Vickers Valiant

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Wiki letter w.svg
Por favor melhore este artigo, expandindo-o. Mais informação pode ser encontrada no artigo «Vickers Valiant» na Wikipédia em inglês e também na página de discussão. (fevereiro de 2016)
Valiant
Airplane silhouette.png
Vickers Valiant XD826 em 1961 com esquema de pintura branca anti-clarão nuclear
Descrição
Tipo / Missão Bombardeiro estratégico, reabastecimento
País de origem  Reino Unido
Fabricante Vickers-Armstrongs
Período de produção 1951-1957
Quantidade produzida 107 unidade(s)
Primeiro voo em 18 de maio de 1951 (64 anos)
Introduzido em 1955
Aposentado em janeiro de 1965
Variantes
  • Type 674
  • Valiant B.1
  • Type 710 Valiant B(PR).1
  • Type 733 Valiant B(PR)K.1
  • Type 758 Valiant B(K).1
Tripulação 5 - 2 pilotos; 2 navegadores, 1 engenheiro de voo
Especificações
Dimensões
Comprimento 32,99 m (108 ft)
Envergadura 34,85 m (114 ft)
Altura 9,80 m (32,2 ft)
Área das asas 219  (2 360 ft²)
Alongamento 5.5
Peso(s)
Peso vazio 34 491 kg (76 000 lb)
Peso máx. de decolagem 63 600 kg (140 000 lb)
Propulsão
Motor(es) 4 x turbojatos Rolls-Royce Avon RA28 Mk 204
Força de empuxo (por motor) 4 535 kgf (44 500 N)
Performance
Velocidade máxima 913 km/h (493 kn)
Alcance (MTOW) 7 245 km (4 500 mi)
Teto máximo 16 500 m (54 100 ft)
Razão de subida 20 m/s
Armamentos
Bombas 1 x nuclear Danúbio Azul[nota 1] de 10-12 Quilotons ou
21 x bombas de 450 kg (992 lb)
Notas
Dados de: Vickers Aircraft since 1908[nota 2]

O Vickers Valiant foi um bombardeiro quadrijato britânico, que fez parte da força nuclear da RAF nas décadas de 1950 e 1960. O Valiant, juntamente com o Vulcan e o Victor, compunha o chamado grupo de bombardeiros-V (V-bombers), que era responsável pela dissuasão nuclear do Reino Unido. O Valiant foi originalmente desenvolvido como um bombardeiro estratégico de grande altitude, mas assim como os outros V-bombers, teve seu perfil modificado para ataques com penetração a baixa altitude. O voo a baixa altitude trouxe uma série de problemas, visto que as fixações das asas mostraram fadiga de material prematura, e a presença de corrosão intracristalina apontou para um tipo inapropriado de liga de alumínio. O Valiant havia sido o primeiro dos bombardeiros-V a se tornar operacional[nota 3] , e sua função já estava se desviando para a de avião-tanque. Em vez de reparar ou reconstruir a frota, optou-se pela sua retirada de serviço[nota 4] , e o Handley Page Victor assumiu então o papel de avião-tanque.

Ver também[editar | editar código-fonte]

O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Vickers Valiant
Aeronaves de comparável missão, configuração e era
Listas relacionadas

Notas

  1. Mason 1994, p. 379.
  2. Andrews and Morgan 1988, p. 450.
  3. Jones 2007, pp. 79–80.
  4. Wynn 1996, pp. 464–471, 500

Bibliografia[editar | editar código-fonte]

  • Andrews, C.F. and Eric B. Morgan. Vickers Aircraft since 1908. London: Putnam, 1988. ISBN 978-0851778150 .
  • Jones, Barry. V-Bombers: Valiant, Vulcan and Victor. Ramsbury, Malborough, UK: The Crowood Press, Paperback edition, 2007. ISBN 978-1-86126-945-4.
  • Mason, Francis K. The British Bomber since 1914. London: Putnam, 1994. ISBN 0-85177-861-5.
  • Wynn, Humphrey. RAF Nuclear Deterrent Forces. London: The Stationery Office. 1996. ISBN 0-11-772833-0
Ícone de esboço Este artigo sobre um avião, integrado ao Projeto Aviação, é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.