Drawing Restraint 9

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
The Music from Drawing Restraint 9
Trilha sonora de Björk
Lançamento Reino Unido 25 de Julho de 2005
Estados Unidos 23 de Agosto de 2005
Gravação Woods Road Studio, New York; Looking Glass, New York; Greenhouse Studios, Reykjavik; Bi-Coastal Music, New York; Olympic Studios, London; e Victor Aoyama Studio, Tokyo - 2004
Gênero(s) Música Japonesa
Duração 52:03 (Versão Original)
72:00 (Outras Versões)
Idioma(s) Japonês, Inglês
Gravadora(s) One Little Indian
Produção Björk, Mark Bell, Valgeir Sigurðsson
Cronologia de Björk
Último
Army of Me: Remixes and Covers
(2005)
(____surrounded):
(2006)
Próximo

The Music from Drawing Restraint 9 é uma trilha sonora do filme Drawing Restraint 9 produzido por Matthew Barney, baseada em língua japonesa da cantora islandesa Björk.

Informações do álbum[editar | editar código-fonte]

Produzido e gravado em 2004, Drawing Restraint 9, é a trilha sonora do filme intitulado pelo mesmo nome.

Björk viaja para o Japão para ambos os projetos tanto como o filme e a trilha sonora, submeteu a diversas pesquisas sobre intrumentos musicais e principalmente a cultura Japonesa. Muitas faixas foram tiradas de um instrumento chamado Shō.

O álbum foi relançado em 2006 no formato DualDisc, contendo mixes em DTS 96/24 5.1-channel surround sound e mais a faixa bônus "Petrolatum". O disco também faz parte do box (____surrounded):.

Críticas profissionais
Avaliações da crítica
Fonte Avaliação
allmusic 4 de 5 estrelas. [1]
The Guardian 4 de 5 estrelas. [2]
Symbol unlikely.svg Esta tabela precisa de ser acompanhada por texto em prosa. Consulte o guia.

Faixas[editar | editar código-fonte]

Todas as músicas escritas por Björk, exceto onde anotado.

Edição Original[editar | editar código-fonte]

  1. "Gratitude" (Barney, Björk) – 4:59
  2. "Pearl" – 3:43
  3. "Ambergris March" – 3:57
  4. "Bath" (Björk, Akira Rabelais) – 5:07
  5. "Hunter Vessel" – 6:36
  6. "Shimenawa" – 2:48
  7. "Vessel Shimenawa" – 1:54
  8. "Storm" (Björk, Leila) – 5:32
  9. "Holographic Entrypoint" (Barney) – 9:57
  10. "Cetacea" (Barney, Björk) – 3:12
  11. "Antarctic Return" – 4:18

Edição DualDisc[editar | editar código-fonte]

  1. "Gratitude" (Barney, Björk) – 4:59
  2. "Petrolatum" – 6:10
  3. "Pearl" – 3:43
  4. "Ambergris March" – 3:57
  5. "Bath" (Björk, Akira Rabelais) – 5:07
  6. "Hunter Vessel" – 6:36
  7. "Shimenawa" – 2:48
  8. "Vessel Shimenawa" – 1:54
  9. "Storm" (Björk, Leila) – 5:32
  10. "Holographic Entrypoint" (Barney) – 9:57
  11. "Cetacea" (Barney, Björk) – 3:12
  12. "Antarctic Return" – 4:18

Do Filme[editar | editar código-fonte]

Segue a lista de todas as faixas encontradas no filme, conforme sua aparição cronologicamente.

  1. "Gratitude" (Barney, Björk) – 4:59
  2. "Petrolatum" – 6:10
  3. "Haf"
  4. "Pearl" – 3:43
  5. "Nisshin Maru" (Valgeir Sigurðsson) – 2:41
  6. "Host" (Mark Bell) – 5:50
  7. "Bath" (Björk, Akira Rabelais) – 5:07
  8. "Aposiopesis" (Akira Rabelais) – 5:16
  9. "Hunter Vessel" – 6:36
  10. "Shimenawa" – 2:48
  11. "Vessel Shimenawa" – 1:54
  12. "Repose" (Valgeir Sigurðsson)
  13. "Storm" (Björk, Leila) – 5:32
  14. "Holographic Entrypoint" (Barney) – 9:57
  15. "Ambergris March" – 3:57
  16. "Field Inversion"
  17. "Cetacea" (Barney, Björk) – 3:12
  18. "Antarctic Return" – 4:18

Créditos[editar | editar código-fonte]

  • Produzido por Björk
  • Gravação e Planejamento - Valgeir Sigurðsson
  • Mixagem - Paul “P-Dub” Walton
  • Tradução e Arranjos - Kuniyoshi Ueda Noh
  • Coordenação de Projeto - Clarice Jensen
  • Coordenação de Sessão para Mayumi Miyata - Yuji Arai
  • Preparação e Produção - Nico Muhly

Referências

Ligações externas[editar | editar código-fonte]


Ícone de esboço Este artigo sobre um álbum de Secret Garden é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.