Percy Jackson: Sea of Monsters

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Percy Jackson: Sea of Monsters
Percy Jackson e o Mar dos Monstros (PT)
Percy Jackson e o Mar de Monstros (BR)
Pôster oficial do filme
 Estados Unidos
2013 • cor • 107 min 
Direção Thor Freudenthal
Produção Chris Columbus
Michael Barnathan
Karen Rosenfelt
Coprodução Bill Bannerman
Produção executiva Mark Morgan
Roteiro Marc Guggenheim
Baseado em Rick Riordan, em O Mar de Monstros
Elenco Logan Lerman
Alexandra Daddario
Brandon T. Jackson
Jake Abel
Douglas Smith
Leven Rambin
Stanley Tucci
Nathan Fillion
Gênero Fantasia
Mitologia Grega
Aventura
Idioma Inglês
Música Andrew Lockington
Efeitos especiais Rhythm & Hues
Weta Digital
Amalgamated Dynamics
Rodeo FX
Gentle Giant Studios
Stereo D (Conversão 3D)
Cinematografia Shelly Johnson
Edição Mark Goldblatt
Estúdio 1492 Pictures
Dune Entertainment
Sunswept Entertainment
TSG Entertainment
Distribuição 20th Century Fox
Lançamento Estados Unidos 07 de agosto de 2013
Brasil 16 de agosto de 2013
Portugal 15 de agosto de 2013
Orçamento US$ 125 milhões[1] [2]
Receita US$ ‎202 247 751[2]
Cronologia
Último
Último
Percy Jackson & the Olympians: The Lightning Thief
Próximo
Próximo
Site oficial
Página no IMDb (em inglês)

Percy Jackson: Sea of Monsters (no Brasil, Percy Jackson e o Mar de Monstros; em Portugal, Percy Jackson e o Mar dos Monstros) é um filme de aventura e fantasia dirigido por Thor Freudenthal, produzido pela 20th Century Fox e baseado em The Sea of Monsters — segundo livro da série Percy Jackson & the Olympians, escrita por Rick Riordan — É uma sequência do filme Percy Jackson & the Olympians: The Lightning Thief, de 2010, sendo o segundo da série de filmes baseada na série literária.[3] Logan Lerman estrela como Percy Jackson, um semideus que descobre que tem um meio-irmão ciclope chamado Tyson, e embarca em uma missão perigosa para encontrar o Velocino de Ouro, a fim de salvar seu acampamento, que teve sua árvore protetora envenenada por Luke Castellan. Nesta árvore, está o espírito de Thalia Grace, que morreu na fronteira do acampamento para salvar Luke, Annabeth Chase e Grover Underwood no passado. Para encontrar o Velocino de Ouro, Percy e seus amigos terão de viajar pelo Mar de Monstros, um lugar temido por todos os semideuses.

O filme foi originalmente programado para ser lançado pela 20th Century Fox em março de 2013, mas foi adiado, e estreou em 07 de agosto de 2013, sendo convertido para o formato 3D na pós-produção, e tendo um orçamento total de US$ 125 milhões. As críticas a respeito do filme foram medianas e negativas, e os ganhos de bilheteria mundial alcançaram 202,2 milhões de dólares, sendo destes, US$ 68,4 milhões na América do Norte e R$ 26,1 milhões no Brasil (onde o filme vendeu mais de 2 milhões de ingressos).

Enredo[editar | editar código-fonte]

Gtk-paste.svg Aviso: Este artigo ou se(c)ção contém revelações sobre o enredo.

O filme começa com um flashback de sete anos atrás, onde os jovens Annabeth, Luke, Grover e Thalia estão correndo para o Acampamento Meio-Sangue enquanto são perseguidos por monstros. Thalia se sacrifica para salvar os outros, e seu pai, Zeus, transforma-a em uma árvore, criando uma fronteira mágica ao redor do acampamento para que nenhum outro meio-sangue venha a ter o mesmo destino que ela teve. A cena então muda para os dias atuais, onde uma competição no acampamento ocorre entre Percy Jackson (Logan Lerman) e Clarisse La Rue (Leven Rambin), filha de Ares. Percy perde a competição depois de ajudar outro campista, e é provocado por Clarisse. Logo depois a competição, o mentor de Percy, Quíron (Anthony Head), apresenta a Percy seu meio-irmão Tyson (Douglas Smith), que é um ciclope.

Mais tarde, o acampamento é atacado por um Touro de Colchis, que rompe a fronteira e faz um grande estrago no acampamento antes que Percy finalmente derrote-o com a ajuda de Tyson, Clarisse, Annabeth Chase (Alexandra Daddario) e Grover Underwood (Brandon T. Jackson). Luke Castellan (Jake Abel) aparece a Percy e confronta-o, tentando convencer o filho de Poseidon a entrar em seu plano. Quando Percy recusa, Luke desaparece. Após isso, Percy anuncia a todos o plano de Luke de destruir o Olimpo e que foi ele quem envenenou a árvore de Thalia. Percy questiona Quíron a respeito da profecia de que Luke o falara, e o centauro diz a Percy que consulte o Oráculo de Delfos (Shohreh Aghdashloo). O Oráculo apresenta a seguinte profecia a Percy:

Percy Jackson: Sea of Monsters Um meio-sangue, dos deuses antigos filho,

Chegará aos vinte apesar de empecilhos.
Num sono sem fim o mundo estará,
E a alma maligna, a lâmina maldita ceifará.
Uma única escolha terminará os seus dias,
O Olimpo para preservar ou arrasar.

Percy Jackson: Sea of Monsters

Sendo Percy o único filho meio-sangue conhecido dos três deuses, ele assume que a profecia deve se referir a ele. Posteriormente, Annabeth descobre que o Velocino de Ouro pode restaurar a árvore de Thalia, e o diretor do acampamento, Dioniso (Stanley Tucci), determina que Clarisse irá numa missão em busca dele. Percy resolve sair escondido do acampamento, junto de Annabeth, Tyson e Grover, a fim de encontrar o Velocino por conta própria.

Annabeth convoca o Táxi das Irmãs Cinzentas (Missi Pyle, Yvette Nicole Brown e Mary Birdsong), e elas dão ao grupo as coordenadas para a ilha onde está o velocino, e deixam-os em Washington, D.C., onde Grover é raptado por Chris Rodriguez (Grey Damon) e os homens de Luke, que para encontrar o velocino, precisam que o instinto de sátiro de Grover os leve até Polifemo (Robert Maillet), o ciclope que guarda o velocino e atrai os sátiros para ele, comendo-os assim. Ainda em Washington, Percy, Annabeth e Tyson conhecem Hermes (Nathan Fillion), o pai de Luke, que os conta que seu filho está em um iate no Oceano Atlântico, chamado de Princesa Andrômeda; ele diz a Percy que peça desculpas a Luke por ter sido um pai ruim para ele. Equipado com uma fita mítica que faz as coisas desaparecerem e uma garrafa térmica com ventos dos quatro cantos do mundo, ambos presentes de Hermes, Percy, Annabeth e Tyson vão com um hipocampo para o Andrômeda e acabam sendo capturados por um dos soldados de Luke, o Manticore (Daniel Cudmore), mas escapam usando os presentes de Hermes. O trio acaba, acidentalmente, no Mar de Monstros, onde são engolidos por Caríbdis, encontrando Clarisse no estômago do monstro. Ela recebeu um velho navio de zumbis confederados, remanescente de uma guerra civil de seu pai, para usar em sua missão. Percy e Clarisse unem forças para escapar e, finalmente, chegar à Circelândia, um parque de diversões abandonado onde se localiza o covil de Polifemo. Lá, eles resgatam Grover e recuperam o Velocino de Ouro, antes de serem confrontados por Luke, que revela seus planos de usar o Velocino de Ouro para despertar o titã Cronos.

Tyson se sacrifica para proteger Percy de uma flecha disparada por Luke, que, posteriormente, rouba o Velocino de Ouro e desperta Cronos. Tyson, em seguida, retorna, tendo sido curado depois de entrar em contato com a água (ele também é filho de Poseidon), e salva Percy novamente. Na luta que se segue, Luke e Grover são engolidos por Cronos antes que Percy percebesse que sua espada mágica, Contracorrente, está profetizada para ser a única fraqueza de Cronos. Percy destrói o corpo de Cronos, parte por parte, enviando-o de volta ao caixão dourado de onde vieram seus restos mortais, e Luke fica preso na caverna de Polifemo. Antes de ser morto por Grover e Clarisse, o Manticore fere mortalmente Annabeth, e Percy usa o Velocino de Ouro para revivê-la.

Retornando ao Acampamento Meio-Sangue, Percy dá o velocino à Clarisse, que coloca o Velocino de Ouro na árvore, que é restaurada. Porém, mais tarde, todos ficam surpresos quando o velocino revive não só a árvore, mas também o corpo de Thalia Grace (Paloma Kwiatkowski), filha de Zeus, um dos três deuses antigos. A película termina em um cliffhanger, onde Percy Jackson percebe que talvez a profecia sobre salvar ou destruir o Olimpo se referisse a Thalia, e não a ele.

Diferenças entre o filme e o romance[editar | editar código-fonte]

A história do filme foi adaptada do romance The Sea of Monsters, de Rick Riordan, que foi publicado originalmente em 2006 pela editora estadunidense Miramax Books, sendo o segundo livro da série Percy Jackson & the Olympians.[4] O romance foi adaptado por Marc Guggenheim.

Existem várias diferenças fundamentais entre o filme e o material original. Por exemplo:

  • O romance apenas relembra a história de Thalia Grace, que é contada ainda no primeiro livro.
  • Aparentemente, no filme, Percy continuou a morar no acampamento desde o fim do primeiro filme, sendo que no romance, ele volta para sua casa em Manhattan e vai para o acampamento apenas nas férias de verão.
  • Em seu último dia de aula antes das férias, Percy na escola é atacado por monstros na sua escola. No filme não há esta cena. Cenas marcantes do livro, como a aventura de Percy e Annabeth no Spa de Circe e na ilha das sereias não apareceram. O navio Princesa Andrômeda, no livro, é cheio de turistas enfeitiçados, ao contrário do filme, onde é apenas repleto de monstros e outros semideuses.
  • Outras diferenças, são relacionadas ao personagem Tyson, que no filme simplesmente entra no acampamento e conhece Percy, enquanto no livro, o conhece na escola. No filme, Tyson usa óculos escuros e uma mágica para esconder o olho. No livro, isso não é necessário por causa da Névoa, que esconde as diferenças reais dos mortais, que enxergam Tyson como tendo dois olhos.
  • No filme, Percy, Tyson, Grover e Annabeth pegam o táxi das Irmãs Cinzentas para fugir do Acampamento Meio-Sangue. No livro, Annabeth, Percy e Tyson o usam para ir ao acampamento, logo depois de fugirem da escola de Percy. Grover participa de todas as aventuras no filme enquanto no livro, sabe-se que ele está exatamente na ilha de Polifemo e que foi atraído até lá em sua busca por , o deus selvagem. O sátiro aparece para Percy apenas nos sonhos e no final da aventura, ao contrário do filme.
  • Vários outros acontecimentos do filme não ocorreram ou ocorreram em momentos diferentes no livro ou não ocorrem neste, mas em outros livros da série, como o Touro de Colchis, que no livro, estava invadindo o acampamento quando Percy, Annabeth e Tyson estavam chegando ao mesmo. Quíron aparece no acampamento durante o filme, enquanto no romance ele é despedido temporariamente de seu cargo de diretor do acampamento.
  • No filme, é dito que vários sátiros morreram em busca do Velocino de Ouro e que é necessário que a espécie deles participe da missão. No livro, os sátiros morreram em busca de Pã, o deus selvagem que está desaparecido. É esta busca, que na verdade, os levam a Polifemo, na ilha em que está o velocino.
  • O encontro de Percy e Luke mostrado no filme não acontece no romance. No livro, o primeiro encontro entre os dois é apenas quando Percy embarca no Princesa Andrômeda. O combate entre Percy e Cronos só acontece de forma concreta a partir do quarto livro da série, The Battle of the Labyrinth.
  • A luta entre os heróis e o monstro Manticore só ocorre no terceiro livro da série, The Titan's Curse. No filme, Grover é sequestrado em Washington D.C., porém no início do livro, ele já está na ilha de Polifemo vestido de noiva.
  • Também houve adaptações das personalidades dos personagens. Percy está duvidando de sua capacidade de ser o filho que seu pai quer. No romance, ele simplesmente começa a sentir vergonha de ser seu filho, depois de ser ridicularizado por ser irmão de um ciclope.
  • No filme, Grover e Tyson tem uma boa relação. No livro, a relação entre os dois não é muito boa, pois suas espécies se repelem. Além disso, eles só se conhecem realmente no quarto livro da série.
  • Ainda no romance, Clarisse é descrita como intimidadora, sem boa aparência e musculosa, ao contrário do que ocorre no filme. A profecia recitada pelo Oráculo no filme é apenas conhecida por Percy no último romance da série, O Último Olimpiano; além disso, a lâmina maldita não se refere à espada de Percy.[4]
Gtk-paste.svg Aviso: Terminam aqui as revelações sobre o enredo.

Elenco[editar | editar código-fonte]

Original[editar | editar código-fonte]

Dublagem no Brasil[editar | editar código-fonte]

A dublagem brasileira do filme foi produzida pelo estúdio Dublavídeo, sendo dirigida por Wendel Bezerra.[5]

Produção[editar | editar código-fonte]

A primeira notícia de que o segundo filme da série Percy Jackson seria feito, foi relatada em março de 2011 pelo site estadunidense First Showing.[6] [7] Em 12 de outubro de 2011, a sequência foi confirmada pela 20th Century Fox.[8] Originalmente, o filme foi programado para ser lançado em 15 de março de 2013,[9] mas em Maio de 2012, foi reprogramado para ser lançado cinco meses mais tarde, em 16 de agosto de 2013.[10] Em Abril de 2013, esta data foi adiantada em uma semana, para 7 de agosto de 2013.[11]

A produção de Percy Jackson: Sea of Monsters começou em abril de 2012[12] e custou aproximadamente noventa milhões de dólares. Inicialmente, as filmagens ocorreram no Robert Burnaby Park em Vancouver, B.C.; entretanto, de 20 de junho a 22 de julho, o local das filmagens foi alterado para Nova Orleans, para as cenas do navio Princesa Andrômeda,[13] e de um parque de diversões abandonado — Six Flags.[14] As últimas filmagens do filme ocorreram em Janeiro de 2013. Em 22 de janeiro, Logan Lerman escreveu uma postagem em seu Twitter onde se lê: "Último dia de filmagens de Percy Jackson 2".[15]

O filme foi convertido pela Stereo D para o formato 3D em sua pós-produção.[16] [17]

Desenvolvimento[editar | editar código-fonte]

Logan Lerman no último dia de filmagens do filme.

Em Fevereiro de 2011, foi divulgado pela revista Production Weekly que o filme estava em produção.[18] Foi também divulgado, por outra fonte, que o elenco principal do primeiro filme reprisaria seus papéis no segundo, e que Chris Columbus não voltaria como diretor, embora tenha sido escalado para produzir o filme juntamente com Karen Rosenfelt (A Saga Crepúsculo: Amanhecer - Parte I). Scott Alexander e Larry Karaszewski foram contratados como roteiristas.[19] [20] Em 16 de junho de 2011, foi anunciado que Thor Freudenthal (Diário de um Banana) iria dirigir o filme.[21] [22] As filmagens começaram no Verão de 2012. Inicialmente, o filme foi programado para ser lançado em 26 de março de 2013. Posteriormente, essa data foi alterada para 16 de agosto.[23] A data de lançamento final foi confirmada em 6 de abril de 2013; o filme seria lançado em 7 de agosto de 2013.[24]

Divulgação[editar | editar código-fonte]

No dia 22 de março de 2013 foram divulgadas as primeiras imagens oficiais do filme.[25] O primeiro trailer oficial do filme foi divulgado oficialmente pelo site da MTV no dia 1º de abril de 2013[26] . O primeiro pôster oficial do filme foi publicado em 6 de abril.[27] Em 29 de maio, o segundo trailer do filme foi lançado.[28] O terceiro trailer internacional de Sea of Monsters foi lançado em 25 de junho de 2013,[29] sendo este, o trailer a ser exibido nos cinemas mundiais, para promoção do filme. Em 19 de julho de 2013, spots de TV do filme começaram a ser liberados pela Fox, sendo que três foram lançados sob os títulos de "Story", "Cast" e "Family"[30] .

Pouco antes do lançamento do filme, as lojas estadunidenses Smart & Final lançaram uma promoção, onde na compra de dois itens First Street Bakery, o comprador receberia um ingresso para ver o filme nos cinemas.[31]

No Brasil, a rede de cinemas Cinemark também promoveu uma promoção, onde na compra de um combo do filme (pipoca, refrigerante e sorvete), ganha-se uma garrafinha squeeze do filme.[32] A rede de cinemas Cinépolis fez a mesma promoção, porém com um estojo do filme como brinde.[33]

Segundo o site estadunidense BoxOffice.com, além dos US$ 90 milhões gastos na produção, foram gastos mais US$ 35 milhões para distribuição e divulgação do filme, totalizando US$ 125 milhões no orçamento do longa.[2]

Lançamento e recepção[editar | editar código-fonte]

Lançamento[editar | editar código-fonte]

Na América do Norte, em sua pré-estreia, no dia 06 de agosto, Sea of Monsters arrecadou cerca de US$ 835 mil. Nos dias seguintes, em 07 e 08 de agosto de 2013, na estreia oficial, o filme arrecadou US$ 8,8 milhões, ficando na segunda posição do ranking de bilheterias dos dois dias. Em seu primeiro final de semana, nos dias 09, 10 e 11, o filme arrecadou US$ 14,4 milhões (ficando na posição #4 no ranking do final de semana). Somando as bilheterias dos dias anteriores, nos primeiros cinco dias, o filme arrecadou nos cinemas estadunidenses e canadenses um total de US$ 23,2 milhões. Até 08 de janeiro de 2013, Sea of Monsters havia arrecadado na América do Norte US$ 68,5 milhões.[2]

De 09 a 11 de agosto, houve a pré-estreia de Percy Jackson e o Mar de Monstros no Brasil, arrecadando R$ 279 mil.[34] No país, a estreia oficial ocorreu em 16 de agosto de 2013, e no primeiro final de semana, o filme conquistou o 1º lugar nas bilheterias do país, arrecadando R$ 7,9 milhões.[35] Nos dois finais de semana seguintes, O Mar de Monstros se manteve na liderança das bilheterias brasileiras, arrecadando R$ 4,7 e R$ 2,9 milhões, respectivamente.[36] [37] No Brasil, o filme obteve, no total, R$ 26,1 milhões de arrecadação e 2,1 milhões de expectadores, sendo a 22ª maior bilheteria dos cinemas brasileiros em 2013.[37]

Em outros países, Percy Jackson: Sea of Monsters estreou bem, sendo destaque no México, na Itália, na Malásia, na Colômbia, na Venezuela, no Peru, no Bahrein, na África do Sul, na Tailândia, na Bolívia e nas Filipinas, onde ficou na posição #1 das bilheterias no seu final de semana de estreia.[38] Em Portugal, Percy Jackson e o Mar dos Monstros estreou na posição #6 do ranking, arrecadando finalmente US$ 266,4 mil. Exceto a América do Norte, em todo o mundo, até 08 de janeiro de 2013, o filme havia arrecadado US$ 133,7 milhões.

Em seu terceiro final de semana nos cinemas, Percy Jackson: Sea of Monsters conseguiu arrecadar o suficiente para cobrir os gastos de produção do longa.[39] Ao total, nos cinemas mundiais, incluindo os da América do Norte, o filme arrecadou US$ 202,2 milhões.[2]

Recepção dos críticos[editar | editar código-fonte]

Percy Jackson: Sea of Monsters recebeu críticas negativas. O filme detém uma classificação de 41% no Rotten Tomatoes baseada em 111 comentários, com uma pontuação média de 5.1 em 10 (5.1 de 10 estrelas.Star full.svgStar full.svgStar full.svgStar full.svgStar half.svgStar empty.svgStar empty.svgStar empty.svgStar empty.svg)[40] No Metacritic, que atribui uma pontuação de no máximo 100 para cada filme baseada em avaliações de críticos de cinema especializados, o filme possui uma pontuação de 39 em 100 (3.9 de 10 estrelas.Star full.svgStar full.svgStar half.svgStar empty.svgStar empty.svgStar empty.svgStar empty.svgStar empty.svgStar empty.svg), baseada em 33 críticas.[41]

Jim Vejvoda da IGN avaliou o filme com a nota 6.0 de 10 (6 de 10 estrelas.Star full.svgStar full.svgStar full.svgStar full.svgStar full.svgStar empty.svgStar empty.svgStar empty.svgStar empty.svg), dizendo que "Há sequelas piores que o CGI pesado que é Percy Jackson: Sea of Monsters, mas este é excessivamente familiar.".[42] Gary Goldstein do Los Angeles Times avaliou o filme positivamente, dizendo que "adolescentes devem ser distraídos pelo ritmo acelerado do filme e o caos heroico."[43] , enquanto James Rocchi do ScreenCrush disse que "Percy Jackson: Sea of Monsters dificilmente é uma lenda, mas mantendo o enredo simples e a narrativa limpa, é uma odisseia que se destina ao público jovem."[44] Marsha McCreadie do site de Roger Ebert avaliou o filme com a nota 2.5 de 5 (2.5 de 5 estrelas.Star full.svgStar half.svgStar empty.svgStar empty.svg), dizendo que filme é "menos chamativo, mas gentil de espírito, embora ainda apresente um mundo natural que pode se transformar no capricho de um Deus."[45]

Em uma crítica negativa, Michael Rechtshaffen do The Hollywood Reporter postou que "Efeitos especiais ajudam a manter esta sequela como um hit estrondoso com uma hisória mítica."[46] Bruce Ingram do Chicago Sun-Times acha que o filme tem um "déficit de emoções" e que os fãs dos livros com as liberdades que foram tomadas para fazer a adaptação, como no primeiro filme.[47] Alguns críticos foram impiedosos, como Josh Bell do Las Vegas Weekly que disse que a série é "uma franquia de segunda linha" e que "filmes como Sea of Monsters, devem continuar na mediocridade aceitável nos próximos anos" (2.5 de 5 estrelas.Star full.svgStar half.svgStar empty.svgStar empty.svg)[48] , e Connie Ogle do The Miami Herald que diz que "em Percy Jackson: Sea of Monsters, escolher o personagem mais idiota é uma tarefa difícil."[49]

Sendo assim, Percy Jackson 2 não supera seu antecessor nas avaliações de críticos especializados, não sendo bem recebido pela crítica de cinema especializada.

Recepção do público[editar | editar código-fonte]

O filme possui classificações médias e positivas do público em geral, obtidas através de votos feitos em sites especializados em cinema. Isso contrasta com as críticas negativas recebidas por críticos de cinema.

Site Classificação
Rotten Tomatoes 3.5/5 (100.000 opiniões)[40] (3.5 de 5 estrelas.Star full.svgStar full.svgStar half.svgStar empty.svg)
IMDb 6.0/10 (60.000 opiniões)[16] (6 de 10 estrelas.Star full.svgStar full.svgStar full.svgStar full.svgStar full.svgStar empty.svgStar empty.svgStar empty.svgStar empty.svg)
Metacritic 5.2/10 (158 opiniões)[41] (5.2 de 10 estrelas.Star full.svgStar full.svgStar full.svgStar full.svgStar half.svgStar empty.svgStar empty.svgStar empty.svgStar empty.svg)
Adoro Cinema 4.3/5 (1.970 opiniões)[50] (4.3 de 5 estrelas.Star full.svgStar full.svgStar full.svgStar half.svg)
Média de classificação 67/100 (6.7 de 10 estrelas.Star full.svgStar full.svgStar full.svgStar full.svgStar full.svgStar half.svgStar empty.svgStar empty.svgStar empty.svg)

Com estas avaliações do público, Percy Jackson 2 teve uma recepção mediana do público em geral, assim como Percy Jackson & the Olympians: The Lightning Thief, seu antecessor.

Premiações[editar | editar código-fonte]

Percy Jackson: Sea of Monsters foi indicado na categoria "Filme Familiar Favorito" do People's Choice Awards 2014 (que terá seu vencedor anunciado em 8 de janeiro de 2013) e na categoria "Melhor Filme Familiar em Live-Action" do Phoenix Film Critics Society Awards. O protagonista Logan Lerman foi indicado ao MTV Movie Awards 2013 de "Maior Fod** Teen do Verão".

Home video[editar | editar código-fonte]

A 20th Century Fox lançou o filme nas versões DVD, Blu-Ray e Blu-Ray 3D no dia 17 de dezembro de 2013, trazendo diversos extras, incluindo bastidores da produção do filme. A versão para download digital do filme esteve disponível duas semanas antes, em 3 de dezembro de 2013.[51]

Nos Estados Unidos, as vendas dos DVDs de Sea of Monsters arrecadaram mais de 23 milhões de dólares, enquanto os Blu-Rays conseguiram mais de 24 milhões, totalizando US$ 47,5 milhões em arrecadação.[52]

Trilha sonora[editar | editar código-fonte]

A trilha sonora de Percy Jackson: Sea of Monsters foi lançada em 6 de agosto de 2013, um dia antes da estreia do filme nos cinemas estadunidenses. Esta trilha foi composta por Andrew Lockington (conhecido por Viagem ao Centro da Terra). No total, são 21 músicas para o filme. Duas outras músicas ("My Songs Know What You Did in the Dark (Light Em Up)", da banda Fall Out Boy e "Cameo Lover", de Kimbra), foram tocadas durante o filme mas não foram incluídas no álbum.


Percy Jackson: Sea of Monsters
Trilha sonora de Andrew Lockington
Lançamento 6 de agosto de 2013
Gravação 2013
Gênero(s) Trilha sonora
Duração 68:54
Gravadora(s) Sony Classical
Produção Brian Liesegang
Cronologia de Andrew Lockington
Último
Último
Percy Jackson & the Olympians: The Lightning Thief
Próximo
Próximo


N.º Título Duração
1. "Thalia’s Story"   3:42
2. "Percy At The Lake"   1:29
3. "Colchis Bull"   4:08
4. "The Shield Is Gone"   1:31
5. "The Oracle’s Prophecy"   3:08
6. "Cursed Blade Shall Reap"   1:43
7. "Wild Taxi Ride"   3:25
8. "Hermes"   2:34
9. "Hippocampus"   3:34
10. "Onboard the Yacht"   1:39
11. "Wave Conjuring"   6:49
12. "Sea Of Monsters"   2:31
13. "Belly Of The Beast"   3:52
14. "New Coordinates"   2:13
15. "Polyphemus"   2:58
16. "Thank You Brother"   6:01
17. "Kronos"   5:08
18. "Annabeth and the Fleece"   2:03
19. "Resurrection"   3:05
20. "Percy Jackson: Sea of Monsters – Main Titles"   3:15
21. "To Feel Alive" (composta por Andrew Lockington & Tiff Randol e interpretada por IAMEVE[53] ) 4:06

Sequência[editar | editar código-fonte]

Atualmente, a franquia Percy Jackson tem futuro incerto. A 20th Century Fox tem os direitos de adaptação cinematográfica de toda a série desde junho de 2007,[54] e ainda não se pronunciou a respeito do ocorrimento ou não de uma adaptação cinematográfica de The Titan's Curse, o terceiro livro da série Percy Jackson & the Olympians.

No Twitter, milhares de fãs de Percy Jackson pediram a terceira adaptação dos livros, em uma tentativa de pressionar a produtora a se pronunciar a respeito.[55] Um dos protagonistas da série, o ator Brandon T. Jackson aderiu ao movimento, assim como o produtor Michael Barnathan.[56] [57]

Em 25 de março de 2014, em entrevista ao MTV News, o protagonista da série, Logan Lerman, disse que a sérietem sido uma grande experiência” e que "abriu muitas portas para mim, mas eu não acho que vá acontecer”.[58] O produtor da série Michael Barnathan também se pronunciou no Twitter, onde disse que não ouviu nada a respeito do cancelamento do filme.[57] Posteriormente, em entrevista ao jornal The Independent, Logan negou os boatos de que o terceiro filme da série estava cancelado, dizendo:

Cquote1.svg "Se quisermos fazer um terceiro, eu tenho que fazê-lo, porque eu estou contratualmente obrigado a três filmes. Eu amo esses filmes, e eles são muito divertidos de fazer. Eu disse que eu não sei, nunca ouvi falar nada e já faz um tempo desde que o segundo foi lançado, então eu não ouvi nada sobre um terceiro filme. A não ser que eles me chamem, eu acho que é improvável. Eu ficaria surpreso com isso [se eles me chamassem], porque geralmente, você quer fazê-los rapidamente". Cquote2.svg
Logan Lerman sobre o terceiro filme da série Percy Jackson & the Olympians.[59]

Referências[editar | editar código-fonte]

  1. Box Office - Percy Jackson: Sea of Monsters (em inglês). Box Office Mojo. Página visitada em 14 de novembro de 2013.
  2. a b c d e Box Office - Percy Jackson: Sea of Monsters (em inglês). BoxOffice.com. Página visitada em 12 de dezembro de 2013.
  3. Percy Jackson: Sea of Monsters Moved up to August 7. comingsoon.net (06 de abril de 2013). Página visitada em 21 de abril de 2013.
  4. a b Riordan, Rick. The Sea of Monsters. [S.l.]: Miramax Books, 3 de maio de 2006. OCLC 64664383 ISBN 0-7868-5686-6
  5. Wendel Bezerra - Dublagem de Percy Jackson e o Mar de Monstros. Facebook. Página visitada em 3 de novembro de 2013.
  6. 'Percy Jackson and the Olympians' Sequel Could Be Coming Soon? First Showing. Página visitada em 31 de julho de 2013.
  7. 'Percy Jackson' sequel could be on its way Los Angeles Times. Página visitada em 31 de julho de 2013
  8. Fox Moves Ahead With New 'Die Hard' and 'Percy Jackson' Films The Hollywood Reporter. Página visitada em 31 de julho de 2013
  9. O'Connell, Sean. Percy Jackson Sequel Moves Up Calendar 7500 Disappears. Cinema Blend. Página visitada em May 31, 2012.
  10. 'X-Men: First Class' & 'Rise Of The Planet Of The Apes' Sequels Set For Summer 2014; 'Independence Day 3D' Hits July 3, 2013. indiewire.com (May 31, 2012). Página visitada em May 31, 2012.
  11. Percy Jackson: Sea of Monsters Moved up to August 7. ComingSoon.net (April 6, 2013). Página visitada em August 10, 2013.
  12. Percy Jackson e o Mar de Monstros: filmagens começam em abril! (em inglês). Atrevida - UOL. Página visitada em 27 de setembro de 2013.
  13. Percy Jackson: Sea of Monsters. Photos.nola.com. Página visitada em July 7, 2013.
  14. Scott, Mike. "Abandoned Six Flags New Orleans site comes alive for 'Percy Jackson: Sea of Monsters' shoot", NOLA.com, July 22, 2012. Página visitada em July 23, 2012.
  15. LoganLerman: Last day of shooting on Percy. Twitter. Página visitada em July 7, 2013.
  16. a b Percy Jackson: Sea of Monsters (em inglês). IMDb. Página visitada em 17 de dezembro de 2013.
  17. FANTASTIC FOUR Reboot Set for March 6, 2015 Release Date; THE WOLVERINE, X-MEN: DAYS OF FUTURE PAST and More Going 3D. collider.com. Página visitada em 21 de abril de 2013.
  18. Production Weekly issue 749, February 3, 2011
  19. Hessel, Marcelo (2 de março de 2011). 'Percy Jackson e o Mar de Monstros' contrata roteiristas. Percy Jackson: Sea of Monsters. Página visitada em 7 de abril de 2013.
  20. "‘Percy Jackson’ Sequel ‘The Sea of Monsters’ Hires Screenwriters". PageToPremier.com. Página visitada em 13 de setembro de 2013.
  21. Hessel, Marcelo (17 de junho de 2011). 'Percy Jackson e o Mar de Monstros' contrata diretor. Percy Jackson: Sea of Monsters. Página visitada em 7 de abril de 2013.
  22. "Thor Freudenthal to Direct PERCY JACKSON AND THE O LYMPIANS: THE SEA OF M O NSTERS; Logan Lerman Confirmed for Return" Collider.com. Retrieved September 2013.
  23. "‘Percy Jackson: Sea of Monsters’ release date push ed back several months" Hypable.com. Retrieved September 2013.
  24. "Percy Jackson: Sea of Monsters Moved up to August 7" ComingSoon.com. Retrieved September 13,2013.
  25. Rought, Karen (22 de março de 2013). ‘Percy Jackson: Sea of Monsters’: First look at 5 official stills from the upcoming film. Percy Jackson: Sea of Monsters. Página visitada em 7 de abril de 2013.
  26. Wilkinson, Amy (1 de abril de 2013). 'Percy Jackson: Sea Of Monsters' Trailer: Watch Now!. MTV. Página visitada em 7 de abril de 2013.
  27. Chase, Gabe (6 de abril de 2013). New Posters Revealed for THE HANGOVER PART III, CBGB, PERCY JACKSON: SEA OF MONSTERS, and FAST & FURIOUS 6. Collider. Página visitada em 7 de abril de 2013.
  28. Percy Jackson: Sea of Monsters Reveals a New Trailer. Coming Soon (29 de Maio de 2013). Página visitada em 3 de Junho de 2013.
  29. Veja o trailer internacional de Percy Jackson e o Mar de Monstros. Adoro Cinema (29 de Maio de 2013). Página visitada em 27 de Junho de 2013.
  30. Orange, Alan (22 de julho de 2013). Third Percy Jackson: Sea of Monsters TV Spot. MovieWeb. Página visitada em 23 de julho de 2013.
  31. Free Percy Jackson Movie Ticket at Smart and Final. Comic Con Family (August 1, 2013). Página visitada em August 23, 2013.
  32. Snack Bar. Cinemark. Página visitada em 24 de setembro de 2013.
  33. Garrafinha de Mar de Monstros é vendida no Cinemark. Percy Jackson BR. Página visitada em 24 de setembro de 2013.
  34. Percy Jackson: Sea of Monsters (2013) - International Box Office Results (em inglês). Box Office Mojo. Página visitada em 14 de agosto de 2013.
  35. "Percy Jackson e o Mar de Monstros" assume liderança no Brasil (em português). UOL Cinema. Página visitada em 20 de agosto de 2013.
  36. Percy Jackson e o Mar de Monstros se mantém na liderança pelo segundo fim de semana (em português). Cine Marcado. Página visitada em 02 de setembro de 2013.
  37. a b Bilheteria Brasil: Percy Jackson continua em primeiro lugar (em português). Cineclick. Página visitada em 02 de setembro de 2013.
  38. International Box Office Results by Country, August 9–11, 2013 (em inglês). Box Office Mojo. Página visitada em 15 de agosto de 2013.
  39. “O Mar de Monstros” se paga e já arrecada lucro! (em português). Anaklusmos.com. Página visitada em 25 de agosto de 2013.
  40. a b Percy Jackson: Sea of Monsters - Rotten Tomatoes. Rotten Tomatoes. Página visitada em 11 de agosto de 2013.
  41. a b Percy Jackson: Sea of Monsters Reviews, Ratings, Credits, and More at Metacritic. Metacritic. Página visitada em 6 de agosto de 2013.
  42. Vejvoda, Jim (6 de agosto de 2013). Percy Jackson: Sea of Monsters Review. IGN. Página visitada em 7 de agosto de 2013.
  43. Review: 'Percy Jackson: Sea of Monsters' a heroic effort for demigod Los Angeles Times. Página visitada em 7 de agosto de 2013.
  44. ‘PERCY JACKSON: SEA OF MONSTERS’ REVIEW ScreenCrush. Página visitada em 31 de agosto de 2013.
  45. PERCY JACKSON: SEA OF MONSTERS Roger Ebert's website. Página visitada em 7 de agosto de 2013.
  46. Percy Jackson: Sea of Monsters: Film Review The Hollywood Reporter. Página visitada em 10 de agosto de 2013.
  47. Thrills lacking in Percy Jackson’s second film mission Chicago Sun-Times. Página visitada em 6 de agosto de 2013.
  48. THE SECOND-RATE FRANCHISE THAT IS ‘PERCY JACKSON’ Las Vegas Weekly. Página visitada em 31 de agosto de 2013.
  49. 'Percy Jackson: Sea of Monsters' (PG) Miami.com. Página visitada em 31 de agosto de 2013.
  50. Percy Jackson e o Mar de Monstros (em português). Adoro Cinema. Página visitada em 22 de setembro de 2013.
  51. Percy Jackson: Sea of Monsters Blu-ray 3D, Blu-ray and DVD Debut December 17th. MovieWeb. Página visitada em 16 de outubro de 2013.
  52. 'Percy Jackson: Sea of Monsters' - DVD and Blu-Ray sales. TheNumbers. Página visitada em 20 de Julho de 2014.
  53. IAMEVE “To Feel Alive” Lyrics from the Percy Jackson: Sea of Monsters Soundtrack
  54. Claude Brodesser (23 de Junho de 2004). 'Lightning Thief' strikes Maverick. Variety.
  55. #WeNeedTitansCurseMovie. Twitter. Página visitada em 5 de abril de 2014.
  56. Brandon T. Jackson's Retweet - #WeNeedTitansCurseMovie. [[Twitter. Página visitada em 5 de abril de 2014.
  57. a b Michael Barnathan's Retweet - #WeNeedTitansCurseMovie. [[Twitter. Página visitada em 5 de abril de 2014.
  58. Logan Lerman Says 'Percy Jackson 3' Is Officially Dead. MTV News. Página visitada em 5 de abril de 2014.
  59. Noah star Logan Lerman: Percy Jackson 3 could still happen. The Independent. Página visitada em 5 de abril de 2014.


Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ouça o artigo (info)
Este áudio foi criado a partir da revisão datada de 01 de fevereiro de 2014 e pode não refletir mudanças posteriores ao artigo (ajuda com áudio).

Mais artigos audíveis