Arrow (série de televisão)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Arrow
Arqueiro (BR)
Informação geral
Formato Série
Gênero
Duração 40–43 minutos
Baseado em Personagens da DC Comics
Desenvolvedor(es)
País de origem Estados Unidos
Idioma original inglês
Produção
Produtor(es)
  • J. P. Finn
  • Wendy Mericle
  • Todd Pittson
  • Ben Sokolowski
  • Keto Shimizu
  • Glen Winter
Produtor(es) executivo(s)
Editor(es)
  • Kristin Windell
  • Andi Armaganian
  • Paul Karasik
  • Jessie Murray
  • Thomas Wallerstein
  • Carol Slutz
Cinematografia
  • Glen Winter
  • Gordon Verheul
  • Gregory Middleton
  • C. Kim Miles
  • Corey Robson
Câmera Câmera única
Distribuída por Warner Bros. Television Distribution
Elenco
Compositor da música-tema Blake Neely
Empresa(s) de produção
  • Bonanza Productions
  • Berlanti Productions
  • DC Entertainment
  • Warner Bros. Television
Localização Vancouver, Colúmbia Britânica, Canadá
Exibição
Emissora de televisão original The CW
Formato de exibição HDTV 1080i
Formato de áudio Dolby Digital 5.1
Transmissão original 10 de outubro de 2012 (2012-10-10) – presente
N.º de temporadas 8
N.º de episódios 167 (lista de episódios)
Cronologia
Programas relacionados Universo Arrow

Arrow é uma série de televisão americana desenvolvida por Greg Berlanti, Andrew Kreisberg e Marc Guggenheim, transmitida pela emissora The CW desde 10 de outubro de 2012, e estrelada por Stephen Amell. A série é baseada no personagem Oliver Queen / Arqueiro Verde da DC Comics, um homem que, depois de cinco anos preso em uma ilha hostil, volta para casa e se torna um herói empunhando um arco e flecha chamado de Arqueiro Verde. É uma série situada no mesmo universo fictício de The Flash e Legends of Tomorrow. A série foi oficializada no primeiro semestre de 2012,[1] com ordem de 23 episódios para a primeira temporada, que estreou em 10 de outubro de 2012.[2] A segunda temporada foi lançada em 9 de outubro de 2013, a terceira temporada foi lançada em 8 de outubro de 2014, a quarta temporada, lançada em 7 de outubro de 2015, e a quinta temporada foi lançada no dia 5 de outubro de 2016.

Arrow recebeu críticas positivas de vários críticos. A série teve em média cerca de 3.68 milhões de espectadores ao longo da primeira temporada e recebeu vários prêmios e indicações. Para promover a série, uma história em quadrinhos de pré-visualização foi lançada antes da série de televisão começar, enquanto webisódios que caracterizam um produto tie-in com a empresa Bose foram desenvolvidos para a segunda temporada. Em outubro de 2014, uma série spin-off situada no mesmo universo, intitulada The Flash, estreou. Em agosto de 2015, um spin-off animado, Vixen, foi lançado, enquanto uma outra série spin-off, Legends of Tomorrow, estreou em janeiro de 2016, com vários personagens de Arrow e The Flash.

Sinopse[editar | editar código-fonte]

A série segue Oliver Queen, um playboy bilionário de Starling City, que passa cinco anos naufragado em uma ilha misteriosa. Após seu retorno à Starling City, ele se reencontra com sua mãe, Moira Queen, sua irmã, Thea Queen, e seu melhor amigo, Tommy Merlyn. A série centra-se em Oliver reacendendo seus relacionamentos, passando as noites caçando, e, às vezes, matando criminosos como um vigilante encapuzado. Ele descobre uma conspiração para destruir os Glades, um bairro mais pobre da cidade que se tornou sobreposta com a criminalidade. John Diggle e Felicity Smoak ajudam Oliver em sua jornada. Oliver também se reconecta com a ex-namorada, Laurel Lance, que ainda está irritada com seu envolvimento na morte presumida de sua irmã. A série também apresenta flashbacks de Oliver na ilha, e mostra como ela o mudou.

Episódios[editar | editar código-fonte]

Ver artigo principal: Lista de episódios de Arrow
TemporadaEpisódiosOriginalmente exibidoNielsen ratings
Estreia da temporada Final da temporada RankMédia de telespectadores
(em milhões)
12310 de outubro de 2012 (2012-10-10)15 de maio de 2013 (2013-05-15)1303.68[3]
2239 de outubro de 2013 (2013-10-09)14 de maio de 2014 (2014-05-14)1283.28[4]
3238 de outubro de 2014 (2014-10-08)13 de maio de 2015 (2015-05-13)1353.52[5]
4237 de outubro de 2015 (2015-10-07)25 de maio de 2016 (2016-05-25)1452.90[6]
5235 de outubro de 2016 (2016-10-05)24 de maio de 2017 (2017-05-24)1472.21[7]
62312 de outubro de 2017 (2017-10-12)17 de maio de 2018 (2018-05-17)1811.76[8]
72215 de outubro de 2018 (2018-10-15)13 de maio de 2019 (2019-05-13)1721.58[9]
81015 de outubro de 2019 (2019-10-15)28 de janeiro de 2020 (2020-01-28)ASAASA

1ª temporada (2012–2013)[editar | editar código-fonte]

Ver artigo principal: Arrow (1.ª temporada)

Oliver Queen é um playboy bilionário de Starling City, que passa cinco anos naufragado em uma ilha misteriosa. Após seu retorno à Starling City, ele se reencontra com sua mãe, Moira Queen, sua irmã, Thea Queen, e seu melhor amigo, Tommy Merlyn. Mas retornou com a missão de salvar sua cidade das pessoas que o destruíram caçando nomes em uma lista que seu pai escreveu antes de sua morte.

2ª temporada (2013–2014)[editar | editar código-fonte]

Ver artigo principal: Arrow (2.ª temporada)

Oliver prometeu parar o crime sem matar criminosos, e vem sob o ataque de Slade Wilson, um homem da época de Oliver na ilha, que ressurge com uma sede de vingança contra ele. Oliver também deve lidar com forças externas para tentar assumir a Queen Consolidated, culpa de decisões que tomou no passado e segredos que sua família e amigos abrigaram. Oliver cresce para aceitar o aspirante a vigilante Roy Harper como seu protegido, e começa a receber assistência do pai de Laurel, Quentin Lance. Oliver também ganha outro aliado — uma misteriosa mulher de preto, que é finalmente revelada como a irmã de Laurel, Sara Lance, que tinha sobrevivido ao acidente que a naufragou no mar.

3ª temporada (2014–2015)[editar | editar código-fonte]

Ver artigo principal: Arrow (3.ª temporada)

O Arqueiro se tornou um herói público em Starling City após a derrota de Slade Wilson. A Queen Consolidated é vendida para um rico empresário, cientista e aspirante a herói Ray Palmer. Oliver se esforça para trazer sua família unida de volta, um velho inimigo retorna, e Oliver torna-se envolvido em um conflito com Ra's al Ghul. Depois de um começo difícil, Laurel se propõe a seguir os passos de Sara como a Canário Negro. John Diggle esforça-se com seu novo papel como um homem de família, como Oliver não quis mais ele no campo após o nascimento da filha de John, enquanto Felicity Smoak começa uma nova carreira como vice-presidente da Queen Consolidated, que agora é chamada de Palmer Technologies.

4ª temporada (2015–2016)[editar | editar código-fonte]

Ver artigo principal: Arrow (4.ª temporada)

Oliver assume o alter-ego "Arqueiro Verde". Ele e seus aliados lutam contra a organização terrorista C.O.L.M.É.I.A., comandada por Damien Darhk, que planeja destruir Starling City, que agora se chama Star City. John Diggle fica preocupado em encontrar a C.O.L.M.É.I.A. e descobrir a razão do assassinato de seu irmão, Andy. Thea se junta à equipe sob o pseudônimo de "Speedy", mas deve aprender a controlar a si mesma enquanto luta, como ela agora tem uma sede de sangue que pode nunca ser totalmente extinta como um efeito colateral do Poço de Lázaro. Laurel se esforça para trazer Sara de volta depois de saber da ressurreição do Poço. Oliver decide se candidatar a prefeito. Apesar de ter a felicidade encontrada com Felicity e planejar pedir ela em casamento, Oliver descobre que é o pai biológico de um menino que, sem saber, nasceu há dez anos atrás, de uma ex-namorada, Samantha Clayton, cuja descoberta ameaça desestabilizar seu relacionamento com Felicity, sua vida como o Arqueiro Verde, e sua campanha para prefeito.

5ª temporada (2016–2017)[editar | editar código-fonte]

Ver artigo principal: Arrow (5.ª temporada)

Recém-nomeado como prefeito, Oliver Queen se vê desafiado a lutar de duas formas pelo futuro de Star City. Com John Diggle de volta às forças armadas e Thea convencida a não colocar mais o traje de Speedy, o time do Arqueiro Verde é reduzido a apenas Oliver e Felicity, mas eles já não são os únicos vigilantes da cidade. A derrota pública de Damien Darhk pelas mãos do Arqueiro Verde tem inspirado uma nova frota de heróis mascarados, porém, suas inexperiências os tornam obstáculos, ao invés de aliados. Para piorar, a chegada de um novo adversário mortal obriga Oliver a enfrentar perguntas sobre seu próprio legado, tanto como prefeito como Arqueiro Verde.

6ª temporada (2017–2018)[editar | editar código-fonte]

Ver artigo principal: Arrow (6.ª temporada)

Oliver Queen sofre com as consequências da batalha contra Adrian Chase e a explosão da ilha de Lian Yu, que matou Samantha, a mãe do seu filho William, e deixou sua irmã Thea em coma. O FBI passa a investigar Oliver, a fim de descobrir se ele é o Arqueiro Verde. Isso somado ao pedido do seu filho, solicitando que ele pare de ser o Arqueiro Verde, faz com que Oliver deixe o capuz com John Diggle, que tem dificuldades de adaptar-se como líder da equipe no início. Oliver passa a ser um pai mais presente e um prefeito também, entretanto com a iminente ameaça do hacker Cayden James, que formou uma gangue com Anatoly e Ricardo Diaz, Oliver retoma seu trabalho como vigilante e busca salvar a cidade da bomba que Cayden James está construindo para poder se vingar do assassino do seu filho.[10]

7ª temporada (2018–2019)[editar | editar código-fonte]

Ver artigo principal: Arrow (7.ª temporada)

Após fazer um acordo com o FBI em troca da ajuda para prender Ricardo Diaz, Oliver Queen admite que é o Arqueiro Verde para todos e é preso, porém na operação Ricardo Diaz cai no rio e foge secretamente. William e Felicity vão para o Programa de Proteção a Testemunhas, entretanto Ricardo Diaz os acha e quase mata os dois, isso faz com que Felicity resolva voltar para Star City e William é mandado para um internato na Inglaterra. Oliver enfrenta dificuldades na prisão por ser o Arqueiro Verde. Enquanto o Time Arrow foi desfeito após a prisão de Oliver, por causa da Lei Anti-Vigilante. Um novo vigilante imitando o Arqueiro Verde passa a caçar criminosos de Star City, esse novo vigilante causa uma rixa entre Dinah, que substituiu Quentin, após a sua morte, como capitã de polícia, e Rene, apoiador do novo imitador. Oliver tenta lidar com a prisão ao mesmo tempo que busca pistas sobre Ricardo Diaz.[11]

8ª temporada (2019)[editar | editar código-fonte]

Ver artigo principal: Arrow (8.ª temporada)

Oliver Queen recebe a visita do Monitor e é chamado por ele para cumprir o seu acordo, feito no Crossover Elseworlds, para salvar o universo da Crise das Infinitas Terras, então ele decide deixar Felicity e sua filha recém-nascida Mia, a fim de salva-las da Crise. Ele passa a executar uma série de tarefas que o Monitor requisita, porém ele nunca diz o real objetivo desses testes, fazendo com que Oliver comece a duvidar de seus reais objetivos.[12]

Elenco e personagens[editar | editar código-fonte]

Stephen Amell estrela da série e personagem principal de Arrow.
Katie Cassidy estrela da série e interprete de Laurel Lance / Canário Negro.
Ver artigo principal: Lista de personagens de Arrow
  • Stephen Amell como Oliver Queen / Arqueiro / Arqueiro Verde:[13][14] Um playboy bilionário virou herói vigilante encapuzado que é conhecido inicialmente como "Capuz", "Vigilante" e simplesmente "Arqueiro". Ele é baseado no personagem da DC Comics, Arqueiro Verde. Ele sobrevive em uma ilha isolada por cinco anos após o naufrágio do iate de seu pai. Oliver retorna a sua cidade natal com uma missão - corrigir os erros de seu pai e salvar a cidade do crime que cresceu em sua ausência. Stephen Amell foi um dos primeiros atores a fazer o teste para o papel, e Kreisberg sentiu que "fez a escolha certa desde o início" e "todo mundo apenas sumiu em comparação". No final da sexta temporada, Oliver confessa que é o Arqueiro Verde e é enviado para a prisão onde é conhecido como "Detento 4587". O ator recebeu treinamento de arco e flecha. Para Amell, o apelo de interpretar Queen foi que ele viu vários papéis ligados ao mesmo personagem: "Existe o Queen, o playboy casual; o Queen, o herói ferido; o Queen, a amante; o Queen o homem de ação, etc." Stephen Amell também interpreta o Arqueiro Negro (doppelganger do Oliver da Terra-X) no crossover da sexta temporada "Crise na Terra-X".[15]
  • Katie Cassidy Rodgers como Laurel Lance / Canário Negro (principal: temporadas 1–4) e Laurel Lance / Sereia Negra / Canário Negro (principal: temporadas 6–8):[16][17] Baseada no personagem da DC Comics com o mesmo nome,[18][19] uma advogada que virou vigilante e ex-namorada de Oliver Queen. Cassidy disse que foi atraída pelo show por Berlanti, Nutter, Kreisberg e Guggenheim, a quem ela chamou de inteligentes, criativos e ousados. Cassidy vê sua personagem como uma "cuidadora" de sua família, o que a levou a se tornar advogada. Ela disse: "Eu acho que ela é muito, muito motivada, e ela tem um coração enorme ... ela é sensível. Ela tem uma moral e valores realmente fortes e espera que todos os cumpram da maneira que ela faz". A versão da Terra-1 do personagem morre perto do final da quarta temporada, mas Cassidy voltou para o elenco regular na sexta temporada como a versão da Terra-2 de sua personagem que apareceu pela primeira vez em The Flash.[20][21]
  • Colin Donnell como Tommy Merlyn (principal: primeira temporada): O melhor amigo de Oliver, filho de Malcolm Merlyn e namorado de Laurel Lance. Seu personagem morre no final da temporada, mas Donnell reprisa seu papel em alucinações e flashbacks nas temporadas subsequentes, também interpreta seu doppelganger da Terra-X, Prometheus, e é representado pelo de Alvo Humano na sexta temporada.
  • David Ramsey como John Diggle / Spartan: O parceiro, confidente e guarda-costas de Oliver, que se torna parte de sua equipe de vigilantes. Nomeado em homenagem ao escritor de quadrinhos Andy Diggle, e criado especificamente para o programa, Diggle foi projetado para ser o "igual em muitos aspectos" de Oliver. Guggenheim explicou ainda que as habilidades mútuas de Diggle são um meio de configurá-lo no início da série como confidente da personalidade de vigilante de Oliver.
  • Willa Holland como Thea Queen / Speedy (principal: temporadas 1–6): Meia-irmã mais nova de Oliver; baseado em um personagem da DC Comics com características semelhantes. Mais tarde, é revelado que a personagem é filha de Malcolm Merlyn. Holland saiu da série na sexta temporada. Guggenheim afirmou que a porta está sempre aberta para a Holland retornar ao seu papel como Thea. Depois de deixar a série na sexta temporada, Holland retornou como atriz convidada especial durante a sétima e a oitava temporada.
  • Susanna Thompson como Moira Queen (principal: temporadas 1 e 2): Mãe de Oliver e Thea. Ela é assassinada no final da segunda temporada.
  • Paul Blackthorne como Quentin Lance (principal: temporadas 1–6): Pai de Laurel e Sara Lance e detetive da polícia de Starling City. O personagem é parcialmente baseado no personagem da DC Comics, Larry Lance. O personagem morre no final da sexta temporada.
  • Emily Bett Rickards como Felicity Smoak / Observadora (principal: temporadas 2–7): Apresentada como técnica de TI na Queen Consolidated, ela se torna parte da equipe de vigilantes de Oliver, adotando o codinome 'Observadora'. Ela é vagamente baseada no personagem com o mesmo nome, da série de quadrinhos "Fúria do Nuclear' de 1984. O personagem desenvolve um relacionamento romântico com Oliver, com o casal se casando durante o crossover 'Crise na Terra-X'. Ela se torna madrasta do filho de Oliver, William e mãe de sua filha Mia. Durante a quarta temporada, ela trabalha como CEO da Palmer Tech, e na sétima temporada funda sua própria empresa, a Smoak Technologies. Rickards foi inicialmente escalado como uma estrela convidada , mas foi promovido para o elenco regular na segunda temporada, depois de se tornar um personagem recorrente ao longo da primeira temporada. Descrevendo a personalidade do personagem, Rickards afirmou: "Felicity é realmente focada, e acho que esse foco pode ser avassalador. A coisa toda borbulhante / desajeitada é um produto do foco. Não acho que sejam partes por conta própria". Em março de 2019, Rickards anunciou que deixaria a série antes de sua temporada final. Ela retornará como convidada para o final da série.
  • Colton Haynes como Roy Harper / Arsenal (principal: temporadas 2, 3 e 7), um personagem baseado no personagem da DC Comics com o mesmo nome. Ele também é o parceiro romântico de Thea Queen. Haynes foi foi promovido para o elenco regular de série no início da segunda temporada, após sua aparição recorrente na primeira temporada. Haynes deixou a série após a terceira temporada, quando seu contrato terminou, e mais tarde aparece como ator convidado na quarta e sexta temporadas (atribuindo sua partida à sua saúde mental e física na época), mas retornou para o elenco regular na sétima temporada e recorrente para a oitava temporada.
  • Manu Bennett como Slade Wilson / Exterminador (principal: segunda temporada): um terrorista mercenário e internacional. Ele é baseado no personagem da DC Comics de mesmo nome. Bennett foi inicialmente escolhido como um personagem recorrente para a primeira temporada, antes de ser promovido para o elenco regular da série durante a segunda temporada.
  • John Barrowman como Malcolm Merlyn / Arqueiro Negro (principal: temporadas 3 e 4): Um rico empresário que é o pai de Tommy e Thea. Ele serve como inimigo de Oliver. Ele é baseado no personagem da DC Comics, Merlyn. Depois de ser um ator convidado recorrente nas duas primeiras temporadas, Barrowman foi promovido para o elenco regular na terceira temporada. Barrowman reprisou o papel na quinta temporada durante o crossover "Invasão" e mais tarde com a aparente morte de seu personagem ocorrendo fora da tela, e novamente no crossover da sétima temporada "Elseworlds" em uma alucinação.
  • Echo Kellum como Curtis Holt / Senhor Incrível (principal: temporadas 5–7): Baseado no personagem da DC Comics com o mesmo nome. Holt é um sábio tecnológico, inventor e medalhista de decatlo olímpico, que trabalha com Felicity na Palmer Technologies. Kellum foi promovido para o elenco regular na quinta temporada. Kellum saiu da série durante a sétima temporada, mas retornou para o final da temporada.
  • Josh Segarra como Adrian Chase / Prometheus (principal: quinta temporada): Baseado nos personagens da DC Comics Adrian Chase e Prometheus. O novo promotor de Star City, ele é revelado mais tarde como o arqui-vilão Prometheus na quinta temporada. Ele é considerado um dos melhores vilões de Arrow; Chase cometeu suicídio no final da 5ª temporada como um último esforço para provar a Oliver que tudo o que ele toca morre.
  • Rick Gonzalez como Rene Ramirez / Cão Raivoso (principal: 6–8): Um fuzileiro naval desonrosamente dispensado com uma filha afastada que se junta à equipe de vigilantes de Oliver. Ele é baseado no personagem da DC Comics de mesmo nome. Gonzalez foi promovido para o elenco regular a partir da sexta temporada.
  • Juliana Harkavy como Dinah Drake / Canário Negro (principal: temporadas 6–8): Uma detetive disfarçada em Central City que mais tarde se junta à equipe de Oliver, assumindo o manto da Canário Negro. Harkavy foi promovido para o elenco regular a partir da sexta temporada.
  • Kirk Acevedo como Ricardo Diaz (principal: 7ª temporada): Um traficante recentemente libertado de encarceramento que aterroriza Star City e mira em Oliver. Acevedo foi promovido o elenco regular para a sétima temporada.
  • Sea Shimooka como Emiko Queen / Arqueiro Verde (principal: temporada 7): Meia-irmã paterna de Oliver e um vigilante que assume o manto do Arqueiro Verde após a prisão de Oliver.
  • Katherine McNamara como Mia Smoak (principal: temporada 8): Filha de Oliver e Felicity no flash-forward nos anos 2040. Promovido para o elenco regular na oitava temporada.
  • Ben Lewis como o William Clayton (adulto) (principal: temporada 8): Filho de Oliver e Samantha Clayton nos flash-forwards da década de 2040. Promovido para o elenco regular na oitava temporada.
  • Joseph David-Jones como Connor Hawke (adulto) (principal: temporada 8): Filho biológico de Ben Turner, filho adotivo de Diggle, um agente da Knightwatch nos flash-forwards da década de 2040. Promovido para o elenco regular na oitava temporada. Jones apareceu anteriormente em Legends of Tomorrow como John Diggle Jr. / Connor Hawke.
  • LaMonica Garrett como Mar Novu / O Monitor (temporada 8): Um Multiversal testando diferentes Terras no multiverso em preparação para uma "crise" iminente. Ele fez sua primeira aparição no crossover do universo Arrow "Elseworlds"

Produção[editar | editar código-fonte]

Desenvolvimento[editar | editar código-fonte]

A confirmação da série ocorreu em fevereiro de 2012, quando a emissora The CW anunciou que iria produzir uma série baseada nos quadrinhos do herói Arqueiro Verde, da DC Comics.[22]

Arrow foi desenvolvida para a televisão por Andrew Kreisberg, Greg Berlanti e Marc Guggenheim, enquanto o episódio piloto foi dirigido por David Nutter, que também dirigiu o episódio piloto da série Smallville. Arrow foi exibido pela primeira vez na emissora estadunidense The CW em 10 de outubro de 2012.[23] A série é filmada em Vancouver, Colúmbia Britânica, no Canadá.[24][25]

A série introduziu alguns personagens da DC Comics durante a primeira temporada, tais como Darren Shahlavi como Constantine Drakon,[26] Michael Rowe como Floyd Lawton / Pistoleiro, Kelly Hu como Chien Na Wei / China White, Jeffrey Nordling como Frank Bertinelli, Currie Graham como Líder da Gangue Royal Flush,[27][28] e Andrew Dunbar como Vagalume.[29] John Barrowman estrelou como Malcolm Merlyn / Arqueiro Negro.[30][31][32]

Em setembro de 2012, Tahmoh Penikett entrou no elenco como Nick Salvati, o braço direito de Frank Bertinelli. Foi anunciado em novembro de 2012 que Ben Browder interpretaria Ted Gaynor, Seth Gabel interpretaria Conde Vertigo,[33] e Janina Gavankar daria vida a uma policial de Starling City, McKenna Hall.[34] Posteriormente, no mesmo mês, foi anunciado que Manu Bennett interpretaria Slade Wilson / Exterminador, e participaria em vários episódios da série.[35] Em dezembro de 2012, o ator Colton Haynes entrou para o elenco como Roy Harper / Arsenal.[36]

Em fevereiro de 2013, Emily Bett Rickards foi promovida para o elenco principal da série.[37] Em março de 2013, Colton Haynes também foi promovido ao elenco principal,[38] assim como Manu Bennett.[39] Celina Jade ingressou na série no papel de Shado.[40] Em julho de 2013, foi anunciado que Summer Glau entraria no elenco recorrente da série como Isabel Rochev.[41] No mesmo mês, Caity Lotz foi anunciada como a Canário Negro em um papel recorrente que mostraria "o início da história da Canário Negro", de acordo com Andrew Kreisberg. Mais tarde, o vice-presidente da The CW, Mark Pedowitz, relatou que Caity Lotz seria também a irmã de Laurel, Sara Lance.[42]

Ainda em julho de 2013, na San Diego Comic-Con, foi revelado que Kevin Alejandro e Michael Jai White fariam parte do elenco como Sebastian Blood / Irmão Sangue e Ben Turner, respectivamente.[43] Ainda na Comic-Con, foi anunciado que Greg Berlanti e Andrew Kreisberg, juntos de David Nutter e Geoff Johns, criariam uma série baseada no Flash, outro personagem da DC Comics,[44] e que o personagem Barry Allen seria introduzido na segunda temporada de Arrow, participando em três episódios da série, sendo o último deles um episódio piloto para The Flash.[45]

Em 15 de agosto de 2013, Bex Taylor-Klaus foi anunciada como Cindy / Pecado na segunda temporada de Arrow.[46] Em 4 de setembro de 2013, Cynthia Addai-Robinson entrou para o elenco como Amanda Waller.[47]

Em 13 de Setembro de 2013, o ator Grant Gustin foi anunciado como o intérprete de Barry Allen, em Arrow.[48]

Design[editar | editar código-fonte]

O traje do Arqueiro, interpretado por Stephen Amell, durante a primeira temporada.

A abordagem realista da série incluiu o figurino de vigilante do Oliver, criada por Colleen Atwood.[49] De acordo com Amell, era importante que o traje fosse funcional, e a melhor maneira dele saber disso era se pudesse vestir a roupa sozinho: "Se eu posso vestir sozinho, acho que as pessoas vão gostar e essa foi a nossa ideia. Esse é o nosso mundo."

Na segunda metade da segunda temporada, Oliver substitui sua máscara de "tinta" por uma máscara de poliéster, semelhante à usada pelo personagem nos quadrinhos. A mudança é abordada na tela, com Kreisberg dizendo: "Ele não apenas coloca uma máscara. Na verdade, é um grande ponto de virada em um episódio, e há realmente uma história por trás, não apenas a necessidade da máscara, mas também quem a fornece."[50] Ao adicionar a máscara, Kreisberg afirmou que: "Conceitualmente, era algo que queríamos fazer porque o próprio Oliver está evoluindo como Arqueiro - de vigilante a herói, de Arqueiro para Arqueiro Verde- e também queríamos ver essa progressão em seu figurino. Como Oliver está abraçando ser um herói, ser um herói significa sair do escuro e ser mais um símbolo, então ele precisa tomar medidas para esconder mais sua identidade."[50] Ele acrescentou que isso "permitirá que o Arqueiro interaja com pessoas que não conhecem sua identidade de uma maneira muito mais orgânica do que tê-lo constantemente mantendo a cabeça baixa".[50]

A figurinista Maya Mani reuniu cerca de 50 opções de máscaras para os produtores. Kreisberg disse: "O que há de mais maravilhoso no design que a Maya criou é que ele é realmente muito simples, e parece que faz parte do figurino dele desde o início ... quando finalmente tivemos essa máscara e a colocamos no Stephen [Amell], até o mesmo afirmou, 'Este é o caminho certo'. "[50]No episódio "Três Fantasmas", Oliver recebe a máscara de Barry Allen, que foi capaz de criar uma máscara que ajudaria a ocultar seus sentimentos e identidade, enquanto ainda era funcional e permitiria que Oliver visse claramente.

Música[editar | editar código-fonte]

Para compor a trilha sonora de Arrow, o produtor executivo Greg Berlanti convidou Blake Neely, com quem ele havia trabalhado pela primeira vez em Everwood. Neely criou uma partitura que combinava pistas eletrônicas e orquestrais, variando entre os temas de ação e os românticos.[51] Berlanti disse a Neely que a série seria sombria, e a música também. Depois de ler o roteiro do piloto, Neely foi embora para começar a compor por conta própria.[52] De acordo com Neely, "é claro, Oliver tem seu tema principal, mas também sub-temas para as várias camadas de seu personagem. Ele e Laurel têm um tema de amor. A mãe tinha um tema para o Empreendimento. Todos os bandidos têm temas, e isso me deixa triste quando um deles morre. Então, eu tento não me apegar a temas de bandidos. Diggle tem um tema. Até a própria ilha tem um tema."[51] Uma trilha sonora da primeira temporada foi lançada em 17 de Setembro de 2013 pela WaterTower Music.[53][54] Duas versões da trilha sonora da segunda temporada foram lançadas em 16 de Setembro de 2014 pela WaterTower Music e La La Land Records; o lançamento do CD inclui duas faixas exclusivas não disponíveis no lançamento digital.[55][56] Em 18 de Dezembro de 2014, a WaterTower Music e a La La Records lançaram uma seleção de músicas dos episódios crossover de The Flash / Arrow, bem como duas faixas bônus de seus respectivos finais das meias temporadas de 2014.[57] A trilha sonora da terceira temporada foi lançada em Dezembro de 2015, consistindo em 2 discos pela primeira vez (os álbuns anteriores consistiam em um CD).[58]

Marketing[editar | editar código-fonte]

No Brasil, a emissora Warner Channel estreou a série no dia 22 de outubro de 2012.[59] No mesmo dia, a emissora americana The CW confirmou que a série teria 22 episódios em sua primeira temporada.[60] Posteriormente, a emissora encomendou mais um, dando um total de 23 episódios. Em maio de 2013, o canal The CW anunciou que Arrow teria uma segunda temporada,[61] que estreou em 9 de outubro de 2013, e, assim como a primeira, teve 23 episódios. Em fevereiro de 2014 foi anunciado a renovação da série para uma terceira temporada, que estreou em 8 de outubro de 2014.

Transmissão[editar | editar código-fonte]

Arrow estreou na emissora The CW em 10 de outubro de 2012.[62] A série também foi lançada na emissora CTV, no Canadá, no mesmo dia.[63] Arrow estreou na África do Sul em outubro de 2012,[64] e no Brasil, em 22 de outubro de 2012, através da emissora Warner Channel.[65] Neste dia, Arrow também estreou no Reino Unido e na Irlanda.[66] A série estreou na Austrália pela emissora Nine Network em 1 de maio de 2013.[67] Em 2015, o canal brasileiro SBT, anunciou junto com outros títulos inéditos a compra da série.

Recepção[editar | editar código-fonte]

Resposta da crítica[editar | editar código-fonte]

Temporada Resposta da crítica
Rotten Tomatoes
1 85% (36 reviews)
2 95% (12 reviews)
3 80% (9 reviews)
4 85% (10 reviews)
5 88% (13 reviews)
6 64% (7 reviews)
7 88% (221 reviews)
8 95% (79 reviews)

Arrow recebeu críticas favoráveis, com uma pontuação no Metacritic de 73/100, com base em comentários de 25 críticos.[68] O site de avaliações Rotten Tomatoes deu índice de 85% de aprovação dos críticos e com uma classificação média de 7,47/10 baseado em 36 comentários. O site disse: "A CW acertou no alvo com Arrow, uma série inspirada em quadrinhos que se beneficia de sequências de ação cinematográficas, tramas fortes e personagens intrigantes".[69] No IMDb, a série possui uma pontuação de 8.2 de 10 dentre cerca de 139.801 votos.[70]Mary McNamara, do jornal Los Angeles Times, classificou a série como uma configuração interessante, com um olhar de qualidade, descrevendo Stephen Amell como o "garoto-propaganda ideal."[71] Brian Lowry, da revista Variety, descreveu a série como um substituto bom para Batman.[72]

A segunda temporada da série recebeu no Metacritic uma pontuação de 8.7/10 com base nas críticas do usuário. Segundo a revista Entertainment Weekly, "o segundo ano de Arrow não mostra nenhum sinal de desgaste".[73] O site Rotten Tomatoes deu índice de 95% de aprovação dos críticos e com uma classificação média de 8,15/10 baseado em 12 comentários. O site disse: "A segunda temporada de Arrow possui uma ação ainda mais fantástica, além de um elenco cada vez melhor com personagens intrigantes e ricamente escritos".[74]

Apesar de receber respostas positivas para a estréia da terceira temporada,[75] a segunda metade da terceira temporada recebeu duras críticas. As sequencias de flashback foram caracterizadas como esporádicas e "supérfluas", com Ra's al Ghul descrito como um "vilão" raso e "subutilizado", ausente de claro antagonismo ",[76] mesmo Matt Nable sendo elogiado por sua interpretação do personagem. Além disso, o uso de um personagem tão importante da galeria de vilões do Batman, a apresentação da da "Filha do Demônio" e várias outras histórias do Batman e Ra's al Ghul aplicadas na história de Oliver Queen, sofreram duras críticas dos telespectadores, que acusaram a série de criar um "falso" Batman.[77] No site Rotten Tomatoes, a terceira temporada tem um índice de 90% de aprovação dos críticos e com uma classificação média de 8,37/10 baseado em 9 comentários. O site disse: "Arrow permanece no eixo com novos personagens e um suprimento cheio de ação". [78]

A quarta temporada recebeu críticas mistas. A temporada ganhou elogios às cenas de ação e ao desempenho de Neal McDonough como Damien Darhk. No entanto, também recebeu críticas cada vez mais negativas por seus flashbacks mundanos, falta de foco narrativo e um final da temporada morno.[79] Ryan Fleming, do Deadbeatspanel.com, observou que Arrow estava "honrando os quadrinhos, mas isso não se deve a eles. Os personagens ... foram introduzidos, mas não são réplicas exatas de seus colegas de quadrinhos.[80] Lesley Goldberg, do The Hollywood Reporter, observou que a personagem Thea "Speedy" Queen estava totalmente desconexa das histórias em quadrinhos, bem como a tendência da personagem para matar.[81] O site Rotten Tomatoes atribuiu a quarta temporada da série um índice de 85% de aprovação dos críticos e com uma classificação média de 7,55/10 baseado em 10 comentários. O site disse: "A quarta temporada de Arrow surge com um novo tom refrescante, um novo vilão e uma história emocionante." [82]

A quinta temporada recebeu críticas principalmente positivas dos críticos, elogiando as performances de Stephen Amell e Josh Segarra, as sequências de ação, a narrativa e o final da temporada.[83] O IGN deu à quinta temporada uma pontuação de 8,7/10, afirmando que "conseguiu superar e recuperar muito da memorável série que era em suas duas primeiras temporadas".[84] O site Rotten Tomatoes atribuiu a quinta temporada um índice de 88% de aprovação dos críticos e com uma classificação média de 7,38/10 baseado em 13 comentários. O site disse: "Nenhuma estranheza ou reviravolta dramática, a quinta temporada de Arrow continua a introduzir novos vilões e surpreender os espectadores, apesar de algumas inconsistências". [85]

A sexta temporada recebeu críticas mistas dos críticos. A IGN deu à sexta temporada uma pontuação de 6,7/10, afirmando que "capturou a série no seu melhor e pior, com um final forte resgatando meses de decepção".[86] O site Rotten Tomatoes atribuiu um índice de 64% de aprovação e com uma classificação média de 6,86/10 baseado em 7 comentários. O site disse: "A sexta temporada de Arrow lida com as consequências da explosão no final da quinta temporada e promete uma mudança drástica de direção para a série".[87]

A sétima temporada recebeu críticas mais favoráveis do que a temporada anterior, com 7,4/10 da IGN, sendo atribuído ao trabalho de Beth Schwartz em dar nova vida e energia a série. Foi dado um sucesso particular às performances de Stephen Amell e Emily Bett Rickards, bem como a novas direções para o show, através de "maior disposição para correr riscos e se aventurar em um novo caminho este ano, mesmo que muitas vezes exagerasse mais do que poderia com o seu elenco grande elenco."[88] O site Rotten Tomatoes atribuiu um índice de 88% de aprovação e com uma classificação média de 7,35/10 baseado em 221 comentários.[89]

A oitava temporada da série recebeu do site Rotten Tomatoes um índice de 95% de aprovação e com uma classificação média de 8,09/10 baseado em 79 comentários.[90]

Audiência[editar | editar código-fonte]

Prêmios e indicações[editar | editar código-fonte]

Ano Prêmio Categoria Nomeado(s) Resultado
2012 Satellite Awards[98] Melhor série de televisão Arrow Indicado
IGN Awards[99] Melhor herói da TV Stephen Amell Indicado
2013 People's Choice Awards[100] Nova série dramática Arrow Indicado
Leo Awards[101][102] Produção Joseph Patrick Finn, Greg Berlanti, Marc Guggenheim, Andrew Kreisberg, Melissa Kellner Berman, Drew Greenberg, Jennifer Lence, Wendy Mericle, Carl Ogawa Indicado
Cinematografia Glen Winter ("Pilot") Venceu
Gordon Verheul ("Lone Gunman") Indicado
Melhor Efeitos Visuais Jean-Luc Dinsdale, Pauline Burns, Andrew Orloff, Dave Gauthier ("Burned") Venceu
Melhor Design de Produção Richard Hudolin ("Pilot") Venceu
Melhor Diretor de Elenco Coreen Mayrs, Heike Brandstatter ("An Innocent Man") Indicado
Melhor Coordenação de Ação J.J. Makaro ("Pilot") Venceu
J.J. Makaro ("Vertigo") Indicado
Saturn Awards[103] Melhor série de televisão juvenil Arrow Indicado
Teen Choice Awards[104] Choice TV: Melhor série de Fantasia/Ficção Científica Indicado
Choice TV: Melhor série Breakout Indicado
Choice TV: Melhor ator de série de Fantasia/Ficção Científica Stephen Amell Indicado
Choice TV: Melhor estrela Breakout Indicado
Choice TV: Melhor atriz de série de Fantasia/Ficção Científica Katie Cassidy Indicado
Canadian Society of Cinematography Awards[105] Melhor cinematografia de série de TV dramática Glen Winter Venceu
Broadcast Music Inc. BMI Television Music Awards (Melhor trilha sonora da TV) Blake Neely Venceu
TV Guide Award Melhor "Nova Série" Arrow Venceu
2014 IGN Awards Melhor Herói da TV Stephen Amell/Arrow Indicado
People's Choice Awards[106] Melhor Ator Ficção Científica/Fantasia de TV Stephen Amell Indicado
Satellite Awards[107] Melhor série de televisão Arrow Indicado
Saturn Awards[108] Melhor Série de TV Juvenil Arrow Indicado
Leo Awards[109] Produção Greg Berlanti, Joseph P. Finn, Marc Guggenheim, Andrew Kreisberg, Wendy Mericle Indicado
Cinematografia Gordon Verheul ("Sacrifice") Indicado
Maquiagem Danielle Fowler ("Keep Your Enemies Closer") Indicado
Coordenação de Ação J. J. Makaro ("The Scientist") Indicado
Melhor Atuação - Masculino Stephen Amell ("Crucible") Indicado
Melhor Atuação - Feminino Emily Bett Rickards ("Three Ghosts") Indicado
Constellation Awards[110] Melhor Atuação Masculina em Episódio de Ficção Científica da TV em 2013 Stephen Amell ("The Odyssey") Indicado
Melhor Série de Ficção Científica da TV em 2013 Arrow Indicado
Teen Choice Awards[111] Choice TV: Melhor série de Fantasia/Ficção Científica Arrow Indicado
Choice TV: Estrela Revelação Feminina Emily Bett Rickards/Arrow Indicado
Young Hollywood Awards[112] Super Super-herói Stephen Amell Indicado
2015 Saturn Awards[113] Melhor Adaptação de Super-herói em Séries de TV Arrow Indicado
Leo Awards[114]
Cinematografia C. Kim Miles ("Blind Spot") Indicado
Figurinos Maya Mani ("Suicide Squad") Indicado
Melhor Atuação - Feminino Emily Bett Rickards ("Left Behind") Indicado
Teen Choice Awards[115] Choice TV: Melhor série de Fantasia/Ficção Científica Arrow Indicado
Choice TV: Melhor ator de série de Fantasia/Ficção Científica Stephen Amell Indicado
Choice TV: Melhor atriz de série de Fantasia/Ficção Científica Emily Bett Rickards Indicado
Choice TV: Beijo apaixonado Stephen Amell & Emily Bett Rickards Indicado
Choice TV: Vilão Matt Nable Indicado
PRISM Awards[116] Atuação realista no abuso de drogas Katie Cassidy Venceu
2016 People's Choice Awards[117] Favorite Network TV Sci-Fi/Fantasy Arrow Indicado
Saturn Awards[118] Best Superhero Adaptation Television Series Arrow Indicado
Teen Choice Awards Choice TV Show: Fantasy/Sci-Fi Arrow Indicado
Choice TV Actress: Fantasy/Sci-Fi Emily Bett Rickards Indicado
Choice TV: Liplock Stephen Amell & Emily Bett Rickards Indicado
2017 People's Choice Awards[119] Favorite Network TV Sci-Fi/Fantasy Arrow Indicado
Saturn Awards[120] Best Superhero Adaptation Television Series Arrow Indicado
MTV Movie & TV Awards[121] Best Hero Stephen Amell Indicado
Leo Awards[122] Best Lead Performance by a Female in a Dramatic Series Emily Bett Rickards Indicado
Best Cinematography in a Dramatic Series Shamus Whiting-Hewlett Indicado
Best Stunt Coordination in a Dramatic Series Curtis Braconnier, Eli Zagoudakis Venceu
Teen Choice Awards[123] Choice TV Actor: Action Stephen Amell Indicado
Choice TV Actress: Action Emily Bett Rickards Indicado
Choice TV Show: Action Arrow Indicado
Choice TV Villain Josh Segarra Indicado
2018 People's Choice Awards[124] The Sci-Fi/Fantasy Show of 2018 Arrow Indicado
Saturn Awards[125] Best Superhero Adaptation Television Series Arrow Indicado
Teen Choice Awards[126] Choice TV Actor: Action Stephen Amell Indicado
Choice TV Actress: Action Emily Bett Rickards Indicado
Choice TV Ship Stephen Amell & Emily Bett Rickards Indicado
Choice TV Show: Action Arrow Indicado
2019 Leo Awards Best Stunt Coordination in a Dramatic Series Jeff Robinson, Eli Zagoudakis ("The Slabside Redemption") Venceu
Teen Choice Awards Choice TV Show: Action Arrow Indicado
Choice TV Actor: Action Stephen Amell Venceu
Choice TV Actress: Action Emily Bett Rickards Indicado
Saturn Awards Best Superhero Television Series Arrow Indicado
People's Choice Awards The Sci-Fi/Fantasy Show of 2019 Arrow Pendente

Universo Arrow[editar | editar código-fonte]

Spin-offs[editar | editar código-fonte]

Em Julho de 2013, foi anunciado que Berlanti e Kreisberg, juntamente com Nutter e Geoff Johns, criariam uma série de televisão, The Flash, baseada no personagem de mesmo nome, com uma história de origem para Barry Allen. [127] O personagem, interpretado pelo ator Grant Gustin, estava programado para aparecer em três episódios da segunda temporada de Arrow, com o último servindo de um episódio piloto da nova série.[128] No entanto, foi anunciado em Novembro de 2013 que o piloto da exibido em Arrow não aconteceria, e que seria feito um episódio piloto tradicional.[129] Em Janeiro de 2015, o presidente da The CW, Mark Pedowitz, anunciou a intenção de fazer um crossover entre Flash e Arrow a cada temporada,[130] também, foi anunciado pelo canal a criação da websérie animada, Vixen, apresentando a heroína da DC de mesmo nome e ambientada no mesmo universo de Arrow e The Flash, com sua estreia na The CW Seed no final de 2015.[131] Mais tarde, a a personagem fez uma aparição live action em Arrow no episódio da quarta temporada "Levado". No mês seguinte, foi relatado que uma série spin-off de super-heróis estava em discussão pela The CW para um possível lançamento na temporada de 2015-16. Berlanti e Kreisberg seriam os produtores executivos ao lado de Guggenheim e Sarah Schechter. A série em potencial seria feita por vários personagens recorrentes de Arrow e The Flash, com a possibilidade de outros personagens de Arrow / Flash passarem a fazer parte dessa nova série também.[132][133] Em Maio de 2015, a The CW anunciou oficialmente a série, intitulada Legends of Tomorrow.[134]

Durante o episódio 100 de Arrow na quinta temporada, alguns personagens das temporadas anteriores retornaram e apareceram em "Invasão!", um episódio crossover com Supergirl, The Flash, Arrow e Legends of Tomorrow[135], onde Thea, Diggle, Sara, Ray e Oliver são sequestrados pelos Dominadores e foram colocados em um estado de sonho para reunir informações, enquanto era lhes mostrados como seriam suas vidas se Oliver nunca tivesse entrado no barco. Nas temporadas posteriores outros crossover ocorreram, estes, "Crise na Terra-X" em 2017,[136] e "Outros Mundos" em 2018,[137] e "Crise em Terras Infinitas" em 2019-2020.[138]

Em Agosto de 2019, foi relatado que outro spin-off sem título estava em desenvolvimento.[139] Em Setembro, o Hollywood Reporter confirmou que a The CW estava desenvolvendo uma série spin-off liderada por mulheres, com Katherine McNamara, Katie Cassidy Rodgers e Juliana Harkavy como protagonistas, reprisando seus papéis de Arrow. O relatório também confirmou que um episódio da temporada final de Arrow serviria como um episódio piloto" para a série em potencial. [140] McNamara anunciou em sua página no Twitter em Outubro que a série derivada seria chamada de Arqueira Verde e as Canários, e que as filmagens do episódio já haviam começado, este sendo o episódio 9 da oitava temporada de Arrow. [141]

Constantine[editar | editar código-fonte]

Em Agosto de 2015, foi confirmado que Matt Ryan apareceria em Arrow no episódio da quarta temporada "Assombrado", para um "episódio único" que envolveria seu personagem sendo trazido para lidar com as consequências da a ressurreição de Sara Lance (Caity Lotz) através do poço de Lázaro, de Ra's al Ghul.[142][143][144] Devido a Arrow e Constantine compartilharem o mesmo estúdio, os produtores de Arrow também conseguiram adquirir as roupas originais de Ryan. John Badham, que era diretor de Constantine, dirigiu o episódio de crossover.[143] Ao filmar o episódio, Guggenheim afirmou que parecia que a equipe de produção estava "fazendo um crossover Constantine / Arrow, e era tão emocionante ... estamos muito felizes por termos a chance de estender a corrida de Matt Ryan como Constantine por pelo menos um mais uma hora de televisão. Acho que você verá que ele se encaixa muito bem em nosso universo. Nada forçado, parece certo."[145]


Referências

  1. «Arrow: série do Arqueiro Verde contrata mais três atrizes para seu elenco». Minha Série. 16 de fevereiro de 2012 
  2. «Showatch». The Futon Critic. 10 de outubro de 2012 
  3. «Complete List Of 2012–13 Season TV Show Viewership: 'Sunday Night Football' Tops, Followed By 'NCIS', 'The Big Bang Theory' & 'NCIS: Los Angeles'». TV by the Numbers. 29 de maio de 2013. Consultado em 14 de junho de 2016 
  4. «Full 2013–14 TV Season Rankings». Deadline Hollywood. Consultado em 7 de novembro de 2014 
  5. de Moraes, Lisa (21 de maio de 2015). «2014–15 Full TV Season Ratings: Rankings For All Shows». Deadline Hollywood. Consultado em 1 de abril de 2016. Arquivado do original em 22 de maio de 2015 
  6. de Moraes, Lisa (26 de maio de 2016). «Full 2015–16 TV Season Series Rankings: 'Blindspot', 'Life In Pieces' & 'Quantico' Lead Newcomers». Deadline Hollywood. Consultado em 27 de maio de 2016 
  7. de Moraes, Lisa (26 de maio de 2017). «Final 2016–17 TV Rankings: 'Sunday Night Football' Winning Streak Continues». Deadline Hollywood. Consultado em 26 de maio de 2017 
  8. de Moraes, Lisa (22 de maio de 2018). «2017-18 TV Series Ratings Rankings: NFL Football, 'Big Bang' Top Charts». Deadline Hollywood. Consultado em 22 de maio de 2018 
  9. de Moraes, Lisa (21 de maio de 2019). «2018–19 TV Season Ratings: CBS Wraps 11th Season At No. 1 In Total Viewers, NBC Tops Demo; 'Big Bang Theory' Most Watched Series». Deadline Hollywood. Consultado em 5 de junho de 2019. Cópia arquivada em 5 de junho de 2019 
  10. Criscuolo, Isaque (21 de maio de 2018). «Arrow - 6ª Temporada». Omelete. Consultado em 15 de novembro de 2019 
  11. Garófalo, Nicolaos (16 de outubro de 2019). «Arrow - 7ª temporada». Omelete. Consultado em 15 de novembro de 2019 
  12. «Tudo indica que a última temporada de "Arrow" terá "muitas lágrimas"». www.purebreak.com.br (em bretão). Consultado em 15 de novembro de 2019 
  13. Andreeva, Nellie (19 de agosto de 2019). «'Arrow' Star Stephen Amell To Headline Starz Wrestling Drama Series 'Heels'». Deadline Hollywood. Consultado em 11 de dezembro de 2019 
  14. «Arrow: Stephen Amell Teases Heartbreaking Dialogue From Final Season Premiere». ComicBook. Consultado em 10 de dezembro 2019 
  15. «Green Arrow Faces Prometheus-X in Arrowverse Crossover Photo». CBR. 17 de outubro de 2017. Consultado em 20 de maio de 2018 
  16. Mitovich, Matt Webb (16 de outubro de 2019). «Arrow/The Flash: Burning Qs Answered About Earth-Two, the New Hood, Canaries Spinoff Set-Up and More». TVLine. Consultado em 11 de dezembro de 2019 
  17. «Arrow's Katie Cassidy Rodgers Pitched a Birds of Prey Spinoff to The CW». DC. Consultado em 11 de dezembro de 2019 
  18. Jeffrey, Morgan (11 de março de 2013). «Arrow exec on Black Canary debut: 'It has to be earned'». Digital Spy. Consultado em 11 de dezembro de 2019 
  19. Andreeva, Nellie (15 de fevereiro de 2012). «Katie Cassidy Set As Female Lead In CW Pilot Arrow». Deadline Hollywood. Consultado em 11 de dezembro de 2019 
  20. Mitovich, Matt Webb (27 de março de 2017). «Arrow: Katie Cassidy to Return as Series Regular for Season 6, Playing [Spoiler]». TVLine. Consultado em 10 de dezembro de 2019 
  21. Wagmeister, Elizabeth (27 de março 2017). «Katie Cassidy Returning to 'Arrow' for Good as Black Siren». Variety. Consultado em 11 de dezembro de 2019 
  22. «CW's 'Carrie Diaries,' 'Arrow,' 'Cult,' 'First Cut,' 'Beauty and the Beast' Ordered to Series». Consultado em 5 de setembro de 2012 
  23. Goldberg, Lesley; Rose, Lacey (11 de maio de 2012). «CW's 'Carrie Diaries,' 'Arrow,' 'Cult,' 'First Cut,' 'Beauty and the Beast' Ordered to Series». The Hollywood Reporter. Consultado em 11 de maio de 2012 
  24. Strachan, Alex (11 de outubro de 2012). «Stephen Amell brings Arrow to small screen». canada.com. Consultado em 11 de outubro de 2012 
  25. Guggenheim, Marc (27 de fevereiro de 2013). «Last day in Vancouver. Er, I mean Starling City. #Arrow». Twitter. Consultado em 27 de fevereiro de 2013 
  26. Cassidy, Mark (21 de março de 2012). «Darren Shahlavi Joins Arrow As Villain Constantine Drakon». Comic Book Movie. Consultado em 21 de março de 2012 
  27. Perry, Spencer (26 de outubro de 2012). «Arrow's Royal Flush Gang Revealed». Superhero Hype. Consultado em 26 de outubro de 2012 
  28. Masters, Megan (14 de setembro de 2012). «TVLine Items: Smash Adds Law & Order Vet, USA Orders Pilot From Numb3rs Creators and More!». TV Line. Consultado em 14 de setembro de 2012 
  29. Hibberd, James (31 de outubro de 2012). «Firefly coming to 'Arrow' – Exclusive». Entertainment Weekly. Consultado em 8 de novembro de 2012 
  30. Barrett, Annie. «'Arrow,' 'CSI,' 'Revolution,' 'Once Upon a Time,' 'Bones': Spoilers | Inside TV | EW.com». Insidetv.ew.com. Consultado em 10 de maio de 2013 
  31. «Arrow Star John Barrowman Dishes on The Dark Archer, Doctor Who, Torchwood and Scandal. the TV addict. 24 de abril de 2013. Consultado em 24 de abril de 2013 
  32. «Arrow Producers on What's to Come, Including a Trip to Blüdhaven and the Potential for Speedy and Black Canary». IGN. 9 de março de 2013. Consultado em 9 de março de 2013 
  33. Ausiello, Michael (13 de novembro de 2012). «Exclusive: Arrow Targets Fringes Seth Gabel to Play Big Bad 'Vertigo'». TV Line. Consultado em 13 de novembro de 2012 
  34. Hibberd, James (16 de novembro de 2012). «'Arrow' casts 'True Blood' actor». Entertainment Weekly. Consultado em 16 de novembro de 2012 
  35. Hibberd, James (30 de novembro de 2012). «'Arrow' casts 'Spartacus' actor». Entertainment Weekly. Consultado em 30 de novembro de 2012 
  36. Holbrook, Damian (11 de dezembro de 2012). «Exclusive: Teen Wolf Vet Colton Haynes Joins Arrow as...Who?!». TV Guide. Consultado em 11 de dezembro de 2012 
  37. Marnell, Blair (12 de fevereiro de 2013). «Emily Bett Rickards Promoted For 'Arrow' Season 2». CraveOnline. Consultado em 12 de fevereiro de 2013 
  38. Goldberg, Lesley (12 de março de 2013). «'Arrow' Promotes Colton Haynes to Series Regular for Season 2». The Hollywood Reporter. Consultado em 13 de março de 2013 
  39. 'Arrow's' Manu Bennett Upped to Series Regular for Season 2 (Exclusive)
  40. Exclusive interview with Celina Jade
  41. Ng, Philiana (10 de julho de 2013). «'Arrow' Recruits Summer Glau for Major Season 2 Role». The Hollywood Reporter. Consultado em 10 de julho de 2013 
  42. Prudom, Laura (30 de julho de 2013). «Black Canary On 'Arrow': CW President Mark Pedowitz Shares More On The Superhero's Origin Story». Huffington Post. Consultado em 30 de julho de 2013 
  43. Abrams, Natalie (20 de julho de 2013). «Arrow: Kevin Alejandro, Michael Jai White Join Cast for Season 2». TV Guide. Consultado em 20 de julho de 2013 
  44. Andreeva, Nellie (30 de julho de 2013). «CW Eyes 'Flash' Series With 'Arrow's Greg Berlanti, Andrew Kreisberg & David Nutter». Deadline. Consultado em 30 de julho de 2013 
  45. Goldberg, Lesley (30 de julho de 2013). «'Flash' Writers Preview the CW's Newest Superhero». The Hollywood Reporter. Consultado em 30 de julho de 2013 
  46. Ng, Philiana and Leslie Goldberg (30 de julho de 2013). «'Arrow' Recruits 'The Killing' Star for Season 2». The Hollywood Reporter. Consultado em 30 de julho de 2013 
  47. Abrams, Natalie (4 de setembro de 2013). «Arrow Exclusive: Spartacus Alum Tapped to Play Amanda Waller». TV Guide. Consultado em 4 de setembro de 2013 
  48. Goldberg, Lesley (13 de setembro de 2013). «'Glee' Star Set as CW's Flash». The Hollywood Reporter. Consultado em 13 de setembro de 2013 
  49. Goldberg, Lesley (19 de março 2012). «CW Fires Off First 'Arrow' With Pic From Comic-Inspired Pilot (Photo)». The Hollywood Reporter. Consultado em 11 de dezembro de 2019 
  50. a b c d Gonzalez, Sandra (19 de novembro de 2013). «'Arrow' gives Oliver Queen's alter-ego a mask – EXCLUSIVE PHOTOS». Entertainment Weekly. Consultado em 11 de dezembro de 2019 
  51. a b Beedle, Tim (18 de setembro de 2013). «Island Music: An Interview with Arrow Composer Blake Neely». DC Comics. Consultado em 11 de dezembro de 2019 
  52. Neely, Blake. «CBR TV: Super Composer Finds "Flash" & "Arrow" Inspiration for "Legends," Makes "Supergirl" Fun». Comic Book Resources. Consultado em 11 de dezembro de 2019 
  53. «Arrow – Original Television Soundtrack: Season 1». Amazon.com. Consultado em 11 de dezembro de 2019 
  54. «WaterTower Music – Arrow – Original Television Soundtrack: Season 1». WaterTower Music 
  55. «Film music – movie music - film score – ARROW: SEASON 2 – Blake Neely». lalalandrecords.com. Consultado em 11 de dezembro de 2019 
  56. «WaterTower Music – Arrow: Season 2 (Original Television Soundtrack)». WaterTower Music 
  57. «The Flash vs. Arrow: Music Selections from the Epic 2-Night Event». WaterTower Music. Consultado em 11 de dezembro de 2019 
  58. «Original Soundtrack (Score) – Arrow: Season 3». Amazon.com Music 
  59. «CW announces 2012 season premiere dates: Why do 'The Vampire Diaries,' 'Supernatural' and more start late?». Consultado em 21 de julho de 2012. Arquivado do original em 29 de junho de 2012 
  60. «'Arrow' Officially Picked Up for Full Season» (em inglês). Consultado em 8 de dezembro de 2012. Arquivado do original em 2 de dezembro de 2012 
  61. «CW Renova arrow para a segunda temporada!». Greenarrowbr.com. 2013. Consultado em 15 de fevereiro de 2013 [ligação inativa]
  62. Gorman, Bill (17 de maio de 2012). «CW 2012–13 Primetime Schedule: 'Supernatural' To Wednesday, 'Nikita' To 9pm, 'Beauty & the Beast' Follows 'Vampire Diaries' & Lots More Changes». TV by the Numbers. Consultado em 17 de maio de 2012 
  63. A Decade in the Making: CTV Unveils 2012/2013 Primetime Schedules – Four new series join CTV this Fall; CTV Two addes three new series
  64. «Arrow». Tvsa.co.za. Consultado em 5 de dezembro de 2012 
  65. «Estreno de la serie de televisión Arrow en México» 
  66. Munn, Patrick (3 de julho de 2012). «BSkyB Acquires UK Rights To 'Arrow', 'Elementary', 'The Following' & 'Vegas'». TVWise. Consultado em 3 de julho de 2012 
  67. «Airdate: Arrow. Bumped: The Following». TV Tonight. Consultado em 10 de maio de 2013 
  68. «Arrow». Metacritic. CBS Interactive. Consultado em 2 de novembro de 2012 
  69. «Arrow: Season 1 (2012–2013)». Rotten Tomatoes. Consultado em 11 de dezembro de 2019 
  70. «Arrow ratings» (em inglês). IMDb. Consultado em 22 de julho de 2013 
  71. McNamara, Mary (10 de outubro de 2012). «Review: The CW's 'Arrow' right on target with a riveting superhero». Los Angeles Times. Consultado em 10 de outubro de 2012 
  72. Lowry, Brian (8 de outubro de 2012). «Arrow TV Reviews». Variety. Consultado em 8 de outubro de 2012 
  73. «Arrow». Metacritic. CBS Interactive. Consultado em 10 de outubro de 2013 
  74. «Arrow: Season 2 – Rotten Tomatoes». Consultado em 11 de dezembro de 2019 
  75. «Arrow: Season 3». rottentomatoes.com. 8 de outubro de 2014 
  76. Fitzpatrick, Kevin (15 de maio de 2015). «Where 'Arrow' Season 3 Went Wrong». ScreenCrush 
  77. McKalin, Vamien (1 de março de 2015). «'Arrow' TV Series: Is It Just A Huge Batman Rip-Off? Yeah It Is». Tech Times 
  78. «Arrow: Season 3 – Rotten Tomatoes». Consultado em 11 de dezembro de 2019 
  79. Schedeen, Jesse. «Arrow: Season 4 Review». IGN. Consultado em 11 de dezembro de 2019 
  80. Fleming, Ryan (6 de setembro de 2016). «66 TV Shows Based on Comics in the Works». Deadbeatspanel.com. Consultado em 11 de dezembro de 2019 
  81. Goldberg, Lesley (3 de outubro de 2012). «How Does The CW's 'Arrow' Compare to the DC Series? A Comic Book Expert Weighs In». The Hollywood Reporter. Consultado em 22 de outubro de 2019 
  82. «Arrow: Season 4 – Rotten Tomatoes». Rotten Tomatoes. Consultado em 11 de dezembro de 2019 
  83. Wilkins, Alasdair. «Arrow is great once more, with a little help from his friends». Consultado em 11 de dezembro de 2019 
  84. Schedeen, Jesse (1 de junho de 2017). «Arrow: Season 5 Review». IGN. Consultado em 11 de dezembro de 2019 
  85. «Arrow: Season 5 – Rotten Tomatoes». Rotten Tomatoes. Consultado em 11 de dezembro de 2019 
  86. Schedeen, Jesse (25 de maio de 2018). «Arrow: Season 6 Review». IGN. Consultado em 11 de dezembro de 2019 
  87. «Arrow: Season 6 – Rotten Tomatoes». Rotten Tomatoes. Consultado em 11 de dezembro de 2019 
  88. Schedeen, Jesse (29 de maio de 2019). «Arrow: Season 7 Review». IGN. Consultado em 11 de dezembro de 2019 
  89. «Arrow: Season 7 - Rotten Tomatoes». Rotten Tomatoes. Consultado em 11 de dezembro de 2019 
  90. «Arrow: Season 8 - Rotten Tomatoes». Rotten Tomatoes. Consultado em 11 de dezembro de 2019 
  91. «Arrow: Season One Ratings». TV Series Finale. 16 de maio de 2013. Consultado em 29 de julho de 2017 
  92. «Arrow: Season Two Ratings». TV Series Finale. 16 de maio de 2014. Consultado em 29 de julho de 2017 
  93. «Arrow: Season Three Ratings». TV Series Finale. 14 de maio de 2015. Consultado em 29 de julho de 2017 
  94. «Arrow: Season Four Ratings». TV Series Finale. 26 de maio de 2016. Consultado em 29 de julho de 2017 
  95. «Arrow: Season Five Ratings». TV Series Finale. 25 de maio de 2017. Consultado em 29 de julho de 2017 
  96. «Arrow: Season Six Ratings». TV Series Finale. 18 de maio de 2018. Consultado em 17 de outubro de 2018 
  97. «Arrow: Season Seven Ratings». TV Series Finale. 1 de novembro de 2018. Consultado em 30 de outubro de 2018 
  98. «2012 Winners». Consultado em 25 de maio de 2013 
  99. «2012 IGN Best TV Hero». IGN. Consultado em 15 de Julho de 2015 
  100. «2013 People's Choice Awards: Winners and Nominees». Peope's Choice. Consultado em 15 de Julho de 2015 
  101. «Leo Awards Past Winners 2013». LeoAwards.com. Consultado em 15 de Fevereiro de 2015 
  102. «Leo Awards 2013 Nominees». LeoAwards.com. Consultado em 15 de Fevereiro de 2015 
  103. «The 39th Saturn Award Nominations». Consultado em 25 de Maio de 2013 
  104. «TC News». Consultado em 25 de Maio de 2013 
  105. «The 56th Canadian Society of Cinematography Awards». Consultado em 26 de Março de 2013 
  106. «The 40th People's Choice Awards». Consultado em 27 de Abril de 2014 
  107. «2014 Winners». Consultado em 12 de Maio de 2014 
  108. «The 40th Saturn Award Nominations». Variety. Consultado em 27 de Abril de 2014 
  109. «2014 Nominations». Leo Awards. Consultado em 27 de Abril de 2014 
  110. «Nominations». Constellation Awards. Consultado em 12 de Maio de 2014 
  111. «FIRST WAVE OF "TEEN CHOICE 2014" NOMINEES ANNOUNCED». Teen Choice Awards. 18 de Junho de 2014. Consultado em 18 de Junho de 2014 
  112. «YHA Nominees list». Young Hollywood Awards. 28 de Junho de 2014. Consultado em 30 de Junho de 2014 
  113. «2015 Saturn Awards: Captain America: Winter Soldier, Walking Dead lead nominees». Entertainment Weekly. Consultado em 22 de Maio de 2015 
  114. «2015 Nominees». Leo Awards. Consultado em 14 de Junho de 2015 
  115. «Teen Choice Awards». Teen Choice Awards. 9 de Junho de 2015. Consultado em 9 de Junho de 2015 
  116. «PRISM Awards». Consultado em 16 de Julho de 2015 
  117. «2016 Winners and highlights». CBS News. 6 de Janeiro de 2016. Consultado em 7 de Janeiro de 2016 
  118. «The 42nd Annual Saturn Awards nominations are announced for 2016!». Saturn Awards. 24 de Fevereiro de 2016. Consultado em 4 de Março de 2016 
  119. «People's Choice Awards Nominees 2017 — Full List». Deadline. 15 de Novembro de 2016. Consultado em 15 de Novembro de 2016 
  120. McNary, Dave (2 de Março de 2017). «Saturn Awards Nominations 2017: 'Rogue One,' 'Walking Dead' Lead». Variety. Consultado em 2 de Março de 2017 
  121. «Get Out Leads the Nominations for MTV's First Ever Movie & TV Awards». PEOPLE.com. 6 de Abril de 2017. Consultado em 8 de Abril de 2017 
  122. «Leo Awards, Nominees by Name 2017». www.leoawards.com. Consultado em 2 de Maio de 2017. Arquivado do original em 27 de maio de 2017 
  123. «Teen Choice Awards 2017 Reveal Second Wave of Nominations». E! News (em inglês). Consultado em 12 de julho de 2017 
  124. «2018 People's Choice Awards: Complete List of Nominations». E! News. 5 de setembro de 2018. Consultado em 5 de setembro de 2018 
  125. McNary, Dave (15 de março de 2018). «'Black Panther,' 'Walking Dead' Rule Saturn Awards Nominations». Variety. Consultado em 15 de março de 2018. Cópia arquivada em 15 de março de 2018 
  126. Weatherby, Taylor (13 de junho de 2018). «Taylor Swift, Drake, Cardi B & More Among Teen Choice Awards 2018 Nominees: See the Full List». "Billboard". Consultado em 14 de junho de 2018 
  127. Andreeva, Nellie (30 de julho de 2013). «CW Eyes 'Flash' Series With 'Arrow's Greg Berlanti, Andrew Kreisberg & David Nutter». Deadline Hollywood. Consultado em 11 de dezembro de 2019 
  128. Goldberg, Lesley (30 de julho de 2013). «'Flash' Writers Preview the CW's Newest Superhero». The Hollywood Reporter. Consultado em 11 de dezembro de 2019 
  129. Andreeva, Nellie (18 de novembro de 2013). «CW's 'The Flash' To Do Stand-Alone Pilot Instead Of 'Arrow' Backdoor Pilot Episode». Deadline Hollywood. Consultado em 11 de dezembro de 2019 
  130. Nguyen, Hanh (11 de janeiro de 2015). «The CW Renews Supernatural and 7 More — But Where's Beauty and the Beast?». TV Guide. Consultado em 11 de dezembro de 2019 
  131. «DC Comics' Vixen Coming To CW Seed». KSiteTV. 11 de janeiro de 2015. Consultado em 11 de dezembro de 2019 
  132. Andreeva, Nellie (26 de fevereiro de 2015). «Arrow/Flash Superhero Team-Up Spinoff In Works At CW; Brandon Routh, Victor Garber, Wentworth Miller, Caity Lotz Star». Deadline Hollywood. Consultado em 11 de dezembro de 2019 
  133. Andreeva, Nellie (16 de março de 2015). «Dominic Purcell Joins Arrow/Flash Spinoff». Deadline Hollywood. Consultado em 11 de dezembro de 2019 
  134. Kondolojy, Amanda (7 de maio de 2015). «'DC's Legends of Tomorrow', 'Crazy Ex-Girlfriend' & 'Cordon' Ordered to Series by The CW». TV by the Numbers. Consultado em 11 de dezembro de 2019 
  135. Burlingame, Russ (23 de outubro de 2016). «Marc Guggenheim Reveals the Title Of Arrow's 100th Episode». ComicBook.com. Consultado em 11 de dezembro de 2019 
  136. «Arrow, The Flash, Supergirl, Legends to unite for 'Crisis on Earth-X' crossover». Entertainment Weekly. 22 de setembro de 2017 
  137. Mitovitch, Matt Webb (26 de setembro 2018). «Arrowverse Crossover Theme Is 'Elseworlds,' Casts Multiverse Observer». TVLine. Consultado em 11 de dezembro de 2019 
  138. Mitovich, Matt Webb (11 de dezembro de 2018). «Arrowverse Crossover Title for Fall 2019 (!) Is Revealed — And It Is a Doozy». TV Line. Consultado em 11 de dezembro de 2019 
  139. «The CW Plots Another 'Arrow' Spinoff As It Moves Into Next Phase Of DC Comics World – TCA». Deadline Hollywood. 4 de agosto de 2019 
  140. Porter, Rick; Goldberg, Lesley (4 de setembro de 2019). «'Arrow': Female-Led Spinoff in the Works at The CW». The Hollywood Reporter. Consultado em 24 de setembro de 2019 
  141. Damore, Meagan (21 de outubro de 2019). «Green Arrow & the Canaries Pilot Announces Start of Filming with Video». CBR.com. Consultado em 11 de dezembro de 2019 
  142. Goldberg, Lesley (11 de agosto de 2015). «Matt Ryan to Reprise 'Constantine' Role on The CW's 'Arrow'». The Hollywood Reporter. Consultado em 11 de dezembro de 2019 
  143. a b Holbrook, Damian (11 de agosto de 2015). «Constantine's Matt Ryan Conjures Up Magical Return on Arrow». TV Insider. Consultado em 11 de dezembro de 2019 
  144. White, Brett (12 de agosto de 2015). «Constantine's "Arrow" Appearance Tied to White Canary's Return». Comic Book Resources. Consultado em 11 de dezembro de 2019 
  145. Perry, Spencer (14 de setembro de 2015). «Marc Guggenheim on The Infinite Adventures of Jonas Quantum, Constantine on Arrow». SuperheroHype!. Consultado em 11 de dezembro de 2019 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]