Filmografia de Fernanda Montenegro

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Fernanda Montenegro durante performance da peça teatral Viver sem tempos mortos, em 2012.

A filmografia da atriz brasileira Fernanda Montenegro abrange mais de cinco décadas de destacada atividade em cinema e televisão. Montenegro iniciou sua carreira no teatro, sendo ainda hoje considerada uma das maiores atrizes de teatro brasileiro em todos os tempos.

Uma das atrizes pioneiras da televisão brasileira, Montenegro foi uma das primeiras contratações da então recém-criada TV Tupi em 1951, atuando em produções de autoria de seu esposo, o dramaturgo Fernando Torres, de quem herdou o nome artístico. Em 1954, teve sua estreia no cinema com uma participação no filme de drama histórico Mãos Sangrentas, baseado no episódio verídico da Rebelião da Ilha Anchieta. A partir de 1956, assumiu diversos papéis de destaque no teleteatro Grande Teatro Tupi. Neste projeto, a atriz ganhou notoriedade em nível nacional dividindo as cenas com Nathália Timberg e Francisco Cuoco, entre outros grandes nomes. Montenegro só retornaria ao cinema como protagonista de A Falecida (1965), pelo qual venceu o Candango de Melhor Atriz. Em 1968, dividindo sua carreira entre teatro e televisão, Montenegro interpretou a protagonista Ana Carvalho na histórica telenovela A Muralha.

Na década de 1970, Montenegro notadamente reduziu o ritmo de atuações na televisão e cinema. Nesse período, suas atuações mais destacadas foram os filmes Marília e Marina (1976) e Tudo Bem (1978) e a telenovela Cara a Cara (1979). Nos anos seguintes, a atriz inicia sua chamada era áurea da teledramaturgia brasileira após sua contratação pela Rede Globo, emissora televisiva da qual não se afastaria nas décadas seguintes. Montenegro protagonizou as telenovelas Baila Comigo (1981), Guerra dos Sexos (1983) e Cambalacho (1986), considerados até os dias atuais seus principais papéis televisivos. Por sua performance como a socialite interesseira Charlô em Guerra dos Sexos, Montenegro recebeu diversos prêmios de críticos de arte e recomendações da imprensa crítica brasileira, sendo este papel considerado crucial para a vinculação de sua imagem à teledramaturgia brasileira. No mesmo período, estrelou e co-estrelou os filmes de drama Eles Não Usam Black-tie (1981) e A Hora da Estrela (1985).

Em 1990, realizou uma participação especial na telenovela Rainha da Sucata no papel de Salomé Szemanski. Na década de 1990, Montenegro interpretou personagens de forte identificação com questões sociais do Brasil, como a cafetina Olga em O Dono do Mundo (1991), a prostituta Jacutinga em Renascer (1993), a excêntrica Zazá Dumont em Zazá (1997). No mesmo período, marcou o cinema nacional por sua performances no drama histórico O Que É Isso, Companheiro? (1997) e no drama Central do Brasil (1998), pelo qual tornou-se a primeira atriz brasileira e latino-americana indicada ao Oscar de Melhor Atriz até os dias atuais.

A década de 2000 foi marcada por suas atuações na comédia-dramática O Auto da Compadecida (2000), no aclamado drama histórico Olga (2004), no drama Redentor (2004) e no drama histórico Casa de Areia (2005). Na televisão, Montenegro interpretou a excêntrica Lulu de Luxemburgo em As Filhas da Mãe (2001) e Luiz Frateschi em Esperança (2004). Nos anos seguintes, interpretou antagonistas marcantes na série televisiva Hoje É Dia de Maria (2005) e como Bia Falcão na telenovela Belíssima (2006).

Filmografia[editar | editar código-fonte]

Cinema[editar | editar código-fonte]

Ano Título original Papel Diretor(a) Ref.
1954 Mãos Sangrentas Narradora (voz) Carlos Hugo Christensen [1]
1965 A Falecida Zulmira Leon Hirszman [1][2]
1970 Pecado Mortal Fernanda Miguel Faria Jr. [1]
1971 Em Família Anita Paulo Porto [1][2]
Minha Namorada Carminha Zelito Viana [1]
A Vida de Jesus Cristo Samaritana William Cobbett [3]
1973 Missa do Galo Dona Conceição [4]
1976 Marília e Marina Dona Glória Luiz Fernando Goulart [5]
1978 Tudo Bem Elvira Barata Arnaldo Jabor [2][6][7]
1981 Eles Não Usam Black-Tie Romana Leon Hirszman [2][6]
1985 A Hora da Estrela Madame Carlota Suzana Amaral [2][8][9]
1986 Trancado por Dentro Ivette Arthur Fontes [10]
1988 Fogo e Paixão Rainha do castelo Isay Weinfeld
Marcio Kogan
[2]
1994 Veja Esta Canção Alzira Cacá Diegues [2]
1997 O Que É Isso, Companheiro? Dona Margarida Bruno Barreto [2]
1998 Central do Brasil Dora Walter Salles [2]
Traição Mulher no bar Arthur Fontes [2]
1999 Gêmeas Mãe Andrucha Waddington [2]
2000 O Auto da Compadecida Nossa Senhora da "Compadecida" Guel Arraes [2]
2004 O Outro Lado da Rua Regina Bragança Marcos Bernstein [2]
Olga Leocádia Prestes Jayme Monjardim [2]
Redentor Dona Isaura Cláudio Torres [2]
Nem Que a Vaca Tussa Caloway (voz) Will Finn [11]
2005 Casa de Areia Dona Maria / Áurea Andrucha Waddington [2]
2007 Love in the Time of Cholera Tránsito Ariza Mike Newell [2]
2011 As Aventuras de Agamenon, o Repórter Narradora (voz) Victor Lopes [2]
A Dama do Estácio Zulmira Eduardo Ades [12]
2013 O Tempo e o Vento Bibiana Terra Cambará Jayme Monjardim [2][13][14]
2014 A Primeira Missa ou Tristes Tropeços, Enganos e Urucum Nossa Senhora Ana Carolina [2][15]
Rio, Eu Te Amo Dona Fulana Andrucha Waddington [2][16]
Infância Dona Mocinha Domingos Oliveira [2][17]
Boa Sorte Célia Carolina Jabor [2][18]
2018 O Beijo no Asfalto Dona Matilde Murilo Benício [2]
2019
The Ghost of Lina Bo Bardi Lina Bo Bardi Isaac Julien [19]
O Juízo Marta Amarantes Andrucha Waddington [20][21]
Dona Vitória Dona Vitória Breno Silveira [22]
A Vida Invisível Eurídice Gusmão Karim Aïnouz [23][24]
2020 Piedade Carminha Claudio Assis [2][25]

Referências

  1. a b c d e «Fernanda Montenegro». AdoroCinema 
  2. a b c d e f g h i j k l m n o p q r s t u v w x y «Fernanda Montenegro». Cine Players. Consultado em 3 de setembro de 2020 
  3. «Interior do Estado e uma história de paixão». A Gazeta. Consultado em 3 de setembro de 2020 
  4. «Missa do Galo». Cinemateca Brasileira. Consultado em 25 de maio de 2018 
  5. «Marília e Marina». AdoroCinema 
  6. a b Barbieri Jr., Miguel. «Fernanda Montenegro faz 84 anos. Conheça seus cinco melhores momentos no cinema». Veja de São Paulo. Consultado em 3 de setembro de 2020 
  7. Daehn, Ricardo. «Em entrevista, Fernanda Montenegro fala sobre 'Piedade'». Correio Brasiliense. Consultado em 3 de setembro de 2020 
  8. «A Hora da Estrela». Enciclopédia Itaú Cultural. Consultado em 3 de setembro de 2020 
  9. «A Hora da Estrela». AdoroCinema. Consultado em 3 de setembro de 2020 
  10. «Trancado Por Dentro». Porta Curtas. Consultado em 3 de setembro de 2020 
  11. «Nem que a Vaca Tussa». AdoroCinema 
  12. «Fernanda Montenegro é o destaque em 'A Dama do Estácio'». Estadão.com.br. Consultado em 14 de maio de 2013 
  13. Trailer de 'O Tempo e o Vento' tem cena quente de Cléo Pires
  14. «Sem a Fernanda eu não faria 'O tempo e o vento', diz Monjardim». Globo News. Consultado em 16 de setembro de 2013 
  15. «Com nova peça e filme, Fernanda Montenegro avalia Dilma e Ana de Hollanda». Arte e Lazer. Consultado em 15 de março de 2017 
  16. «Nona etapa do longa 'Rio, eu te amo' traz Fernanda Montenegro e Regina Casé como mendigas». O Globo. Consultado em 13 de setembro de 2014 
  17. Por Redação, Purepeople. «Fernanda Montenegro comemora 84 anos prestes a estrear dois longas-metragens». Consultado em 16 de outubro de 2013 
  18. Globo Filmes. «Filmes>Boa Sorte>Elenco». Consultado em 1 de fevereiro de 2014 
  19. «Fernanda Torres e Fernanda Montenegro serão protagonistas de filme sobre Lina Bo Bardi». Revista Casa e Jardim Globo. Consultado em 21 de outubro de 2020 
  20. «O Juízo». Globo Filmes. Consultado em 21 de abril de 2019 
  21. «O Juízo». AdoroCinema 
  22. Bourroul, Beatriz. «Agenda cheia: Atores de 'O Outro Lado do Paraíso' têm novos trabalhos». Revista Quem. Consultado em 3 de setembro de 2020 
  23. FONSECA, Rodrigo (19 de abril de 2019). «Um melodrama à moda Karim Aïnouz para encantar Cannes». Estadão. Consultado em 21 de abril de 2019 
  24. GENESTRETI, Guilherme (17 de junho de 2018). «Fernanda Montenegro viverá protagonista de novo filme de Karim Aïnouz». Folha de S.Paulo. Consultado em 21 de abril de 2019 
  25. Bourroul, Beatriz. «Estreia "Piedade", filme de Claudio Assis gravado no Cabo e Recife com Fernanda Montenegro e Cauã Reymond». Uol. Consultado em 21 de outubro de 2020