Antonomásia

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

Antonomásia é uma figura de linguagem caracterizada pela substituição de um nome por outro nome ou expressão que lembre uma qualidade, característica ou um fato que, de alguma forma, identifique-o. Por exemplo: quando se fala "O Apóstolo dos Gentios" no lugar de se escrever "São Paulo"[1] . É um caso especial de metonímia, ou seja, uma substituição de um nome por outro que com ele tenha afinidades semânticas. Essa substituição resulta comumente do patrimônio pessoal ou da profissão do indivíduo em causa, em geral conhecidos, que devem ser, pelo menos, facilmente deduzíveis pelo receptor de modo que uma substituição seja compreendida e provoque o efeito desejado.


Outros Exemplos:

Ícone de esboço Este artigo sobre literatura é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.


Referências

  1. Mendes de Almeida, Napoleão (1995). Gramática metódica da língua portuguesa. São Paulo-SP: Saraiva.