Os Flintstones

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
NoFonti.svg
Este artigo ou se(c)ção cita uma ou mais fontes fiáveis e independentes, mas ela(s) não cobre(m) todo o texto (desde julho de 2011).
Por favor, melhore este artigo providenciando mais fontes fiáveis e independentes e inserindo-as em notas de rodapé ou no corpo do texto, conforme o livro de estilo.
Encontre fontes: Googlenotícias, livros, acadêmicoYahoo!Bing. Veja como referenciar e citar as fontes.


The Flintstones
Os Flintstones (PT/BR)
The Flintstones.jpg

Da esq.: Fred, Dino, Wilma, Pedrita, Bambam, Betty e Barney.
Informação geral
Formato Série de desenho animado
Duração aprox. 30 minutos
País de origem  Estados Unidos
Idioma original Inglês
Produção
Elenco Alan Reed
Jean Vander Pyl
Mel Blanc
Bea Benaderet
Gerry Johnson
Tema de abertura Meet the Flintstones de Hoyt Curtin
Exibição
Emissora de
televisão original
Estados Unidos ABC
Transmissão original 30 de setembro de 1960 - 1 de abril de 1966[1]
N.º de temporadas 6
N.º de episódios 166

Os Flintstones (em inglês: The Flintstones) foi uma série de televisão animada produzida pela Hanna-Barbera de 1960 a 1966. O desenho retrata o cotidiano de uma família de classe média da Idade da Pedra. Calcula-se que já foi assistido por 300 milhões de espectadores em 80 países, sendo dublado em 22 idiomas.

No desenho animado, a família Flintstone vive na cidade pré-histórica de Bedrock (canteiro de pedras, em inglês). Fred, o chefe da família, trabalha numa pedreira, dirige um carro com rodas de pedra, cuja propulsão são os seus pés, e tem um dinossauro, chamado Dino, como animal de estimação. A família vizinha são seus amigos, o casal Rubble que possui um híbrido de canguru e dinossauro como animal de estimação, Hoppy. Com o tempo, surgiram Pedrita (Pebbles), a filha dos Flintstones, em 1962, e Bam-Bam, filho adotivo dos Rubbles, em 1963.[2]

Exibida pela primeira vez em 30 de setembro de 1960, Os Flintstones foi a primeira e a mais duradoura série animada de comédia de todos os tempos. Foram seis temporadas. Também foi a primeira animação (2D) a exibir uma história contínua num episódio de meia hora, ao contrário dos desenhos animados até então, bem mais curtos. E mais, foi a primeira série de animação exibida em horário nobre transformando a empresa Hanna-Barbera Productions, criadora da série, num dos maiores estúdios de Hollywood.[2]

História[editar | editar código-fonte]

Anúncio publicitário dos cigarros Winston, nos créditos finais de Os Flintstones, de 1960.

Os Flintstones foi uma criação dos estúdios Hanna-Barbera inspirada na sitcom The Honeymooners e na animação Stone Age Cartoons. Várias piadas de Stone Age são retomadas em Flintstones, como os jornais de pedra e o uso de animais como eletrodomésticos.

A série é construída como uma versão fantástica do passado remoto, com o uso da tração animal e outras tecnologias anteriores à era industrial, e materiais como peles, madeira e pedra, embora os humanos tenham hábitos semelhantes aos de uma família moderna do século XX. Nesse cenário anacrônico, o homem convive com dinossauros e mamutes.

Os Flintstones era, originalmente, uma série direcionada ao público adulto. Nos dois primeiros anos de produção, o desenho era fortemente ligado à marca de cigarros Winston, e as personagens apareciam fumando em anúncios publicitários. A série mudou seu público-alvo para os jovens e crianças a partir da terceira temporada, quando nasceu a personagem Pedrita. O principal patrocinador passara a ser a fabricante de sucos de uva Welsh's, e os episódios adquiriram uma orientação mais familiar.

Personagens[editar | editar código-fonte]

Bonecos de Wilma e Fred.
Bonecos de Betty e Barney.

Os Flintstones moram em Bedrock, uma cidade com 2.500 habitantes, no ano 1.040.000 A.C.

Fred Flintstone ganha a vida como operador de dinossauro da Slaterock Gravel Company, é casado com Wilma e pai de Pedrita, sendo exímio jogador de boliche e membro da confraria dos Búfalos d'água. Seu patrão é o Senhor Pedregulho. O prato preferido de Fred é o Brontossaurobúrguer (ou Brontoburguer) com Cactus-Cola e também Costelas de Brontossauro. Nos episódios, Fred sempre entra em confusão. Seu famoso bordão é "yabadabadoo".

Fred é casado com Wilma Flintstone, uma exímia dona-de-casa, mãe de Pedrita. Sua melhor amiga é Betty Rubble, sua vizinha. Vilma já pensou em trabalhar fora várias vezes, mas seu marido Fred é contra. Na série animada Vilma é da classe operária assim como Fred; porém, no filme Viva Rock Vegas ela é caracterizada como sendo de família rica. Pedrita, filha do casal, anos mais tarde, casa-se com Bam-Bam Rubble ao tornar-se adulta. A mãe de Vilma, Pearl Slaghoople, visita freqüentemente a família, trazendo aborrecimentos constantes a Fred, dando continuidade ao eterno, universal e engraçadissimo conflito entre sogra e genro. O mascote da família Flintstone, Dino, sempre lambe seu dono quando ele chega do trabalho, derrubando-o no chão, para desespero de Fred.

O melhor amigo de Fred é Barney Rubble, com quem sempre acaba brigando. Barney é casado com Betty e pai adotivo de Bam-Bam. Se Fred faz alguma trapalhada, Barney estará junto, mesmo contra a sua vontade, pois Fred geralmente o mete em enrascadas mesmo quando ele não quer. Ainda quando o Barney tem uma boa idéia, Fred a toma para sí. É costumeiramente chamado de "nanico" por Fred.

Esposa de Barney, Betty Rubble, cujo nome de solteira é Betty McBricker,é uma mulher devotada ao esposo. Mãe adotiva de Bambam, tem a vizinha Wilma Flintstone, como sua melhor amiga. As duas, aliás, diversas vezes acabam tirando Fred e Barney das enrascadas e confusões em que se meteram. Betty tem um senso crítico mais apurado que seu ingênuo marido em relação a Fred.

Bambam Rubble é o filho adotivo de Barney e Betty, conforme mostrado em episódio da série. Ele foi deixado à porta da casa dos Rubbles logo após o nascimento de Pedrita. Conhecido por sua força descomunal, ele ama pedrita desde a infância.

Hoppy, um híbrido de canguru e dinossauro, é o mascote dos Rubbles. No primeiro episódio em que apareceu foi confundido com um rato gigante por Fred na garagem dos Rubbles. A confusão de um canguru com um rato de tamanho descomunal também ocorreu em outro desenho famoso de Hanna-Barbera, com o personagem Sylvester (Frajola), um rato e um filhote de canguru.

Dublagem[editar | editar código-fonte]

Vozes originais da primeira série norte-americana[editar | editar código-fonte]

Dublagem brasileira[editar | editar código-fonte]

A Screen Gems, de propriedade da Columbia Pictures, foi a primeira empresa a distribuir e dublar programas para a televisão brasileira. Para este fim, montou-se um estúdio de dublagem no Brasil chamado Gravasom. Mais tarde, o estúdio mudou de nome para Arte Industrial Cinematográfica, a AIC. Os Flintstones foi um dos primeiros desenhos a ser dublado no Brasil.

De acordo com os dubladores mais antigos, a Voz do Fred era a natural de Marthus Mathias, e por ser a que mais se aproximava do dublador original pegou o personagem.

Episódios[editar | editar código-fonte]

Séries relacionadas[editar | editar código-fonte]

O sucesso de Os Flintstones deu origem a outras séries animadas como Cave Kids e The Flintstone Kids, onde se incluía o super-herói Capitão Caverna e seu filho.

A lista de séries animadas derivadas da original é:

Animação teatral[editar | editar código-fonte]

Especiais de televisão[editar | editar código-fonte]

Filmes[editar | editar código-fonte]

Filmes para televisão[editar | editar código-fonte]

Filmes em live action[editar | editar código-fonte]

Foram feitos dois filmes em live action baseados na série.

Remake de The Flintstones[editar | editar código-fonte]

O diretor Seth MacFarlane é quem vai comandar o remake do desenho The Flintstones, um dos maiores clássicos da Hannah-Barbera. Após anos de complicações, o acordo entre a Fox Entertainment Group e a Warner Bros, que possui os direitos da série, foi finalmente confirmado, resultando em uma produção conjunta entre os dois estúdios.

Com estreia prevista para 2013 nos Estados Unidos, através da Fox Entertainment Group a nova animação contará ainda com Dan Palladino (Gilmore Girls) e Kara Vallow (Uma Família da Pesada) como produtores executivos. Considerando seu histórico de animações (The Cleveland Show, Uma Família da Pesada), Alguns fãs ficaram preocupados de como será a interpretação de Seth MacFarlane diante da série clássica.

Em um vídeo exibido no upfront da Fox Entertainment Group , o diretor falou rapidamente sobre seus planos para o remake, ele disse: “Os personagens se parecerão os mesmos, mas eles terão novas tecnologias, como por exemplo, ‘qual é a versão animal de um iPad?’“. A produção do Remake de The Flintstones começou em 2011.

The Flintstones no McDonald's[editar | editar código-fonte]

No mês de Setembro/Outubro de 2010, a da Rede de Lanchonetes McDonald's estavam tendo como brinde do McLanche Feliz mini-pelúcias do Fred Flintstone, Pedrita Flintstone, Bambam Rubble e Dino. O tema da promoção era os clássicos personagens da Hanna-Barbera. Alem das mini-pelúcias do Fred Flintstone, Pedrita Flintstone, Bambam Rubble e Dino, tambem tinham mini-pelúcias do Scooby-Doo e Salsicha Rogers do classico Scooby-Doo e Tom e Jerry do classico Tom and Jerry. No total eram oito mini-pelúcias, mas só dos melhores desenhos: The Flintstones, Scooby-Doo e Tom and Jerry. Os Brindes da Hanna-Barbera ainda podem ser encontrados a venda em sites da internet.

Referências

  1. Animation Magazine. Boomerang Throws Wilma-Thon. Página visitada em 2 de junho de 2011.
  2. a b The Flintstones

Ver também[editar | editar código-fonte]

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

References[editar | editar código-fonte]

Hanna-Barbera (em português)