Consultado em 2 de janeiro de 2013. 
  21. «Súmula do jogo Argentina x Itália» (em inglês). FIFA. Consultado em 2 de janeiro de 2013. 
  22. «Súmula do jogo Países Baixos x Bulgária» (em inglês). FIFA. Consultado em 2 de janeiro de 2013. 
  23. «Súmula do jogo Irã x Escócia» (em inglês). FIFA. Consultado em 2 de janeiro de 2013. 
  24. «Súmula do jogo Países Baixos x Itália» (em inglês). FIFA. Consultado em 2 de janeiro de 2013. 
  25. «Súmula do jogo Alemanha Ocidental x Áustria» (em inglês). FIFA. Consultado em 2 de janeiro de 2013. 
  26. «Súmula do jogo Tchecoslováquia x Inglaterra» (em inglês). FIFA. Consultado em 2 de janeiro de 2013. 
  27. «Súmula do jogo Hungria x União Soviética» (em inglês). FIFA. Consultado em 2 de janeiro de 2013. 
  28. «Súmula do jogo Coreia do Sul x Itália» (em inglês). FIFA. Consultado em 2 de janeiro de 2013. 
  29. «Súmula do jogo Escócia x Brasil» (em inglês). FIFA. Consultado em 2 de janeiro de 2013. 
  30. «Súmula do jogo Marrocos x Noruega» (em inglês). FIFA. Consultado em 2 de janeiro de 2013. 
  31. «Súmula do jogo x» (em inglês). FIFA. Consultado em 2 de janeiro de 2013. 
  32. «Súmula do jogo Espanha x Nigéria» (em inglês). FIFA. Consultado em 2 de janeiro de 2013. 
  33. «Súmula do jogo Yugoslávia x Alemanha» (em inglês). FIFA. Consultado em 2 de janeiro de 2013. 
  34. «Súmula do jogo Bulgária x Espanha» (em inglês). FIFA. Consultado em 2 de janeiro de 2013. 
  35. «Súmula do jogo Espanha x Paraguai» (em inglês). FIFA. Consultado em 2 de janeiro de 2013. 
  36. «Súmula do jogo Paraguai x Inglaterra» (em inglês). FIFA. Consultado em 2 de janeiro de 2013. 
  37. «Súmula do jogo Itália x EUA» (em inglês). FIFA. Consultado em 2 de janeiro de 2013. 
  38. «Súmula do jogo Trinidad e Tobago x Paraguai» (em inglês). FIFA. Consultado em 2 de janeiro de 2013. 
  39. «Súmula do jogo Portugal x Alemanha» (em inglês). FIFA. Consultado em 2 de janeiro de 2013. 
  40. «Súmula do jogo Dinamarca x Países Baixos» (em inglês). FIFA. Consultado em 2 de janeiro de 2013. 
  41. «Súmula do jogo Coréia do Sul x Argentina» (em inglês). FIFA. Consultado em 2 de janeiro de 2013. 
  42. «Súmula do jogo Gana x Portugal» (em inglês). FIFA. Consultado em 19 de junho de 2018. 
  43. «Súmula do jogo Gana x França» (em inglês). FIFA. Consultado em 19 de junho de 2018. 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]