Musical FM

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Musical FM
Rádio Musical de São Paulo Ltda.
País Brasil
Cidade de concessão Itapecerica da Serra, SP
Frequência(s) FM 105.7 MHz
Sede São Paulo, SP
Fundação 1989 (1989)
Pertence a Rede L&C de Mídia
Formato Comercial
Gênero Música gospel
Idioma Português
Prefixo ZYD 930
Cobertura Região Metropolitana de São Paulo
Dados técnicos Potência: 18 kW
Página oficial musical.fm.br

Musical FM é uma emissora de rádio brasileira sediada em São Paulo, com outorga em Itapecerica da Serra, respectivamente capital e município do estado de São Paulo.[1] Opera no dial FM, na frequência 105.7 MHz, sendo pertencente a Rede L&C de Mídia.

Histórico[editar | editar código-fonte]

Concessionada à Rede L&C de Mídia, a Rádio Musical nasceu em 1989 na frequência 105.9 MHz. Dois anos depois, passou para a frequência 105.7 MHz e ficou conhecida do dial paulistano por dedicar tempo integral à MPB em sua programação. Nesse período, tornou-se uma das mais prestigiadas pela crítica, tendo sido premiada três vezes pela Associação Paulista dos Críticos de Arte (nas categorias melhor emissora do ano e melhor programação musical), além de ter também ajudado a lançar novos artistas até então, como Chico César, Vânia Abreu e Zeca Baleiro.[2][3][4]

Em 1999, vivendo dificuldades financeiras, a Musical FM foi arrendada, em um contrato por cerca de três anos, a três grupos evangélicos (Igreja do Evangelho Quadrangular, Comunidade da Graça e Assembléia de Deus (Ministério do Bom Retiro), que pagariam um aluguel mensal de R$ 250 mil. Com isso, a estação trocou a programação composta apenas de música popular brasileira por música gospel.[2][3][5][6][7]

No começo de 2003, a direção administrativa e musical da rádio passou para a Igreja Comunhão Plena, tendo como seu diretor o pastor Lelis Trajano.[8] Entre 2011 e 2019, a emissora esteve sob a direção geral do ex-deputado Carlos Apolinário.

Em junho de 2019, a emissora passou a veicular uma vinheta sobre a "chegada de uma nova rádio", cogitando o retorno da Vida FM ao dial, emissora essa fundada por Apolinário.[9]

Referências

  1. Líder Transcontinental está livre. Concorrentes ainda retransmitem programa do segundo turno Tudoradio.com, 11 de outubro de 2012
  2. a b Musical FM transmitirá música evangélica[ligação inativa] - Diário do Grande ABC, 24 de maio de 1999
  3. a b Deputado das região assume Musical FM[ligação inativa] - Diário do Grande ABC, 14 de junho de 1999
  4. Antonio Adami (org) (2004). São Paulo na Idade Média. [S.l.]: Arte & Ciência. p. 153. ISBN 8574731498, 9788574731490 
  5. FMs tentam adotar "órfãos" da Musical - Folha de S.Paulo, 04 de Junho de 1999
  6. Musical MPB pode deixar a internet - O Estado de S.Paulo, 30 de Janeiro de 2003
  7. Jesus Cristo superstar - Revista IstoÉ, 23 de junho de 1999
  8. 4ª SESSÃO SOLENE EM COMEMORAÇÃO AO 9º ANIVERSÁRIO DA IGREJA COMUNHÃO PLENA Assembléia Legislativa de São Paulo, 03 de março de 2008
  9. https://tudoradio.com/noticias/ver/21751-exclusivo-vida-fm-e-cotada-para-retornar-ao-dial-fm-de-sao-paulo-atraves-do-canal-da-musical-fm

Ligações externas[editar | editar código-fonte]