Liminha (produtor musical)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
(Redirecionado de Arnolpho Lima Filho)
Ir para: navegação, pesquisa
Disambig grey.svg Nota: Este artigo é sobre um produtor musical. Para o assistente de palco do SBT de mesmo nome, veja Liminha (assistente de palco).
Liminha
Nome completo Arnolpho Lima Filho
Nascimento 5 de maio de 1951 (66 anos)
São Paulo
Nacionalidade  Brasil
Ocupação Produtor musical
Carreira musical
Afiliações Os Mutantes (1969-1974), Gilberto Gil, Marina Lima.

Arnolpho Lima Filho, conhecido como Liminha, (São Paulo, 5 de maio de 1951) foi baixista da banda Os Mutantes, e é um conhecido produtor musical[1]. Ficou em 99° lugar na Lista dos Cem Maiores Artistas da Música Brasileira promovida pela revista Rolling Stone em outubro de 2008.[2]

Carreira[editar | editar código-fonte]

Liminha tocou com Os Mutantes, e com Arnaldo Baptista, Rita Lee e Sérgio Dias compôs várias músicas, dentre elas: "Top Top", "Lady Lady" e "A Hora e a Vez do Cabelo Nascer". Gravou os álbuns A Divina Comédia ou Ando Meio Desligado, Jardim Elétrico, Mutantes e Seus Cometas no País do Baurets, Tecnicolor, Hoje É o Primeiro Dia do Resto da Sua Vida (creditado como álbum solo da Rita Lee), e O A e o Z. Em parceria com Gilberto Gil, compôs sucessos como: "Vamos Fugir", (regravado pelo Skank), e "Nos Barracos da Cidade". Com Vanessa da Mata compôs os sucessos "Ai, Ai, Ai..." e "Ainda Bem". Até hoje é reverenciado pela linha de baixo que fez na música Fullgás, gravada por Marina Lima em 1984. Na produção musical, Liminha trabalhou com nomes como: Ana Carolina, Arnaldo Antunes, As Frenéticas, Barão Vermelho, Blitz, Caetano Veloso, Charlie Brown Jr, Chico Science & Nação Zumbi, Cidade Negra, Daniela Mercury, Ed Motta, Erasmo Carlos, Fernanda Abreu, Fausto Fawcett, Forfun, Gabriel o Pensador, Gilberto Gil, Ira!, Jota Quest, Jorge Mautner, Jorge Ben Jor, Kid Abelha, Lobão, Lulu Santos, Marina Lima, Natiruts, Os Paralamas do Sucesso, O Rappa, Pedro Luis e a Parede, Ritchie, Skank, Titãs, Ultraje a Rigor, Vanessa da Mata, Paulo Ricardo, entre outros.

Discografia[editar | editar código-fonte]

Lista de álbuns produzidos (parcial)[editar | editar código-fonte]

Notas

  1. Apesar de ter produzido, ele foi creditado como "direção de estúdio" e Mazola como produtor.[3]

Referências

  1. «Dicionário Cravo Albin da Música Popular Brasileira». Consultado em 2 de outubro de 2014 
  2. http://www.acidezmental.xpg.com.br/100_maiores_artistas_da_mb.html
  3. Entrevista ao site JovemGuarda.com.br
  4. Os novos fabricantes de sucessos
  5. Zezé Motta | Liminha
  6. Guilherme Arantes | Liminha
  7. Coração Paulista | Liminha
  8. Radioatividade | Liminha
  9. E a Vida Continua | Liminha
  10. Magazine | Liminha
  11. Fausto Fawcett e os Robôs Efêmeros | Liminha
  12. Rock'n Geral | Liminha
  13. Dress For Excess | Liminha
  14. Religio | Liminha
  15. Wander Taffo | Liminha
  16. Ben Jor | Liminha
  17. Secret Stories | Liminha
  18. Psico Trópico | Liminha
  19. Sweet Insanity | Liminha
  20. Sobre Todas as Forças | Liminha
  21. Da Lata | Liminha
  22. O Erê | Liminha
  23. Intimidade | Liminha
  24. Alvin | Liminha
  25. Quanto Mais Curtido Melhor | Liminha
  26. Entidade Urbana | Liminha
  27. Enquanto o Mundo Gira | Liminha
  28. MTV Ao Vivo Skank | Liminha
  29. Acústico MTV Cidade Negra | Liminha
  30. Estampado | Liminha
  31. Na Pista, etc. | Liminha
  32. Renato Russo - Uma Celebração | Liminha
  33. Na Laje | Liminha
  34. Quinze | Liminha
  35. Araujo, Bernardo (13 de agosto de 2011). «Produzidos por Liminha, Filhos da Judith estreiam na gravadora de Erasmo Carlos». O Globo. Consultado em 27 de novembro de 2012 
  36. Hei, Afro! | Liminha
  37. In Rio | Liminha
  38. Palafita | Liminha
  39. O Tempo Sou Eu | Liminha
  40. Segue o Som | Liminha
  41. Loucura Total | Liminha
  42. Biquini Cavadão lança em janeiro CD de inéditas produzido por Liminha
Accordrelativo20060224.png Este artigo sobre um(a) músico(a) é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.