O Rei Leão 2: O Reino de Simba

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Question book.svg
Este artigo não cita fontes confiáveis e independentes. (desde maio de 2011). Por favor, adicione referências e insira-as corretamente no texto ou no rodapé. Conteúdo sem fontes poderá ser removido.
Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
The Lion King 2: Simba's Pride
O Rei Leão 2: O Reino de Simba (PT/BR)
 Estados Unidos
1998 • cor • 81 min 
Direção Darrell Rooney
Rob LaDuca
Roteiro Jonathan Cuba
Flip Kobler
Livro:
Lorenzo Carcaterra
Narração John Malkovich
Elenco Matthew Broderick
James Earl Jones
Moira Kelly
Género animação
drama
infantil
épico
Idioma Inglês
Lançamento Estados Unidos 27 de Outubro de 1998
Cronologia
Último
Último
The Lion King
The Lion King 1½
Próximo
Próximo
Página no IMDb (em inglês)

O Rei Leão 2: O Reino de Simba (título original: The Lion King II: Simba's Pride) é um filme de animação americano de 1998, e sequela do filme de animação clássico da Disney, O Rei Leão.

Sinopse

Gtk-paste.svg Aviso: Este artigo ou se(c)ção contém revelações sobre o enredo.

Conheçam Kiara, filha de Simba e Nala que vive junto a Pedra do Rei no reino, e Kovu, filho de Zira que vive junto com Scar e todos os exilados, que eram aliados e familiares de Scar antes de sua morte.

Ainda pequena, Kiara desobedece Simba, que é um pai muito protetor, tentando impedi-la de se meter em confusões como ele fez quando tinha a idade dela, mas quando desobedece Simba, Kiara acaba conhecendo Kovu e se metendo em algumas pequenas confusões com ele. Quando Simba vê Kiara e Kovu juntos, demonstra sua autoridade e lembrando à filha de que ela deve ficar longe de todos os exilados. Zira briga com Kovu, para que fique longe, mas por fim ela acaba tendo uma ideia para acabar com Simba, fazendo com que os exilados assumam o trono.

Mufasa, pai de Simba (morreu no primeiro filme de O Rei Leão), manda uma mensagem para o sábio babuíno Rafiki, dizendo que Kiara deve ficar junto de Kovu. Passado os anos, Kiara já é adulta mas mesmo assim quando sai para seus passeios é seguida por Timão e Pumba a pedido de Simba, já que ele ainda se preocupa com a vida de sua filha. Durante uma saida para caçar Kiara percebe que está sendo seguida e consegue despistar seus seguidores, e durante a sua tentativa de caça os irmãos de Kovu (Vitani) e (Nuka), que também são exilados, colocam fogo na floresta, onde Kiara quase morre, mas é salva por Kovu.

Simba fica furioso ao saber que Kiara foi salva por Kovu, mas Kovu o lembra de que agora Simba tem uma divida pela vida de Kiara e então pede que possa ficar no território do Reino junto aos não exilados. Simba permite, mas apenas para quitar a dívida. Zira e Nuka,irmão de Kovu, vigiam Kovu de longe para garantir que o plano esteja em ordem, só eles sabem que Kovu se apaixonará Kiara para que possa chegar até Simba e matá-lo.

Passado um tempo Kovu se sente mais atraido por Kiara e vice-versa. Simba observa o amor entre os dois e precisa que Nala o convença a apoiar essa união. Em um dos dias ele pede para conversar com Kovu e descem até os limites do Reino e, chegando lá, Simba percebe que estava em uma armadilha de Zira. Cabe a ele, sozinho, lutar contra os exilados. Kovu não se mete na confusão em nenhum dos lados e acaba não conseguindo impedir a morte de seu irmão, Nuka, então é exilado do reino por Simba e fica distante de sua mãe, que não o perdoa.

Kiara não entende o ponto de vista de Simba e acaba fugindo com Kovu e só retornando durante outro conflito entre Simba e Zira, assim Kiara consegue acabar com a briga dizendo que todos eles são como um só, assim como Simba disse a ela durante sua infância. O conflito acaba com os exilados voltando ao reino e Zira morrendo acidentalmente durante a quebra de um rio. Kiara e Kovu ficam juntos e vivem em paz junto a Simba e Nala, seguindo o destino que Mufasa previu.

Dublagem