Wellington Nem

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Broom icon.svg
As referências deste artigo necessitam de formatação (desde fevereiro de 2011).
Por favor, utilize fontes apropriadas contendo referência ao título, autor, data e fonte de publicação do trabalho para que o artigo permaneça verificável no futuro.
Wellington Nem
Wellington Nem
Informações pessoais
Nome completo Wellington Silva Sánchez Aguiar
Data de nasc. 6 de fevereiro de 1992 (22 anos)
Local de nasc. Rio de Janeiro, (RJ), Brasil
Nacionalidade Brasil Brasileiro
Altura 1,65 m[1]
Canhoto
Apelido Nem, Messi de Xerém, MiniFred, WN
Anão, Baixinho[2]
Informações profissionais
Clube atual Ucrânia Shakhtar Donetsk
Número 7
Posição Atacante
Clubes de juventude
2002–2005
2005–2011
Brasil America-RJ
Brasil Fluminense
Clubes profissionais2
Anos Clubes Jogos (golos/gols)
2011–2013
2011
2013–
Brasil Fluminense
Brasil Figueirense (emp.)
Ucrânia Shakhtar Donetsk
0067 000(16)
0029 000(10)
0005 000(1)
Seleção nacional3
2009
2012–
Brasil Brasil Sub-17
Brasil Brasil
0003 000(1)
0003 000(0)


2 Partidas e gols totais pelo
clube, atualizados até 23 de novembro de 2013.
3 Partidas e gols da seleção nacional estão atualizados
até 19 de setembro de 2012.

Wellington Silva Sanches Aguiar, mais conhecido como Wellington Nem (Rio de Janeiro, 6 de fevereiro de 1992) é um futebolista brasileiro que atua como atacante, formado nas divisões de base do America-RJ e se transferindo ainda nas categorias de base para o Fluminense. Atualmente joga no Shakhtar Donetsk.

Carreira[editar | editar código-fonte]

Início[editar | editar código-fonte]

Wellington faz parte da talentosa safra 92 do Fluminense, que contava ainda com Matheus Carvalho e Wellington Silva, porém foi o último dos três a ganhar uma sequência. Enquanto Matheus já fazia parte do time principal e Wellington Silva era negociado com o Arsenal, Nem foi emprestado ao Figueirense, para ganhar experiência. É Primo de Danrley Gabriel, um garoto de 1,65 metros de apenas 13 anos, futuro jogador do Fluminense. Foi convocado pelo técnico Mano Menezes para participar da Pré Lista das Olimpíadas de Londres 2012.

No dia 17 de maio, Wellington Nem renovou até dezembro de 2015. Antes de renovar o contrato, ganhava cerca de R$ 20 mil reais. Depois seu salário aumentou pra cerca de R$ 90 mil reais e a multa rescisória para 20 milhões de euros (R$ 51 milhões de reais).[3] .

Figueirense[editar | editar código-fonte]

No Figueirense, Nem encontrou seu melhor futebol graças ao técnico Jorginho, que o ajudou na sua postura fora dos gramados e mudou seu posicionamento em campo, transformado-o num segundo-atacante. Mostrando muita habilidade e velocidade, nem acabou por ser o destaque do Figueirense, marcando 9 gols e dando diversas assistências no Brasileiro de 2011. Com as suas excepcionais atuações, foi escolhido a revelação do Brasileiro daquele ano no Prêmio Craque do Brasileirão. E dois desses 9 gols foram importantes um contra o Vasco em que ele garantiu o empate em 1-1 graças à seu gol.[4] O seu segundo gol importante foi na partida contra o Grêmio vencido pela sua equipe por 3-1 no Estádio Olímpico.[5] Fez um gol contra o Inter no Beira-Rio mas sua equipe acabou perdendo por 4-1.[6]

Fluminense[editar | editar código-fonte]

2012[editar | editar código-fonte]

Com o destaque recebido no Figueirense, nem volta para o Fluminense sendo o destaque jovem do último ano. Teve algumas chances no Campeonato Carioca enquanto o time estava na Libertadores da América, e mostrando um futebol rápido e envolvente, se saiu tão bem que além de ser um dos jogadores convocados para a Libertadores, caiu nas graças da torcida tricolor.[7] Nem marcou seu primeiro gol pelo Fluminense contra o Bangu no estadual de 2012.[8] Nem fez um gol no 4-1 contra a Portuguesa, dois gols em 6 de setembro contra o Santos, em uma vitória por 3 a 1.[9] [10] O primeiro gol feito por Nem foi após lançamento de Jean e mandou de carrinho no canto esquerdo de Rafael. Seu segundo gol foi após o gol de empate de André, feito também de carrinho após falha de Digão, Nem pois o Fluminense novamente na frente do placar com um gol de cabeça no canto direito do goleiro do Santos. E Samuel fez 3-1 com um chute de fora da área. Wellington Nem marcou mais um gol na vitória sobre o Coritiba no Engenhão por 2-1.[11] Com mais de 33.000 torcedores.[12] [13]

2013[editar | editar código-fonte]

O São Paulo Futebol Clube no fim de 2012 entrou na briga por Wellington Nem mais não conseguiu contrata-ló então ele voltou para o Fluminense.

Entrou no segundo tempo e no primeiro toque faz o segundo gol da vitória do Fluminense sobre o Olaria, por 3-1 em 24 de janeiro de 2013, pelo campeonato carioca na segunda rodada.[14] Marcou um gol contra o Botafogo em 27 de janeiro, aos 42 minutos do primeiro tempo.[15] Wellington Nem arrancou tabelou com Bruno e tocou no canto esquerdo do goleiro do Botafogo.[16] Sendo o destaque do primeiro tempo.[17] [18] [19] Marcou o primeiro gol do Fluminense na vitória de virada por 2-1 contra o Huachipato fora de casa em Concepción.[20] [21] E no mesmo jogo perdeu um gol em um lance que ficou de frente para o gol sem goleiro e acertou a trave.[22] Fez o gol da virada do Fluminense sobre o Vasco por 2-1 em 2 de março.[23] Mas sua equipe também sofreu a virada por 3-2 e perdeu a vaga na final do campeonato carioca.[24] [25] Fez o gol que deu a vitória do Flu sobre o Audax no campeonato carioca em 17 de março.[26] Voltou a atuar pelo Fluminense após uma lesão marcando o segundo do time em 28 de abril, contra o Volta Redonda na vitória por 4-1 indo para a final da Taça Rio.[27] Começou a sua estréia no campeonato brasileiro de 2013, em 2 de junho de 2013, contra o Criciúma no Rio de Janeiro e marcou o último gol da equipe na vitória por 3 a 0 válida pela terceira rodada.[28] Wellington Nem deixou a partida contra o Criciúma com declarações misteriosas sobre seu futuro.[29]



A ação de seis páginas cita ainda uma dívida do Fluminense de R$ 24,7 milhões com a Timemania - valor muito próximo aos R$ 25 milhões que o Shakhtar vai pagar por Nem. Deste montante, no entanto, o Tricolor só terá direito a 60%, cerca de R$ 15 milhões. O processo intima a CBF e a Ferj a não realizarem a transferência enquanto o dinheiro não for depositado em juízo.[30]

Shakhtar Donetsk[editar | editar código-fonte]

O Shakhtar Donetsk anunciou no dia 6 de junho de 2013, a contratação do atacante Wellington Nem. O clube firmou um contrato de cinco temporadas e a negociação atingiu o valor de nove milhões de euros (cerca de R$ 25 milhões).

Três partes dividirão o montante total. O Fluminense é dono de 60% do passe do jogador, enquanto o empresário do atleta, Eduardo Uram, é dono de outros 30%. A empresa Unibem ficará com os 10% restantes.[31]

A penhora dos direitos econômicos do atacante Wellington Nem prejudica ainda mais o Fluminense. Superintendente geral do clube, Jackson Vasconcelos, explicou que ainda nesta semana haverá a definição, boa ou ruim, sobre os cerca de R$ 17,5 milhões que o Fluminense tem direito pela venda do jogador.

Cquote1.svg Temos muita urgência. Estamos trabalhando para ter uma solução, boa ou ruim, nesta semana. A solução tem de vir muito rapidamente.disse o diretor executivo geral do Flu, Jackson Vasconcellos Cquote2.svg

Com despesa mensal na ordem de R$ 4 milhões, o Fluminense já teve penhorada a cota de televisionamento (quase R$ 3 milhões por mês). Sem essa receita, restam apenas os patrocínios e a negociação de atletas para equilibrar as contas.[32]

A ação promovida pela Procuradoria Geral de Fazenda Nacional põe em risco a não quitação do déficit anual em 2013, depois de enorme esforço para redução dos R$ 34,135 milhões de 2011 para R$ 3,716 milhões em 2012.[33]

Seleção Brasileira[editar | editar código-fonte]

Jogou sua primeira partida na seleção profissional em um partida contra a Dinamarca, vencendo o jogo por 3-1.[34] Entrou aos 20 minutos do segundo tempo.

Com o bom futebol apresentado no Fluminense, Nem foi convocado para o Superclássico das Américas pelo treinador Mano Menezes.

Cquote1.svg Fiquei muito feliz quando recebi a notícia. Minha mãe saiu gritando pela casa me dando os parabéns. Eu já estava dormindo (risos) - disse Nem na entrevista relâmpago comentando a sua convocação para o Superclássico das Américas contra a Argentina. Cquote2.svg

Nem fez uma partida na Seleção e nenhum gol contra a Argentina.[35]

Estilo de jogo[editar | editar código-fonte]

Apesar de ser canhoto, nem costuma disparar pelo lado direito, por onde gosta de atuar. Em cada arrancada, ele dá, em média, 28 passadas e quatro toques na bola. Desgastado após tanta correria, pouco finaliza as jogadas que cria. Das seis vezes, fez isso em apenas duas. A maior distância percorrida foi de 72 metros. Na velocidade, o ponto alto foi a jogada de 37 km/h. Para efeitos de comparação, Usain Bolt alcança até 44 km/h em suas corridas.[36]


Estatísticas[editar | editar código-fonte]

Clubes[editar | editar código-fonte]

Até 03 de junho de 2014.

Clube Ano Liga Copa Continental Outros Total
Partidas Gols Partidas Gols Partidas Gols Partidas Gols Partidas Gols
Figueirense (emp.) 2011 26 9 3 1 29 10
Total 26 9 3 1 29 10
Fluminense 2012 27 6 7 0 14 3 48 9
2013 1 1 9 1 9 5 19 7
Total 28 7 16 1 23 8 67 16
Shakhtar Donetsk 2013-14 5 1 0 0 0 0 5 1
Total 5 1 0 0 0 0 5 1
Total na carreira 59 17 0 0 16 1 26 9 101 27

Seleção[editar | editar código-fonte]

Brasil
Ano Jogos Gols
2012 3 0
2013 0 0
Total 3 0

Gols pela seleção sub-17[editar | editar código-fonte]

Data Local Resultado Adversário Competição Gols
1. 24 de outubro de 2009 Lagos, Nigéria 3–2 Flag of Japan.svg Japão Copa do Mundo FIFA Sub-17 1

Jogos pela seleção[editar | editar código-fonte]

Expanda a caixa de informações para conferir todos os jogos deste jogador, pela sua seleção nacional.

Títulos[editar | editar código-fonte]

Fluminense
Shakhtar Donetsk
Seleção Brasileira

Prêmios individuais[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. Perfil de Wellington Silva Sanches Aguiar. Ogol. Página visitada em 11 de dezembro de 2012.
  2. Wellington Nem confessa "perseguição" por ser baixinho. NETFLU. Página visitada em 16 de novembro de 2012.
  3. Wellington Nem e Fred prorrogam seus contratos com o Fluminense. Globo Esporte. Página visitada em 17 de maio de 2012.
  4. Figueirense e Vasco empatam após Diego Souza perder gol incrível: 1 a 1. Globoesporte.com. Página visitada em 11 de outubro de 2011.
  5. Figueirense brinca no Olímpico e vence o Grêmio por 3 a 1. Globoesporte.com. Página visitada em 12 de setembro de 2011.
  6. Internacional x Figueirense - GLOBOESPORTE.com. Globoesporte.com. Página visitada em 26 de maio de 2011.
  7. Fluminense se impõe na Bombonera e acaba com invencibilidade do Boca Juniors. Globo Esporte. Página visitada em 12 de setembro de 2012.
  8. WELLINGTON NEM FAZ CARNAVAL NA DEFESA DO BANGU, E FLU VAI À SEMIFINAL. Globo Esporte. Página visitada em 18 de fevereiro de 2012.
  9. EM NOITE DE NEM E SAMUEL, FLU BATE SANTOS E É O NOVO LÍDER DO BRASILEIRÃO. Globo Esporte. Página visitada em 6 de setembro de 2012.
  10. Fluminense derrota o Santos por 3 a 1 e assume a liderança do Brasileirão. Estadão. Página visitada em 11 de setembro de 2012.
  11. EM NOITE ILUMINADA DE NEM, FLU VENCE O COXA E VÊ TAÇA MAIS PERTO. Globo Esporte. Página visitada em 25 de outubro de 2012.
  12. Retrospectiva Fluminense - Setembro a Dezembro. Página visitada em 1 de Janeiro de 2013.
  13. Retrospectiva Fluminense - Janeiro a Abril. Página visitada em 31 de Dezembro de 2012.
  14. Fluminense x Olaria - TEMPO REAL. Página visitada em 25 de Janeiro de 2013.
  15. Wellington Nem no caminho certo para cumprir profecia de Abel. Página visitada em 26 de Janeiro de 2013.
  16. Botafogo x Fluminense - TEMPO REAL. Página visitada em 27 de Janeiro de 2013.
  17. Misto do Flu empata com o Bota e mantém a liderança do grupo. Página visitada em 27 de Janeiro de 2013.
  18. Wellington Nem não treina de novo e não deve pegar Quissamã. Página visitada em 31 de Janeiro de 2013.
  19. Nem, novamente, fica de fora da atividade do Fluminense. Página visitada em 1 de Fevereiro de 2013.
  20. FLU VIRA PARA CIMA DO HUACHIPATO NO CHILE E SE RECUPERA NA LIBERTADORES. Página visitada em 27 de Fevereiro de 2013.
  21. Flu joga melhor, sai atrás, mas consegue virar. Página visitada em 1 de Março de 2013.
  22. Com vitória garantida, Nem aceita vestir camisa do Inacreditável FC. Página visitada em 28 de Fevereiro de 2013.
  23. Flu bobeia, leva virada do Vasco e cai na semi da Taça GB. Página visitada em 3 de Março de 2013.
  24. Em jogo alucinante com duas viradas, Vasco vence Flu por 3 a 2 e está na final. Página visitada em 1 de Março de 2013.
  25. Wellington Silva reprova eliminação do Flu: 'Não pode acontecer'. Página visitada em 2 de Março de 2013.
  26. Flu supera chuva forte e Audax para voltar a vencer no Engenhão: 1-0. Página visitada em 17 de Março de 2013.
  27. FLU DÁ SHOW, GOLEIA VOLTA REDONDA POR 4 A 1 E VAI ÀS FINAIS DA TAÇA RIO. Página visitada em 28 de Abril de 2013.
  28. MODIFICADO, FLU USA VELHA TÁTICA PARA VENCER CRICIÚMA E CURAR A RESSACA. Página visitada em 2 de Junho de 2013.
  29. Atuações: entre o céu e o inferno, Nem leva a melhor nota. Deco vai mal. Página visitada em 26 de Fevereiro de 2013.
  30. Ação da Procuradoria da Fazenda do Rio pode impedir venda de Nem. Página visitada em 6 de junho de 2013.
  31. Wellington Nem vai para o Shakhtar Donetsk. Página visitada em 7 de junho de 2013.
  32. Flu espera ainda nesta semana decisão sobre penhora de Nem. Página visitada em 13 de junho de 2013.
  33. Nem e Fernandinho: Caetano explica diferenças dos valores. Página visitada em 12 de junho de 2013.
  34. Brasil 3 x 1 Dinamarca - GLOBOESPORTE.com. Globoesporte.com. Página visitada em 26 de junho de 2012.
  35. Brasil 2 x 1 Argentina - GLOBOESPORTE.com. Globoesporte.com. Página visitada em 27 de março de 2012.
  36. WN, Nem, MiniFred, Bolt Tricolor? Entenda!. GloboEsporte. Página visitada em 15 de outubro de 2012.
  37. Armandão: Wellington Nem comanda o Figueira e é o craque da rodada #31. Globo Esporte. Página visitada em 24 de outubro de 2011.
  38. Craque do Brasileirão 2011: Wellington Nem é a revelação. Globo Esporte. Página visitada em 29 de fevereiro de 2012.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]