Partido Moderado (Brasil)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Disambig grey.svg Nota: Para outros significados de Partido Moderado, veja Partido Moderado.
Padre Feijó, um dos expoentes dos Moderados.

O Partido Liberal Moderado ou Partido Moderado foi um partido político brasileiro criado em 1831, tendo sido uma das correntes nas quais se dividiam as forças políticas brasileiras durante o período regencial do Império do Brasil, em oposição aos Exaltados e, mais tarde, aos Restauradores.[1]

Assim como seus adversários, também os Moderados tinham um apelido pejorativo, sendo então chamados de ximangos.[1]

Foi fundado por ex-membros do Partido Brasileiro que esperavam da Independência do Brasil o mínimo de alterações no processo político. Era apoiado pelo jornal A Aurora Fluminense.

Apoiavam o federalismo e o fim da vitaliecidade do Senado. Em 1834, com a morte de Dom Pedro I, em Portugal, o partido recebeu muito dos seguidores dos caramurus.

Dentre seus principais expoentes estavam o padre Feijó, que exerceu uma das regências Unas, José da Costa Carvalho, João Bráulio Moniz, dentre outros. Como principal opositor, e líder dos Caramurus (como eram apelidados os Restauradores, que pregavam a volta de D. Pedro I ao Brasil) estava o chamado patriarca da independência, José Bonifácio de Andrada.[1]

O partido terminou em 1840 e seus membros migraram para o Partido Regressista, que depois virou o Partido Conservador.

Bibliografia[editar | editar código-fonte]

  • SILVA, Francisco de Assis e BASTOS, Pedro Ivo de Assis, História do Brasil, Editora Moderna, São Paulo, 1977.
  • KOSHIBA, Luiz e FRAYZE PEREIRA, Denise Manzi, História do Brasil no contexto da história ocidental, Atual Editora, São Paulo, 2003.
  • ARARIBÁ, Projeto, História: Ensino Fundamental 7, Editora Moderna, São Paulo, 2006.

Referências

  1. a b c Joaquim Silva; J. B. Damasco Penna (1967). História do Brasil Cia. Editora Nacional , São Paulo [S.l.] pp. 234 e seg. 
Ícone de esboço Este artigo sobre política ou um cientista político é um esboço relacionado ao Projeto Ciências Sociais. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.