Rio Mearim

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Rio Mearim
Comprimento 930 km
Nascente Confluência das serras Negra, Menina e Crueiras
Foz Baia de São Marcos
País(es)  Brasil

O rio Mearim é um curso d'água que banha o estado do Maranhão, Brasil[1]. Ele nasce na parte sul do estado do Maranhão na confluência das serras Negra, Menina e Crueiras. Se dirige primeiro para o norte, até a área indígena de Bacurizinho, fazendo as fronteiras nas extremidades oeste e norte, depois de receber, pelo lado direito, o rio Enjeitado, o primeiro dos seus afluentes de importância. Em seguida, continua para o nordeste, atravessando a área indígena de Guajara e passando pela cidade de Altamira. Em seguida a cidade de Barra do Corda (82.692 hab. em 2010), onde ocorre o encontro com os rios Corda e Capim.

A partir daí o rio é totalmente navegável (um trecho de 645 km até a sua desembocadura) e segue o seu avanço, mantendo a mesma direção nordeste, até alcançar Axixá e logo, pelo lado direito receber o Rio das Flores (que tem como seu afluente o rio Pacuma).

O rio volta-se para o norte ao longo das cidades de Esperantinópolis, Marianópolis, Pedreiras (39.481 hab.), Trisidela do Vale, São Luís Gonzaga, Bacabal (99.960 hab.) Lapela, Vitória do Mearim (31.234 hab. ) e Arari (28.477 hab.)

O Rio banha os municípios de Esperantinópolis, Pedreiras, Trizidela do Vale,Grajaú, São Luís Gonzaga, Bacabal, Vitória do Mearim, Arari (onde se observa o fenômeno da Pororoca), entre outras, e desemboca na baía de São Marcos, na altura da ilha do Caranguejos, em um estuário amplo, onde também drenam os rios Grajaú e Pindaré que alguns consideram afluentes do rio Mearim.

Referências

Ícone de esboço Este artigo sobre Geografia do Brasil é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.