Bandeirante Esporte Clube

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Bandeirante
Bandeirante EC.svg
Nome Bandeirante Esporte Clube
Alcunhas BEC, Leão da Noroeste
Mascote Leão
Fundação 11 de março de 1923 (91 anos)
Estádio Pedro Marin Berbel
Capacidade 18.000 lugares
Presidente Brasil Celso Luiz Aguiar
Treinador Brasil Souzinha
Competição São Paulo Campeonato Paulista - Segunda Divisão
São Paulo B 2014 Em Breve
São Paulo B 2013 35o Colocado
São Paulo B 2013] Não Disputou
Website www.bandeiranteec.com.br
Kit left arm.png Kit body blackstripes3.png Kit right arm.png
Kit shorts.png
Kit socks.png
Uniforme
titular
Kit left arm.png Kit body.png Kit right arm.png
Kit shorts.png
Kit socks.png
Uniforme
alternativo
editar

Bandeirante Esporte Clube é um clube de futebol da cidade de Birigui, interior do estado de São Paulo. É um dos times paulistas mais antigos e tradicionais, tendo jogado em todas as divisões do Campeonato Paulista. Durante o ano de 1987 esteve na Primeira Divisão(atual A-1). Jogadores famosos já passaram pelo Bandeirante, como Paulinho McLaren, Palhinha, Esquerdinha (ex-São Caetano e Botafogo), André Cunha (ex-Sociedade Esportiva Palmeiras),André Liranço(ex-Penapolense),Romeu Pelicciari(ex-Palmeiras) e Arinélson (ex-Santos Futebol Clube).

História[editar | editar código-fonte]

A tradicionalíssima equipe de Birigui já disputou todas as divisões dos campeonatos organizados pela Federação Paulista de Futebol. É uma das poucas equipes do interior do estado de São Paulo que tem essa experiência.

Desde 1980, oscilava entre a Segunda e Terceira divisões (atuais A-2 e A-3, respectivamente).

Em 1983,o maior desastre da sua história.Num jogo entre Bandeirante e Noroeste de Bauru valendo pelo Paulista da Segunda Divisão(atual A-2),a torcida leonina invadiu o gramado para agredir o assistente que deu impedimento no único gol do BEC no jogo e acabou invadindo também o lugar da torcida do Noroeste.

Campeão da Segunda Divisão (atual A2) em 1986 em cima do mesmo Noroeste,participou pela primeira e única vez da Primeira Divisão(atual A-1) em 1987.Mas não foi bem sucedido durante todo o campeonato e foi rebaixado. O maior feito do time no campeonato daquele ano,foi vencer o São Paulo Futebol Clube dentro do estádio do Morumbi.

No Paulistão de 1988,a Federação Paulista mudou tantas vezes as leis de rebaixamento, o que fez Bandeirante e a Ponte Preta tentarem na justiça o direito de disputar novamente a Primeira Divisão. A maioria dos clubes da Primeira boicotaram os dois clubes que acabaram sendo rebaixados para a Segundona.

Em 2001 o BEC sagrou-se campeão da Copa Coca-Cola(atual Copa Paulista) em cima do União Barbarense.O torneio dava direito a uma vaga na Copa do Brasil para a equipe campeã, mas em uma destas inexplicáveis viradas de mesa, o direito de disputar o certame nacional foi passado ao Clube Atlético Bragantino.

Em 2004,2005 e 2007,o time ficou muito próximo de subir à Série A-1 do Paulistão.No ano seguinte ao de 2007,rebaixamento para a Série A-3.

Em 2010,o BEC sentiu o gosto amargo de ser rebaixado para a Segunda Divisão(antiga Série B-1).

Estádio[editar | editar código-fonte]

O time manda os seus jogos no Estádio Municipal Pedro Marin Berbel, ou "Pedrão", com capacidade para 18.000 pessoas. A partida de inauguração do "Pedrão" ocorreu em 11 de fevereiro de 1983 entre Bandeirante 1 x 2 Botafogo de Ribeirão Preto.Antes,a equipe mandava seus jogos no acanhado Estádio Roberto Clark onde funciona hoje as escolinhas de base do Bandeirante.

Mascote[editar | editar código-fonte]

No passado,a equipe do Bandeirante Esporte Clube fez uma excursão, jogando contra equipes de cidades existentes ao longo da Estrada de Ferro Noroeste do Brasil, não perdendo e nem empatando uma só partida. A partir daí, ficou conhecido como Leão da Noroeste.

Assim como sua cidade, o "Leão da Noroeste" era muito citado no Rockgol de Domingo, com direito a leãozinho de pelúcia vestido de uniforme bandeirantino no cenário.

Galeria dos Presidentes[editar | editar código-fonte]

  • 01- José Troncoso (1.º Presidente)
  • 02- Magnus Henrique Olzon
  • 03- Architreclino de Brito
  • 04- Victor Giampietro
  • 05- José Antonio Barbosa
  • 06- Dr. Arthur da Silva Cordeiro
  • 07- Dr. João José Abdala
  • 08- Francisco Arditto
  • 09- Primo Lot
  • 10- José Agostinho Rossi
  • 11- Donato Farina
  • 12- Dr. Nestor de Cunto
  • 13- Dr. Luiz Melhado de Campos
  • 14- Dr. José Perri
  • 15- Pedro Gonçalves Motta
  • 16- Alberto Morais Pereira
  • 17- Leonardo Gracia Junior
  • 18- Carlos Macedo Silveira
  • 19- Waldemar Garcia Moreno
  • 20- Dr. Alceu Barroso de Carvalho
  • 21- Sérgio dos Santos
  • 22- Milton Coradazzi
  • 23- Benemérito Ferreira Alves
  • 24- Mauro Pioli Limieri
  • 25- Oswaldo Lourenço de Oliveira
  • 26- Otimio Inácio
  • 27- Carlos Soares Hidalgo
  • 28- Evaristo Rocha Garcia
  • 29- Egídio Navarro
  • 30- José da Silva
  • 31- Maurílio Tompsiti
  • 32- Dorival Volpe
  • 33- Wilson Carlos Borini
  • 34- Hamilton Vejalão Ferraz
  • 35- Eurico Mattos
  • 36- Sílvio Augusto Passarelli
  • 37- Alberto Rosa Geraldi
  • 38- Odeir Ramos
  • 39- Lupércio Crevelaro
  • 40- Gumercindo de Souza Ribeiro
  • 41- José Carlos Taldivo (Lalo)
  • 42- Daniel Felipini
  • 43- Dalton Celestino Silva
  • 44- Valdir Reato Junior
  • 45- Ademir Wellington de Oliveira (Bizi)
  • 46- Luiz Aparecido Telles Cardoso
  • 47- Dalton Celestino Silva
  • 48- Celso Luiz Aguiar

Títulos[editar | editar código-fonte]

Ver também[editar | editar código-fonte]

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Site Oficial [1]